Intelligence, Discovery, Science e Analytics: Transformando Dados em Ouro

  • Published on
    21-Jan-2018

  • View
    22

  • Download
    0

Transcript

1. Intelligence, Discovery, Science e Analytics: Transformando Dados em Ouro 2. Mauricio C. Purificao Consultor de Business Intelligence (BI), Data Discovery e Business Analytics, palestrante, instrutor das sutes Pentaho, QlikView e Qlik Sense; Lder Tcnico do Projeto de BI do Hospital Crdio Pulmonar da Bahia; Mestrando em Engenharia de Sistemas e Produtos (IFBA); MBA em Administrao/Gesto de Negcios - Universidade Salvador (UNIFACS); Bacharel em Cincia da Computao - Universidade Federal da Bahia (UFBA); Pesquisador nas reas de Business Intelligence, Business Analytics, Big Data, Minerao de Dados, Inteligncia Artificial e Modelos Preditivos. http://lattes.cnpq.br/3312807554334758 3. Por Qu Analisar Dados? "O sucesso das organizaes depende das pessoas e da utilizao inteligente da informao disponvel" Peter Drucker 4. Por Qu Analisar Dados? A cultura de mensurao, monitoramento e anlise de informaes para embasar a tomada de decises sempre foi uma das grandes aliadas dos gestores. 5. Por Qu Analisar Dados? 6. Por Qu Analisar Dados? 7. Business Intelligence BI o uso da informao que permite s organizaes melhor decidir, medir, gerir e otimizar o desempenho para ganhar eficincia e benefcio financeiro. Instituto Gartner 8. Business Intelligence BI um processo. Existem tcnicas, tecnologias e software para BI, mas BI um processo que envolve mtodos, tcnicas, tecnologias, pessoas, informaes, fontes de informaes, mtricas, ferramentas, etc. 9. Business Intelligence O objetivo do processo de BI ajudar pessoas e organizaes a encontrarem causas e no s apresentar informaes, como fazem sistemas gerenciais. A busca por causas passa por analisar dados, talvez grandes quantidades, procura de padres, modelos ou repeties. 10. Business Intelligence 11. BI 1.0 12. BI 2.0 13. BI 3.0 14. Self-Service BI O Self-service BI permite que os usurios de negcios (como executivos ou gestores) acessem vises a partir dos dados disponveis sem a assistncia de TI, ou uma equipe de analistas. Dentro dessa definio, h duas formas de self- service BI: Oferecer um software simples, relatrios padronizados e funes para manipular estes relatrios (Como um pivot). Oferecer um software mais robusto onde os usurios so capazes de criar cenrios hipotticos 15. Uma Nova Realidade 16. Uma Nova Realidade Volume de Dados no Mundo 17. Novos Padres de Armazenamento de Dados 2009 Redis Initial Release 2004 2006 2007 2008 2009 2011 2012 2013 2014 2007 MongoDB Started, Neo4J Initial Release 2004 Googles Map Reduce Paper Published 2012 Google Spanner Paper Published 1998 1998 NoSQL coined 2006 Hadoop Started 2008 Apache Hbase, Apache Cassandra 18. Big Data Big Data como sexo na adolescncia: todo mundo fala, ningum realmente sabe como fazer, todo mundo pensa que todo mundo est fazendo, ento todo mundo diz que est fazendo. Dan Ariely, Duke University 19. Big Data Big Data so dados que excedem o armazenamento, o processamento e a capacidade dos sistemas convencionais: Volume de dados muito grande Dados so gerados rapidamente Dados no se encaixam nas estruturas de arquiteturas de sistemas atuais Alm disso, para obter valor a partir desses dados, preciso mudar a forma de analis-los. 20. 3 Vs do Big Data 21. Oportunidades? 22. Big Data Analytics 23. Big Data Analytics 24. Data Science 25. Data Science 26. BI * Data Science 27. BI * Data Science 28. BI * Data Science 29. BI * Data Science 30. Novas Arquiteturas 31. DW * Data Lake 32. Duvidas? 33. Contatos mscesar@gmail.com http://slideshare.net/mscesar

Recommended

View more >