Plano de Curso de Filosofia - 2014

  • Published on
    08-Jul-2015

  • View
    1.302

  • Download
    2

DESCRIPTION

Plano de Ensino Anual Disciplina: Filosofia Srie: 1 ano do Ensino Mdio

Transcript

  • ESTADO DO MARANHO

    SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAO

    UNIDADE REGIONAL DE EDUCAO DE IMPERATRIZ

    CENTRO DE ENSINO URBANO ROCHA

    RUA MARANHO S/N FONE (99) 3525-3521

    PLANO DE ENSINO ANUAL

    Srie: 1 ano Turmas: A/B/C Turno: matutino Perodo: 2014 Disciplina: Filosofia Professora: Mary Alvarenga Coordenador pedaggico: Giselda

    N de aulas previstas: Anual 80 Bimestral 20 Semanal 02

    rea ou disciplinas envolvidas (para atividades interdisciplinares): Histria, Portugus e Artes

    OBJETIVOS GERAIS ( o que se espera ao final da etapa)

    Promover reflexo, dilogo e articulao entre o pensar e o agir.

    Articular conhecimentos da Filosofia com diferentes contedos e mtodos presentes nas cincias naturais e humanas.

    Possibilitar a autonomia do pensamento.

    Desenvolver o pensamento e a linguagem lgica.

    Descobrindo a filosofia

    1

    BIM

    ES

    TR

    E

    Captulo 1 - A experincia filosfica

    Como o pensar filosfico? A filosofia de vida Para que serve a filosofia Informao, conhecimento e

    sabedoria.

    possvel definir filosofia? Um filsofo

    Captulo 2 A conscincia mtica

    Dois relatos mticos O que mito? Os rituais Teorias sobre o mito O mito nas civilizaes antigas O mito hoje

    Captulo 3 O nascimento da filosofia

    Situando no tempo Uma nova ordem humana Os primeiros filsofos Mito e filosofia: continuidade e ruptura

  • Antropologia filosfica 2

    BIM

    ES

    TR

    E

    Captulo 4 Natureza e cultura

    Para comear O comportamento animal O agir humano: a cultura Uma nova sociedade A cultura como construo humana

    Captulo 5 linguagem e pensamento

    A linguagem do desenho O que uma linguagem? A linguagem verbal Funes da linguagem Linguagem, pensamento e cultura

    Captulo 6 Trabalho, alienao e consumo

    Trabalho como tortura A humanizao pelo trabalho cio e negcio Uma nova concepo do trabalho O trabalho como mercadoria: a alienao A era do olhar: a disciplina De olho no cronmetro Novos tempos na fbrica Da fbrica para o escritrio Consumo ou consumismo? Crtica a sociedade administrada Uma civilizao do lazer A sociedade ps-moderna: o hiperconsumo

    Captulo 7 Em busca da felicidade

    O que significa ser feliz? A experincia de ser Os tipos de amor Plato: Eros e a filosofia O corpo sob o olhar da cincia A inovao de Espinosa As teorias contemporneas Individualismo e narcisismo Felicidade e autonomia

  • tica 3

    BIM

    ES

    TR

    E

    Captulo 17 Entre o bem e o mal

    Uma histria real Os valores Moral e tica Carter histrico e social da moral A liberdade do sujeito moral Dever e liberdade A bssola e a balana tica aplicada Aprender a conviver

    Captulo 18 Ningum nasce moral

    Aprender a autonomia A teoria de Piaget A teoria de Kohlberg Pressupostos filosficos Pressupostos filosficos Pressupostos filosficos Outras tendncias A construo da personalidade moral

    Captulo 19 Podemos ser livres?

    Mito, tragdia e filosofia Somos livres ou determinados A liberdade incondicional e o livre-arbtrio O que determinismo? A fenomenologia: a liberdade situada tica e liberdade

    Captulo 20 Teorias ticas

    As diversidades das teorias A reflexo tica grega As concepes ticas medievais O pensamento moderno A moral iluminista O utilitarismo tico As iluses da conscincia A filosofia da existncia A tica contempornea: o desafio da linguagem

  • Esttica 4

    BIM

    ES

    TR

    E

    Captulo 33 Esttica: introduo conceitual

    Conceito e histrico do termo esttico O belo e o feio: a questo do gosto Atitudes A recepo esttica A compreenso pelos sentidos

    Captulo 34 Cultura e arte

    A cultura hip-hop Os sentidos da cultura As diferenas entre arte e cultura Arte e cultura

    Captulo 35 Arte como forma de pensamento

    Retrato de uma infncia Arte conhecimento intuitivo do mundo Funes da arte O conhecimento pela arte

    Captulo 36 A significao na arte

    A especializao da informao esttica A forma O contedo A educao em arte A importncia de saber ler uma imagem

    Temas transversais que posso incluir.

    tica, Sade, Meio Ambiente, Orientao Sexual e Pluralidade Cultural.

  • OBJETIVOS ESPECFICOS (o que espero da turma)

    Reconhecer a importncia do uso de diferentes linguagens para elaborar o pensamento e a expresso em processos reflexivos. Criticar a concepo de conhecimento cientifica como verdade absoluta. Identificar e realizar procedimentos de pesquisa, tais como: observao, entrevistas, elaborao, de roteiros para entrevistas e observao, registros,

    classificao e interpretaes.

    Reconhecer a relevncia da reflexo filosfica para a anlise dos temas que emergem dos problemas das sociedades contemporneas. Identificar marcas dos discursos filosfico, mitolgico e religioso. Ler textos filosficos de modo significativo. Ampliar gradativamente o alcance da leitura filosfica.

    Demonstrar que o papel da Filosofia construir um campo de conhecimento, de elaborao de concepes, de anlise do pensamento humano. Ler, de modo filosfico, textos de diferentes estruturas e registros. Desenvolver experincias de pensamento que o torne competente para uma leitura critica e criativa da realidade que nos cerca ao longo do tempo. Elaborar por escrito o que foi apropriado de modo reflexivo. Debater, tomando uma posio, defendendo-a argumentando e mudando de posio em face de argumentos mais conscientes. Compreender o conceito de filosofia e sua importncia na histria da humanidade. Diferenciar conscincia mtica da conscincia filosfica. Ampliar a viso a respeito do pensamento mtico. Avaliar a possvel contraposio entre mito e filosofia, entre mythos e logos, investigando, fundamentalmente, em que medida e sentidos esta contraposio

    pode ser legitimamente realizada.

    Discutir a possvel significao e valor de um mito. Refletir sobre o mundo de maneira autnoma a partir dos textos filosficos. Conhecer a origem da filosofia, sobre os filsofos pr-socrticos e a filosofia clssica. Distinguir o pensamento filosfico do senso comum, estabelecendo relaes com o seu cotidiano. Compreender e estimular a atitude filosfica. Analisar, refletir e interpretar textos filosficos. Aproximar os alunos da Filosofia apresentando uma proposta de diviso histrica dos perodos filosficos. Desenvolver autonomia na busca de informao.

    Incentivar as aulas atravs do uso do laboratrio de informtica

    Pesquisar um tema utilizando fontes variadas.

    Ler, compreender um texto didtico e extrair informaes a respeito de questes especifica.

    Organizar e comunicar ideias oralmente e por meio de textos escritos.

  • METODOLOGIA (como deve ser ensinado)

    Aulas expositivas e dialogadas.

    Leitura: indicao de algumas leituras para ampliao da abordagem dos temas.

    Pesquisas: para reflexo e debates sobre fatos histricos e correntes de pensamento.

    Vocabulrio: significado de conceitos chaves.

    Painis em equipes: apresentao de painis a partir das pesquisas vinculadas a avaliao.

    Leitura, interpretao e produo de textos.

    Estudo dirigido e exerccios em sala de aula.

    Atividades de trabalhos em grupo.

    Apresentao de trabalhos individuais e coletivos.

    Seminrios

    AVALIAO (o que dever ser avaliado)

    A avaliao ser contnua e levar em considerao todas as atividades desenvolvidas pelo aluno, tais como: a compreenso, anlise, senso crtico,

    atividades propostas, interesse, o desenvolvimento do aluno, assiduidade, organizao das atividades, testes, presena e participao em aula.

    EXECUO DE PROJETOS (sala de aula, de informtica, ptio da escola, etc...)

    Projetos didtico

    1. Educao Para as Relaes de Gnero 2. Orientao sexual 3. Educao Fiscal 4. Educao em Direitos Humanos.

  • RECURSOS (o que vou utilizar)

    Livro didtico Data show Quadro

    Textos diversos

    TV/DVD

    Cartazes

    Letras de msica e poemas

    Revistas

    Computador

    Internet

    Tablet

    Notebook

    Pen drive

    Cmera digital Revista Mundo Jovem Papel A4, cartolinas, papel 40 e papel madeira

    Tesoura, revistas, cola e gravuras

    BIBLIOGRAFIA CONSULTADA

    ARANHA, Maria Lcia de Arruda

    Filosofando: Introduo Filosofia / Maria Lcia de Arruda Aranha, Maria Helena Pires Martins.- 4.ed.- So Paulo : Moderna, 2009.

    CHAUI, Marilena Novo Ensino Mdio Filosofia. So Paulo: tica, 2004

    Revista Mundo Jovem: um jornal de ideias. Porto Alegre UCBC

    Internet

    Observaes: