O QUE H DE NOVO NO RED HAT ENTERPRISE LINUX 7 ... documentao1 no Red Hat ... o Red Hat Enterprise

  • Published on
    20-Jan-2019

  • View
    212

  • Download
    0

Transcript

br.redhat.com facebook.com/redhatinc @redhatnews linkedin.com/company/red-hat SAIBA MAIS SOBRE O RED HAT ENTERPRISE LINUX 7Baixe o Red Hat Enterprise Linux 7 e acesse a documentao1 no Red Hat Customer Portal. INTRODUOO mais recente lanamento da Red Hat de sua principal plataforma fornece melhorias significativas em confiabilidade, desempenho e escalabilidade. Uma variedade de novos recursos fornece ao arquiteto, ao administrador de sistema e ao desenvolvedor os recursos necessrios para inovar e gerenciar com mais eficincia.Arquitetos: O Red Hat Enterprise Linux 7 est pronto para quaisquer escolhas de infraestrutura que vocs fizerem, integrando-se de maneira eficiente a outros sistemas de ambiente operacional, autenticao e sistemas de gerenciamento. Se o seu objetivo principal o de construir aplicativos com uso intenso de rede, repositrios de dados altamente escalveis ou uma soluo implantada com frequncia que funcione bem em ambientes fsicos, virtuais e de nuvem, o Red Hat Enterprise Linux 7 tem funcionalidade para dar suporte ao seu projeto.Administradores do sistema: O Red Hat Enterprise Linux 7 tem novos recursos que os ajudam no seu trabalho. Voc ter uma melhor viso sobre o que o sistema est fazendo e mais controles para otimiz-lo, com ferramentas de gerenciamento unificadas e gerenciamento de recursos em todo o sistema que reduz o fardo administrativo. Isolamento baseado em continer e ferramentas aprimoradas de desempenho permitem que voc veja e ajuste a alocao de recursos para cada aplicativo. E, claro, h melhorias contnuas escalabilidade, confiabilidade e segurana.Desenvolvedores e Dev-Ops: O Red Hat Enterprise Linux 7 tem mais do que somente funcionalidade de sistema operacional; ele fornece uma rica infraestrutura de aplicativos com mecanismos integrados para segurana, gerenciamento de identidade, alocao de recursos e otimizao de desempenho. Alm de comportamentos padro bem definidos, voc pode aproveitar os controles para recursos de aplicativo para que no deixe o desempenho ao acaso. O Red Hat Enterprise Linux 7 inclui as ltimas verses estveis das mais procuradas linguagens de programao, bancos de dados e ambientes de tempo de execuo. CONTINERES LINUXOs contineres Linux surgiram como uma essencial tecnologia de pacote e fornecimento de aplicativos open source, combinando isolamento leve de aplicativos com a flexibilidade de mtodos de implantao baseados em imagem. Os desenvolvedores rapidamente adotaram os contineres Linux, pois eles simplificam e aceleram a implantao de aplicativos, e muitas plataformas como servio (PaaS) so criadas com a tecnologia de continer Linux, incluindo o OpenShift da Red Hat. O Red Hat Enterprise Linux 7 implementa os contineres Linux usando tecnologias essenciais como grupos de controle (cGroups) para gerenciamento de recursos, espaos de nome para isolamento de processo e SELinux para segurana, possibilitando a capacidade para mltiplos usurios e reduzindo o potencial de brechas de segurana. A certificao de continer da Red Hat garante que os contineres de aplicativos criados usando o Red Hat Enterprise Linux funcionaro perfeitamente em hosts de contineres certificados. 1 https://access.redhat.com/site/documentation/Red_Hat_Enterprise_Linux/O QUE H DE NOVO NO RED HAT ENTERPRISE LINUX 7VISO GERAL DA TECNOLOGIA2br.redhat.com VISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7GERENCIAMENTO DE IDENTIFICAESCONFIANA ENTRE DOMNIOS DO KERBEROSO gerenciamento de identidade no Red Hat Enterprise Linux agora pode estabelecer confiana entre domnios com o Microsoft Active Directory. A sincronizao entre os dois repositrios de identidade no necessria. Esse novo recurso possibilita que os usurios com credenciais do Active Directory acessem recursos do Linux sem necessidade de autenticao digital adicional, para que haja uma funcionalidade de sign-on nico em domnios do Microsoft Windows e do Linux.REALMDO Realmd descobre informaes sobre o domnio automaticamente e simplifica a configurao necessria para juntar-se a ela. O Realmd funciona com o gerenciamento de identidade do Microsoft Active Directory e Red Hat Enterprise Linux. GERENCIAMENTO DE DESEMPENHOPERFORMANCE CO-PILOTO Performance Co-Pilot um novo framework para monitoramento de desempenho em todo o sistema que fornece um API para importao e exportao de dados amostrados e rastreados. Ele tambm inclui ferramentas para investigar, recuperar e processar os dados coletados. O Performance Co-Pilot pode transmitir esses dados pela rede e se integrar a subsistemas como rsyslog, sar/sysstat e systemd. Ele fornece uma interface de usurio grfica comum para navegao de todos os dados coletados, alm de interfaces de texto interativas. TUNED E PERFIS TUNEDO Tuned um daemon de ajuste de sistema adaptativo que ajusta as configuraes do sistema de maneira dinmica conforme a utilizao. O Red Hat Enterprise 7 inclui diversos perfis padro ajustados, permitindo que os administradores possam se beneficiar de um melhor desempenho e gerenciamento de energia para cargas de trabalho comuns com poucos ajustes. Por padro, o perfil ajustado selecionado baseado na variao do produto do Red Hat Enterprise Linux, embora os administradores possam alterar o perfil para abordar casos de uso especficos.TUNAO Red Hat Enterprise Linux 7 aprimora o Tuna alm das capacidades de monitoramento de processo com suporte adicional para ajuste de parmetros do kernel, juntamente com personalizao e gerenciamento de perfil. O Tuna tem uma interface de usurio grfica unificada e fcil de usar para ajuste e monitoramento de desempenho do sistema e gerenciamento do perfil ajustado. Ele ajuda os clientes a obterem o melhor desempenho de seus sistemas usando um balanceamento de carga e monitoramento pr-ativo para eliminar dificuldades, prevenir problemas de desempenho e evitar potenciais chamadas de servio.A ARQUITETURA DO CONTINER LINUX NO RED HAT ENTERPRISE LINUX 7 ABRANGE QUATRO REAS TECNOLGICAS: Isolamento de processo Namespaces Gesto de recursos Cgroups Segurana SELinux Gesto Ferramentas/CLI, Docker3br.redhat.com VISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7AFINIDADE AO NUMAUma vez que cada vez mais sistemas, mesmo de nvel baixo, apresentam topologias de acesso de memria no uniforme (NUMA), o Red Hat Enterprise Linux 7 aborda a irregularidade de desempenho que tais sistemas apresentam. Um novo mecanismo de afinidade ao NUMA baseado no kernel automatiza a otimizao de memria e do programador. Ele tenta fazer a correspondncia entre processos que consomem recursos significativos com a memria disponvel e recursos de CPU a fim de reduzir o trfego entre ns. O alinhamento melhorado de recursos de NUMA aprimora o desempenho para aplicativos e mquinas virtuais, especialmente ao executar cargas de trabalho intensivas de memria.MECANISMO DE RELATO DE EVENTOS DE HARDWAREO Red Hat Enterprise Linux 7 unifica os relatos de eventos de hardware em um nico mecanismo de relato. Ao invs de vrias ferramentas coletando erros de diferentes fontes com diferentes timestamps, um novo mecanismo de relato de eventos de hardware (HERM) facilitar a correlao de eventos e a obteno de uma imagem precisa do comportamento do sistema. O HERM relata os eventos em um nico local e em uma linha do tempo sequencial. O HERM usa um novo daemon de espao de usurio, rasdaemon, para coletar e registrar todos os eventos de RAS que vm da infraestrutura de rastreamento do kernel.A VIRTUALIZAOINTEGRAO DE GUEST AO VMWAREO Red Hat Enterprise Linux 7 avana o nvel de integrao e usabilidade entre o guest do Red Hat Enterprise Linux e o VMware vSphere. A integrao agora inclui: Ferramentas de VM aberta utilitrios agrupados de virtualizao de open source. Os drivers de grficos 3D para renderizao acelerada por hardware do OpenGL e X11. Mecanismos de comunicao rpida entre o VMware ESX e a mquina virtual.Combinados, esses complementos fornecem um rico ambiente de alto desempenho para a mquina virtual do Red Hat Enterprise Linux rodando no VMware.SUPORTE CRIPTOGRAFIAAs capacidades de virtualizao baseadas no KVM atendem a novos requisitos de segurana criptogrfica do governo americano e do RU adicionando o driver paravirtualizado (virtio-rng) para fornecer a capacidade do host de alimentar entropia mquina virtual. Aliviando a falta de entropia em guests, os aplicativos criptogrficos sendo executados no guest so mais eficazes. Esse recurso especialmente importante para clientes altamente preocupados com segurana, como governos federais, mercadores online, instituies financeiras e fornecedores de servios de proteo. ATRIBUIO DE DISPOSITIVOS DE E/S DE FUNO VIRTUALA interface do driver de espao do usurio de E/S de funo virtual (VFIO) aprimora a atribuio de dispositivos PCI para KVM. O VFIO impe o isolamento de dispositivo, aprimora a segurana de acesso ao mesmo e compatvel com recursos como inicializao segura. Por exemplo, o Red Hat Enterprise Linux 7 utiliza o framework do VFIO para atribuio de dispositivo de unidade de processamento grfico (GPU). Observe que o VFIO substitui o mecanismo de atribuio de dispositivo KVM usado no Red Hat Enterprise Linux 6.4br.redhat.com VISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7DESENVOLVIMENTOOPENJDKO Red Hat Enterprise Linux 7 inclui o OpenJDK 7 como o ambiente padro de desenvolvimento e tempo de execuo do JavaTM. O OpenJDK 7 a mais recente verso estvel do Java disponvel publicamente. Ele oferece mais estabilidade, melhor desempenho, melhor suporte a linguagens dinmicas e tempos de inicializao mais rpidos.Todos os 7 pacotes do Java (java-1.7.0-openjdk, java-1.7.0-ibm) no Red Hat Enterprise Linux 7 permitem que voc instale mltiplas verses em paralelo, similar ao kernel. A instalao em paralelo faz com que seja mais simples de experimentar vrias verses da mesma JDK simultaneamente, a fim de ajustar o desempenho e depurar problemas, caso necessrio.INSTALAO E IMPLANTAOATUALIZAO NO LOCALO Red Hat Enterprise Linux 7 oferece suporte que simplifica a tarefa de realizar atualizaes no local. Um pacote de assistente pr-atualizao fornecido no Red Hat Enterprise Linux 6.5 zstream, que relata o que pode ser atualizado no local e o que ter que ser feito manualmente. O relatrio descreve os problemas e links para os artigos da base de conhecimento disponvel no Red Hat Customer Portal. O relatrio inclui informaes sobre arquivos de configurao que sero modificados e identifica arquivos de configurao existentes modificados pelo usurio, recomendando que alguns sejam verificados manualmente. Nesse momento, o administrador pode decidir se o resultado final de uma atualizao no local suficiente para suas necessidades. Ao executar a atualizao no local, o administrador pode inspecionar os resultados finais e decidir concluir a atualizao.O PARTICIONAMENTO ENTRA EM REVERSO COMO PADROA capacidade de reverter para uma configurao de sistema boa e conhecida crucial em um ambiente de produo. Usando snapshots LVM com ext4 e XFS (ou o recurso de snapshot integrado no Btrfs descrito na seo "Snapper"), um administrador pode capturar o estado de um sistema e preserv-lo para uso futuro. Um exemplo de uso seria uma atualizao no local que no apresenta um resultado desejado e um administrador que quer restaurar a configurao original.KICKSTART ANACONDA PARA INTEGRAO AO ACTIVE DIRECTORYUm administrador de sistema agora pode criar arquivos de instalao de kickstart que no exigem credenciais administrativas. O sistema instalado pode, ento, juntar-se a um domnio do Active Directory com uma senha de uso nico. Esse novo recurso elimina a necessidade de escrever e manter grandes blocos de cdigo interdependente em dois domnios.CRIAR MEIOS DE INSTALAOO Red Hat Enterprise Linux 7 apresenta o Live Media Creator para criar meios de instalao personalizados de um arquivo kickstart para uma variedade de casos de uso de implantao. Em seguida, os meios podem ser usados para implantar imagens padronizadas em desktops empresariais e servidores padronizados, mquinas virtuais ou implantaes em hiperescala. O Live Media Creator, especialmente quando usado com modelos, fornece uma maneira de controlar e gerenciar as configuraes em toda a empresa.MODELOS DE PERFIL DO SERVIDOROs recursos do Red Hat Enterprise Linux 7 possuem a capacidade de usar modelos de instalao para criar servidores para cargas de trabalho comuns. Esses modelos podem simplificar e acelerar a criao e implantao dos servidores do Red Hat Enterprise Linux, mesmo para aqueles com nenhuma ou pouca experincia com Linux.MODELOS SIMPLI-FICAM A IMPLANTAO DE VRIOS TIPOS DE SERVIDORES: PHP Java web banco de dados5br.redhat.com VISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7DESKTOPO Red Hat Enterprise Linux 7 inclui trs desktops para combinar com diferentes estilos de trabalho e preferncias: O GNOME 3, GNOME Classic, e o KDE.O GNOME 3 fornece um ambiente de trabalho focado que incentiva produtividade. Uma poderosa funcionalidade de pesquisa lhe permite acessar todo o seu trabalho a partir de um nico lugar. Janelas lado-a-lado facilitam a visualizao de vrios documentos ao mesmo tempo e voc pode desativar as notificaes quando precisa se concentrar na tarefa em mos.Cada parte do GNOME 3 foi projetada com simplicidade e facilidade de uso em mente. A viso geral das atividades fornece uma maneira fcil de acessar todas as suas tarefas bsicas. O pressionar de um boto tudo o que voc precisa para ver as janelas abertas, iniciar aplicativos ou verificar se h novas mensagensO GNOME 3 e O GNOME Classic se integram bem a servios de armazenamento de documentos online, calendrios e listas de contato, para que todos os seus dados possam ser acessados do mesmo lugar.O GNOME Classic combina o antigo e o novo; ele mantm a aparncia familiar do GNOME 2, mas acrescenta os novos e potentes recursos e capacidades 3-D do GNOME Shell.Alm do GNOME 3 e GNOME Classic, o Red Hat Enterprise Linux 7 oferece a verso estvel mais recente do popular desktop KDE.GERENCIAMENTOGERENCIAMENTO DO SISTEMAO Red Hat Enterprise Linux 7 inclui o systemd, um gerenciador de sistema e de servios. Ele combina compatibilidade para a maioria dos scripts de inicializao SysV e LSB, bem como os seguintes novos recursos: Fornece recursos agressivos de paralelizao. Usa soquete e ativao de D-Bus para iniciar os servios. Oferece inicializao de daemons conforme a necessidade. Mantm o controle de processos usando cgroups do Linux. Tem suporte para criao de snapshots e restaurao do estado do sistema. Mantm pontos de montagem e montagem automtica. Implementao lgica transacional e refinada de controle de servios com base em dependncia.OPENLMIO projeto OpenLMI fornece uma infraestrutura comum para o gerenciamento remoto de sistemas Linux. Os recursos incluem configurao, gerenciamento e monitoramento de hardware, sistemas operacionais e servios do sistema. O OpenLMI inclui um conjunto de servios que podem ser acessados tanto localmente como remotamente, mltiplas vinculaes de linguagem, APIs e interfaces de script padro. Ele permite que os administradores de sistema gerenciem 85% das organizaes de TI pesquisadas acharam fcil usar o novo desktop no Red Hat Enterprise Linux 7.2O GNOME Classic combina uma aparncia familiar com novos e potentes recursos e capacidades 3-D. 2 Pesquisa com 308 usurios do Red Hat Enterprise Linux 7 beta, www.techvalidate.com/product-research/red-hat-enterprise-linux6br.redhat.com VISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7mais sistemas, automatizem as operaes de gerenciamento e controlem servidores fsicos e virtuais. A interface de ferramenta padronizada diminui a curva de aprendizado para os novos administradores e as APIs padro facilitam a criao de ferramentas personalizadas.Os recursos de gerenciamento de armazenamento simplificam a configurao e o gerenciamento de armazenamento, especialmente em sistemas com mltiplas unidades. Um problema tradicional em sistemas Linux que rtulos de volume podem mudar quando o hardware reconfigurado. O OpenLMI evita esse problema, permitindo que voc aborde os volumes por rtulo, UUID, ou ID do dispositivo. A combinao de uma API padronizada e nomes persistentes de dispositivos torna mais fcil manter o armazenamento consistente, mesmo quando o hardware e o software mudam.O OpenLMI permite gerenciamento remoto de rede fornecendo uma API padronizada para consultar e configurar o hardware de rede. Alm da configurao padro da rede, ele suporta configurao de ponte e vinculao de rede e fornece notificao de mudanas na configurao.O administrador do sistema pode usar o OpenLMI Software Provider para adicionar ou remover remotamente os servios, e o Service Provider para determinar o estado (iniciado, ligado, parado, em falha), ativar, iniciar ou reiniciar o servio. SISTEMAS DE ARQUIVO O Red Hat Enterprise Linux inclui agora XFS como sistema de arquivos padro, proporcionando melhorias na escalabilidade e escolha adicional de sistema de arquivo. Anteriormente, o XFS estava disponvel apenas com o Complemento de sistema de arquivos escalonvel. O XFS tem suporte a sistemas de arquivos de at 500TB. O Ext4 tem suporte a sistemas de arquivos de 50TB, a partir de 16TB. O Btrfs um sistema de arquivos relativamente jovem especialmente til para casos de uso locais e de grande escala. O Btrfs inclui gerenciamento de volume bsico, suporte para snapshots, checksum completo de integridade de dados e metadados, e uma interface de linha de comando que torna esses recursos avanados mais fceis de usar do que em outros sistemas de arquivos de grande escala. O Btrfs est disponvel como um Technology Preview. O Ext4 tem suporte a um sistema de arquivos de 50TB, a partir de 16TB. O sistema de arquivos de rede CIFS com atualizaes de protocolo do bloco de mensagens do servidor (SMB) ir fornecer melhor desempenho, segurana e mais recursos do que havia disponvel em protocolos anteriores. Os comandos do GFS2 agora lidam com mais preciso com o alinhamento de listras RAID e colocao de elementos crticos, tais como dirios e grupos de recursos. Isso aumenta a escalabilidade e desempenho do GFS2 quando o sistema de arquivos est sendo criado e usado.7br.redhat.com VISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7ARMAZENAMENTOALVOS DE ISCSI E FCOEO Red Hat Enterprise Linux 7 inclui uma nova implementao de software dos alvos de iSCSI (modo RFC-3720) e Fibre Channel over Ethernet (FCoE) no kernel, em oposio implementao anterior de espao do usurio. Essa nova implementao refora a capacidade de substituir caras matrizes de armazenamento compartilhadas com aplicaes de armazenamento baseado no Linux criadas em hardware de base.DETECO DINMICA DO LUNAs unidades lgicas (LUN) agora podem ser dinamicamente reconhecidas pelo sistema operacional sem interveno manual, resultando em menos reincios e menos tempo de inatividade.SNAPPERO Snapper um novo utilitrio que cria, exclui, rotula e organiza snapshots de sistemas de arquivos Btrfs e volumes lgicos LVM. As informaes e ferramentas adicionais do aos administradores de sistema mais controle sobre seu ambiente de backup.SEGURANAFIREWALL DINMICOO novo servio de firewall dinmico (firewalld) proporciona uma maior flexibilidade em relao aos tradicionais iptables Linux, permitindo a gesto unificada de conjuntos de regras do IPv4, Ipv6 e Ethernet Bridge. Ele permite que os administradores respondam rapidamente a novas ameaas ativando novas regras sem reinicializao, eliminando assim as interrupes de servios. Alm das capacidades de configurao dinmica, o firewalld suporta uma potente linguagem de regras que simplifica a configurao de firewall e inclui cerca de 50 configuraes pr-definidas para muitos servios de sistema usados frequentemente.REGISTRO ESTRUTURADOAs informaes armazenadas nos arquivos de log do sistema podem agora ser acessadas de uma forma estruturada, tornando as ferramentas de anlise automatizada mais potentes e eficazes. A estrutura padro do arquivo de log no mudada, garantindo que as ferramentas e processos existentes continuem a trabalhar sem exigir modificaes.SELINUX SOBRE NFSO NFS rotulado permite que os clientes aproveitem toda a potncia do SELinux e implantem ambientes mais seguros, incluindo diretrios pessoais seguros de mquina virtual armazenados nos servidores NFS. As imagens em um domnio de armazenamento do Red Hat Enterprise Virtualization podem ter rtulos atribudos convenientemente e emitidos pelo Red Hat Enterprise Virtualization Manager.Muitos tipos de ataques em um sistema podem ser evitados, fornecendo um controle refinado de quem pode acessar os recursos do sistema. A proteo SELinux agora est disponvel ao usar o NFS, simplificando o desenvolvimento de aplicativos seguros. O kernel Linux aprimorou o suporte para transferir rtulos do SELinux entre um cliente e um servidor usando o NFS.8br.redhat.com VISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7REDEINTERFACES DO NETWORKMANAGERDuas novas interfaces de usurio do NetworkManager agora esto disponveis no Red Hat Enterprise Linux 7 e so voltadas a administradores que preferem ou podem necessitar de acesso linha de comando para gerenciar conexes e servios de rede: O Nmcli usa uma interface de linha de comando para administrao de rede de sistemas locais, remotos e descentralizados. Ele tambm pode ser usado para propsitos de script de gerenciamento de rede. O Nmtui uma interface de usurio de texto acionada por menu e baseada em cursos criada para substituir a linha de comando "system-config-network-tui" (no Red Hat Enterprise Linux 6) e simplificar a definio de muitas configuraes de rede comuns, eliminando a necessidade de edio manual dos arquivos de configurao da interface de rede.SINCRONIZAO PRECISA DE TEMPOO Chrony uma implementao diferente do protocolo de tempo de rede (NTP) em comparao ao do daemon (ntpd) que capaz de sincronizar o relgio do sistema mais rpido e com maior preciso do que o ntpd. Observe que o ntpd ainda est incluso para clientes que precisam executar um servio de NTP.Os benefcios do Chrony incluem: Sincronizao mais veloz que requer somente minutos, ao invs de horas para minimizar os erros de tempo e frequncia, o que til em desktops ou sistemas que no funcionam 24 horas por dia. Resposta melhor para mudanas rpidas na frequncia de relgio, o que til para mquinas virtuais que tm relgios instveis ou tecnologias de economia de energia que no mantm a frequncia do relgio constante. Aps a sincronizao inicial, ele nunca adianta o relgio para no afetar os aplicativos que necessitam que o tempo do sistema seja monotnico. Melhor estabilidade ao lidar com atrasos assimtricos temporrios, por exemplo, quando o link saturado por um download grande. Pesquisa peridica de servidores no necessria, logo, os sistemas com conexes de rede intermitentes ainda podem sincronizar rapidamente os relgios. PRECISION TIME PROTOCOLO Red Hat Enterprise Linux 7 tem suporte norma IEEE 1588, Precision Time Protocol verso 2 (VPTP2), um mtodo para sincronizar com preciso relgios distribudos em uma rede Ethernet. Embora semelhante ao Network Time Protocol (NTP), uma das principais vantagens do PTP o suporte a hardware encontrado em diversas placas de interface de rede (NICs) e switches de rede. Quando usado em conjunto com o hardware apropriado, dispositivos habilitados e os drivers de rede, ele capaz de alcanar preciso do relgio na faixa de submicrossegundos, o que muito mais preciso do que o geralmente obtido com o NTP. Esse recurso especialmente importante para aplicativos em servios financeiros e indstrias relacionadas ao comrcio, na medida em que a latncia de aplicativos medida em microssegundos.O PTP SUPORTADO PARA USO COM OS SEGUINTES DRIVERS DE REDE: bnx2x e1000e igb ixgbe mlx4_en sfc tg39br.redhat.com VISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7AGREGAO DE LINKS TEAM DRIVERO projeto Team Driver novo para o Red Hat Enterprise 7 e fornece um mecanismo para vincular mltiplos dispositivos de rede (portas) a uma nica interface lgica na camada de link de dados (OSI Layer 2). Esse mecanismo utilizado normalmente para aumentar a largura de banda mxima e proporcionar redundncia de links.O Team Driver transfere a maior parte do trabalho e a lgica a um daemon de espao do usurio implementando somente as partes de acesso rpido aos dados no kernel. Essa abordagem fornece vrias vantagens em relao s vinculaes tradicionais, como mais estabilidade, depurao mais simples, alm facilitar a aplicao enquanto fornece desempenho igual ou melhor.MELHORIAS DO TCPVrias melhorias ao protocolo de controle de transmisso (TCP) tm como objetivo reduzir a latncia de aplicativos para servios orientados conexo, tais como servidores web criados no Red Hat Enterprise Linux. O Fast Open uma extenso experimental ao TCP criado para reduzir a sobrecarga ao estabelecer uma conexo do TCP eliminando um RTT (round time trip) de certos tipos de conversas do TCP. O Fast Open pode resultar em aumento da velocidade de entre 4% e 41% no tempo de carregamento de pginas para websites bastante acessados. O TLP (tail loss probe), um algoritmo experimental, melhora a eficincia de como o conjunto de rede TCP lida com pacotes perdidos no fim da transao de TCP. Para transaes curtas, O TLP pode reduzir os intervalos de retransmisso em 15% e reduzir os tempos de resposta em cerca de 6%. A retransmisso inicial (RFC 5827) usa retransmisses velozes para recuperar as perdas de segmentos que exigiriam um intervalo de retransmisso longo. As conexes podem se recuperar mais rapidamente de pacotes perdidos, diminuindo a latncia geral. A reduo de taxa proporcional (PRR) um algoritmo experimental criado para voltar taxa de transferncia mxima rapidamente. Ele tem o potencial de reduzir os tempos de resposta de HTTP em 3-10%.VELOCIDADE DE 40G ETHERNET LINKO Red Hat Enterprise Linux 7 tem suporte a velocidades de 40G Ethernet link no hardware apropriado, o que possibilita comunicao de rede mais veloz para sistemas e aplicativo.SOQUETES DE BAIXA LATNCIAOs soquetes de baixa latncia so uma implementao de software que reduz a latncia e jitter de rede dentro do kernel. Essa implementao faz com que seja fcil para aplicativos pesquisem novos pacotes diretamente no driver de rede que acelera os pacotes sendo transferidos ao pacote de rede. Os aplicativos que so sensveis latncia imprevisvel se beneficiam do mtodo de espera de cima para baixo que substitui as interrupes para os pacotes de entrada. 10br.redhat.com VISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7ALTA DISPONIBILIDADEGERENCIADOR DE RECURSOS DE CLUSTER APRIMORADOO gerenciamento de recursos de cluster foi aprimorado por meio de vrias adies: Os procedimentos administrativos simplificados reduzem a quantidade de esforo necessria para monitorar e gerenciar um cluster. O monitoramento refinado de cada componente no conjunto de cluster fornece mais conscientizao e controle sobre aplicativos sendo executados em ambientes de alta disponibilidade. Os recursos podem ter vrios estados associados a eles e podem ser gerenciados com base em programao ou manualmente. Um novo e importante recurso a capacidade de criar aes definidas pelo usurio. A clonagem de recursos permite que um nico comando seja replicado em mltiplos ns no cluster. Por exemplo, usando recursos clonados, emitir um nico comando pode fazer com que um sistema de arquivo GFS2 seja montado em todos os ns dentro do cluster. O novo gerenciador de recursos de cluster tem uma interface grfica e de linha de comando. O novo gerenciador de recursos fornece um nico ambiente para gerenciar clusters sendo executados no Red Hat Enterprise Linux 6 e 7.MECANISMO DE MONITORAMENTO DE MARCA-PASSOAs capacidades remotas do marca-passo agora se aplicam s mquinas virtuais dentro de um cluster. Agora, com o Red Hat Enterprise Linux 7, os usurios podem executar o marca-passo de dentro de uma mquina virtual e controlar os recursos e aplicativos que so executados em outras mquinas virtuais no cluster.Para obter informaes tcnicas mais detalhadas e instrues de como usar os recursos e as capacidades descritas neste documento, consulte a documentao do Red Hat Enterprise Linux 7.3 COMPLEMENTOSOs recursos anteriormente disponveis no complemento de rede de alto desempenho, de balanceamento de carga e do sistema de arquivos escalonveis foram includos na base do Red Hat Enterprise Linux Server. 3 https://access.redhat.com/site/documentation/Red_Hat_Enterprise_Linux/11br.redhat.com VISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7Copyright 2014 Red Hat, Inc. Red Hat, Red Hat Enterprise Linux, o logotipo Shadowman e JBoss so marcas registradas da Red Hat, Inc., nos EUA e em outros pases. Linux uma marca registrada da Linus Torvalds nos Estados Unidos e em outros pases.facebook.com/redhatinc @redhatnews linkedin.com/company/red-hat br.redhat.com #12030417_V4_0514SOBRE A RED HATA Red Hat fornecedora lder global de solues open source, utilizando uma abordagem movida pela comunidade para oferecer tecnologias em nuvem, virtualizao, armazenamento, Linux e de middleware confiveis e de alto desempenho. A Red Hat tambm oferece servios de suporte, treinamento e consultoria premiados. A Red Hat uma empresa S&P com mais de 70 escritrios por todo o mundo e tem o objetivo de capacitar os negcios de seus clientes.AMRICALATINA +54 11 4329 7300 latammktg@redhat.com BRASIL +55 11 3629 6000 marketing-br@redhat.comVISO GERAL DA TECNOLOGIA O que h de novo no Red Hat Enterprise Linux 7

Recommended

View more >