Matriz Bimestre 1 Ano(1)

  • Published on
    26-Nov-2015

  • View
    47

  • Download
    3

Transcript

  • ORGANIZAO MATRIZ CURRICULAR DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

    PORTUGUS: 1 ANO

    1 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    1. C

    OM

    PR

    EE

    NS

    O

    E V

    AL

    OR

    IZA

    O D

    A

    CU

    LT

    UR

    A E

    SC

    RIT

    A

    1.1- Conhecer, utilizar e valorizar os modos de produo e circulao da escrita na sociedade

    Compreenso de aes, valores, procedimentos e instrumentos que constituem o mundo letrado.

    Integrao e participao ativa na cultura escrita pela ampliao de convivncia e do conhecimento da lngua escrita.

    I / T / C

    1.2 - Conhecer os usos e funes sociais da escrita Finalidade e funes dos gneros textuais.

    Suporte textual

    Caractersticas dos gneros textuais (elementos comuns em todos os textos dos mesmo gnero)

    Tipos de linguagem, locutor e interlocutor.

    Formatao de gneros textuais diversos.

    I / T / C

    1.3 - Conhecer os usos da escrita na cultura escolar Apresentao, explorao e utilizao do suportes e instrumentos escolares de escrita e suas caractersticas materiais.

    I / T / C

    1.4 - Desenvolver as capacidades necessrias para uso da escrita no contexto escolar: 1.4.1 - Saber usar os objetos de escrita presente na cultura escolar.

    Observao, anlise e modo de utilizao dos instrumentos de escrita do cotidiano escolar.

    I / T / C

    1.4.2 - Desenvolver capacidades especficas para escrever. Disposio da escrita no papel.

    Utilizao de letra legvel.

    Utilizao dos diversos tipos de letra.

    I / T / C

    2. A

    PR

    OP

    RIA

    O D

    O S

    IST

    EM

    A D

    E

    ES

    CR

    ITA

    2.1 - Compreender diferenas entre a escrita alfabtica e outras formas grficas

    Identificao e diferenciao entre a escrita alfabtica e outras formas grficas: letras e desenhos; letras e rabiscos; letras e nmeros; letras e smbolos grficos (asteriscos, sinais matemticos, sinais de trnsito, etc.)

    I / T / C

    2.2 - Dominar convenes grficas:

    Orientao e alinhamento da escrita na lngua Portuguesa.

    Delimitao de palavras (espaos em branco) e frases (pontuao). I / T / C

    2.2.1- Compreender a orientao e o alinhamento da escrita da lngua portuguesa

    Regras de alinhamento e direo da escrita: de cima para baixo e da esquerda para a direita.

    I / T / C

    2.2.2- Compreender a funo de segmentao dos espaos em branco e da pontuao de final de frase

    Segmentao dos espaos em branco e da pontuao de final de frases. I / T / C

    2.4 Conhecer o alfabeto: Alfabeto (identificao das letras e reconhecimento da ordem alfabtica). Identificao de letras e de reconhecimento da ordem alfabtica.

    I / T

    2.4.1 - Compreender a categorizao grfica e funcional das letras

    Funo social da ordem alfabtica I / T

    2.4.2 - Conhecer e utilizar diferentes tipos de letra (de frma e cursiva)

    Tipos de letras.

    Traado dos diferentes tipos de letras.

    Reconhecimento dos diversos tipos de letra (de frma e cursiva).

    I / T

  • 2.5 - Compreender a natureza alfabtica do sistema de escrita Quantidade, variao e posio das letras nas determinadas palavras. I / T

    3. L

    EIT

    UR

    A

    3.1 Desenvolver atitudes e disposies favorveis leitura Comportamentos sociais prprios de leitor. Formao de um gosto esttico.

    Conhecimento e utilizao de espaos de leituras.

    I / T / C

    3.2- Desenvolver capacidades relativas ao cdigo escrita especificamente necessrias leitura: 3.2.1 Saber decodificar palavras e textos escritos.

    Relao entre grafemas (letra) e fonemas (som).

    Identificao de unidades fonolgicas. I

    3.2.2 Saber ler reconhecendo globalmente as palavras. Reconhecimento de palavras sem anlise de fonemas e slabas. I

    3.3 Desenvolver capacidades necessrias leitura com fluncia e compreenso

    Compreenso linear do texto.

    Produo de inferncia.

    Compreenso global.

    I / T / C

    3.3.1 Identificar a finalidade e funes da leitura, em funo reconhecimento do suporte, do gnero e da contextualizao do texto.

    Identificao: do gnero; finalidade; do suporte; Contextualizao do texto. I / T / C

    3.3.2 Antecipar contedos de textos a serem lidos em funo de seu suporte, seu gnero e sua contextualizao.

    Elaborao de hiptese;

    Identificao de suporte do gnero e funes;

    Identificao e compreenso do ttulo.

    I / T / C

    3.3.3 - Levantar e confirmar hiptese relativa ao contedo do texto que est sendo lido.

    Levantamento e confirmao de hipteses.

    Previses relativas ao texto baseadas em informaes, estilo do narrador ou personagem, insinuaes do autor, sinais de pontuao, interpelaes com outros textos ou situaes vivenciadas.

    I / T / C

    4.

    PRODUO ESCRITA

    4.1- Compreender e valorizar o uso da escrita com diferentes funes, em diferentes gneros

    Reconhecimento da utilizao da escrita na vida individual e coletiva;

    Reconhecimento sobre a finalidade/funo de textos de diferentes gneros. I / T / C

    5. O

    RA

    LID

    AD

    E

    5.1 - Participar das interaes cotidianas em sala de aula: escutando com ateno e compreenso. respondendo s questes propostas pelo professor. expondo opinies nos debates com os colegas e com

    o professor.

    Formas de participao adequadas para os espaos sociais pblicos.

    Participao em sala de aula.

    Regras de convivncia.

    Respeito mtuo

    I / T / C

    5.2- Respeitar a diversidade das formas de expresso oral manifesta por colegas, professores e funcionrios da escola, bem como por pessoas da comunidade extra-escolar.

    Atitudes e procedimentos ticos em relao a variedade lingstica: Prpria, que aprendeu com a famlia e contemporneos; Do colegas, que diferente da sua.

    I / T / C

    5.5 -Realizar com pertinncia tarefas cujo desenvolvimento dependa de escuta atenta e compreenso

    Ouvir com ateno e compreenso. I

  • PORTUGUS: 1 ANO

    2 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    1. C

    OM

    PR

    EE

    NS

    O

    E V

    AL

    OR

    IZA

    O D

    A

    CU

    LT

    UR

    A E

    SC

    RIT

    A

    1.1- Conhecer, utilizar e valorizar os modos de produo e circulao da escrita na sociedade

    Compreenso de aes, valores, procedimentos e instrumentos que constituem o mundo letrado.

    Integrao e participao ativa na cultura escrita pela ampliao de convivncia e do conhecimento da lngua escrita.

    I / T / C

    1.2 - Conhecer os usos e funes sociais da escrita Finalidade e funes dos gneros textuais.

    Suporte textual

    Caractersticas dos gneros textuais(elementos comuns em todos os textos dos mesmo gnero)

    Tipos de linguagem, locutor e interlocutor.

    Formatao de gneros textuais diversos.

    I / T / C

    1.3 - Conhecer os usos da escrita na cultura escolar Apresentao, explorao e utilizao do suportes e instrumentos escolares de escrita e suas caractersticas materiais.

    I / T / C

    1.4 - Desenvolver as capacidades necessrias para uso da escrita no contexto escolar: 1.4.1 - Saber usar os objetos de escrita presente na cultura escolar.

    Observao, anlise e modo de utilizao dos instrumentos de escrita do cotidiano escolar.

    I / T / C

    1.4.2 - Desenvolver capacidades especficas para escrever. Disposio da escrita no papel.

    Utilizao de letra legvel.

    Utilizao dos diversos tipos de letra.

    I / T / C

    2. A

    PR

    OP

    RIA

    O D

    O S

    IST

    EM

    A D

    E E

    SC

    RIT

    A 2.1 - Compreender diferenas entre a escrita alfabtica e

    outras formas grficas Identificao e diferenciao entre a escrita alfabtica e outras formas grficas:

    letras e desenhos; letras e rabiscos; letras e nmeros; letras e smbolos grficos (asteriscos, sinais matemticos, sinais de trnsito, etc.)

    I / T / C

    2.2 - Dominar convenes grficas:

    Orientao e alinhamento da escrita na lngua Portuguesa.

    Delimitao de palavras (espaos em branco) e frases (pontuao). I / T / C

    2.2.1- Compreender a orientao e o alinhamento da escrita da lngua portuguesa

    Regras de alinhamento e direo da escrita: de cima para baixo e da esquerda para a direita. I / T / C

    2.2.2- Compreender a funo de segmentao dos espaos em branco e da pontuao de final de frase

    Segmentao dos espaos em branco e da pontuao de final de frases. I / T / C

    2.3 - Reconhecer unidades fonolgicas como slabas, rimas, terminaes de palavras, etc.

    Conscincia: texto, palavra, slaba e letras como unidade sonora.

    Identificao de fonema / grafema em um conjunto de palavras.

    Composio de palavras a partir de slabas.

    Decomposio e composio de palavras em slabas.

    I / T / C

    2.4 Conhecer o alfabeto: Alfabeto (identificao das letras e reconhecimento da ordem alfabtica). Identificao de letras e de reconhecimento da ordem alfabtica.

    I / T

    2.4.1 - Compreender a categorizao grfica e funcional das letras

    Funo social da ordem alfabtica

    I / T

  • 2.4.2 - Conhecer e utilizar diferentes tipos de letra (de frma e cursiva)

    Tipos de letras.

    Traado dos diferentes tipos de letras.

    Reconhecimento dos diversos tipos de letra (de frma e cursiva).

    I / T

    2.5 - Compreender a natureza alfabtica do sistema de escrita

    Quantidade, variao e posio das letras nas determinadas palavras. I / T

    2.6 - Dominar as relaes entre grafemas e fonemas

    Reconhecimento das relaes entre fonemas e grafemas, com vista ao domnio das regularidades ortogrficas.

    I

    2.6.1 - Dominar regularidades ortogrficas OBS: o professor dever selecionar os casos que sero trabalhados na etapa.

    I

    3. L

    EIT

    UR

    A

    3.1 Desenvolver atitudes e disposies favorveis leitura

    Comportamentos sociais prprios de leitor.

    Formao de um gosto esttico.

    Conhecimento e utilizao de espaos de leituras.

    I / T / C

    3.2- Desenvolver capacidades relativas ao cdigo escrita especificamente necessrias leitura: 3.2.1 Saber decodificar palavras e textos escritos.

    Relao entre grafemas (letra) e fonemas (som).

    Identificao de unidades fonolgicas. I

    3.2.2 Saber ler reconhecendo globalmente as palavras. Reconhecimento de palavras sem anlise de fonemas e slabas. I

    3.3 Desenvolver capacidades necessrias leitura com fluncia e compreenso

    Compreenso linear do texto.

    Produo de inferncia.

    Compreenso global.

    I / T / C

    3.3.1 Identificar a finalidade e funes da leitura, em funo reconhecimento do suporte, do gnero e da contextualizao do texto.

    Identificao: do gnero; finalidade; do suporte; Contextualizao do texto. I / T / C

    3.3.2 Antecipar contedos de textos a serem lidos em funo de seu suporte, seu gnero e sua contextualizao.

    Elaborao de hiptese;

    Identificao de suporte do gnero e funes;

    Identificao e compreenso do ttulo.

    I / T / C

    3.3.3 - Levantar e confirmar hiptese relativa ao contedo do texto que est sendo lido.

    Levantamento e confirmao de hipteses.

    Previses relativas ao texto baseadas em informaes, estilo do narrador ou personagem, insinuaes do autor, sinais de pontuao, interpelaes com outros textos ou situaes vivenciadas.

    I / T / C

    4. P

    RO

    DU

    O E

    SC

    RIT

    A 4.1- Compreender e valorizar o uso da escrita com

    diferentes funes, em diferentes gneros Reconhecimento da utilizao da escrita na vida individual e coletiva;

    Reconhecimento sobre a finalidade/funo de textos de diferentes gneros. I / T / C

    4.2- Produzir textos escritos de gneros diversos ,adequados aos objetivos, ao destinatrio e ao contexto de circulao: OBS: O professor , prioritariamente, o escrita neste bimestre, sua escrita servir de modelo ao aluno.

    Consideraes das condies de produo (definidas na atividade) para quem escrever, para que escrever, onde o texto vai circular como orientadoras do planejamento, da produo e da reviso do texto escrito. I / T / C

    4.2.3 Planejar a escrita do texto considerando o tema central e seus desdobramentos

    Planejamento da prpria escrita: sobre o que falar, como usar a lngua, as palavras, considerando o destinatrio, o ambiente de circulao, o modo como o texto (a ideia) vai se apresentar ( o gnero), como comear, como desenvolver e como terminar, considerando o gnero.

    I / T / C

  • 4.2.4 Organizar os prprios textos segundo os padres de composio usuais na sociedade

    Explorao das caractersticas fsicas e estruturais de gneros mais usuais: aviso, carto, bilhete, carta, convite, receita culinria, propaganda, histrias, notcias e outros.

    Produo escrita de textos de gneros mais usuais, em situao coletiva em que o professor o escriba, em pequenos grupos e mesmo individualmente, quando os alunos experienciam a escrita de suas ideias, em gneros definidos.

    I / T / C

    4.2.5- Usar a variedade lingustica apropriada situao de produo e de circulao, fazendo escolhas adequadas quanto ao vocabulrio e gramtica.

    Reconhecimento das variantes lingusticas usadas nos ambientes com que se tem contato e a partir da escuta de textos lidos pelo professor, da leitura de textos de diferentes gneros.

    Produo de textos de diferentes gneros fazendo a adequao da linguagem ao considerar o destinatrio, a situao comunicativa, os objetivos do texto.

    I/T/C

    4.2.6 - Usar recursos expressivos (estilsticos e literrios) adequados ao gnero e aos objetivos do texto

    Reconhecimento e emprego de recursos como linguagem figurada, efeitos de humor, duplicidade de sentido, rimas, aliteraes.

    I/T/C

    5. O

    RA

    LID

    AD

    E

    5.1 - Participar das interaes cotidianas em sala de aula: escutando com ateno e compreenso. respondendo s questes propostas pelo professor. expondo opinies nos debates com os colegas e

    com o professor.

    Formas de participao adequadas para os espaos sociais pblicos.

    Participao em sala de aula.

    Regras de convivncia.

    Respeito mtuo

    I / T / C

    5.2- Respeitar a diversidade das formas de expresso oral manifesta por colegas, professores e funcionrios da escola, bem como por pessoas da comunidade extra-escolar.

    Atitudes e procedimentos ticos em relao a variedade lingstica: Prpria, que aprendeu com a famlia e contemporneos; Dos colegas, que diferente da sua.

    I / T / C

    5.5 -Realizar com pertinncia tarefas cujo desenvolvimento dependa de escuta atenta e compreenso

    Ouvir com ateno e compreenso. I

  • PORTUGUS: 1 ANO

    3 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    1. C

    OM

    PR

    EE

    NS

    O

    E V

    AL

    OR

    IZA

    O D

    A

    CU

    LT

    UR

    A E

    SC

    RIT

    A

    1.1- Conhecer, utilizar e valorizar os modos de produo e circulao da escrita na sociedade

    Compreenso de aes, valores, procedimentos e instrumentos que constituem o mundo letrado.

    Integrao e participao ativa na cultura escrita pela ampliao de convivncia e do conhecimento da lngua escrita.

    I / T / C

    1.2 - Conhecer os usos e funes sociais da escrita Finalidade e funes dos gneros textuais.

    Suporte textual

    Caractersticas dos gneros textuais (elementos comuns em todos os textos dos mesmo gnero)

    Tipos de linguagem, locutor e interlocutor.

    Formatao de gneros textuais diversos.

    I / T / C

    1.3 - Conhecer os usos da escrita na cultura escolar Apresentao, explorao e utilizao do suportes e instrumentos escolares de escrita e suas caractersticas materiais.

    I / T / C

    1.4 - Desenvolver as capacidades necessrias para uso da escrita no contexto escolar: 1.4.1 - Saber usar os objetos de escrita presente na cultura escolar.

    Observao, anlise e modo de utilizao dos instrumentos de escrita do cotidiano escolar.

    I / T / C

    1.4.2 - Desenvolver capacidades especficas para escrever. Disposio da escrita no papel.

    Utilizao de letra legvel.

    Utilizao dos diversos tipos de letra.

    I / T / C

    2. A

    PR

    OP

    RIA

    O D

    O S

    IST

    EM

    A D

    E E

    SC

    RIT

    A 2.1 - Compreender diferenas entre a escrita alfabtica e

    outras formas grficas Identificao e diferenciao entre a escrita alfabtica e outras formas grficas:

    letras e desenhos; letras e rabiscos; letras e nmeros; letras e smbolos grficos (asteriscos, sinais matemticos, sinais de trnsito, etc.)

    I / T / C

    2.2 - Dominar convenes grficas:

    Orientao e alinhamento da escrita na lngua Portuguesa.

    Delimitao de palavras (espaos em branco) e frases (pontuao). I / T / C

    2.2.1- Compreender a orientao e o alinhamento da escrita da lngua portuguesa

    Regras de alinhamento e direo da escrita: de cima para baixo e da esquerda para a direita.

    I / T / C

    2.2.2- Compreender a funo de segmentao dos espaos em branco e da pontuao de final de frase

    Segmentao dos espaos em branco e da pontuao de final de frases. I / T / C

    2.3 - Reconhecer unidades fonolgicas como slabas, rimas, terminaes de palavras, etc.

    Conscincia: texto, palavra, slaba e letras como unidade sonora.

    Identificao de fonema / grafema em um conjunto de palavras.

    Composio de palavras a partir de slabas.

    Decomposio e composio de palavras em slabas.

    I / T / C

    2.4 Conhecer o alfabeto: Alfabeto (identificao das letras e reconhecimento da ordem alfabtica). Identificao de letras e de reconhecimento da ordem alfabtica.

    I / T

    2.4.1 - Compreender a categorizao grfica e funcional das letras

    Funo social da ordem alfabtica I / T

  • 2.4.2 - Conhecer e utilizar diferentes tipos de letra (de frma e cursiva)

    Tipos de letras.

    Traado dos diferentes tipos de letras.

    Reconhecimento dos diversos tipos de letra (de frma e cursiva).

    I / T

    2.5 - Compreender a natureza alfabtica do sistema de escrita

    Quantidade, variao e posio das letras nas determinadas palavras. I / T

    2.6 - Dominar as relaes entre grafemas e fonemas Reconhecimento das relaes entre fonemas e grafemas, com vista ao domnio das regularidades ortogrficas.

    I

    2.6.1 - Dominar regularidades ortogrficas OBS: o professor dever selecionar os casos que sero trabalhados na etapa.

    I

    2.6.2- Dominar irregularidades ortogrficas OBS: o professor dever selecionar os casos que sero trabalhados na etapa.

    Irregularidades ortogrficas. I

    3. L

    EIT

    UR

    A

    3.1 Desenvolver atitudes e disposies favorveis leitura

    Comportamentos sociais prprios de leitor.

    Formao de um gosto esttico.

    Conhecimento e utilizao de espaos de leituras.

    I / T / C

    3.2- Desenvolver capacidades relativas ao cdigo escrita especificamente necessrias leitura: 3.2.1 Saber decodificar palavras e textos escritos.

    Relao entre grafemas (letra) e fonemas (som).

    Identificao de unidades fonolgicas.

    Decodificao de palavras.

    Decodificao de pequenos textos.

    I

    3.2.2 Saber ler reconhecendo globalmente as palavras.

    Reconhecimento de palavras sem anlise de fonemas e slabas. I

    3.3 Desenvolver capacidades necessrias leitura com fluncia e compreenso

    Compreenso linear do texto.

    Produo de inferncia.

    Compreenso global.

    I / T / C

    3.3.1 Identificar a finalidade e funes da leitura, em funo reconhecimento do suporte, do gnero e da contextualizao do texto.

    Identificao: do gnero; finalidade; do suporte; Contextualizao do texto.

    I / T / C

    3.3.2 Antecipar contedos de textos a serem lidos em funo de seu suporte, seu gnero e sua contextualizao.

    Elaborao de hiptese;

    Identificao de suporte do gnero e funes;

    Identificao e compreenso do ttulo.

    I / T / C

    3.3.3 - Levantar e confirmar hiptese relativa ao contedo do texto que est sendo lido.

    Levantamento e confirmao de hipteses.

    Previses relativas ao texto baseadas em informaes, estilo do narrador ou personagem, insinuaes do autor, sinais de pontuao, interpelaes com outros textos ou situaes vivenciadas.

    I / T / C

    3.3.5 Construir compreenso global do texto, unificando e inter-relacionando informaes explcitas e implcitas, produzindo inferncias.

    Resumir, recontar, reescrever textos lidos.

    Explicar e discutir o texto lido. I / T / C

    3.3.6 - Avaliar afetivamente o texto, fazendo extrapolaes.

    Avaliar, comentar e extrapolar textos lidos. I / T / C

  • 4. P

    RO

    DU

    O E

    SC

    RIT

    A

    4.1- Compreender e valorizar o uso da escrita com diferentes funes, em diferentes gneros

    Reconhecimento da utilizao da escrita na vida individual e coletiva;

    Reconhecimento sobre a finalidade/funo de textos de diferentes gneros. I / T / C

    4.2- Produzir textos escritos de gneros diversos ,adequados aos objetivos, ao destinatrio e ao contexto de circulao: OBS: O professor , prioritariamente, o escrita neste bimestre, sua escrita servir de modelo ao aluno.

    Consideraes das condies de produo (definidas na atividade) para quem escrever, para que escrever, onde o texto vai circular como orientadoras do planejamento, da produo e da reviso do texto escrito. I / T / C

    4.2.3 Planejar a escrita do texto considerando o tema central e seus desdobramentos

    Planejamento da prpria escrita: sobre o que falar, como usar a lngua, as palavras, considerando o destinatrio, o ambiente de circulao, o modo como o texto (a ideia) vai se apresentar ( o gnero), como comear, como desenvolver e como terminar, considerando o gnero.

    I / T / C

    4.2.4 Organizar os prprios textos segundo os padres de composio usuais na sociedade

    Explorao das caractersticas fsicas e estruturais de gneros mais usuais: aviso, carto, bilhete, carta, convite, receita culinria, propaganda, histrias, notcias e outros.

    Produo escrita de textos de gneros mais usuais, em situao coletiva em que o professor o escriba, em pequenos grupos e mesmo individualmente, quando os alunos experienciam a escrita de suas ideias, em gneros definidos.

    I / T / C

    4.2.5- Usar a variedade lingustica apropriada situao de produo e de circulao, fazendo escolhas adequadas quanto ao vocabulrio e gramtica.

    Reconhecimento das variantes lingusticas usadas nos ambientes com que se tem contato e a partir da escuta de textos lidos pelo professor, da leitura de textos de diferentes gneros.

    Produo de textos de diferentes gneros fazendo a adequao da linguagem ao considerar o destinatrio, a situao comunicativa, os objetivos do texto.

    I/T/C

    4.2.6 - Usar recursos expressivos (estilsticos e literrios) adequados ao gnero e aos objetivos do texto

    Reconhecimento e emprego de recursos como linguagem figurada, efeitos de humor, duplicidade de sentido, rimas, aliteraes.

    I/T/C

    5. O

    RA

    LID

    AD

    E

    5.1 - Participar das interaes cotidianas em sala de aula: escutando com ateno e compreenso. respondendo s questes propostas pelo professor. expondo opinies nos debates com os colegas e

    com o professor.

    Formas de participao adequadas para os espaos sociais pblicos.

    Participao em sala de aula.

    Regras de convivncia.

    Respeito mtuo

    I / T / C

    5.2- Respeitar a diversidade das formas de expresso oral manifesta por colegas, professores e funcionrios da escola, bem como por pessoas da comunidade extra-escolar.

    Atitudes e procedimentos ticos em relao a variedade lingstica: Prpria, que aprendeu com a famlia e contemporneos; Dos colegas, que diferente da sua.

    I / T / C

    5.5 -Realizar com pertinncia tarefas cujo desenvolvimento dependa de escuta atenta e compreenso

    Ouvir com ateno e compreenso. I

  • PORTUGUS: 1 ANO

    4 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    1. C

    OM

    PR

    EE

    NS

    O

    E V

    AL

    OR

    IZA

    O D

    A

    CU

    LT

    UR

    A E

    SC

    RIT

    A

    1.1- Conhecer, utilizar e valorizar os modos de produo e circulao da escrita na sociedade

    Compreenso de aes, valores, procedimentos e instrumentos que constituem o mundo letrado.

    Integrao e participao ativa na cultura escrita pela ampliao de convivncia e do conhecimento da lngua escrita.

    I / T / C

    1.2 - Conhecer os usos e funes sociais da escrita Finalidade e funes dos gneros textuais.

    Suporte textual

    Caractersticas dos gneros textuais(elementos comuns em todos os textos dos mesmo gnero)

    Tipos de linguagem, locutor e interlocutor.

    Formatao de gneros textuais diversos.

    I / T / C

    1.3 - Conhecer os usos da escrita na cultura escolar Apresentao, explorao e utilizao do suportes e instrumentos escolares de escrita e suas caractersticas materiais.

    I / T / C

    1.4 - Desenvolver as capacidades necessrias para uso da escrita no contexto escolar: 1.4.1 - Saber usar os objetos de escrita presente na cultura escolar.

    Observao, anlise e modo de utilizao dos instrumentos de escrita do cotidiano escolar.

    I / T / C

    1.4.2 - Desenvolver capacidades especficas para escrever. Disposio da escrita no papel.

    Utilizao de letra legvel.

    Utilizao dos diversos tipos de letra.

    I / T / C

    2. A

    PR

    OP

    RIA

    O D

    O S

    IST

    EM

    A D

    E E

    SC

    RIT

    A

    2.1 - Compreender diferenas entre a escrita alfabtica e outras formas grficas

    Identificao e diferenciao entre a escrita alfabtica e outras formas grficas: letras e desenhos; letras e rabiscos; letras e nmeros; letras e smbolos grficos (asteriscos, sinais, etc.)

    I / T / C

    2.2 - Dominar convenes grficas:

    Orientao e alinhamento da escrita na lngua Portuguesa.

    Delimitao de palavras (espaos em branco) e frases (pontuao). I / T / C

    2.2.1- Compreender a orientao e o alinhamento da escrita da lngua portuguesa

    Regras de alinhamento e direo da escrita: de cima para baixo e da esquerda para a direita.

    I / T / C

    2.2.2- Compreender a funo de segmentao dos espaos em branco e da pontuao de final de frase

    Segmentao dos espaos em branco e da pontuao de final de frases. I / T / C

    2.3 - Reconhecer unidades fonolgicas como slabas, rimas, terminaes de palavras, etc.

    Conscincia: texto, palavra, slaba e letras como unidade sonora.

    Identificao de fonema / grafema em um conjunto de palavras.

    Composio de palavras a partir de slabas.

    Decomposio e composio de palavras em slabas.

    I / T / C

    2.4 Conhecer o alfabeto: Alfabeto (identificao das letras e reconhecimento da ordem alfabtica). Identificao de letras e de reconhecimento da ordem alfabtica.

    I / T

    2.4.1 - Compreender a categorizao grfica e funcional das letras

    Funo social da ordem alfabtica I / T

    2.4.2 - Conhecer e utilizar diferentes tipos de letra (de frma e cursiva)

    Tipos de letras.

    Traado dos diferentes tipos de letras.

    Reconhecimento dos diversos tipos de letra (de frma e cursiva).

    I / T

  • 2.5 - Compreender a natureza alfabtica do sistema de escrita

    Quantidade, variao e posio das letras nas determinadas palavras. I / T

    2.6 - Dominar as relaes entre grafemas e fonemas Reconhecimento das relaes entre fonemas e grafemas, com vista ao domnio das regularidades ortogrficas.

    I

    2.6.1 - Dominar regularidades ortogrficas OBS: o professor dever selecionar os casos que sero trabalhados na etapa.

    I

    2.6.2- Dominar irregularidades ortogrficas OBS: o professor dever selecionar os casos que sero trabalhados na etapa.

    Irregularidades ortogrficas. I

    3. L

    EIT

    UR

    A

    3.1 Desenvolver atitudes e disposies favorveis leitura Comportamentos sociais prprios de leitor. Formao de um gosto esttico.

    Conhecimento e utilizao de espaos de leituras.

    I / T / C

    3.2- Desenvolver capacidades relativas ao cdigo escrita especificamente necessrias leitura: 3.2.1 Saber decodificar palavras e textos escritos.

    Relao entre grafemas (letra) e fonemas (som).

    Identificao de unidades fonolgicas.

    Decodificao de palavras.

    Decodificao de pequenos textos.

    I

    3.2.2 Saber ler reconhecendo globalmente as palavras. Reconhecimento de palavras sem anlise de fonemas e slabas. I

    3.3 Desenvolver capacidades necessrias leitura com fluncia e compreenso

    Compreenso linear do texto.

    Produo de inferncia.

    Compreenso global.

    I / T / C

    3.3.1 Identificar a finalidade e funes da leitura, em funo reconhecimento do suporte, do gnero e da contextualizao do texto.

    Identificao: do gnero; finalidade; do suporte; Contextualizao do texto. I / T / C

    3.3.2 Antecipar contedos de textos a serem lidos em funo de seu suporte, seu gnero e sua contextualizao.

    Elaborao de hiptese;

    Identificao de suporte do gnero e funes;

    Identificao e compreenso do ttulo.

    I / T / C

    3.3.3 - Levantar e confirmar hiptese relativa ao contedo do texto que est sendo lido.

    Levantamento e confirmao de hipteses.

    Previses relativas ao texto baseadas em informaes, estilo do narrador ou personagem, insinuaes do autor, sinais de pontuao, interpelaes com outros textos ou situaes vivenciadas.

    I / T / C

    3.3.5 Construir compreenso global do texto, unificando e inter-relacionando informaes explcitas e implcitas, produzindo inferncias.

    Resumir, recontar, reescrever textos lidos.

    Explicar e discutir o texto lido. I / T / C

    3.3.6 - Avaliar afetivamente o texto, fazendo extrapolaes. Avaliar, comentar e extrapolar textos lidos. I / T / C

    3.3.7 Ler oralmente com fluncia e expressividade.

    Leitura silenciosa com rapidez, objetividade e compreenso. I

    4. P

    RO

    DU

    O

    ES

    CR

    ITA

    4.1-Compreender e valorizar o uso da escrita com diferentes funes, em diferentes gneros

    Reconhecimento da utilizao da escrita na vida individual e coletiva;

    Reconhecimento sobre a finalidade/funo de textos de diferentes gneros. I / T / C

    4.2- Produzir textos escritos de gneros diversos ,adequados aos objetivos, ao destinatrio e ao contexto de circulao: OBS: O professor ainda escrita neste bimestre, porm o aluno j deve demonstrar condies de escrita autnoma.

    Consideraes das condies de produo (definidas na atividade) para quem escrever, para que escrever, onde o texto vai circular como orientadoras do planejamento, da produo e da reviso do texto escrito.

    I / T / C

    4.2.1- Dispor, ordenar e organizar o prprio texto de acordo Organizao do texto, buscando legibilidade, alinhamento e direo da escrita, I

  • com as convenes grficas apropriadas; espaamento entre palavras, traado da letra, espaamento entre ttulos e corpo do texto, emprego da letra no formato adequado, dentre outros aspectos.

    Emprego da letra maiscula nos nomes prprios e inicio de frase.

    Utilizao de regras ortogrficas bsicas de escrita e de regras de pontuao (interrogao, exclamao, ponto final, vrgula nas enumeraes, dois pontos e travesso nos dilogos).

    Organizao do prprio texto de acordo com as convenes de escrita (pargrafo, margem, ttulo, noes bsicas de pontuao).

    4.2.2 Escrever segundo o princpio alfabtico e as regras ortogrficas

    I

    4.2.3 Planejar a escrita do texto considerando o tema central e seus desdobramentos

    Planejamento da prpria escrita: sobre o que falar, como usar a lngua, as palavras, considerando o destinatrio, o ambiente de circulao, o modo como o texto (a ideia) vai se apresentar ( o gnero), como comear, como desenvolver e como terminar, considerando o gnero.

    I / T / C

    4.2.4 Organizar os prprios textos segundo os padres de composio usuais na sociedade

    Explorao das caractersticas fsicas e estruturais de gneros mais usuais: aviso, carto, bilhete, carta, convite, receita culinria, propaganda, histrias, notcias e outros. Produo escrita de textos de gneros mais usuais, em situao coletiva em que o professor o escriba, em pequenos grupos e mesmo individualmente, quando os alunos experienciam a escrita de suas ideias, em gneros definidos.

    I / T / C

    4. P

    RO

    DU

    O E

    SC

    RIT

    A

    4.2.5- Usar a variedade lingustica apropriada situao de produo e de circulao, fazendo escolhas adequadas quanto ao vocabulrio e gramtica.

    Reconhecimento das variantes lingusticas usadas nos ambientes com que se tem contato e a partir da escuta de textos lidos pelo professor, da leitura de textos de diferentes gneros.

    Produo de textos de diferentes gneros fazendo a adequao da linguagem ao considerar o destinatrio, a situao comunicativa, os objetivos do texto.

    I/T/C

    4.2.6 - Usar recursos expressivos (estilsticos e literrios) adequados ao gnero e aos objetivos do texto

    Reconhecimento e emprego de recursos como linguagem figurada, efeitos de humor, duplicidade de sentido, rimas, aliteraes.

    I/T/C

    4.2.7 Revisar e reelaborar a prpria escrita, segundo critrios adequados aos objetivos, ao destinatrio e ao contexto de circulao previsto.

    Emprego de estratgias de reviso dos prprios textos:

    _o que se escreve,

    _para que se escreve,

    _para quem se escreve,

    _como escrever (gnero, linguagem, recursos de pontuao, ortografia)

    I

    5. O

    RA

    LID

    AD

    E

    5.1 - Participar das interaes cotidianas em sala de aula: escutando com ateno e compreenso. respondendo s questes propostas pelo professor. expondo opinies nos debates com os colegas e

    com o professor.

    Formas de participao adequadas para os espaos sociais pblicos.

    Participao em sala de aula.

    Regras de convivncia.

    Respeito mtuo

    I / T / C

    5.2- Respeitar a diversidade das formas de expresso oral manifesta por colegas, professores e funcionrios da escola, bem como por pessoas da comunidade extra-escolar.

    Atitudes e procedimentos ticos em relao a variedade lingstica: Prpria, que aprendeu com a famlia e contemporneos; Do colegas, que diferente da sua.

    I / T / C

    5.3 - Usar a lngua falada em diferentes situaes escolares, buscando empregar a variedade lingstica adequada.

    Adequao do modo de falar s circunstncias da interlocuo verbal. I

    5.4 - Planejar a fala em situaes formais Planejamento da fala considerando o objetivo de quem fala, expectativa e disposies de quem ouve, ambiente em que a fala acontecer.

    I

    5.5 -Realizar com pertinncia tarefas cujo desenvolvimento dependa de escuta atenta e compreenso

    Ouvir com ateno e compreenso. I

  • CINCIAS: 1 ANO

    1 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    1.

    AM

    BIE

    NT

    E E

    VID

    A

    1.1- Construir conceitos inicias de meio ambiente. Meio ambiente

    Conceito de meio ambiente.

    Seres vivos e no vivos.

    Diversidade ambiental.

    Diversidade de seres vivos.

    A vida nos diversos ambientes.

    As relaes existentes entre os seres vivos nos diversos ambientes.

    Seres vivos e no-vivos.

    I

    1.2- Identificar e registrar as semelhanas e diferenas entre os diversos ambientes.

    I

    1.3- Reconhecer que um ambiente composto por seres vivos e no vivos.

    I/T

    1.4- Relacionar a diversidade de ambientes com a diversidade de seres vivos.

    - Diversidade ambiental. - Diversidade de seres vivos.

    I/T

    1.5- Reconhecer as caractersticas dos seres vivos que os capacitam a viver em determinados ambientes.

    - Caractersticas adaptativas dos seres vivos em relao ao meio ambiente em que vivem.

    I

    1.6- Reconhecer a importncia da classificao de seres vivos e os vrios modos de classific-los.

    Classificando animais

    Pelo lugar onde vivem - faunas tpicas, locais, regionais e de outras regies da Terra.

    Pela obteno de oxignio respirao animal.

    Pela maneira de conseguir alimento seres vivos que no produzem seu prprio alimento e precisam se alimentar de outros animais hetertrofos.

    Respirao animal.

    Sustentao do corpo vertebrados (peixes, anfbios, rpteis, aves e mamferos) e invertebrados corpo mole, corpo duro, que voam, que nadam, que vivem na terra, dentro da terra, e na gua doce ou salgada.

    Microrganismos fungos e bactrias e a importncia para a sade humana.

    I/T

    1.7- Reconhecer a importncia da interao dos seres vivos entre si na manuteno do equilbrio ambiental.

    Classificando vegetais

    Pela obteno de alimento auttrofo (noes de fotossntese). Pela presena de flores, sementes e frutos.

    Pela presena sementes e ausncia de frutos.

    Pela ausncia de flores, frutos e sementes.

    I

  • CINCIAS: 1 ANO

    2 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    1.

    AM

    BIE

    NT

    E E

    VID

    A

    1.8 - Observar e comparar diferentes tipos de solos, identificando seus elementos, suas propriedades e utilizao e sua importncia para os seres vivos.

    O Solo: - Componentes do solo: areia, argila e humo. - Propriedades: porosidade, permeabilidade. - Interferncia de fatores abiticos no solo. - Seres decompositores de matria orgnica. - A permeabilidade do solo e as conseqncias de sua alterao em ambientes naturais ou transformados pelo ser humano.

    I/T

    1.9 Reconhecer a importncia do uso e tcnicas adequadas no manejo do solo.

    O Solo: - Conservao do solo: irrigao, drenagem, reflorestamento, curva de nvel, rotao de cultura e de pastagem, correo do solo, adubao verde e outras.

    I/T

    1.10 Identificar o lixo como um dos principais agentes poluidores do solo e pesquisar qual o destino dado ao lixo produzido nas cidades.

    O solo e o lixo: - Tipos de lixo encontrados no solo: matria orgnica, papel, metal, plstico, vidro e outros. - Os destinos do lixo: lixes, aterros sanitrios, incinerao, compostagem ou biodigesto, e coleta seletiva com reciclagem. As estaes de tratamento do lixo. - Problemas causados pelo lixo em grandes cidades.

    I/T

    1.11 Perceber a distribuio de gua no planeta e reconhecer a necessidade de preservao dos recursos hdricos.

    gua: - Distribuio da gua no planeta. - Tipos de gua encontrados no ambiente. - A importncia da gua para os seres vivos - A importncia da gua para seres humanos.

    I/T

    1.12 Conhecer as propriedades da gua, as mudanas de seu estado fsico no ambiente, estabelecendo a relao entre transferncia de calor e a mudana de estado fsico.

    gua: - Propriedades e caractersticas da gua solvente universal. - Caractersticas da gua para consumo humano. - Estados fsicos da gua slido, liquido e gasoso. - Transferncia de calor e mudanas de estados fsicos da gua.

    I/T

    1.13 Compreender o ciclo da gua no ambiente. gua: - Formao e chuvas elementos do ambiente que interferem na sua formao. - Como os seres vivos (vegetais e animais) eliminam gua para o ambiente. - O Arco-ris e a decomposio da luz branca. - Funo do pluvimetro. - Destinos da gua da chuva. - Enchentes e inundaes.

    I

  • CINCIAS: 1 ANO

    3 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    2.

    SE

    R H

    UM

    AN

    O E

    SA

    D

    E

    2.0 Reconhecer as partes externas do corpo humano, suas diferenas, peculiaridades e desenvolver algumas ideias para compreend-lo como um todo integrado.

    - Conhecimentos prvios sobre o corpo humano. - Caractersticas morfolgicas do corpo humano: partes externas do corpo humano. - Caractersticas fenotpicas do corpo humano: altura, peso, cor, pele, cor dos olhos, impresso digital e outras. - Funes vitais (batimentos cardacos, respirao, excreo, temperatura, movimentos, reflexos). - Diferenas fsicas e de comportamento entre meninos e meninas. - Diferenas afetivas e psicolgicas entre os seres humanos.

    I/T

    2.1 Reconhecer as transformaes que ocorrem no corpo humano durante o seu desenvolvimento iniciando a construo do conceito de ciclo de vida e noes de identidade.

    - Caractersticas fsicas dos alunos e as transformaes ocorridas em seu corpo durante o seu desenvolvimento. - Mudanas que ocorrem no corpo humano do nascimento ao envelhecimento. - O ciclo de vida dos seres humanos.

    I/T

    2.2 Perceber e constatar que o corpo humano percebe os estmulos do meio atravs dos rgos dos sentidos.

    - Principais rgos dos sentidos: as orelhas, a pele, o nariz, os olhos, e a lngua (audio, tato, olfato, viso e paladar). - Caractersticas externas e funcionais dos rgos dos sentidos. - Cuidados com os rgos dos sentidos.

    I/T

    2.3 Reconhecer os tipos de movimentos que as partes do corpo podem realizar, conforme as articulaes.

    - Articulaes e tipos de movimentos. (movimentao do prprio corpo e do corpo de dos colegas). - As junes corporais (lugares do corpo movimentados por serem articulados) joelhos, ombros, cotovelos, pulsos, dedos, tornozelos.

    I/T

    CINCIAS: 1 ANO

    4 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    2.

    SE

    R H

    UM

    AN

    O E

    SA

    D

    E

    2.4 Reconhecer a importncia de uma alimentao saudvel como fonte de energia para o crescimento e a manuteno do corpo saudvel.

    Alimentao: - Caractersticas de uma alimentao saudvel. - Alimentos naturais e industrializados. - Alimentos de origem animal, vegetal e mineral.

    I/T

    2.5 Valorizar o prprio corpo e uma alimentao saudvel para o bem estar fsico, psicolgico e social.

    - Hbitos de higiene pessoal: lavar as mos, escovar os dentes, pentear os cabelos, tomar banho, comer frutas e verduras lavadas. - A troca de dentes de leite por dentes definitivos e a importncia da realizao de uma boa higiene bucal. - Hbitos de higiene ambiental.

    I/T

    2.6 Conscientizar os alunos de que os hbitos de higiene devem fazer parte do nosso dia a dia.

    - Relaes entre a falta de higiene pessoal e ambiental e a aquisio de doenas por contgio de vermes e microorganismos.- Hbitos de higiene importantes na preveno de doenas. - Conservao da higiene no ambiente escolar e familiar.

    I/T

    3. TECNOLOGIA

    E SOCIED

    ADE

    3.0 Reconhecer os recursos tecnolgicos utilizados no seu dia a dia, identificando os instrumentos que favorecem e facilitam a vida das pessoas.

    - Recursos tecnolgicos utilizados no dia a dia e sua importncia para a vida no campo e nas cidades, para o trabalho, a sade e a higiene domstica. I

    3.1 Reconhecer a importncia da tecnologia para a agricultura, transporte/trnsito e indstria.

    Agricultura: Contribuies da tecnologia para maior produtividade nas lavouras.

    Transporte/Trnsito: Tecnologia aplicada ao trnsito: semforos ou sinaleiros.

    Indstrias: Contribuies da tecnologia para a produo industrial.

    I

  • GEOGRAFIA

    1 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    1. O INDIVDUO E O ESPAO DE

    VIVNCIA E CONVIVNCIA

    1.1 - Reconhecer-se como ponto de referncia para situar-se e situar pessoas, objetos, construes, tudo que h em seu entorno.

    - O corpo como ponto de referncia. - Noes topolgicas. - Pontos cardeais.

    I/T

    1.2 Conscientizar-se enquanto ser que ocupa espao e sua relao com o outro.

    I/T

    1.3 Reconhecer a linguagem cartogrfica como fonte de informao e representao do espao geogrfico.

    I

    2. O AMBIENTE EM

    QUE SE VIVE (CASA, RUA, ESCOLA E

    BAIRRO): SUAS REPRESENTA

    ES PARA A VIDA EM

    SOCIEDADE

    2.1 Sistematizar a noo espacial, percebendo a proporo, distncia e direo os objetos, por meio da observao, representao e localizao desses espaos, tendo como referncia a sua moradia.

    A paisagem local: - Minha casa. - Minha rua. - A vizinhana. - Organizao do espao. - Mudanas da paisagem e seus elementos culturais e naturais o longo do tempo.

    I

    2.2 Observar a organizao dos espaos vividos, identificando as semelhanas e diferenas entre objetos a serem representados atravs do reconhecimento da funo de cada um destes.

    I

    2.3 Representar os espaos da casa utilizando medidas no convencionais e convencionais.

    I

    GEOGRAFIA

    2 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    2. O AMBIENTE EM

    QUE SE VIVE (CASA, RUA, ESCOLA E

    BAIRRO): SUAS REPRESENTA

    ES PARA A VIDA EM

    SOCIEDADE

    2.4 Reconhecer os diversos tipos de moradia e os espaos que ocupam.

    A paisagem local: - Minha casa. - Minha rua. - A vizinhana. - Organizao do espao. - Mudanas da paisagem e seus elementos culturais e naturais o longo do tempo.

    I

    2.5 Utilizar a linguagem cartogrfica para obter informaes e representar a espacialidade da rua em que vive.

    I

    2.6 Reconhecer a organizao do espao geogrfico da sua rua tendo como referncia sua casa, identificando as mudanas naturais e culturais da paisagem.

    I

    2.7 Reconhecer a escola como referncia espacial de localizao, orientao e distncia.

    Os espaos da escola: - Conhecendo a escola e sua localizao; - Organizao fsica dos espaos da escola; - As diferentes formas de representao dos espaos da escola e seu entorno.

    I

    2.8 Identificar e reconhecer a organizao fsica dos espaos da escola. I

    4. LINGUAGEM

    CARTOGRFICA E ESCALAS

    4.1 Ler e compreender, de forma preliminar, informaes expressas em linguagem cartogrfica e em formas de representao de espao como fotografias, plantas, maquetes, croquis, mapas, entre outras.

    - Linguagem cartogrfica: mapas, plantas, maquetes, legendas, grficos, tabelas, entre outras.

    I

    4.5 Construir e compreender itinerrios. - Construindo o caminho de um lugar para outro: de casa para a escola, da escola para a casa, para o mercado.

    I

  • GEOGRAFIA

    3 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    2. O AMBIENTE EM

    QUE SE VIVE (CASA, RUA, ESCOLA E

    BAIRRO): SUAS REPRESENTA

    ES PARA A VIDA EM

    SOCIEDADE

    2.9 Reconhecer e utilizar os referencias de localizao e orientao espacial para se deslocar nos diferentes espaos do bairro.

    Meu Bairro: - Localizao e orientao espacial; - Orientao pelo sol e pela bssola; - Referenciais geogrficos (direes cardeais Norte, Sul, Leste, Oeste); - Os cdigos criados pela sociedade para organizar o espao; - Sinalizao de trnsito (vertical, horizontal); - Placas de orientao (nomes de rua/praa, indicao de direes, entre outros); - Os diferentes lugares do bairro: tipo de moradia, casas comerciais, templos, reas de lazer e cultura.

    I

    2.10 Compreender que o espao geogrfico do bairro ocupado por casas, prdios, ruas, avenidas, lojas e praas, que se organizam de formas diferenciadas e compem o espao global.

    I

    I

    I

    4. LINGUAGEM

    CARTOGRFICA E ESCALAS

    4.1 Ler e compreender, de forma preliminar, informaes expressas em linguagem cartogrfica e em formas de representao de espao como fotografias, plantas, maquetes, croquis, mapas, entre outras.

    - Linguagem cartogrfica: mapas, plantas, maquetes, legendas, grficos, tabelas, entre outras. I

    4.3 Localizar em mapas: o bairro, a cidade, o municpio, o pas onde mora.

    - Onde estamos no mapa? I

    4.5 Construir e compreender itinerrios. - Construindo o caminho de um lugar para outro: de casa para a escola, da escola para a casa, para o mercado.

    I

    4.6 Comparar dados e informaes. - Analisar os dados, comparando informaes, buscando solues.

    I

    5. TRANSPORTE E COMUNICAO

    5.1 Compreender a evoluo dos meios de transporte e sua interferncia na organizao espacial.

    Meios de transporte - Terra, ar ou gua. - Evoluo dos meios de transporte.

    I

    5.2 Compreender o encurtamento das distncias, para pessoas e mercadorias, com o desenvolvimento dos meios de transporte.

    - A circulao de pessoas e mercadorias I

  • GEOGRAFIA

    4 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    3. A NATUREZA E SUA DINMICA:

    PAISAGEM NATURAL E

    MEIO AMBIENTE

    3.1 Perceber as transformaes e a interferncia do homem na paisagem natural e na paisagem cultural, ocorridas ao longo do tempo.

    - Paisagem do lugar de vivncia: elementos componentes da paisagem (naturais e culturais). - Paisagem urbana e paisagem rural.

    I

    3.2 Observar as caractersticas do ambiente em que vive, diferenciando ambientes preservados e ambientes degradados

    - Transformao das paisagens: mudanas e permanncias dos elementos naturais e culturais da paisagem no processo de transformao do espao. - Os efeitos da ao do home no processo de transformao do ambiente. - Preservao ambiental. - A questo ambiental no espao urbano e rural.

    I

    4.

    LINGUAGEM CARTOGRFICA

    E ESCALAS

    4.1 Ler e compreender, de forma preliminar, informaes expressas em linguagem cartogrfica e em formas de representao de espao como fotografias, plantas, maquetes, croquis, mapas, entre outras.

    - Linguagem cartogrfica: mapas, plantas, maquetes, legendas, grficos, tabelas, entre outras.

    I

    4.6 Comparar dados e informaes. - Analisar os dados, comparando informaes, buscando solues. I

    5. TRANSPORTE E COMUNICAO

    5.3 Conhecer o funcionamento dos principais meios de comunicao, e a importncia deles para a comunicao dos seres humanos.

    Meios de comunicao - Evoluo dos meios de comunicao: correio, correio eletrnico, internet, telgrafo, telefone, rdio, televiso. - A comunicao entre as pessoas. - Diferentes formas de comunicao.

    I

  • HISTRIA

    1 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    1.

    AU

    TO

    CO

    NH

    EC

    IME

    NT

    O

    1.1 Conhecer a prpria histria e a origem do nome e sobrenome. Quem sou eu? Nomes e sobrenomes.

    I/T

    1.2 Conhecer documentos, registros que fazem parte da histria de vida de cada um.

    Os documentos que registram a histria de cada um.

    Registro de nascimento.

    Carteira de Identidade.

    I

    1.3 Conhecer as diferentes realidades sociais e tnico-culturais, reconhecendo a si mesmo como parte de um grupo.

    As diferentes realidades sociais.

    Diversidade e miscigenao. I

    1.4 Identificar e relacionar o modo de vida de cada um ao de outros grupos sociais, em suas manifestaes culturais e sociais, reconhecendo semelhanas e diferenas.

    As famlias brasileiras: de onde vieram nossos costumes.

    Origem e caractersticas dos diversos grupos sociais.

    I

    1.5 Compreender que as caractersticas pessoais e comportamentais so reflexos do grupo a que pertence o individuo.

    Mudanas e permanncias (gostos, caractersticas fsicas). I

    HISTRIA

    2 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    2.

    O A

    LU

    NO

    E S

    UA

    S R

    EL

    A

    E

    S

    SO

    CIA

    IS N

    A F

    AM

    LIA

    ,

    ES

    CO

    LA

    E O

    UT

    RO

    S G

    RU

    PO

    S

    SO

    CIA

    IS.

    2.3 Conhecer sua histria e de sua famlia a partir de documentos escritos e no-escritos.

    Descobrindo a prpria histria.

    Diferentes registros: documentos orais, escritos. I/T

    2.4 Valorizar e reconhecer a importncia da famlia na formao e desenvolvimento pessoal dos indivduos. .

    Como se formou e vive sua famlia.

    Cada famlia tem sua histria: origens, costumes e cultura. I/T

    2.5 Identificar as pessoas que fazem parte da famlia com a qual mora e outras formas de organizao familiar.

    Histrias de famlia.

    As famlias ao longo do tempo. I/T

    2.6 Compreender e identificar as atividades do dia-a-dia de sua famlia.

    O dia-a-dia da famlia. I/T

    2.1 Conhecer a histria da escola, sua importncia e funo social.

    A histria de sua escola.

    I/T

    2.2 - Conhecer e entender as relaes de convivncia na escola. As normas de convivncia na escola.

    Os direitos e deveres da escola e do estudante (ECA). I/T

  • HISTRIA

    3 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    3.

    CO

    NH

    EC

    EN

    DO

    A M

    OR

    AD

    IA E

    VA

    LO

    RIZ

    AN

    DO

    O T

    RA

    BA

    LH

    O

    3.1 Reconhecer as casas, suas histrias e diferenciar os tipos de casas construdos ontem e hoje.

    As casas e sua histria. Casas de ontem, casas de hoje.

    I/T

    3.2 Compreender as vrias formas de moradia das pessoas. (prpria/aluguel, favelas/aglomerado,cortios, apartamentos, etc).

    Diferentes tipos de casa. De quem so as casas. I/T

    3.3 Conhecer a histria da rua e do bairro onde mora identificando os pontos de referncia existentes.

    A rua onde moro.

    A origem do nome das ruas.

    A rua e o bairro: espaos de convivncia.

    As ruas de ontem e ruas de hoje.

    I/T

    3.4 Reconhecer os modos de viver dos grupos sociais presentes no bairro.

    O bairro e a comunidade.

    As transformaes do bairro. I

    3.5 Valorizar o trabalho dentro do contexto scio-cultural da comunidade local.

    O conceito de trabalho.

    Tipos de trabalhadores existentes na comunidade.

    Os trabalhadores da comunidade no passado.

    I

    3.6 Reconhecer a importncia e o valor das diversas profisses. As profisses e suas especificidades.

    O papel das profisses na sociedade. I

    HISTRIA

    4 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    4.

    TE

    MP

    OR

    AL

    IDA

    DE

    HIS

    T

    RIC

    A

    4.1 Trabalhar as partes do dia (manh, tarde, e noite), vinculando-as s atividades realizadas pelas pessoas.

    Medindo o tempo.

    I/T

    4.2 Trabalhar o procedimento da construo da linha do tempo.

    A linha do tempo.

    Minha histria ao longo do tempo. I/T

    4.3 Conhecer as vrias formas de contagem de tempo. Instrumentos de medida do tempo.

    I/T

    4.4 Explorar as caractersticas do calendrio ocidental utilizado na atualidade.

    Calendrio (formas, tamanhos, modelos). I/T

    4.5 Trabalhar com fatos histricos, vinculando contagem de tempo e vivncias humanas.

    Documentos que fazem histria. I/T

  • MATEMTICA

    1 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    3.

    N

    ME

    RO

    S E

    OP

    ER

    A

    E

    S

    L

    GE

    BR

    A E

    FU

    N

    E

    S

    3.1- Utilizar critrios de classificao, seriao, ordenao, incluso e conservao de quantidades.

    - Comparao, seriao, incluso e conservao de quantidades. I

    3.2- Utilizar, em situaes-problema, diferentes estratgias para quantificar elementos de uma coleo: contagem, pareamento, estimativa e correspondncia de agrupamentos.

    - Quantificaes discretas: correspondncia biunvoca, sequncia oral numrica, zoneamento (os elementos contados e a contar) e nomeao da coleo por uma quantidade de objetos ou por figuras tomando como referncia o ltimo elemento contado.

    I

    3.3- Relacionar a histria da matemtica na construo do nmero e sua importncia no contexto social.

    - Histria da matemtica. - A construo do nmero. I

    3.4- Reconhecer nmeros naturais e decimais em diversas situaes (jornais, filmes, comrcio etc.).

    - Nmeros no dia a dia. I

    2.

    GR

    AN

    DE

    ZA

    S E

    ME

    DID

    AS

    2.3- Estimar e medir o decorrer do tempo usando antes ou depois; ontem, hoje ou amanh; dia ou noite; manh, tarde ou noite; hora ou meia hora.

    - O tempo: antes ou depois; ontem, hoje ou amanh; dia ou noite; manh, tarde ou noite; hora ou meia hora.

    I

    2.4- Identificar instrumentos apropriados (relgios e calendrios) para medir tempo (incluindo dias, semanas, meses, semestres e ano).

    - Instrumentos de medida de tempo: calendrio, relgio.

    I

    1.

    ES

    PA

    O

    E

    FO

    RM

    A

    1.5- Perceber o prprio corpo, sua forma, suas dimenses e sua relao com o espao fsico.

    - O espao fsico do aluno. I/T

    1.6- Identificar, descrever e comparar padres (por exemplo: blocos lgicos) usando uma grande variedade de atributos como tamanho, forma, espessura e cor.

    - Dimensionamento de espaos relao de tamanho e forma. - As formas geomtricas presentes no cotidiano (escola, objetos, natureza, etc.) - Construo e representao de formas geomtricas.

    T

    4.

    TR

    ATA

    ME

    NT

    O D

    A

    INF

    OR

    MA

    O

    4.1- Coletar, organizar e registrar dados e informaes (usando figuras, materiais concretos ou unidades de contagem).

    - Noes de registro de dados. I

    4.2- Criar registros pessoais para comunicao das informaes coletadas.

    - Organizao de dados. - Registro de dados em tabelas simples.

    I

    4.3- Ler e interpretar informaes e dados apresentados de maneira organizada por meio de listas, tabelas, mapas e grficos, e em situaes-problema;

    - Leitura e interpretao de dados em listas, tabelas, mapas, grficos.

    I

  • MATEMTICA

    2 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    3.

    N

    ME

    RO

    S E

    OP

    ER

    A

    E

    S

    L

    GE

    BR

    A E

    FU

    N

    E

    S

    3.2- Utilizar, em situaes-problema, diferentes estratgias para quantificar elementos de uma coleo: contagem, pareamento, estimativa e correspondncia de agrupamentos.

    - Quantificaes discretas: correspondncia biunvoca, sequncia oral numrica, zoneamento (os elementos contados e a contar) e nomeao da coleo por uma quantidade de objetos ou por figuras tomando como referncia o ltimo elemento contado.

    I

    3.4- Reconhecer nmeros naturais e decimais em diversas situaes (jornais, filmes, comrcio etc.).

    - Nmeros no dia a dia. I

    3.5- Escrever, comparar e ordenar nmeros naturais de qualquer grandeza.

    - Sistema de Numerao Decimal: . registro, leitura e escrita numrica de quantidades at 100(Conforme o desempenho da turma, o professor poder ir alem). . contar at 100 ou mais de 2 em 2, de 3 em 3, de 5 em 5, de 10 em 10 . nmero par e impar . antecessor e sucessor . nmeros ordinais: funo, leitura e representao . representao escrita por extenso dos numerais . sries numricas em ordem crescente e decrescente . clculo mental em situaes de atividade matemtica oral . relaes entre os nmeros: maior que, menor que, estar entre . estimativa . valorizao das mos como ferramenta na realizao de contagem e clculos.

    I

    3.6- Interpretar e resolver situaes-problema, compreendendo diferentes significados das operaes envolvendo nmeros naturais.

    - Noes de adio: juntar e acrescentar. - Noes de subtrao: tirar, comparar e completar.

    I

    2.

    GR

    AN

    DE

    ZA

    S E

    ME

    DID

    AS

    2.1- Comparar, atravs de estratgias pessoais, grandezas de comprimento, tendo como referncia unidades de medidas convencionais e no convencionais.

    - Noes de distncia, sentido, espessura, cor e tamanho (conceitos bsicos). - Medidas . Instrumentos de medida no convencionais: passos, palmos, etc. . uso da rgua e da fita mtrica.

    I/T

    2.2- Reconhecer e utilizar, em situaes-problema, modelos concretos e pictricos, as unidades usuais de medida: comprimento.

    - Noes de distncia, sentido, espessura, cor e tamanho (conceitos bsicos). - Medidas . Instrumentos de medida no convencionais: passos, palmos, etc. . uso da rgua e da fita mtrica.

    I

    2.5- Usar horrios, calendrios e calcular o tempo decorrido em intervalos de hora para solucionar problemas do cotidiano.

    - Medidas de tempo: segundos, minutos, horas, dia, semana, ms, bimestre, semestre, ano, dcada. - Calendrio.

    I

  • 2.6- Identificar e escrever medidas de tempo marcadas em relgios digitais e analgicos (por exemplo: intervalos de hora e de meia hora).

    - Tempo: horas

    I

    1.

    ES

    PA

    O

    E F

    OR

    MA

    1.1- Descrever, interpretar, identificar e representar a movimentao de uma pessoa ou objeto no espao e construir itinerrios.

    - Noo de direo de sentido: percursos. . deslocamento nos espaos prximos ou em trajetrias familiares; . relato de orientao e deslocamento no espao; - Descrio de uma posio por meio do uso de expresses de referncia: frente, esquerda de, direita de, atrs de, etc.

    I

    1.3- Identificar pontos de referncia para situar e deslocar pessoas/objetos no espao.

    I

    1.4- Representar o espao por meio de maquetes, croquis e outras representaes grficas.

    . representao de deslocamento por meio de desenhos, mapas e plantas (para o reconhecimento do espao e localizao nele);

    I

    4.

    TR

    ATA

    ME

    NT

    O D

    A

    INF

    OR

    MA

    O

    4.1- Coletar, organizar e registrar dados e informaes (usando figuras, materiais concretos ou unidades de contagem).

    - Noes de registro de dados. I

    4.2- Criar registros pessoais para comunicao das informaes coletadas.

    - Organizao de dados. - Registro de dados em tabelas simples.

    I

    4.3- Ler e interpretar informaes e dados apresentados de maneira organizada por meio de listas, tabelas, mapas e grficos, e em situaes-problema.

    - Leitura e interpretao de dados em listas, tabelas, mapas, grficos. I

  • MATEMTICA

    3 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    3.

    N

    ME

    RO

    S E

    OP

    ER

    A

    E

    S

    L

    GE

    BR

    A E

    FU

    N

    E

    S

    3.4- Reconhecer nmeros naturais e decimais em diversas situaes (jornais, filmes, comrcio etc.).

    - Nmeros no dia a dia. I

    3.5- Escrever, comparar e ordenar nmeros naturais de qualquer grandeza.

    - Sistema de Numerao Decimal: . registro, leitura e escrita numrica de quantidades at 100 (Conforme o desempenho da turma, o professor poder ir alem). . contar at 100 ou mais de 2 em 2, de 3 em 3, de 5 em 5, de 10 em 10 . agrupamentos e desagrupamentos at 100 . valor posicional dos nmeros (dezena e unidade) . composio e decomposio de nmeros por parcelas, fatores, ordens e classes . agrupamento na base 10 . nmero par e impar . nmeros ordinais: funo, leitura e representao . representao escrita por extenso dos numerais . sries numricas em ordem crescente e decrescente . sinais convencionais para registrar adio e subtrao . clculo mental em situaes de atividade matemtica oral . relaes entre os nmeros: maior que, menor que, estar entre . estimativa . valorizao das mos como ferramenta na realizao de contagem e clculos . situaes de partilha com registro pictrico (atravs desenhos).

    I

    3.6- Interpretar e resolver situaes-problema, compreendendo diferentes significados das operaes envolvendo nmeros naturais.

    - Adio e subtrao de dois ou mais algarismos sem recurso (emprstimo) e sem reagrupamento. - As propriedades da adio e da subtrao. - Resoluo de situaes-problema com nmeros naturais, envolvendo diferentes significados da adio e subtrao.

    I

    2.

    GR

    AN

    DE

    ZA

    S E

    ME

    DID

    AS

    2.1- Comparar, atravs de estratgias pessoais, grandezas de massa e capacidade, tendo como referncia unidades de medidas no convencionais ou convencionais.

    - Medidas de capacidades: litro, meio litro e mililitro. - Medidas de massa: quilograma, grama, tonelada; . uso de balanas.

    I/T

    2.2- Reconhecer e utilizar, em situaes-problema, modelos concretos e pictricos, as unidades usuais de medida: massa e capacidade.

    I

  • 1.

    ES

    PA

    O

    E F

    OR

    MA

    1.7- Identificar tringulos e quadrilteros (quadrado, retngulo, trapzio, paralelogramo, losango) observando as posies relativas entre seus lados.

    - Figuras Planas: quadrado, tringulo e retngulo. - Tringulos e quadrilteros no Tangran. - Semelhanas e diferenas entre as formas geomtricas espaciais e planas.

    I

    4.

    TR

    ATA

    ME

    NT

    O D

    A

    INF

    OR

    MA

    O

    4.1- Coletar, organizar e registrar dados e informaes (usando figuras, materiais concretos ou unidades de contagem).

    - Noes de registro de dados. I

    4.2- Criar registros pessoais para comunicao das informaes coletadas.

    - Organizao de dados. - Registro de dados em tabelas simples.

    I

    4.3- Ler e interpretar informaes e dados apresentados de maneira organizada por meio de listas, tabelas, mapas e grficos, e em situaes-problema;

    - Leitura e interpretao de dados em listas, tabelas, mapas, grficos. I

  • MATEMTICA

    4 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    3.

    N

    ME

    RO

    S E

    OP

    ER

    A

    E

    S

    L

    GE

    BR

    A E

    FU

    N

    E

    S

    3.4- Reconhecer nmeros naturais e decimais em diversas situaes (jornais, filmes, comrcio etc.).

    - Nmeros no dia a dia. I

    3.5- Escrever, comparar e ordenar nmeros naturais de qualquer grandeza.

    - Sistema de Numerao Decimal: . registro, leitura e escrita numrica de quantidades at 100(Conforme o desempenho da turma, o professor poder ir alem). . contar at 100 ou mais de 2 em 2, de 3 em 3, de 5 em 5, de 10 em 10, de 25 em 25, de 50 em 50. . agrupamentos e desagrupamentos at 100 . valor posicional dos nmeros (unidade, dezena e centena) . composio e decomposio de nmeros por parcelas, fatores, ordens e classes . agrupamento na base 10 . nmero par e impar . nmeros ordinais: funo, leitura e representao . representao escrita por extenso dos numerais . sries numricas em ordem crescente e decrescente . o milhar . sinais convencionais para registrar adio e subtrao . clculo mental em situaes de atividade matemtica oral . relaes entre os nmeros: maior que, menor que, estar entre . estimativa . dobro, triplo, qudruplo . dzia, meia dzia . valorizao das mos como ferramenta na realizao de contagem e clculos . situaes de partilha com registro pictrico (atravs desenhos).

    I

    3.6- Interpretar e resolver situaes-problema, compreendendo diferentes significados das operaes envolvendo nmeros naturais.

    - Adio e subtrao de dois ou mais algarismos sem recurso (emprstimo) e sem reagrupamento. - Adio e subtrao de dois ou mais algarismos com recurso (reserva) e com reagrupamento. -As propriedades da adio e da subtrao. - Resoluo de situaes-problema com nmeros naturais, envolvendo diferentes significados da adio e subtrao. - Noes de multiplicao: possibilidades. - Noo de diviso: ideia de repartir.

    I

    3.7- Reconhecer e representar o nmero fracionrio em situaes significativas e concretas.

    - Fraes comuns: metades, teros, quartos, quintos, sextos e oitavos.

    I

    2.

    GR

    AN

    DE

    ZA

    S E

    ME

    DID

    AS

    2.4- Identificar instrumentos apropriados (relgios e calendrios) para medir tempo (incluindo dias, semanas, meses, semestres e ano).

    - Instrumentos de medida de tempo: calendrio, relgio.

    I

    2.2- Reconhecer e utilizar, em situaes-problema, modelos concretos e pictricos com sistema monetrio.

    - Sistema Monetrio: . reconhecimento e utilizao de cdulas e moedas; . leitura e escrita por extenso de valores

    I

  • 2.8- Identificar e comparar quantidade de dinheiro em cdulas e moedas.

    1.

    ES

    PA

    O

    E

    FO

    RM

    A

    1.7- Identificar tringulos e quadrilteros (quadrado, retngulo, trapzio, paralelogramo, losango) observando as posies relativas entre seus lados.

    - Figuras Planas: quadrado, tringulo e retngulo. - Tringulos e quadrilteros no Tangran. - Semelhanas e diferenas entre as formas geomtricas espaciais e planas.

    I

    4.

    TR

    ATA

    ME

    NT

    O D

    A

    INF

    OR

    MA

    O

    4.1- Coletar, organizar e registrar dados e informaes (usando figuras, materiais concretos ou unidades de contagem).

    - Noes de registro de dados. I

    4.2- Criar registros pessoais para comunicao das informaes coletadas.

    - Organizao de dados. - Registro de dados em tabelas simples.

    I

    4.3- Ler e interpretar informaes e dados apresentados de maneira organizada por meio de listas, tabelas, mapas e grficos, e em situaes-problema;

    - Leitura e interpretao de dados em listas, tabelas, mapas, grficos. I

  • ARTES: 1 ANO

    1 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    AR

    TE

    S V

    ISU

    AIS

    - Reconhecer em seres e objetos, em paisagens naturais e artificiais caractersticas expressivas das artes visuais.

    Caractersticas expressivas presentes em: pinturas; desenhos; esculturas; gravuras; paisagens naturais e artificiais; fotografias; produes informatizadas, outros.

    Elementos bsicos: ponto; plano; textura; forma; volume; luz; linhas.

    Percepo das variaes de cores, texturas, formas e luminosidade.

    I

    - Experimentar, selecionar e utilizar diversos suportes, materiais e tcnicas artsticas a fim de se expressar e se comunicar em artes visuais.

    Estudo das cores (cores primrias, secundrias, tercirias, cores frias e cores quentes), suas diversas representaes presentes na natureza.

    Seleo, manipulao e utilizao de: - Suportes: referncias bibliogrficas, visuais e audiovisuais. - Materiais: papis, tecidos, metais, plsticos, pincis, lpis, giz de cera, tintas, sucatas e outros. - Tcnicas artsticas: Desenho (lpis de cera, sobre lixa e impresso de folhas). Pintura (com rolos, peneira, barbante, papel dobrado e outros) Colagens (com papel, fitas, sementes, p de serragem, vidros, areia e outros). Esculturas (madeira, barro e outros). Dobraduras. Recortes.

    I

    - Criar e recriar produes de artes visuais, a partir de estmulos diversos tais como: a ao, a emoo, a observao de modelos naturais e artificiais e a apreciao de obras de arte.

    Formas plsticas e visuais em espaos diversos (bidimensional, isto , duas dimenses largura e altura e tridimensional, isto , trs dimenses largura, altura e volume).

    Colagem de figuras slidas (bidimensionais e tridimensionais) construindo objetos diversos (animais, formas humanas e outros).

    I

    - Apreciar suas produes visuais e as dos colegas por meio de observao, narrao, descrio e interpretao de imagens e objetos.

    Contato sensvel com obras produzidas para identificar, atravs da observao, leitura e anlise: - Caractersticas; - Tcnicas e procedimentos artsticos presentes nelas; - Ttulos; - Elementos utilizados como ponto, linha, forma, cor e textura; - Autor ou produtor.

    I

    - Desenvolver habilidades de elaborar registros pessoais para a sistematizao das experincias vivenciadas.

    Registro das experincias vivenciadas atravs dos seguintes instrumentos e recursos: - Trabalhos artsticos (desenhos, objetos, ilustraes). - Fotografia. - Relatos (orais e escritos). - Vdeo. - lbum - Portflio, - outros.

    I

  • ARTES: 1 ANO

    2 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    M

    SIC

    A

    - Perceber os sons ambiente (vozes, corpos e materiais sonoros) associando-os fonte.

    Identificao e diferenciao dos sons (corporais e ambientais). Parmetros do som (altura, intensidade) e Ritmo (ritmo do corpo e da linguagem).

    Percepo de sons musicais a partir de instrumentos tradicionais e alternativos (construdos com diferentes materiais ou reciclados).

    Percepo da origem e da direo dos sons.

    Audio de msicas que exploram sons da natureza, sons de instrumentos musicais e composies clssicas.

    I

    - Reconhecer diferentes gneros musicais.

    Conhecimento de vrias canes: - Ninar ou acalanto; - Roda e cirandas; - Populares; - Folclricas; - Religiosas; - Cvicas; - Modernas e outras.

    I

    - Conhecer diferentes ritmos em msicas do repertrio familiar, comunitrio, regional e nacional.

    Conhecimento de vrios ritmos musicais: - Forr - Samba - Hip Hop - Maracatu - Frevo e - outros.

    I

    - Elaborar formas de registro para documentar as experincias sonoras vivenciadas.

    Elaborao de pequenos relatrios, portflios ilustrados com desenhos e outros. I

    - Elaborar formas de registros pessoais para a sistematizao das danas vivenciadas em diferentes grupos socioculturais.

    Diferentes caractersticas das danas pertencentes a outros grupos socioculturais: Afro-descendentes, indgenas, imigrantes (alemo, italiano, portugus, japons e outros).

    Descries, fotografias, gravaes, portflios, desenhos e outros.

    I

  • ARTES: 1 ANO

    3 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    DA

    N

    A

    - Criar diferentes gestos a partir das danas vivenciadas compreendendo as possibilidades de transformao da expresso corporal.

    Formas dramticas movimentos corporais e expresses faciais (para representar ideias e sentimentos).

    Jogos dramticos ou no com base em histrias do repertrio infantil.

    Acompanhamento de diferentes ritmos com o corpo (intenso moderado lento) explorando todos os planos de ao do movimento (alto, mdio, baixo), elaborando e explicitando diferentes interpretaes diante de diversos timbres (intensidade) de sons.

    Coreografias (solo-individual ou pequenos grupos) que expressem sentimentos e sensaes (medo, coragem, amor, raiva, etc.) identificando-as em aes pessoais ou em aes de outras pessoas e no contexto escolhido.

    Movimentos em duplas ou grupos contrapondo qualidade de movimentos: leve e pesado, rpido e lento, direto e sinuoso, alto e baixo.

    I

    - Identificar as principais caractersticas das danas apreciadas e vivenciadas em diferentes grupos socioculturais.

    Agilidade, equilbrio e coordenao.

    Caractersticas da dana: nmero de participantes, ritmo, significado da dana, papeis, funes e movimentos durante a prtica.

    I

    - Perceber e compreender a estrutura e o funcionamento do corpo humano, como forma de expresso e comunicao.

    Noes bsicas de estrutura e funcionamento do corpo.

    Explorao do prprio corpo: postura, lateralidade, locomoo e respirao.

    Noes de direo e movimento: horizontal, vertical, diagonal, para cima, para baixo e para os lados.

    Observao das caractersticas corporais individuais: a forma, o volume e o peso.

    Conhecimento dos diferentes tecidos que constituem o corpo humano (pele, msculo e ossos).

    I

    - Compreender as diferentes possibilidades de movimento do corpo na dana.

    Conhecimento e experimentao das possibilidades do corpo na dana: impulsionar, flexionar, contrair, elevar, alongar, relaxar, etc., identificando-as em diferentes modalidades da dana.

    Reconhecimento e realizaes de movimentos do corpo e de suas partes, em diferentes posies, de acordo com as possibilidades individuais.

    I

    ARTES: 1 ANO

    4 BIMESTRE

    EIXO CAPACIDADE CONTEDO 1 ANO

    TE

    AT

    RO

    - Experimentar o teatro com o corpo, identificando as habilidades necessrias ao desenvolvimento das expresses: facial, gestual e sua conjugao com vocalizaes e sons.

    Participao em jogos teatrais (estimulam a relao com o outro, a criatividade, a expressividade do corpo, a desenvoltura e a concentrao). Jogos teatrais: - Mmica. - Dito popular. - Profisses. - Troca de mscaras, outros.

    Inter-relao de personagem: amor, dio e outros.

    I

    - Compreender e apreciar as diversas possibilidades teatrais produzidas pelas diferentes culturas.

    Assistir as manifestaes artsticas teatrais em diversas modalidades e gneros. Modalidades: mscaras, fantoche boneco, sombra, pantomima, etc. Gneros: comdia, drama, trama, tragdia e musical.

    I

    - Elaborar formas de registro pessoais para a sistematizao das experincias observadas e vivenciadas.

    Descries, pequenos relatrios, fotografias, gravaes, portflios, desenhos e outros. I

  • GNEROS SUGERIDOS PARA O TRABALHO NO 1 ANO

    1- Poemas

    2- Trava-lngua

    3- Cantigas Msicas

    4- Parlendas

    5- Listas

    6- Lendas

    7- Mitos

    8- Provrbios

    9- Contos (Histrias Era uma vez)

    10- Sinopse de Filmes

    11- Receitas Culinrias

    12- Tirinhas

    13- Histria em Quadrinho

    14- Cartazes (Cardpio, aniversariantes, ajudantes)

    15- Adivinhas

    16- Bilhete

    17- Quadrinha

    18- Instrues de Jogos

    19- Rtulos e embalagens

    20- Pardia

    21- Smbolos, placas.