Jornal do dia 12/07/2011

  • Published on
    11-Mar-2016

  • View
    243

  • Download
    29

DESCRIPTION

atosefatos

Transcript

  • ATOS E FATOSAno XXIII - nmero 2.800 PREO R$ 1,00 Outros Estados R$ 1,50E-mail: jornalatosefatos@yahoo.com.brSo Lus-MA, Tera-feira, 12 de Julho de 2011

    DEPUTADOS NO INVESTIGAMACUSAO DE AGIOTAGEM NA AL

    COM MEDO DA CASSAO

    Faltou coragem para a Assemblia Legislativaaceitar o desafio do deputado Raimundo Cutrim, que pretendia investigar a escandalosa egrave denncia de que deputados maranhenses estavam envolvidos em agiotagem, ven-dendo emendas parlamentares, que deveriam ser investi-das em benefcio do povo, um crime catalogado na legis-lao brasileira. Depois da denncia veiculada no blog doDcio S e na imprensa nacional, o deputado RaimundoCutrim (DEM), indignado, declarou que ia apresentar Re-querimento pedindo a investigao da denncia. E dissemais: "Quem no assinar o Requerimento de investiga-o est assinando sua confisso de culpa".

    PGINA 2O jornalista Ricardo Galhar-

    do, do iG, divulgou que"duas dcadas depois da

    queda do Muro de Berlim, oPartido Comunista do Brasil

    (PC do B) prepara o maiorsalto eleitoral em seus

    quase 90 anos de histria.Capitalizado pelos mais deoito anos de presena nos

    governos Luiz Incio Lula daSilva e Dilma Rousseff, o

    partido pretende lanar oitovezes mais candidatos a

    prefeito em 2012 do que em2008." No projeto do PC do

    B est a eleio de FlvioDino, em So Luis.PGINA 2

    Deputado estadualRaimundo Cutrim

    SALTO ELEITORALProjeto do PC do Bquer Dino prefeito

    em So Lus

    Flvio Dino

    O corregedor-geral da Justia,desembargador Antonio Guer-reiro Jnior, e assessores esti-veram na manh de ontem, 11,em Bom Jardim e Z Doca, noincio do terceiro ciclo de inspe-o a comarcas que empreen-de no ano. PGNA 3

    Corregedor inicianova inspeoem comarcas

    Prefeitura de Rosrio realizareforma no Mercado de Peixe

    TRF suspende liminar que impedia prolongamento da Av. LitorneaPGINA 2

    A Prefeitura de Rosrio, por meioda Secretaria Municipal de Infra-estrutura, est executando a refor-ma do Mercado do Peixe (foto).Fundado em 1994, essa primeiravez que o espao recebe melhori-as na sua parte fsica. O servioest sendo realizado com recursosdo poder pblico municipal.

    PGINA 2

    Servio de telefonia mvel no Maranho ser tema de reunioPOLITICANDO - Pgina 3

    Rigo Teles elogia Notana Mo e quer incentivo

    a times do interiorO deputado Rigo Teles(foto) registrou a participa-o do secretrio de Esta-do da Fazenda, Jos Clu-dio Trincho, na reunio re-alizada no comeo da tar-de de ontem, na sala decomisses da AssembliaLegislativa do Estado, paradebater o programa "VivaNota na Mo", idealizadopelo governo para incenti-var o esporte no Maranho.Rigo quier incentivas timesdo interior do Estado.

    PGINA 2

    Rose Sales discuteproblema de racismocom reitor da UfmaP

    G

    INA

    3

  • G E R A Latosefatos@elo.com.br2

    ATOS E FATOS www.atosefatos.jor.brSo Lus-MA, Tera-feira, 12 de Julho de 2011

    Deputados no investigamacusao de agiotagem na AL

    COM MEDO DE CUTRIM

    Faltou coragem para aAssemblia Legislativa acei-tar o desafio do deputadoRaimundo Cutrim, que pre-tendia investigar a escanda-losa e grave denncia de quedeputados maranhenses es-tavam envolvidos em agiota-gem, vendendo emendas par-lamentares, que deveriam serinvestidas em benefcio dopovo, um crime catalogado nalegislao brasileira.

    Depois da denncia veicu-lada no blog do Dcio S ena imprensa nacional, o de-putado Raimundo Cutrim(DEM), indignado , declarouque a apresentar Requeri-mento pedindo a investiga-o da denncia. E dissemais: "Quem no assinar oRequerimento de investiga-o est assinando sua con-fisso de culpa".

    Ontem, segunda feira, os

    deputados rejeitaram a pro-posta com 19 votos contra, 14ausentes e apenas 9 votarama favor do Requerimento deInvestigao apresentado porCutrim. Foi o sinal para quealguns deputados garantis-sem que muitos parlamenta-res estavam com medo de queo resultado das investigaeslevasse a um grande nmerode cassaes na AssembliaLegislativa do Maranho.

    O pedido de criao deuma Comisso para investi-gar denncias de que depu-tados estariam negociandoos recursos de suas emen-das com agiotas conhecidosda cidade, feito pelo deputa-do Raimundo Cutrim, pelovisto, causou arrepios e mui-to medo entre os deputadosestaduais do Maranho.

    De acordo com a propos-ta do parlamentar, uma Co-

    misso, formada por seisdeputados, iria investigar asdenncias de agiotagem ede pssimo uso das emen-das parlamentares.

    A transao seria mais oumenos a seguinte: o deputa-do estaria vendendo as emen-das para os agiotas com odesgio entre 30% 50%.

    Veja como votaramos deputados:

    A favor: Bira do Pindar(PT), Carlinhos Amorim(PDT), Cleide Coutinho (PSB),Eliziane Gama (PPS), Gard-nia Castelo (PSDB), Marce-lo Tavares (PSB), Neto Evan-gelista (PSDB), RaimundoCutrim (DEM) e Rubens J-nior (PCdoB).

    Contra o requerimento:Arnaldo Melo (PMDB), Ale-xandre Almeida (PTdoB),

    Andr Fufuca (PSDB), Anto-nio Pereira (DEM), Tat Mi-lhomem (DEM), Edson Ara-jo (PSL), Carlinhos Florn-cio (PHS), Eduardo Braide(PSB), Francisca Primo (PT),Hlio Soares (PSDB), JotaPinto (PR), Lo Cunha(PSC), Magno Bacelar (PV),Raimundo Louro (PR), RigoTeles (PV), Roberto Costa(PMDB), Stnio Rezende(PMDB), Vianey Bringel(PMDB) e Z Carlos (PT).

    Ausentes: Afonso Mano-el (PMDB), Camilo Figueire-do (PDT), Carlos Filho (PV),Csar Pires (DEM), Dr. P-dua (PP), Edilzio Jr. (PV),Edivaldo Holanda (PTC), He-metrio Weba (PV), LucianoLeitoa (PSB), Fbio Braga(PMDB), Manoel Ribeiro(PTB), Marcos Caldas (PRB),Rogrio Cafeteira (PMN) eValria Macedo (PDT).

    SALTO ELEITORAL

    Projeto do PC do B querDino prefeito em So Lus

    O jornalista Ricardo Ga-lhardo, do iG, divulgou que"duas dcadas depois daqueda do Muro de Berlim, oPartido Comunista do Brasil(PC do B) prepara o maiorsalto eleitoral em seus qua-se 90 anos de histria. Capi-talizado pelos mais de oitoanos de presena nos gover-nos Luiz Incio Lula da Silvae Dilma Rousseff, o partidopretende lanar oito vezesmais candidatos a prefeitoem 2012 do que em 2008."

    Explica Galhardo que "naltima eleio municipal, oscomunistas j haviam batido

    um recorde ao lanarem 190candidatos contra 108 dopleito de 200".

    - claro que a participaono governo federal deu uma di-menso maior ao partido- ad-mitiu Rabelo. "Antes, como sedizia, a gente tinha que caaras pessoas para elas se filia-rem. Hoje elas batem na nos-sa porta", completou.

    O PC do B, segundo Ga-lhardo, pretende lanar can-didatos prprios em PortoAlegre (RS), onde ManuelaD'Avila lidera as pesquisas;So Lus (MA), com FlavioDino a desafiar a famlia Sar-

    ney; Olinda (PE), governadapelo comunista Renildo Ca-lheiros; Salvador (BA), cujacandidata Alice Portugal;Fortaleza, com o senador In-cio Arruda, e So Paulo, ondeo vereador Netinho de Paulaj conta com o apoio do PDT.

    "Estamos trabalhando hmuito tempo neste projeto determos candidatos nas princi-pais cidades e capitais mas emface de compensaes pode-mos apoiar candidatos de ou-tros partidos em algumas des-tas cidades", disse Rabelo.

    Em troca das citadascompensaes o PC do B vai

    abrir mo de pelo menos duascandidaturas com potencialem Belo Horizonte (MG),onde J Moraes no vai dis-putar a prefeitura em nome daaliana com Mrcio Lacerda(PSB), e Rio de Janeiro (RJ),com Jandira Fegali "poupadapara outras disputas".

    Depois de ameaar ementrevista ao iG romper com oPT, o PC do B deve focar suapoltica de alianas nos parti-dos da base aliada do governoDilma. As excees so emMacap (AP) e Belm (PA),cidades em que o PC do Bdeve se aliar ao PSOL.

    Rigo Teles elogia Nota na Mo equer incentivo a times do interior

    O deputado Rigo Teles(PV) ocupou a tribuna da As-sembleia, ontem (11), para re-gistrar a participao do se-cretrio de Estado da Fazen-da, Jos Cludio Trincho, nareunio realizada no comeoda tarde, na sala de comis-ses, para debater o progra-ma "Viva Nota na Mo", idea-lizado pelo governo para incen-tivar o esporte no Maranho.

    Durante a reunio, o secre-trio Cludio Trincho revelouque o programa "Viva Nota NaMo" ser lanado no come-o de agosto deste ano. Se-gundo ele, a Secretaria deEstado da Fazenda constatouque ser possvel arrecadarpara ajudar os times que dis-putam o campeonato mara-nhense na primeira diviso.

    Para Rigo Teles, a presen-a do secretrio Cludio Trin-cho foi muito importantepara esclarecer aos deputa-dos, desportistas e setoresda imprensa do que se tratarealmente o "Viva Nota naMo". Segundo o deputado,sem dvida alguma o progra-ma vai incentivar esportemaranhense, que enfrentaproblemas srios.

    Por outro lado, o parla-mentar defende que o incen-tivo deve ser extensivo aostimes do interior do Estado."O Campeonato Maranhenseno disputado apenas peloSampaio Corra, Moto Clu-be e pelo Maranho AtlticoClube. Os times do interiortambm so importantespara o renascimento do fute-

    bol maranhense", disse.Rigo observa que no final do

    ms, os times que disputarama primeira diviso do Campeo-nato Maranhense iniciam aCopa Unio. "O incentivo im-portante para estes times. importante tambm que osconsumidores exijam todas asnotas de compras e troquempelos ingressos, para participardo nosso futebol", apelou.

    RENASCIMENTO - Teleslembra que o futebol mara-nhense j viveu grandes mo-mentos, mas estava decain-do por falta de incentivo. Naavaliao de Rigo, a governa-dora Roseana Sarney(PMDB) e o secretrio Clau-dio Trincho esto de para-bns. O deputado destacou,ainda, a participao do se-

    cretrio de Esportes JoaquimHaickel no incentivo ao fute-bol maranhense.

    Deputado Rigo Teles

    TRF suspende liminar queimpedia prolongamento

    da Avenida LitorneaO Tribunal Regional Fede-

    ral (TRF) da 1 regio, acolhen-do pedido da ProcuradoriaGeral do Municpio (PGM), sus-pendeu a tutela antecipadaconcedida pelo juiz de direitoda 8 Vara da Justia Federal,Ricardo Macieira, que impediaas obras de prolongamento daAvenida Litornea pela Prefe-tura de So Lus. A deciso foiproferida pelo desembargadorOlindo Menezes, presidente doTRF da Primeira Regio.

    No dia 22 de junho, o juizda 8 Vara Federal havia de-terminado a suspenso dosefeitos da licena prvia n 006/2010 e de suas possveis re-novaes concedidas pelaSecretaria Municipal de MeioAmbiente. Ainda na deciso,o magistrado determinou queo municpio de So Lus seabstivesse de expedir qualquertipo de licena ambiental aoempreendimento da amplia-o da Avenida Litornea.

    Inconformada com a deci-so, a Procuradoria Geral doMunicpio ajuizou pedido desuspenso de antecipaode tutela (processo n3882647/2011) onde foi argu-do pela PGM que a tutelaantecipada feria a ordem ad-ministrativa, "j que o mnic-pio de So Lus ficaria impos-sibilitado da implementaodas polticas pblicas, mor-mente aquelas afetas ma-lha viria, to necessriaspara atender aos interessesda populao ludovicense".

    Ao suspender a decisodo juiz da 8 Vara Federal, odesembargador presidente doTRF pontuou que o licencia-mento no representa agres-so ao meio ambiente, poisse trata de ato administrativoque permite o detalhamentodo projeto de construo daobra, sendo dessa forma peloque deferiu a suspenso plei-teada tornando sem efeito adeciso que cassava a licen-a da Semman.

    OBRA LIBERADA - O pro-curador-geral do Municpio deSo Lus, Francisco CoelhoFilho, explicou que, com essadeciso, o municpio de SoLus est "liberado a dar pro-seguimento aos licenciamen-tos necessrios para o inciodas obras de prolongamentoda Avenida Litornea comouma das metas prioritrias daatual gesto municipal."

    A expanso da Litornea,em 1,14 quilmetro, e a dupli-cao e prolongamento da Ruadas Cegonhas em uma exten-so de 0,74 quilmetro at aavenida so partes integrantesde um conjunto de soluesvirias a serem implantadaspara a melhoria do trnsito nacapital maranhense.

    Pelo estudo tcnico, aampliao da Litornea alcan-ar uma rea de 87.470 me-tros quadrados. Destes,68.856 metros quadrados es-to inseridos no local da ave-nida e os 18.574 restantes noentorno da Rua das Cegonhas.

    Prefeitura de Rosriorealiza ampla reforma no

    Mercado de PeixeA Prefeitura de Rosrio, por

    meio da Secretaria Municipal deInfraestrutura, est executandoa reforma do Mercado do Peixe.Fundado em 1994, essa pri-meira vez que o espao recebemelhorias na sua parte fsica.O servio est sendo realizadocom recursos do poder pblicomunicipal. O projeto anunciadopelo prefeito Marconi Bimba(PRP), uma antiga reivindica-o de comerciantes e usuri-os. A reforma do local contem-pla toda instalao eltrica e hi-drulica, ampliao do espao,recuperao do telhado, boxesde venda de peixe, alm da co-locao de canaletas que facili-taro o escoamento da gua.

    De acordo com o prefeitoMarconi Bimba, a reforma rea-lizada no Mercado do Peixe, vaiproporcionar mais conforto, hi-giene e bem-estar, a quem vai busca de pescado e aos co-merciantes que diariamentecomercializam peixe. "O objeti-vo dessa reforma garantir aostrabalhadores e clientes con-dies dignas de higiene o queir influenciar diretamente naqualidade dos servios pres-tados e dessa forma, proporci-onar um aumento nas ven-das", informou Bimba.

    O comerciante Jos Riba-mar, 56 anos, comenta que h10 anos trabalha como vende-dor no Mercado do Peixe. Paraele essa reforma era algo ex-tramente necessrio. "Antesmuitas pessoas no vinhamcomprar peixe aqui por contadas condies do local e aque-les que freqentavam reclama-vam muito do estado do local.

    Mas, hoje, com essa nova es-trutura, temos condies de tra-balhar de forma mais limpa ehiginica", diz ele enfatizandoque atravs do seu trabalho, que retira seu sustendo e dosseus cinco filhos.

    Para o secretrio Municipalde Infraestrutura, HenriqueTeixeira, a recuperao doMercado um investimentopor parte da Prefeitura que tra-r benefcios para as pesso-as que trabalham naquele es-pao. "A reforma tambm atin-gir a parte interna dos boxes,proporcionando mais segu-rana aos freqentadores efuncionrios do local", disse.

    MODERNIZAO - As no-vas instalaes do MercadoMunicipal de Peixe tero boxesmais modernos com divisri-as de vidro, revestimento emazulejo, piso em cermica,bancadas de granito, esqua-drias de alumnio. Alm disso,ser feita a reforma da redecoletora de esgoto, construode novos banheiros e retiradoo antigo telhado para a cons-truo de um novo. O merca-do estava em situao caticae no oferecia condies m-nimas de trabalho. O munic-pio de Rosrio tem mais de50 embarcaes que traba-lham diariamente na capturado pescado. Banhado pelo RioItapecuru, Rosrio possuiduas entidades de pescado-res - Colnia e Sindicato dapesca - com mais de 600 pro-fissionais entre marisqueiros,catadores e pescadores ematividade, ligada Federaoe Confederao de Pesca.

  • Presidente do TRE discorda do novomodelo de promoo de juzes

    CHOQUEP O L T I C Aatosefatos@elo.com.br3

    ATOS E FATOS www.atosefatos.jor.brSo Lus-MA, Tera-feira, 12 de Julho de 2011

    Servio de telefonia mvel noMaranho tema de reunio (I)Devido s inmeras reclamaes em relao aoservio prestado por algumas operadoras de tele-fonia mvel no Estado, a Gerncia de Proteo eDefesa dos Direitos do Consumidor (Procon-MA),o Ministrio Pblico Estadual e a Assembleia Le-gislativa do Maranho reuniram-se, na tarde de on-tem (11), para definir as estratgias de atuao emrelao s operadoras de telefonia mvel. O localdo encontro ser a sede da Secretaria de Estadode Direitos Humanos e Cidadania (Avenida GetlioVargas, n 2.158, Monte Castelo).

    Servio de telefonia mvel noMaranho tema de reunio (II)Recentemente, a operadora TIM teve seus servi-os suspensos por alguns dias, depois de umanotificao do Procon-MA. De forma cautelar, aoperadora ficou proibida de comercializar ou habi-litar novas linhas no Maranho enquanto no com-provar que foram instalados e esto em perfeitofuncionamento os equipamentos necessrios esuficientes para atender s demandas dos seusconsumidores. No dia seguinte, a TIM conseguiuliminar, derrubando a deciso do Procon-MA.

    Servio de telefonia mvel noMaranho tema de reunio (III)Aps a reunio, membros da comisso, formadapela Secretaria de Estado de Direitos Humanos eCidadania, Luiza Oliveira; o gerente do Procon-MA,Felipe Camaro; a promotora de Justia do Con-sumidor, Ltia Cavalcanti; e o deputado Z Carlosrecebem a imprensa para divulgar as decisesacertadas durante o encontro

    Carro pega fogo no ptioda Assembleia LegislativaUm veculo modelo Celta pegou fogo na tarde deontem (11), no ptio da Assembleia Legislativa doMaranho, no bairro Cohafuma. Segundo informa-es o carro de uma funcionria do gabinete dasComisses e teria tido uma pane eltrica. De acor-do com a assessoria de comunicao da Assem-bleia Legislativa, o fogo foi controlado pela brigadade incndio. Ningum ficou ferido.

    Interessante a deciso da alta c-pula do PR, partido que foi flagra-do por montar um antro de corrup-o no Ministrio dos Transportes.

    &&&Sem nenhum nome para substituir osenador Alfredo Nascimento na pas-ta, o PR agora ameaa fazer Oposi-o ao governo de Dilma Roussef.

    &&&Poucos prefeitos comparecerem auma srie de audincias pblicasna regio da Baixada Maranhense.

    &&&Mesmo assim, o deputado Jota Pin-to, autor da Frente em Defesa daBaixada, considerou positivo os tra-balhos da AL.

    Por Djalma Rodrigues djalrodrigues@bol.com.br

    O presidente do TribunalRegional Eleitoral do Mara-nho (TRE-MA), desembar-gador Raimundo Freire Cu-trim, discordou, ontem (11),da ideia apresentada pelocolega Jos Luis Almeida eacatada pela CorregedoriaGeral de Justia, de que osjuzes s podero ser remo-vidos ou promovidos casovenham a residir em suasrespectivas comarcas.

    "No tem cabimento essemodelo, porque isso s po-der vigorar mediante umaresoluo a ser apreciadapelo Pleno da Corte e jamaispor fora de uma decisomonocrtica", disse Raimun-do Freire Cutrim.

    Ele declarou no ter sen-tido a vinculao de residn-cia ou realizao de audin-cias para que o magistradopossa se inscrever para pro-

    moo ou remoo. Confor-me o dirigente da JustiaEleitoral do Maranho, que jfoi corregedor geral e presi-dente do Tribunal de Justia,os juzes devem marcar au-dincias de acordo com suasconvices.

    Ele enfatiza que o Plenodo TJ certamente no aprova-r essa medida. RaimundoCutrim disse ainda que vaiprovocar a Corte na prximasesso administrativa, parapor abaixo essa idia. "Osjuzes do Maranho compemum grupo dos que mais pro-duzem no Pas e eles nopodem ser penalizados commedidas como essa, queeles consideram injusta e atcerto ponto arbitrria", desta-cou Raimundo Cutrim.

    Para ele, o que deve nor-tear a remoo ou promoodos magistrados a produ-

    tividade, a correo e o tem-po efetivo de servio. Eleacha que o CNJ no apoiaressa iniciativa.

    PEC DOS 75 ANOS - Ra-imundo Freire Cutrim afirmouser favorvel Proposta deEmenda Constitucional (PEC),ora em trmite no CongressoNacional, que eleva para 75anos a idade limite para o ser-vidor pblico se aposentar.

    Disse que hoje, a pers-pectiva de vida do brasileiroaumentou consideravelmen-te. Cutrim destaca que seessa PEC for aprovada, oservidor poder ficar ou nona ativa at os 75 anos, jque ela facultativa.

    Ele observa que essa al-terao trar benefcios parao Pas e para os Estados, queenfrentam problemas com odficit previdencirio. "Noestou advogando em causa

    prpria, porque j exerci to-dos os cargos de direo noJudicirio e, quando me apo-sentar, levarei meus venci-mentos integrais, ao contr-rio daqueles que esto ingres-sando atualmente na Justia,que s sero aposentadoscom base na Previdncia".

    No entendimento de Rai-mundo Cutrim, at injustoque se mande para casa pes-soas com alta capacidadeintelectual. Ele d comoexemplo o ministro AyresBritto, do STF, que j estchegando aos 70 anos e en-trar na compulsria. "Idadeno significa falta de capaci-dade. Vejo o exemplo do pre-sidente do Congresso, o se-nador Jos Sarney, que, aos81 anos, est em plena ativi-dade, sendo um dos maisbrilhantes parlamentares doPas", acrescentou.

    Corregedorinicia nova

    inspeo emcomarcas

    O corregedor-geral da Jus-tia, desembargador AntonioGuerreiro Jnior, e assesso-res estiveram na manh deontem, 11, em Bom Jardim eZ Doca, no incio do tercei-ro ciclo de inspeo a comar-cas que empreende no ano.

    Em Z Doca, os juzesGisele Rondon (1 Vara) eRogrio Rondon (2 Vara)guiaram o corregedor em vi-sita ao Frum Casa da Justi-a, que reformado pelo Tri-bunal de Justia. A pintura doprdio j foi concluda e temincio agora a urbanizao darea em frente ao frum.

    O Frum de Bom Jardimtambm recebeu servios dereforma - de "excelente qualida-de", reconhecem os servidores.

    No comeo da tarde, ocorregedor esteve no FrumDesembargador Sarney Cos-ta, em Santa Luzia do Paru.Com as frias do juiz titularRodrigo Costa Nina, respon-de pela comarca o juiz Pau-lo Roberto Brasil Teles deMenezes, de Maracaum.

    At a prxima semanaGuerreiro Jnior visitar maisde 30 comarcas, incluindo oSul do estado e a Baixada.

    Rose Sales tem uma audinciana Ufma e trata do assunto racismo

    Ao ocupar a tribuna daCmara Municipal de SoLus, na manh de ontem, (11),a vereadora Rose Sales(PCdoB) comunicou aos pre-sentes que como articuladorada Frente Parlamentar do Ne-gro esteve em audincia como reitor da Ufma (UniversidadeFederal do Maranho), profes-sor Natalino Salgado, atenden-do solicitaes do FIPPIR (F-rum Intergovernamental dePolticas da Promoo daIgualdade Racial) e do UNE-GRO (Unio de Negros pela aIgualdade), juntamente comrepresentantes do MovimentoNegro do Maranho (Conselho

    Estadual Afro Descendente,Secretaria Estadual da Igual-dade Racial e UNEGRO.

    No encontro "dialogamoscom o reitor para saber quaisas providncias tomadas me-diante ao absurdo da prticade racismo do professor Clo-ves Saraiva, do curso de En-genharia Qumica, contra oestudante nigeriano NuhuNayuba", afirmou a vereadoracomunista. Na oportunidade,segundo ele "o reitor Natali-no Salgado ressaltou queeste foi um fato pontual queno faz parte da conduta ins-titucional, uma vez que estatem trabalhado pela incluso

    tnica racial e social".Continuando, a parlamen-

    tar do PCdoB enfatizou que"ainda fizemos conjuntamen-te pedidos de que no hajaretaliao aos alunos pelaformalizao da denncia, eo reitor descartou qualquerpossibilidade dessa nature-za, uma vez que a instituioagiu com rigor imediato abrin-do processo administrativocontra o professor ClovesSaraiva e enviou pedido namesma data ao MinistrioPblico Federal".

    Rose Sales conseguiucom o reitor o compromissopara uma nova data para ou-tro encontro "para que pos-samos alinhavar com o Mo-vimento negro do Maranhoe a secretaria de IgualdadeRacial novas aes", e finali-za: "foram feitos pedidos quesejam ampliadas aes afir-mativas pela igualdade raci-al junto aos docentes comotambm a implementaodas Leis 10.639/07 e 11.645/10, com apoio no s dasinstituies presentes co-nosco, mas das demais ins-tituies que militam no Mo-vimento Negro, como tam-bm do Diretrio Central deEstudantes e do Ncleo deEstudos Afro-Brasileiros".

    Vereador Rose Sales conversa com Reitor da UFMA

    Vereador Edmilson Jansen quer entidadesfiscalizando transporte coletivo urbano

    Est em tramitao naCmara o projeto de Lei 087/2011, de autoria do vereadorEdmilson Jansen (PTC),que assegura a participaode Associaes de Morado-res ou entidades similaresna elaborao, execuo efiscalizao da poltica detransporte coletivo urbano

    de So Lus.Para efetivar a participa-

    o assegurada nesta Lei,as Associaes de Morado-res ou entidades constitu-das e registradas h mais deum ano, que realizem reuni-es peridicas abertas aqualquer morador interessa-do, credenciaro, cada uma,

    junto Secretaria Municipalde Trnsito e Transporte(SMTT), um membro dosseus quadros de moradorespara ser seu representantee fiscal no que diz respeitoaos transportes coletivosque afetem a comunidade.

    Para o vereador EdmilsonJansen, "a importncia da

    participao de representan-tes das comunidades na po-ltica de transporte coletivourbano prende-se ao fato deque so elas que convivemcom o dia a dia das empre-sas de nibus em seus bair-ros, como tambm sabemdas necessidades dos usu-rios/moradores".

  • DIRETORA GERALNonata Marques

    FUNDADOR:Udes Lemos da Cruz

    E-mails: atosefatos@elo.com.br/jornalatosefatos@yahoo.com.brSite: atosefatos.jor.br

    O jornal Atos e Fatos uma publicao daCOPIDESK GRAFICA EDITORA E PROPAGANDA

    Redao e parque grfico-Avenida Guaxenduba - n 285 -Centro - Fone: 3254-0597-CEP-65000-000

    CNPJ. 23.671.134/0001-30

    SUPERINTENDENTEJorge Luis Raiol

    EDITORDjalma Rodrigues

    G E R A Latosefatos@elo.com.br4

    ATOS E FATOS www.atosefatos.jor.brSo Lus-MA, Tera-feira, 12 de Julho de 2011

    A TODO VAPORPrefeitura intensifica revitalizaoda avenida Daniel de La ToucheFrente reforada!Presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Melo,alm de comandar a abertura, participou ativamente da quartaaudincia pblica da Frente Parlamentar em Defesa da Baixa-

    da, desta vez no municpio de Cururupu. Arnaldo hipotecou ototal apoio da Assembleia luta pelo desenvolvimento da Baixa-da e pediu a unio dos prefeitos e lideranas polticas para umaao conjunta. Arnaldo Melo pediu aos prefeitos, vereadores elideranas polticas que lotaram a audincia no Espao da Ci-dadania, em Cururupu, que acreditem na luta da Frente Parla-mentar em transformar a regio em um grande celeiro de pro-duo. Ele disse no ter dvida que o Maranho em breve seruma das melhores reas produtivas do Brasil, lembrando quehoje o Estado o maior produtor de soja e de carne bovina dopas, cujo rebanho j passa de oito milhes de reses.

    Combate ao CrackCom as presenas do Ministrio Pblico, atravs dos promoto-res Claudio Cabral e Ruy Carvalho, Associao do Ministrio P-blico, representada pelo promotor Augusto Cutrim, Policia Militar,representada pelo coronel Silva Filho, Centro de Ateno Psicos-social (Caps), representado pela mdica Lisieux Campos, Fun-dao da Criana e do Adolescente, representada pela presiden-te Floripes Pinto e jovens voluntrios da Fazenda Esperana, aFrente Parlamentar de Combate ao Crack e outras drogas noMaranho realizou, na manh de ontem, uma reunio preliminarcom o objetivo de traar um plano de trabalho para direcionar aatuao da Frente. A reunio foi conduzida pelo deputado Alexan-dre Almeida (PT do B), presidente da Frente Parlamentar de Com-bate ao Crack, tendo ainda as presenas da deputada VianeyBringel (PMDB) e do deputado Bira do Pindar (PT).

    Presena marcanteA deputada estadual Valria Macedo, participou ativamente, noltimo final de semana, da Exposio Agropecuria do munic-pio de Porto Franco, comandada pelo prefeito Deoclides Mace-do. Se fazendo acompanhar do advogado Marco Aurlio e dedemais assessores, amigos e correligionrios, a parlamentaravaliou o encontro como positivo. Um outro ponto destacadopela deputada, foram os altos negcios realizados o que reforaa economia do municpio. Outro parlamentar que esteve na re-gio Sul, no final de semana, foi o deputado Carlinhos Amorim,que participou de exposio e outros encontros em Imperatriz.

    Obras intensificadasA Prefeitura de So Lus, por meio da Secretaria Municipal deObras e Servios Pblicos (Semosp), est intensificando a obrade revitalizao do pavimento da avenida Daniel de La Touche, notrecho que compreende o semforo prximo avenida Mrio An-dreazza at o elevado da Cohama. Este o segundo trecho da viaque passa pelas intervenes. Segundo o secretrio municipalde Obras e Servios Pblicos, Marcos Aurlio Freitas, a via estparcialmente interditada no horrio de 7h s 16h de domingo adomingo para que as intervenes sejam executadas no tempoexato do cronograma estabelecido para a avenida.

    FIM DE PAPO

    Equipes da Secretaria Municipal de Trnsito e Trans-portes (SMTT), com agentes de trnsito, esto monito-rando e disciplinando o trnsito com rdios-amadorese dispondo cones na avenida para garantir seguranaaos motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres.

    /////A obra na avenida Daniel de La Touche compreende umaextenso de 13.230,00m.

    /////Os servios de revitalizao esto sendo executadosnos dois sentidos da via.

    /////A revitalizao asfltica inclui fresagem do pavimento antigo (oque consiste na retirada do pavimento existente em trechostotalmente danificados); aplicao de CBUQ (nova camada as-fltica) e reperfilagem (nivelamento dos pontos com depresses).

    /////As obras fazem parte do Plano Macro de Revitalizaodas Avenidas de So Lus, orado em R$ 37,5 milhes,que contemplar ao todo 144,8 km de vias.

    /////O programa est sendo executado com recursos municipais.

    Por Anacleto Arajo anacletoaraujo@yahoo.com.br

    A Prefeitura de So Lus,por meio da Secretaria Mu-nicipal de Obras e ServiosPblicos (Semosp), est in-tensificando a obra de revita-lizao do pavimento da ave-nida Daniel de La Touche, notrecho que compreende osemforo prximo avenidaMrio Andreazza at o ele-vado da Cohama. Este osegundo trecho da via quepassa pelas intervenes.

    Segundo o secretrio mu-nicipal de Obras e ServiosPblicos, Marcos Aurlio Frei-tas, a via est parcialmenteinterditada no horrio de 7h s16h de domingo a domingopara que as intervenes se-jam executadas no tempoexato do cronograma estabe-lecido para a avenida.

    "Para que os serviossejam feitos ininterruptamen-te, as equipes da Semospprecisam trabalhar de manh,tarde e at a noite. Por estarazo, as intervenes notrnsito so necessrias e preciso que a populao noscompreenda", afirmou Mar-cos Aurlio Freitas.

    Equipes da SecretariaMunicipal de Trnsito eTransportes (SMTT), comagentes de trnsito, estomonitorando e disciplinandoo trnsito com rdios-amado-res e dispondo cones na ave-

    Obra de revitalizao da Daniel de La Touche chega ao segundo trecho em ritmo intensonida para garantir seguranaaos motoristas, motociclis-tas, ciclistas e pedestres.

    A obra na avenida Danielde La Touche compreendeuma extenso de 13.230,00m.Os servios de revitalizaoesto sendo executados nosdois sentidos da via.

    A revitalizao asflticainclui fresagem do pavimentoantigo (o que consiste na re-tirada do pavimento existenteem trechos totalmente danifi-cados); aplicao de CBUQ(nova camada asfltica) e re-perfilagem (nivelamento dos

    pontos com depresses).PLANO DE REVITALIZA-

    O - As obras fazem partedo Plano Macro de Revitali-zao das Avenidas de SoLus, orado em R$ 37,5 mi-lhes, que contemplar aotodo 144,8 km de vias. O pro-grama est sendo executa-do com recursos municipais.

    O Plano Macro de Revita-lizao das 25 avenidas incluirecuperao da drenagemsuperficial com melhorias demeio-fio, sarjeta e implanta-o de sarjetes nas passa-gens d'gua em ruas transver-

    sais; implantao de drena-gem profunda em pontos dealagamento das vias; micror-revestimento com polmero(empregado em alta escalaem rodovias federais) e sina-lizao horizontal e vertical.

    No total, sero 144,866Km em duplo eixo (ida e vol-ta) com prazo de execuode sete meses. A rea totala ser trabalhada de1.138.924,08m com o apoiodas secretarias municipaisde Obras e Servios Pblicos(Semosp) e de Trnsito eTransportes (SMTT).

    A Prefeitura de So Lusmovimentou a Praia de SoMarcos, no ltimo final de se-mana, com a prestao deservios atravs do Projeto"Vero de Todos". Foram rea-lizadas atividades sociais,ambientais, educativas, espor-tivas e tursticas, beneficiandoaos turistas e comunidade queaproveitavam o sol e mar. Oevento acontecer sempre aossbado at o dia 31 de julho.

    O bom tempo ajudou nasatividades durante a manh,sendo realizadas entregas demudas de plantas e rvores,jogos de basquete e informa-es tursticas. Os estandesforam armados prximo aobar Osis Beach, onde de-zenas de banhistas aprovei-tavam para participar.

    "Peguei uma muda para

    Prefeitura inicia Vero de Todos epresta servios na orla ludovicense

    Projeto municipal desenvolveu atividadesesportivas na praia de So Marcos

    mim e para minha me. Va-mos levar para nossa chca-ra. Essa uma tima inicia-tiva da Prefeitura, que aliou osol, o mar e a beleza de SoLus para disseminar coisasboas como a preservaoambiental e a limpeza denossas praias", elogiou ocomerciante Rogrio Martins.

    O secretrio municipal deTurismo, Liviomar Macatro,explicou que os trabalhosdeste "Vero de Todos" fo-ram voltados para a sensibi-lizao e orientao aos fre-quentadores da orla ludovi-cense. "Focamos na educa-o ambiental, turismo, ori-entaes de combate ex-plorao sexual, atividadesfsicas, enfim, demos ao p-blico o que foi bem aceito naprimeira edio, realizada em

    2010", frisou.A Prefeitura, durante o

    ms, realizar atividades in-formativas e aes das res-pectivas reas, como medi-o de glicose; presso; mu-tiro de limpeza; distribuiode mudas; lixocars; squee-zes; mapas e guias tursticos;Blitz de Enfrentamento Ex-plorao Sexual de Crianase Adolescentes no Turismo;incio do II Festival Sabores doCaranguejo, envolvendo baresda Avenida Litornea e restau-

    rantes da cidade.Alm da Setur e da Sem-

    mam, o Projeto "Vero deTodos" conta com a parceriadas secretarias municipais deComunicao (Secom), Sa-de (Semus), Trnsito e Trans-porte (SMTT), Segurana eCidadania (Semusc), Obras eServios Pblicos (Semosp),Corpo de Bombeiros-MA,PM-MA, Associao Brasilei-ra de Bares e Restaurantes(Abrasel) e Associao dosBares da Litornea (ASLIT).

  • ASSISTNCIAInstituies definem aes emcomunidades quilombolas

    G E R A Latosefatos@elo.com.br5

    ATOS E FATOS www.atosefatos.jor.brSo Lus-MA, Tera-feira, 12 de Julho de 2011

    Comunidades de reas re-manescentes de quilombosno Maranho continuaro areceber assistncia das De-fensorias Pblicas do Estado(DPE), da Unio (DPU) e daSecretaria de Estado da Igual-dade Racial (Seir) para fomen-tar e fortalecer a poltica deregularizao fundiria nestasregies. O aditivo do termo decooperao tcnica para aexecuo de aes conjuntasfoi renovado na sexta-feira,contando ainda com a parti-cipao da Associao dasComunidades Negras RuraisQuilombolas (Aconeruq).

    Aps a assinatura do aditi-vo, em reunio para definir oplano de trabalho dos coope-rados, ficou acertado que ascomunidades de Camaputiua,no municpio de Cajari, e Jata,em Mono, recebero as pri-meiras visitas do grupo, agen-dada para o incio de agosto.

    Situadas na Baixada Ma-ranhense, as duas comuni-dades vivem em situao deconflito fundirio, um dos cri-trios na elaborao da listade prioridades para o traba-lho, que inclui ainda Cruzei-ro (Palmeirndia) e Charco(So Vicente de Frrer).

    Assinaram o termo, o de-fensor geral do Estado, AldyMello de Arajo Filho; a secre-tria adjunta de Igualdade Ra-cial, Benigna Martins Almeida;o defensor chefe da DPE, noMaranho, Marcos Brito Ribei-ro; a coordenadora da Acone-ruq, Maria Jos Palhano.

    O ato aconteceu na pre-sena dos defensores pbli-cos estaduais, Rairom Lau-rindo dos Santos e HeiderSantos, do defensor federalYuri Costa. Tambm partici-param da reunio, o presiden-te do Frum Intergoverna-mental de Promoo deIgualdade Racial (Fipir), Pau-lo Roberto Dumas, e Reinal-do Avelar, da Aconeruq.

    Entre as aes previstascabveis DPE e DPU es-to a prestao da assistn-cia jurdica e gratuita a fam-lias quilombolas; priorizando-se s regies que concen-tram os maiores conflitos fun-dirios. Seir caber, a se-leo de comunidades qui-lombolas que sero acompa-nhadas, bem como a realiza-o de oficinas socieducati-vas, dentre outros.

    Proposta pelo defensorgeral, Aldy Mello Filho, ficoudefinida a elaborao conjun-ta de uma cartilha direciona-

    da s lideranas e aos gesto-res municipais que trabalhamcom a poltica de promooda igualdade racial e que se-ro multiplicadores das infor-maes aos demais integran-tes das comunidades.

    A cartilha dispor sobre oconjunto de procedimentosnecessrios titularizaodefinitiva do territrio, desde necessidade da constitui-o das associaes at acertificao do autorreconhe-cimento junto FundaoPalmares. a etapa prepa-ratria para o incio do pro-cesso administrativo de titu-larizao da rea.

    "A parceria entre rgos einstituies pblicas no enfren-tamento questo quilombo-la significa no apenas o res-gate histrico da dvida socialque o Brasil tem com o negro,diz respeito, sobretudo, ao tipode democracia que se querconstruir no pas", ponderou.

    A secretria adjunta de

    Igualdade Racial, Benigna Al-meida, lembrou que a polticade promoo igualdade raci-al nas comunidades quilombo-las depende de aes interins-titucionais tambm nas reasda sade, educao, agricultu-ra, dentre outras pastas.

    "Ns j realizamos aesvoltadas a essas comunidades,mas com esse termo somare-mos esforos para atender demodo mais amplo e efetivo asfamlias remanescentes de qui-lombos, o que trar como con-sequncia a reduo dos con-flitos nessas reas", assinalouBenigna Almeida.

    Dentro do termo, a Aco-neruq apoiar as aes, se-lecionando e mobilizando asfamlias para as atividades queesto sendo programadas."Esse um momento extra-ordinrio. Uma das vantagensdesse trabalho que as co-munidades no vo receber osbenefcios de forma pulveriza-da", disse Reinaldo Avelar.

    Reunio que definiu aes em comunidades quilombolasCARTRIO DE REGISTRO CIVIL 1 ZONA - HERMNIO BELLO

    Bel Maria da Graa Belo Smith - EscrivClaudia M Bello Smith da Fonseca - Escriv Substituto

    EDITAL DE PROCLAMAS 181.2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Blo Smith, faz Saber a quem interessar que,ANTONIO CARLOS VIEIRA BRITO JUNIOR brasileiro, solteiro autnomo, filho de ANTONIO CARLOSVIEIRA BRITO e JOANIRES OLIVEIRA TRINDADE e DALIANA CRISAILA LINDOSO BARROS, brasi-leira, solteira, administradora, filha de RUFINO BENEDITO BARROS e MARIA DA GRAA LINDOSOBARROS. requerem habilitao para casamento. Quem tiver conhecimento de algum impedimento e /ou causa suspensiva (arts. 1521. 1523 do CC) poder apresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA) 01 de julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS/N 168.2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Bello Smith, faz Saber a quem interessar que,JUARI AUGUSTO MELO DE OLIVEIRA, brasileiro, solteiro, martimo filho, Joo Chaves de Oliveira eMaria de Lourdes Melo de Oliveira E ENIA CRISTINA MEIRELES MOREIRA brasileira, solteira, do lar,filha de Jos Raimundo Moreira e Jacira do Nascimento Meireles e requerem habilitao para casa-mento. Quem tiver conhecimento de algum impedimento e / ou causa suspensiva (arts. 1521. 1523 doCC) poder apresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA) 008 de julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS/N 182.2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Bello Smith, faz Saber a quem interessarque JULIO CESAR AZEVEDO SILVA solteiro, corretor imoveis, filho de Jos Joo Azevedo Silva eMarielza Martins Louzeiro e WILANY CAMARA DIAS brasileira, solteira, asist. administrativo, filhode Willame Abreu Dias e Ana Lourdes Camara Dias e requerem habilitao para casamento. Quemtiver conhecimento de algum impedimento e / ou causa suspensiva (arts. 1521. 1523 do CC) poderapresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA) 08 de julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS/N 183.2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Bello Smith, faz Saber a quem interessarque, SAMUEL DOS SANTOS BARBOSA brasileiro, motorista, solteiro filho de Jos Augusto Barbosae Estelita Olindina dos Santos Barbosa ELENILDEALVES CARVALHO brasileira, solteira, prendas,filha Gregorio Carvalho e Maria dos Reis Alves Rodrigues e requerem habilitao para casamento.Quem tiver conhecimento de algum impedimento e / ou causa suspensiva (arts. 1521. 1523 do CC)poder apresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA) 08 de julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS/N171.2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Bello Smith, faz Saber a quem interessar que EDEMNELSON XAVIER SOEIRO solteiro, vigilante, filho de Jos Reinaldo Soeiro e Maria do Socorro Silva XavierSoeiro e LEIDINEIA GOMES ROCHA solteira, enfermeira, filha de Jos Ribamar Santos Rocha e CarmecinaFerreira Gome requerem habilitao para casamento. Quem tiver conhecimento de algum impedimento e / oucausa suspensiva (arts. 1521. 1523 do CC) poder apresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA),08 de julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS/N186.2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Bello Smith, faz Saber a quem interessarque, CLEMITON PEREIRA SILVA brasileiro, solteiro, soldador filho de Joo Santos Silva e MariaNilda Pereira Silva e, SHYRLEY GOULART ARAGO brasileira, solteira, estudante, filha de Cres-cencio Tinoco Arago e Sonia Maria Ferreira Goulart. requerem habilitao para casamento. Quemtiver conhecimento de algum impedimento e / ou causa suspensiva (arts. 1521. 1523 do CC) poderapresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA) 08 de julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS/N 187.2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Bello Smith, faz Saber a quem interessar queIVAM DOMINGOS COELHO, brasileiro, solteiro, vendedor, filho de Leonarda Libania Coelho e LUCILEASILVA PEREIRA, brasileira, solteira, vendedora filha de Jos Aldinoi Rodrigues Pereira e Gracilene dosSantos Silva. requerem habilitao para casamento. Quem tiver conhecimento de algum impedimentoe / ou causa suspensiva (arts. 1521. 1523 do CC) poder apresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA) 08 de julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS/N 188/ 2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Bello Smith, faz Saber a quem interessar que,ANTONIO MORAES SOUSA VIANA brasileiro, solteiro, Vendedor, filho de INALDO FERREIRA VIEIRAe BEATRIZ SOUZA VIANA ,e JOSELINE RODRIGUES DE SOUSA, brasileira, solteira, administrador,filha de Jos Rosa de Sousa e Luzinete Rodrigues de Sousa requerem habilitao para casamento.Quem tiver conhecimento de algum impedimento e / ou causa suspensiva (arts. 1521. 1523 do CC)poder apresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA) 08 de julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS/N 190\2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Bello Smith, faz Saber a quem interessar que,EDSON SANTOS TEIXEIRA brasileiro, solteiro, carpinteiro, filho de Edmilson Santos Teixeira e Rosi-neide de Jesus Santos e LISSANDRA ALMEIDA CARDOSO, brasileira, solteira, autonomo, filha de LuisFrancisco Maranho Cardoso e Marinalva Rodrigues de Almeida e requerem habilitao para casamen-to. Quem tiver conhecimento de algum impedimento e / ou causa suspensiva (arts. 1521. 1523 do CC)poder apresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA) 08 de julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS/N 183.2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Bello Smith, faz Saber a quem interessar queANSELMO DESOUSA CASTRO, solteiro, militar, filho de Francisco da Conceio de Castro e SaleteDuarte de Souza Castro. E SUZY CRYSTINA REGO OLIVEIRA, brasileira, solteira, aux. administradora,filha de Adalto Jonas SouzaOliveira e Vilma Cristina Rego. requerem habilitao para casamento. Quemtiver conhecimento de algum impedimento e / ou causa suspensiva (arts. 1521. 1523 do CC) poderapresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA) 08 de julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS/N177.2011O Oficial de Registro Civil da 1 Zona Bel. Maria da Graa Bello Smith, faz Saber a quem interessarque, Antonio Carlos Damous Sobrinho, brasileiro, solteiro, aposentado, filho de Elias Jorge Damouse Carmelita Julieta Moura Damous. E Kelma Maria Pereira Costa, brasileira, solteira, do lar, filha deJoo Crisoston Costa e Telma Maria Pereira Costa requerem habilitao para casamento. Quem tiverconhecimento de algum impedimento e / ou causa suspensiva (arts. 1521. 1523 do CC) poderapresent-lo por escrito perante este Cartrio.So Lus, (MA) 01 de julho de 2011

    Exrcito Brasileiro auxiliarGoverno do Maranho nocombate ao analfabetismo

    Uma frente de trabalhoconjunta entre os ministri-os da Defesa, por meio doExrcito Brasileiro, da Edu-cao e o Governo do Ma-ranho pode melhorar a qua-lidade da educao no Ma-ranho. Essa a ideia pro-posta pelo deputado federalChiquinho Escrcio (PMDB-MA), objeto de ofcio envia-do ao ministro Nelson Jo-bim no incio de julho. A in-teno do deputado base-ada nos altos ndices deanalfabetismo no Maranho,apontados pelo Censo 2010do IBGE, e por dados doMinistrio da Educao que

    mostram que o Estado dei-xou de atingir as metas b-sicas da alfabetizao.

    "Essa frente conjunta en-tre os dois ministrios serimprescindvel para a melho-ria da educao no meu que-rido Maranho", explicou oparlamentar. No ofcio enca-minhado ao ministro NelsonJobim, Chiquinho encaminhasugestes de viabilizao deprojeto/recursos financeiros,com os temas que sero im-portantes para celebrar par-ceria com o Exrcito, pormeio do Ministrio da Defe-sa, o Ministrio da Educaoe o Governo do Maranho.

  • (098) 8895-4518

    Horrios: 2, 3 e Sbado - 8:00 s 12:00

    C L A S S I F I C A D O Satosefatos@elo.com.br 3254-0597Atos e Fatos

    CCE - CENTURY - GARANTECH

    Salo Raa Atitude(Residencial Pinheiros)

    Precisa-se de uma ManicurePrecisa-se de uma ManicurePrecisa-se de uma ManicurePrecisa-se de uma ManicurePrecisa-se de uma Manicure

    Fone: (98) 3223-9949

    CLASSI & CAMILE 9606-9004Responsabilidade da Gislane PublicidadeEu voltei ao

    nosso TorroPOESIA

    Eu voltei,Ao nosso querido torro,Agradeo a vida,Do nosso, querido Mara-nho.

    Este cenrio foi feito,Na Praa Maria Arago,Com letras escritas,Pelos nossos poetas.

    Do nosso querido Mara-nho,Queremos aqui ressaltar,Meu pequeno poeta, aqui, o seu lugar.

    Meu pequeno poeta, aqui, o seu lugar,Meu pequeno poeta. aqui, o seu lugar.

    No distinguimos nem corE nem raa,Este sangue que corre,Nas veias, de nossos co-raes,Do nosso querido Mara-nho.

    Autor: Herbete Fidelis

  • C L A S S I F I C A D O Satosefatos@elo.com.br 3254-0597Atos e Fatos

  • Edivaldo Holanda Jr apresentaprojeto de lei disciplinar

    PROPAGANDA DE BEBIDAG E R A Latosefatos@elo.com.br8

    ATOS E FATOS www.atosefatos.jor.brSo Lus-MA, Tera-feira, 12 de Julho de 2011PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHEIRO

    AVISO DE LICITAO - TOMADA DE PREOS N 004/2011O MUNICPIO DE PINHEIRO-MA, atravs da Prefeitura Municipal de Pinheiro, pormeio da Comisso Permanente de Licitao-CPL, torna pblico, para conheci-mento dos interessados que, com base na Lei Federal n 8.666/93 e alteraesposteriores, far realizar s 08:00 hs (oito horas) do dia 28 de julho de 2011,licitao na modalidade Tomada de Preos n 004/2011, do tipo menor preo,tendo por objeto Recuperao de Pavimentao Asfltica (tapa buracos), de viasurbanas na Sede do municpio de Pinheiro - MA. A presente licitao ser realiza-da no Auditrio da Prefeitura Municipal de Pinheiro, situada na Praa Jos Sarney,n 560, Centro, Pinheiro-MA e ser presidida pelo Presidente da Comisso Per-manente de Licitao desta Prefeitura Municipal. O edital e seus anexos esto adisposio dos interessados nos stios www.pinheiro.ma.gov.br ewww.tce.ma.gov.br ou no endereo supra, de segunda-feira a sexta-feira, nohorrio das 08:00 hs (oito horas) s 13:00hs (treze horas) onde podero serconsultados gratuitamente ou obtidos mediante o recolhimento da importncia deR$ 50,00 (cinqenta reais) feito, exclusivamente, atravs de Documento deArrecadao Municipal. Esclarecimentos adicionais, no mesmo endereo e pelotelefone (98) 3381-0606. Pinheiro - MA, 08 de julho de 2011.Silvano Jos Moraes Ribeiro - Presidente da CPL

    AVISO DE LICITAO - CONCORRNCIA N 004/2011O MUNICPIO DE PINHEIRO-MA, atravs da Prefeitura Municipal de Pinheiro, pormeio da Comisso Permanente de Licitao-CPL, torna pblico, para conheci-mento dos interessados que, com base na Lei Federal n 8.666/93 e alteraesposteriores, far realizar s 08:00 hs (oito horas) do dia 12 de agosto de 2011,licitao na modalidade Concorrncia n 004/2011, sob a forma de execuoindireta e regime de empreitada por preo unitrio, do tipo menor preo, tendo porobjeto operacionalizao de servios bsicos urbanos, pelo sistema de preounitrio. A presente licitao ser realizada no Auditrio da Prefeitura Municipal dePinheiro, situada na Praa Jos Sarney, n 560, Centro, Pinheiro-MA e serpresidida pelo Presidente da Comisso Permanente de Licitao desta PrefeituraMunicipal. O edital e seus anexos esto a disposio dos interessados nos stioswww.pinheiro.ma.gov.br e www.tce.ma.gov.br ou no endereo supra, de se-gunda-feira a sexta-feira, no horrio das 08:00 hs (oito horas) s 13:00 hs (trezehoras) onde podero ser consultados gratuitamente ou obtidos mediante o recolhi-mento da importncia de R$ 100,00 (cem reais) feito, exclusivamente, atravs deDocumento de Arrecadao Municipal. Esclarecimentos adicionais, no mesmoendereo e pelo telefone (98) 3381-0606. Pinheiro - MA, 08 de julho de 2011.Silvano Jos Moraes Ribeiro - Presidente da CPL

    AVISO DE REVOGAO DE LICITAO PREGO PRESENCIAL N. 045/2011O Municpio de Pinheiro-MA, de acordo com a norma do Art. 49 da Lei n. 8.666/93, torna Publico AVISO DE REVOGAO DA LICITAO PREGO PRESENCI-AL N 045/2011, com aviso publicado em 01 de julho de 2011, tipo menor "Preo"referente a aquisio de equipamentos destinados ao Servio Mvel de Urgnciae Emergncia - SAMU, de interesse da Secretaria Municipal da Sade, com dataprevista para acontecer inicialmente em 13.07.2011, s 11:00 horas, no auditrioda Prefeitura Municipal de Pinheiro - MA, devido a constatao da ausncia dedotao oramentria e necessidade de abertura de crdito especial, em cumpri-mento da Lei, far nova publicao de novo edital. Pinheiro, 08 de julho de 2011.SILVANO JOS MORAES RIBEIRO - PREGOEIRO

    AVISO DE REVOGAO DE LICITAO PREGO PRESENCIAL N. 046/2011O Municpio de Pinheiro-MA, de acordo com a norma do Art. 49 da Lei n. 8.666/93, torna Publico AVISO DE REVOGAO DA LICITAO PREGO PRESENCI-AL N 046/2011, com aviso publicado em 01 de julho de 2011, tipo menor "Preo"referente a aquisio de moblia destinados ao Servio Mvel de Urgncia eEmergncia - SAMU, de interesse da Secretaria Municipal da Sade, com dataprevista para acontecer inicialmente em 14.07.2011, s 08:00 horas, no auditrioda Prefeitura Municipal de Pinheiro - MA, devido a constatao da ausncia dedotao oramentria e necessidade de abertura de crdito especial, em cumpri-mento da Lei, far nova publicao de novo edital. Pinheiro, 08 de julho de 2011.SILVANO JOS MORAES RIBEIRO - PREGOEIRO

    EDITAL DE CONVOCAOEm segunda chamada, pelo presen-te, ficam convocados os senhoresacionistas do HOSPITAL DE CLNI-CAS INTEGRADAS S. A., situada Rua So Judas Tadeu, n 01, BairroAngelim, CEP: 65063-600, s 18h,para participarem da AssembliaGeral Extraordinria que se realizarno dia 18/07/11, na sede da empre-sa, para deliberar sobre a contrata-o do financiamento junto ao Bancodo Nordeste do Brasil e como garan-tia a hipoteca do imvel.

    Na ltima sesso plenriada cmara, o deputado fede-ral Edivaldo Holanda Jnior(PTC/MA) apresentou um pro-jeto de lei para enquadrar ocritrio de avaliao da bebidaalcolica no Pas, restringindoo mershandising do produto nohorrio nobre na televiso.

    O relatrio recente da Or-ganizao Mundial da Sa-de (OMS) divulgado em feve-reiro ltimo mostra que hou-ve aumento do consumo debebidas entre brasileiros.Segundo o estudo, a mdiade consumo do Brasil de6,2, enquanto a mdia mun-dial de 6,13. A pesquisa feita entre indivduos com fai-xa etria a partir de 15 anose constatou que a bebidamais consumida a cerveja.

    Diante desse quadro, alegislao atual no inibe oconsumo de lcool, vez queconsidera bebida alcolicaapenas aquelas com teor al-colico superior a trezegraus, logo, a cerveja, bebi-da mais consumida, sobre-tudo entre jovens, est abai-xo deste limite.

    Segundo o deputado Edi-valdo Holanda Jnior, o pro-jeto de lei proposto visa di-minuir para meio (0,5) grau ocritrio para considerao debebida alcolica e incluir ascervejas. Com esta medidaas cervejas passam a ser tra-tadas com maior severidadeno que tange publicidade,alcanando alm da televisoe rdio, a mdia impressa.Alm do que, reduz o horriopara a divulgao de propa-gandas destes produtos en-

    tre o perodo de zero horas eseis horas, medida que difi-cultar o acesso de crian-

    as e adolescentes s refe-ridas propagandas.

    Preocupado com o preju-

    zo que esse consumo ex-cessivo acarreta socieda-de, o deputado Holanda J-nior vai integrar a ComissoEspecial que far estudossobre as causas e conseq-ncias do consumo abusivode lcool entre cidados bra-sileiros e, especialmente, asrazes que determinam oaumento exponencial do con-sumo dessa substncia nosltimos cinco anos.

    "O Objetivo deste Projetode lei contribuir para a dis-cusso do assunto no Brasile conseqentemente a efeti-vidade de medidas que res-trinjam o mershandising ediminuam o consumo de be-bidas alcolicas entre brasi-leiros", finalizou o deputadoEdivaldo Holanda Jnior.

    Deputado federal Edivaldo Holanda Jnior

    PAM da Cidade Operaria realizamutiro de combate ao glaucomaUm mutiro de combate ao

    glaucoma ter incio, nestaquarta-feira (13), no PAM daCidade Operaria, numa parce-ria entre a Secretaria de Esta-do da Sade (SES) e o Minis-trio da Sade. O trabalho serrealizado por meio de consul-tas agendadas que acontece-ro sempre as quartas-feiras.A clnica Oftalmo Center serresponsvel pelo corpo clni-

    co que far as avaliaes.A direo do PAM, respon-

    svel pelo agendamento e or-ganizao das consultas aserem realizadas nas depen-dncias da unidade, que estfuncionando atualmente na Av.Divina Providencia, estima quecerca de 200 pessoas sejambeneficiadas com avaliao etratamento do glaucoma acada quarta-feira.

    "Os atendimentos seroiniciados s 14hs, com paci-entes pr-agendados. Elespassaro por diagnstico cl-nico, avaliao e o tratamen-to a base de remdios (col-rios), distribudos gratuita-mente, para regularizao dapresso ocular, por um per-odo ininterrupto de trs me-ses", diz a diretora da unida-de, Ktia Lobo.

  • HERIWillians revela segredo do golindito de cabea no Fla-Flu: a tiara

    E S P O R T Eatosefatos@elo.com.br9

    ATOS E FATOS www.atosefatos.jor.brSo Lus-MA, Tera-feira, 12 de Julho de 2011

    Willians derrubou o mitode Sanso e provou que asforas no esto apenas nocabelo, mas sim numa qua-se imperceptvel tiara queusou para prender as madei-xas. Esta foi a explicaodos companheiros de Fla-mengo para o gol de cabeado volante que garantiu a vi-tria sobre o Fluminense nodomingo. Com 1m74, o joga-dor exibiu novo penteado erevelou que foi a primeira vezque um cabeceio seu parouno fundo da rede.

    - O pessoal brincou e dis-se que fiz o gol por causa datiara (risos). Nunca tinhamarcado de cabea, s nosraches, quando semprefao dois, trs e at quatro -brincou Willians, que fizeragol pela ltima vez na vitriapor 3 a 0 sobre o Horizonte,pela Copa do Brasil.

    Naquele 27 de abril, Willi-ans fez um golao semelhan-te ao de Messi, do Barcelo-na, diante do Real Madrid naprimeira partida pela semifinalda Champions League.

    - Aqui no Brasil, pelo me-nos, sou melhor que o Messi

    - disse um empolgado Willi-ans, no domingo, ainda no gra-mado do Engenho depois davitria sobre o Fluminense.

    Contra o Tricolor, Williansdeixou de lado as tranas fei-tas recentemente e usou oscabelos base de gel soltose com um arquinho preto.

    Depois de brilhar em cam-po, foi a vez de Willians relu-zir fora das quatro linhas. Ain-da no Engenho, o jogadordesfilou com adornos deouro: um grosso cordo comas letras P.A, pulseira e brin-

    cos de brilhantes.- No cordo so as inici-

    ais dos nomes dos meus fi-lhos Pedro e Ana - afirmou ojogador (o menino fruto doprimeiro casamento de Willi-ans, j a menina, Ana Bea-triz, tem nascimento previs-to para dezembro).

    Na comemorao do gol,Willians fez com as mos ogesto de corao. A homena-gem foi para sua mulher, Mari-ana, grvida de quatro meses.

    Recentemente, Williansfoi sondado pelo Internacio-

    nal. Depois de uma conver-sa com Vanderlei Luxembur-go, decidiu ficar.

    - No momento em que o In-ternacional fez a proposta, sen-tei e conversei com o Vanderleie a diretoria. Eles (do Inter) man-daram uma proposta para mim,mas eu tenho contrato com oFlamengo (at 2015) e respei-to isso. Jamais vou colocarque tenho que sair. Se depen-der de mim, a torcida vai termuito orgulho, sempre vouhonrar essa camisa com mui-to carinho - declarou Willians.

    Ao fim da temporada pas-sada, Willians estava insatis-feito com o salrio que rece-bia no Flamengo e esteve per-to de um acerto com o San-tos. No incio deste ano, eleprorrogou seu contrato e teveum belo reajuste salarial.

    Questionado se teria dis-pensado um aumento do Fla-mengo na investida do Colo-rado, Willians brincou.

    - No dispensei aumento,no (risos). Dependo s dadiretoria. Se tiver que aumen-tar o meu contrato, eles vopoder mexer e eu vou estarjunto para sentar e conversar.

    Willians concede entrevista: No cabelo a imperceptvel tiara

    Com multa para deixar o Qatar, PauloAutuori o primeiro nome do Tricolor

    Paulo Autuori pode voltara dirigir o So Pauloaps seis temporadas

    A vitria por 2 a 1 sobre oCruzeiro, no ltimo sbado, noestdio do Morumbi, deu maistranquilidade para a diretoria doSo Paulo buscar um tcnicopara substituir Paulo CsarCarpegiani, demitido na ltimaquinta-feira. A partir de ontem,o trio formado por Juvenal Ju-vncio (presidente), Joo Pau-lo de Jesus Lopes (vice-presi-dente de futebol) e AdalbertoBaptista (diretor de futebol) co-meou a definir essa questo.

    O nome de consenso den-tro do clube o de Paulo Autu-ori. Campeo da Libertadorese do Mundial de Clubes da Fifade 2005, ele comanda o Al-Rayyan, do Qatar, com quemtem contrato at maio de 2012.E, para se livrar do atual vncu-lo, existe uma multa rescis-

    ria de US$ 2 milhes (R$ 3milhes). Ele j foi oficialmen-te contatado pelos dirigentesno final da ltima semana eficou de tentar se livrar da mul-ta para voltar ao pas. O acertosalarial entre as partes noseria complicado, j que o Tri-color est disposto a pagar atR$ 300 mil mensais para seunovo comandante.

    Se no puder vir sem mul-ta, caber a Juvenal Juvnciodecidir se paga a resciso ouse parte para outra alternativa.Dorival Jnior, nome que tam-bm agrada bastante, se for-taleceu no Atltico-MG com avitria por 2 a 0 sobre o Amri-ca-MG, em Sete Lagoas. Eletambm tem multa rescisriapara se livrar do contrato queo prende ao time mineiro at o

    dia 31 de dezembro.- Vamos analisar essa

    questo com calma. A vitriafoi importante e mostrou que,se for necessrio, o Miltonpode continuar mais algumtempo - afirmou Joo Paulo deJesus Lopes.

    O elenco ganhou folga nes-ta segunda e a reapresentaoest marcada para as 9h30 detera, no CT da Barra Funda.Enquanto nenhum tcnico foranunciado, Milton Cruz continu-ar como interino. Vale lembrarque, para a partida do prximodomingo, contra o Internacio-nal, no Beira-Rio, ele ganharo reforo de Carlinhos Para-ba, livre de suspenso. Rival-do, que teve grande atuao naltima partida, seguir como ti-tular no meio-campo.

    A LNGUALeitura Bblica: Tiago 1.19-20; 26-27Sejam todos prontos para ouvir, tardios para fa-lar e tardios para i rar-se (Tg 1.19b).

    Um casal brigava muito, todos osdias. As agresses eram verbaise at fsicas. Era s o marido chegarem casa nervoso, gritando e dizendopalavres que a briga comeava. A es-posa foi pedir ajuda a um amigo, quelhe aconselhou o uso de uma "gua mi-lagrosa": deveria colocar um pouco dagua na boca, sem engolir, e assim fi-car at a briga acabar. Naquela noite,quando ela percebeu que o marido es-tava chegando, seguiu a orientao doamigo. Como sempre, o marido entrouem casa gritando e esbravejou atcansar e ir dormir. Nos dias seguin-tes, ela fez o mesmo, at que o mari-do desistiu de brigar sozinho e passoua chegar em casa mais calmo. A esposaparou de tomar a gua, acreditando queera milagrosa mesmo. Na verdade, erauma gua comum. As brigas cessaramporque o marido no tinha mais condi-es de discutir com a esposa, semprecalada porque estava com a boca cheiade gua.Algum disse que Deus nos deu doisouvidos e apenas uma boca para ouvir-mos mais e falarmos menos. No querdizer que seja proibido falar. Confor-me lemos hoje, devemos controlar nos-sa lngua: ouvir antes de falar, refle-tir bem e ento dar uma resposta, sedevida e conveniente. Dizem que a pa-lavra como a seta: depois de lanadano volta mais. Da, a necessidade demuita reflexo e do cuidado com a ln-gua, para no ofender as pessoas. NaBblia, lemos que "Quando so muitasas palavras, o pecado est presente,mas quem controla a lngua sensato"(Pv 10.19) e que "A lngua ... contamina apessoa por inteiro, incendeia todo o cur-so de sua vida, sendo ela mesma incen-diada pelo inferno" (Tg 3.6).Se desejamos obedecer a Deus, te-mos de ouvir mais, refletir - e falarmenos. Somente assim teremos um bomrelacionamento com os outros. Mas, sej ocorreu o conflito, devemos ser hu-mildes como Jesus recomenda, pedin-do perdo queles que magoamos. -ETA (Po Dirio)

    Falar menos e ouvir mais - receitapara bons relacionamentos.

  • G E R A Latosefatos@elo.com.br10

    ATOS E FATOS www.atosefatos.jor.brSo Lus-MA, Tera-feira, 12 de Julho de 2011

    CARGOS EFETIVOSDivulgado gabarito do concursoda Prefeitura de RibamarA Fundao Sousndrade

    de Apoio ao Desenvolvimentoda UFMA divulgou, ontem (11),o gabarito oficial das provas doconcurso pblico da Prefeitu-ra de So Jos de Ribamar.

    O referido concurso foirealizado no ltimo domingo,nos perodos da manh e tar-de, e transcorreu de formatotalmente tranqila.

    O gabarito est dispon-vel no site da Fundao(www.fsadu.org.br), que res-ponsvel pela organizao docertame, e pode ser acessa-do da seguinte forma: cliqueno cone Concurso Pblico;So Jos de Ribamar - Ma;Gabarito Oficial.

    Dos 30.935 inscritos,4.607 no compareceram aoslocais de prova. Esto sendooferecidas 400 vagas paracargos de nvel superior, nvelmdio e nvel fundamental.

    O resultado final do concur-so ser divulgado at o final daprimeira quinzena do ms deagosto, sendo que a convoca-o dos candidatos aprovadosacontecer at o final de 2011.

    Em menos de sete anos,esta a terceira vez que o go-verno municipal de So Josde Ribamar (administrao doex-prefeito Luis Fernando e agesto do atual prefeito GilCutrim) promove concurso p-blico para preenchimento decargos efetivos na estruturaadministrativa da Prefeitura.

    NOVO PLANO - Os apro-vados neste concurso pblicoda Prefeitura de Ribamar, as-sim como os aprovados noscertames anteriores e os queadquiriram estabilidade por lei,sero contemplados com oPlano de Carreiras, Cargos eRemunerao dos servidoresefetivos, que foi criado recen-temente pela administraodo prefeito Gil Cutrim (PMDB).

    A criao do Plano dosfuncionrios efetivos da Pre-feitura um projeto audacio-so e figura como mais umaao do governo Gil Cutrimque visa garantir, em primei-ro lugar, o posicionamento e,em seguida, o reposiciona-mento na classe e nvel, deacordo com o tempo de ser-

    vio efetivamente exercido nocargo, o que beneficiar to-dos os servidores com umamassa salarial maior, garan-tindo a valorizao, raciona-lizao e a melhoria na qua-lidade dos servios prestados populao do municpio.

    No caso dos servidoresde nvel superior, o salrio-base passar de R$ 545 paraR$ 1.500, um dos maiorespraticados por Prefeiturasmaranhenses. Vale ressaltarque a maior parte dos funci-onrios efetivos de nvel su-perior, tem as suas remune-raes complementadas porgratificaes especficas.

    Os funcionrios de nvelmdio, que hoje tambm re-cebem R$ 545, passaropara um patamar de salrio-base equivalente a R$ 750.Algumas categorias destenvel tambm recebem grati-ficaes especficas.

    Alm de terem aumenta-dos seus vencimentos base,os funcionrios de nvel fun-damental, como o caso dosguardas patrimoniais, tero

    reajustadas outras gratifica-es, como risco de vida, adi-cional noturno e insalubrida-de, com base na incidnciado prprio salrio-base.

    O Plano de Carreiras,Cargos e Remunerao dosfuncionrios efetivos da Pre-feitura de Ribamar tambmtraz outros benefcios, comoa criao do Adicional deQualificao (AQ), destinadoa todos os servidores em ra-zo de aes de treinamen-tos, ttulos, diplomas ou cer-tificados de cursos de ps-graduao, mestre e doutor.

    O Adicional de Qualifica-o incidir sobre o venci-mento base do servidor efeti-vo da seguinte forma: 7,5%em se tratando de diplomaou certificado de especializa-o; 10% em se tratando dettulo de mestre; 12% em setratando de ttulo de doutor;5% em se tratando de gra-duao para os cargos, cujoingresso, no exige formaosuperior; e 1% a cada 120horas de treinamento, limi-tando-se a 3%.

    Secretrios maranhenses conhecemcomplexo porturio de RecifeOs secretrios Fbio

    Gondim (Planejamento, Or-amento e Gesto) e Maur-cio Macedo (Indstria e Co-mrcio) e o presidente daEmpresa Maranhense deAdministrao Porturia(Emap), Luiz Carlos Fossa-ti, visitam nesta tera-feira(12), o Complexo IndustrialPorturio de Suape, em Re-cife, atendendo convite dodiretor geral da Agncia Na-cional de Transportes Aqua-virios (Antaq), Fernando Fi-

    alho. Integra tambm a co-mitiva maranhense a chefeda Unidade AdministrativaRegional de So Lus da An-taq, Gertrudes Nadler Lins.

    A finalidade da missomaranhense conhecer omodelo institucional do Por-to de Suape que possui mo-delo jurdico diferente dosdemais portos do Brasil e tro-car experincias e boas pr-ticas de gesto que possamser implementadas no Portodo Itaqui, no Maranho.

    O modelo institucional ede gesto do Porto de Sua-pe vai ser apresentado pelosecretrio de Desenvolvimen-to Econmico do Estado dePernambuco, Geraldo Jlio,que tambm acumula tam-bm a presidncia do Porto.

    O secretrio Fbio Gon-dim declarou que o Gover-no do Estado est sempreatento experincias, mo-delos de gesto, prticas eprocedimentos exitososque foram implantados em

    outros governos e at na ini-ciativa privada.

    "A determinao da gover-nadora Roseana Sarney implementar no Estado e noPorto do Itaqui um projeto deGoverno multidisciplinar aglu-tinando esforos de todos osorganismos estaduais, comoas Secretaria Infraestrutura,Segurana Pblica, Cidades,entre outras, para viabilizar odesenvolvimento econmicoe autosustentvel do Mara-nho" enfatizou Gondim.

    Milhares participam da 8Parada do Orgulho LGBT

    Cor, alegria e protestomarcaram a 8 Parada doOrgulho pela DiversidadeSexual de So Lus, realiza-da no domingo (10), na Ave-nida Litornea, pelo grupoGayvota, com apoio da Se-cretaria de Estado de Di-reitos Humanos e Cidadania(Sedihc) e demais entidades.Ao todo, 425 mil pessoascelebraram a diversidade se-xual, animadas por 8 trioseltricos e pelas diversasatraes que animaram a fes-ta. O encerramento da para-da foi realizado com um showda banda Reprise.

    Para Cludio Aquino, as-sessor da Sedihc e que naocasio representou a secre-tria de Estado de DireitosHumanos e Cidadania, LuizaOliveira, a realizao da pa-

    rada serviu para mostrar que possvel reunir no mesmoespao e com o mesmo pro-psito o pblico LGBT e apopulao heterossexual."Acredito que a parada do or-

    gulho LGBT sirva, no somen-te para celebrar as conquis-tas realizadas por essa popu-lao, mas tambm para ge-rar uma discusso a respeitodas igualdades sociais", com-

    pletou Cludio Aquino.Segundo o coordenador

    da Parada e militante do gru-po Gayvota, Carlos Garcia, asconquistas realizadas pelapopulao LBGT foram tradu-zidas durante o evento, queeste ano teve como tema esteano: "Unidos pela Liberdade,Separados pelo Preconceitoe a Favor do Estado Laico".

    "A parada um dia decelebrao. Ns do pblicoLGBT vamos s ruas e cha-mamos a populao paraver e confraternizar conosco,as conquistas que temos al-canado ao longo dos anos,com a construo de polti-cas pblicas voltadas nos-sa populao, assim comoa unio estvel e a luta con-tra a homofobia", declarouCarlos Garcia.

    Pblico lotou a Avenida Litornea

    ENOCH RIBEIRO DE VASCONCELOS, OFICIAL DE REGISTROCIVIL DE CASAMENTO DA 4 ZONA - ANIL, SO LUS - MA

    EDITAL DE PROCLAMAS N 1 009/ 2011 Prazo: 15 dias.Oficial de Registro de Casamento da 4 Zona - Cohab Anil, nesta Capital, FAZSABER, a quem interessar, que ADRIANO SOUSA LIMA, de nacionalidade Bra-sileira, estado civil Solteiro, profisso Vendedor, filho de Osmilton Bessa Lima ede Doralice Sousa Lima, residente e domiciliado nesta Capital, e SINARE MEN-DES DA SILVA, de nacionalidade Brasileira, estado civil Solteira, profisso Vende-dora, filha de Luis Lino da Silva e de Maria Mendes da Silva, residente edomiciliada nesta Capital, requereram a habilitao para casamento. Quem tiverconhecimento de algum impedimento e/ ou causa suspensiva (Arts. 1 521 e 1523, do Cdigo Civil), poder apresent-lo, por escrito, perante este Cartrio.So Lus (MA), 01 de Julho de 2011.

    EDITAL DE PROCLAMAS N 932/ 2011 Prazo: 15 dias.Oficial de Registro de Casamento da 4 Zona - Cohab Anil, nesta Capital, FAZSABER, a quem interessar, que CLEYTON SELEIRO VIEIRA, de nacionalidadeBrasileira, estado civil Solteiro, profisso Caldeireiro, filho de Cleonice SeleiroVieira e de xxxx. xxxx. xxxx., residente e domiciliado nesta Capital, e ADRIA-NA VERAS DO NASCIMENTO, de nacionalidade Brasileira, estado civil Solteira,profisso Vendedora, filha de Raimundo Isabel do Nascimento e de Maria Verasdo Nascimento, residente e domiciliada nesta Capital, requereram habilitaopara casamento. Quem tiver conhecimento de algum impedimento e/ ou causasuspensiva (Arts. 1 521e 1 523, do Cdigo Civil), poder apresent-lo, porescrito, perante este Cartrio.So Lus (MA), 11 de Julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS N 941/ 2011 Prazo: 15 dias.Oficial de Registro de Casamento da 4 Zona - Cohab Anil, nesta Capital, FAZSABER, a quem interessar, que WAGNER SILVA BRITO, de nacionalidade Brasi-leira, estado civil Solteiro, profisso Policial Militar, filho de Jos de Ribamar Britoe de Hilden Silva Brito, residente e domiciliado nesta Capital, e ADRIANA SOU-ZA DE CARVALHO, de nacionalidade Brasileira, estado civil Solteira, profissoFunc. Pblica, filha de Carlos Alberto Portela de Carvalho e de Soraya MariaBezerra Souza, residente e domiciliada nesta Capital, requereram a habilitaopara casamento. Quem tiver conhecimento de algum impedimento e/ ou causasuspensiva (Arts. 1 521 e 1 523, do Cdigo Civil), poder apresent-lo, porescrito, perante este Cartrio.So Lus (MA), 11 de Julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS N 951/ 2011 Prazo: 15 dias.Oficial de Registro de Casamento da 4 Zona - Cohab Anil, nesta Capital, FAZSABER, a quem interessar, que ARANK CISNAYD AGUIAR RODRIGUES, denacionalidade Brasileira, estado civil Solteiro, profisso Autnomo, filho de Joa-quim Jos Rodrigues Neto e de Alice Maria do Socorro Aguiar Rodrigues, resi-dente e domiciliado nesta Capital, e LEANE SAMPAIO DA CONCEIO, denacionalidade Brasileira, estado civil Solteira, profisso Estudante, filha de Joode Deus da Conceio e de Leny Sampaio da Conceio, residente e domiciliadanesta Capital, requereram a habilitao para casamento. Quem tiver conhecimen-to de algum impedimento e/ ou causa suspensiva (Arts. 1 521 e 1 523, do CdigoCivil), poder apresent-lo, por escrito, perante este Cartrio.So Lus (MA), 11 de Julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS N 957/ 2011 Prazo: 15 dias.Oficial de Registro de Casamento da 4 Zona - Cohab Anil, nesta Capital, FAZSABER, a quem interessar, que LOURIVAL SANTOS BEZERRA, de nacionalida-de Brasileira, estado civil Divorciado, profisso Autnomo, filho de FilomenoBezerra e de Joana Santos Bezerra, residente e domiciliado nesta Capital, eCELINA RODRIGUES SANTOS, de nacionalidade Brasileira, estado civil Soltei-ra, profisso Comerciante, filha de Raimundo Alves dos Santos e de Maria daGraa Rodrigues, residente e domiciliada nesta Capital, requereram a habilitaopara casamento. Quem tiver conhecimento de algum impedimento e/ ou causasuspensiva (Arts. 1 521 e 1 523, do Cdigo Civil), poder apresent-lo, porescrito, perante este Cartrio.So Lus (MA), 11 de Julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS N 947/ 2011 Prazo: 15 dias.Oficial de Registro de Casamento da 4 Zona - Cohab Anil, nesta Capital, FAZSABER, a quem interessar, que JOANILSON FRAZO VIEIRA, de nacionalidadeBrasileira, estado civil Solteiro, profisso Almoxarife, filho de Joo da Cruz Vieirae de Brgida Frazo Vieira, residente e domiciliado nesta Capital, e ROSANASILEIDE CARVALHO, de nacionalidade Brasileira, estado civil Solteira, profissoBalconista, filha de Maria Ilza Carvalho e de xxxx. xxxx. xxxx., residente edomiciliado nesta Capital, requereram a habilitao para casamento. Quem tiverconhecimento de algum impedimento e/ ou causa suspensiva (Arts. 1 521 e 1523, do Cdigo Civil), poder apresent-lo, por escrito, perante este Cartrio.So Lus (MA), 11 de Julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS N 1 073/ 2011 Prazo: 15 dias.Oficial de Registro de Casamento da 4 Zona - Cohab Anil, nesta Capital, FAZSABER, a quem interessar, que JANDILSON SILVA CAMARA, de nacionalidadeBrasileira, estado civil Solteiro, profisso Tc. de Enfermagem, filho de Jandir deJesus Camara e de Rita da Cruz Silva, residente e domiciliado nesta Capital, eELIDA PLCIDA DA SILVA DE JESUS, de nacionalidade Brasileira, estado civilSolteira, profisso Lavradora, filha de Abdon Oliveira de Jesus e de ElenismarRodrigues da Silva, residente e domiciliada nesta Capital, requereram a habilita-o para casamento. Quem tiver conhecimento de algum impedimento e/ oucausa suspensiva (Arts. 1 521 e 1 523, do Cdigo Civil), poder apresent-lo, porescrito, perante este Cartrio.So Lus (MA), 11 de Julho de 2011.

    EDITAL DE PROCLAMAS N 1 072/ 2011 Prazo: 15 dias.Oficial de Registro de Casamento da 4 Zona - Cohab Anil, nesta Capital, FAZ SABER,a quem interessar, que BISMARK PINHEIRO SOUSA, de nacionalidade Brasileira,estado civil Solteiro, profisso Metalrgico, filho de Jos Benedito Sousa e de Maria daPenha Pinheiro Sousa, residente e domiciliado nesta Capital, e KETHELLEN MAYARAFROZ RAMOS, de nacionalidade Brasileira, estado civil Solteira, profisso Do Lar,filha de Paulo Ramos Filho e de Rosinalva Mendes Froz, residente e domiciliadanesta Capital, requereram a habilitao para casamento. Quem tiver conhecimento dealgum impedimento e/ ou causa suspensiva (Arts. 1 521 e 1 523, do Cdigo Civil),poder apresent-lo, por escrito, perante este Cartrio.So Lus (MA), 11 de Julho de 2011

    EDITAL DE PROCLAMAS N 1 063/ 2011 Prazo: 15 dias.Oficial de Registro de Casamento da 4 Zona - Cohab Anil, nesta Capital, FAZSABER, a quem interessar, que LUIZ CARLOS DOS PASSOS, de nacionalidadeBrasileira, estado civil Divorciado, profisso Rep. Comercial, filho de GaudencioValentim Passos e de Cria Ciriaca Passos, residente e domiciliado nesta Capital, eUREA MELO DA SILVA, de nacionalidade Brasileira, estado civil Solteira, profissoDo Lar, filha de Antonio Ferreira da Silva e de Arlete Melo da Silva, residente edomiciliada nesta Capital, requereram a habilitao para casamento. Quem tiverconhecimento de algum impedimento e/ ou causa suspensiva (Arts. 1 521 e 1 523,do Cdigo Civil), poder apresent-lo, por escrito, perante este Cartrio.So Lus (MA), 11 de Julho de 2011

  • R E L I G I Oatosefatos@elo.com.br11

    ATOS E FATOS www.atosefatos.jor.brSo Lus-MA, Tera-feira, 12 de Julho de 2011

    A Igreja Assemblia de Deus de Vila Palmeira realizou festividadeem prol de missionrios que moram em diversos pases

    Tributo a Jesus Cristo

    ADRAAF: Ao Social!

    As ticas Popular esto com uma super promoo, na comprade seu culos voc tem um desconto especial. As ticas Populartem parcerias, com instituies religiosas e outras. ticas Populartodos os modelos de armaes e lentes que voc deseja.

    ticasPopular

    Endereos: Rua 7 de Setembro, 282 Centro (98) 3231-1788Rua do Sol, 599 Centro 3221-0780Rua do Passeio, 266 Centro 3221-3311

    Quando Deus criou o universo e os seres, Ele deixou leispara que tudo funcionasse perfeitamente, conforme o pro-psito da existncia de cada um. Assim tudo funcionariabem e haveria sempre o equilbrio. o que observamos nouniverso, todos os corpos celestes (planetas, satlites, es-trelas, meteoros, etc.) seguem uma lei ou "ordem". Com o ser humano no foi diferente, este tambmrecebeu ordenanas da forma como deveria viver, serelacionar com os seus semelhantes e com a natureza.Formado imagem e semelhana do seu Criador e rece-bido o poder do livre arbtrio e da inteligncia extraor-dinria, capaz de lev-lo a descobrir e produzir coisasfantsticas ao ser bem estar, parece no ter entendido,ou simplesmente desprezou, as ordenanas do seu Cri-ador para que vivesse em constante comunho consi-go, e assim, desfrutasse a alegria, a paz e a incorruptibi-lidade, mantendo-se puro e santo como o seu Senhor. Ao longo da histria de sua existncia, o homemno fez muito caso da vontade de Deus para suavida, preferindo pecar e a cada gerao criar no-vas formas de aborrecer e entristecer o Senhorda Vida. Os mandamentos foram todos violados edesprezados pela raa humana:"Pelo que Deus os abandonou s suas paixes infa-mes. Porque at as suas mulheres mudaram o usonatural, no contrrio natureza. E semelhantemen-te, tambm os vares, deixando o uso natural damulher, se inflamaram em sua sensualidade uns paracom os outros, varo co varo, cometendo torpeza erecebendo em si mesmos a recompensa que convi-nha ao seu erro" (Romanos 1.26 e 27). Deus tornou o ser humano conhecedor de sua vonta-de, entretanto, muitos esquecem que o tamanho doseu amor e bondade tambm o tamanho da sua justi-a. O Criador no se revela a ns com tom ameaadorou de justiceiro por causa de nossos erros, e sim, comoum pai oferecendo seu perdo e uma nova vida, poissabe que voltaremos ao p e todas as nossas obras pas-saro e com um tempo sero esquecidas. No Elequem nos julgar, mas as sua palavras que testemunha-ram contra ns. Sero elas que diro que pecamos, por-que a Palavra no volta vazia: "Porque, assim como des-cem a chuva e a neve dos cus e para l no tornam, masregam a terra e a fazem produzir, e brotar, e dar se-mentes ao semeador, e po ao que come, assim ser apalavra que sair da minha boca; ela no voltar para mimfazia; antes, far o que me apraz e prosperar naquilopara que a enviei"(Isaas 55.10 e 11).Tomemos conhecimento que Deus enviou a Jesus Cris-to, e conhecemos como a glria do Unignito do Pai,para que por Nele nos reconciliemos ao nosso Criador,antes que chegue o fim e no saibamos o propsito deexistirmos. Cristo o Caminho que nos leva a Deus, oamigo que pagou o resgate nossos erros e maldades, oSalvador que todos os dias nos chama para desfrutar-mos da alegria dos Cus.Glria seja dada ao Rei Jesus!

    Jornalista Marina Sousa com acomudade de Vila Palmeira

    Pastor Francisco Rodrigues e amocidade da Igreja.

    Grupo de Teatro

    A igreja Evanglica Assemblia de Deus de Vila Palmeira, coordenada pelo PastorFrancisco Rodrigues realizou uma solenidade crist referente a misses. O eventoque aconteceu no final de junho com apresentaes culturais, ministrao da pala-vra de Deus, louvores e peas teatrais foi bastante aplaudido. Na oportunidade foiexibido um documentrio sobre os cristos que so perseguidos em alguns pa-ses por anunciar o evangelho de Jesus Cristo. A referida igreja sempre trabalhou asquestes sociais e missionrias, desta vez abraou em parceria o Ministrio PortasAbertas. O Ministrio Portas Abertas apia projetos de evangelizao e envia missi-onrios para muitos pases principalmente para essas regies. No terceiro domingode junho celebrado o Dia Mundial Portas Abertas, lembrando de todos os mission-rios que sofrem para levar o Evangelho de Cristo a estes povos.H trs anos a igreja Assemblia de Deus da Vila Palmeira participa desse momento.No dia 19 de junho a igreja celebrou um culto com peas teatrais e o relato dasituao dos cristos e missionrios de pases onde o cristianismo combatidocom prises, torturas e pena de morte. Tambm foi doado dinheiro para compra de Bblias e ajuda aos missionrios e cristos.Esse ano a igreja de Vila Palmeira enviou sua oferta para a Somlia, e que uma semana antes declarou o islamismo com religiooficial, proibindo veemente qualquer outra religio.

    UFMA NASBPC

    O reitor da Universidade Fe-deral do Maranho, Natalino Sal-gado, comanda a caravana de pro-fessores, pesquisadores, tcnicose estudantes que participa, em Goi-nia (GO), da 63 Reunio Anualda Sociedade Brasileira Para oProgresso da Cincia (SBPC).Entre os dias 10 e 15, sero apre-sentados 189 trabalhos cientficosdo Estado, sendo 125 produzidospela UFMA, envolvendo 400 gru-pos de pesquisa. Na sesso deencerramento, Natalino Salgado,o prefeito Joo Castelo e repre-sentante do Governo do Estadojustificaro o porqu de So Lusser escolhida para sediar a 64Reunio Anual da SBPC, em ju-lho do ano que vem. Um dos mo-tivos que a cidade celebra 400anos de fundao.

    Tambm. durante a SBPC deGoinia, o reitor da UFMA apre-sentar ao Conselho Nacional daEntidade sugestes de temas paraa SBPC de 2012. Resultante deenquete feita por meio do portal daUFMA, internautas escolheramsustentabilidade, cultura e pobre-za das cinco opes, em que fo-ram includas bioma e energia.

    Por: Jos Terceiro.A cada ano so abertas novas

    empresas para explorar ou atuar den-tro de algum mercado especfico. Den-tre os tipos de empreendimentos, osdo chamado Terceiro Setor j tomamparcela significativa dentro do univer-so macroeconmico de nosso pas.Entretanto, como se sabe, grandeparte dos projetos no saem do pa-pel; uma boa parte dos que iniciam,no conseguem estabelecer suces-so e manter a prpria continuidade.Porm, dentro do Terceiro Setor sevislumbra uma realidade, at certoponto, motivadora; pois, segundo osdados coletados pelo IBGE (2004):

    Existem hoje 275 mil instituiesdo Terceiro Setor no Brasil. Somentena rea de Educao h um registrode 17.493 Instituies formalmente re-gistradas no Brasil; as outras princi-pais reas so: religiosas com 70.446;defesa dos direitos, 45.161; associa-es patronais, 44.581; cultura e re-creao, 37.539; sade, 3.798; e, as-sistncia social, 32.239. Aqui, no Ma-ranho, h uma verdadeira efuso deAssociaes Comunitrias, Coopera-tivas, Entidades Assistenciais, Com-panhias Artsticas e Culturais, dentreos principais tipos; muitas das quaisse mantm por muito tempo numa si-tuao de anonimato ou de irrelevn-cia, por variados fatores, expressan-do, apenas, a j conhecida fachadatricolor do empecilho poltico aliado dainutilidade gmea da incompetncia.H, porm, outras instituies idne-as, atuantes e conquistadoras de re-sultados, na contramo do desperd-

    cio, da falsidade ideolgica e da ingern-cia. Destas, algumas poucas se desta-cam como capazes de elaborar modelosviveis de execuo de aes sociaiscom alto nvel de integrao com a inicia-tiva privada e pblica, agregao de valo-res sociais alcanveis e a indispensvelconexo com os modelos atuais de ima-gem, mdias e planos de ao.

    A instituio da vez a ADRAAF(Agncia de Desenvolvimento e Recur-sos Assistenciais), que vem realizandoaes de polticas pblicas informativas,educativas e preventivas contra drogas,lcool, tabagismo, mo de obra escravainfanto-juvenil, crimes de abuso a vulne-rveis e trfico internacional de crianase adolescentes; tudo isso atravs de umplano prtico de parcerias com o empre-sariado local e uma rede de instituiessociais afins como escolas e associa-es comunitrias, obtendo, mantendoe ampliando um ritmo de sucesso tal,que vem atraindo o interesse da mdiamaranhense. Prometer no fazer; sen-do assim, melhor no prometer; me-lhor ainda prometer e cumprir. Comessa certeza, a Direo da ADRAAFvem implementando uma poltica de re-alizaes encabeadas por planejamen-to e propostas prvias.

    Bispo Newton Martins, Presidente daADRAAF: Se a sociedade for preparada,ela se autoproteger.

    Algumas das metas j atingidas so:Em vrios municpios, quase 10.000 pes-soas assistiram e mais de 2.800 crian-as participaram das palestras onde to-dos receberam o Adesivo Solidrio, seloda Campanha de Proteo que orienta eincentiva a participao da sociedade ci-

    vil no processo de preveno e dennciacontra a criminalidade. Em parceria coma Fundao Renato Abreu, vrias famli-as foram atendidas por clnicos gerais,pediatras e nutricionistas. A comunidadefoi atendida com corte e tratamento decabelo gratuito e com a distribuio deremdios, aos 30 de Junho em Cajari.Mes carentes de vrias comunidadesperifricas recebem gratuitamente um tra-tamento de beleza em homenagem aodia das mes. O salo Gobbi Cabelo Es-ttica em parceria com a ADRAAF reali-zou todo o atendimento na prpria empre-sa localizada no Dal Plaza Center. Outrosdonativos foram distribudos na ocasio,no dia 19 de Maio. Mais recentemente,em parceria com a UFMA, realizou aCampanha de Enfrentamento das Drogase Crimes Sexuais Contra Crianas e Ado-lescentes. Palestras em udio e vdeoabordando a temtica das drogas, lcool,tabagismo, trfico internacional de crian-as e mo de obra escrava, com a expo-sio de banners informativos sobre acriminalidade contra crianas, adolescen-tes e jovens, dentro do Campus, no per-odo de 20, 22, 27 e 28 de Junho.

  • VIOLNCIA

    PM esfaqueado nopescoo por flanelhina

    O filho sbio alegra o pai, o filhoinsensato entristece a me.

    Provrbios 10,1

    P O L C I Aatosefatos@elo.com.br12

    ATOS E FATOS www.atosefatos.jor.brSo Lus-MA, Tera-feira, 12 de Julho de 2011

    Leia Atos e Fatos na Internetwww.atosefatos.jor.br

    B R O N C A S

    Diverso para muitos,desgraa para outros. Duran-te a realizao da 8 Paradado Orgulho Gay de So Lus,que aconteceu na AvenidaLitornea, na tarde e noite dedomingo, dia 10, a polciaregistrou diversos incidentesocorridos no evento.

    Segundo informaes doposto policial do Hospital

    Municipal Djalma Marques(Socorro I), para onde algu-mas vtimas de agressesforam encaminhadas. Umdos casos foi o do cabo daPolcia Militar identificadocomo Erinaldo Leite Sodr,do Batalho de Choque.

    Ele foi atingido por umafacada no pescoo depoisde um desentendimento

    com o guardador de carrosidentificado como AgripinoAlmeida Cantanhede, de68 anos, morador do bairroCoroadinho.

    Agripino teria cobradouma taxa de R$ 15 para vi-giar os carros estaciona-dos nas proximidades doevento. Por no concordarcom o valor abusivo, o poli-

    cial foi vtima da agressodo flanelinha.

    Erinaldo foi socorrido porfamiliares e encaminhadoem estado grave ao centrocirrgico do hospital. O au-tor do delito foi preso porpoliciais militares e apre-sentado no Planto Centralda Beira-Mar, onde foi autu-ado em flagrante.

    Policiais Militares doServio de Inteligncia con-seguiram desarticular umbando de assaltantes e ar-rombadores que agia nasregies do Tibiri e Tibrizi-nho, zona rural da capitalmaranhense. Trs delesestavam com mandados depriso expedida pela Justi-a do Maranho, entre os

    Homem morto a golpesde faca na Vila Luizo

    Na madrugada de domingo, 10, Leonel Lima Rosa,27 anos, foi atingido por dois golpes de faca no abdome,na Vila Luizo. A famlia dele acredita que o crime ocor-reu depois de um assalto, pois Leonel foi encontradosem a carteira. De acordo com a me da vtima, Mariade Jesus Lima Rosa, Leonel tinha chegado no dia ante-rior do municpio de Rosrio para passar o fim de sema-na com a famlia. noite de sbado, ele saiu sem dizeraonde iria, e supostamente acabou encontrando os ami-gos do bairro, com quem teria ficado conversando atquase amanhecer. Quando voltava para casa, na Rua daMangueira, Leonel foi esfaqueado.

    Pessoas da vizinhana que identificaram a vtima fo-ram casa de Maria de Jesus para avisar do ocorrido.Juntamente com outro filho, ela encontrou Leonel bas-tante ensanguentado. O irmo dele imediatamente reti-rou a camisa para cobrir o local do sangramento. Levadopor uma ambulncia da Vila Luizo ao atendimento deemergncia do Hospital Municipal Djalma Marques (So-corro I), Leonel no encontrou vaga no centro cirrgico,e acabou sendo transferido para o Hospital MunicipalClementino Moura (Socorro II), mas j era tarde. Nomomento do atendido, a equipe de planto verificou queLeonel j no apresentava os sinais vitais.

    Polcia Militar de Pedreirasapreende 942 gramas de merlaUma ao da Polcia Militar de Pedreiras, realizada

    neste ltimo final de semana, resultou na priso de Pau-lo Vinicius Nascimento Rodrigues, conhecido como DeMenor, de 25 anos. Com ele foram apreendidos, 942 gra-mas de merla. A priso se deu aps informaes repas-sadas pela Central do Disque Denncia (capital 3223-5800 e interior 0300 313 5800).

    Aps receberem a denncia, a PM localizou PauloVinicius no interior da residncia do pai dele, localizada,no Povoado Conceio. Ao chegar ao local, os policiaismilitares o surpreenderam embalando a droga.

    Segundo informaes policiais, Paulo Vinicius j te-ria passagem pela polcia, onde cumpria pena por tenta-tiva de homicdio e porte ilegal de armas. Ele estava h14 meses em liberdade condicional. Aps lavrado o fla-grante pelo delegado de Polcia Civil Avilsio Fonseca,Paulo Vinicius Nascimento Rodrigues foi encaminhadopara o Centro de Ressocializao de Pedreiras.

    Polcia Civil prende acusadode estupro em Viana

    A Polcia Civil da cidade de Viana prendeu no ltimodomingo (10), Paulo Srgio Lobato Amorim, de 25 anos,acusado de estuprar uma mulher naquela madrugada. Se-gundo relatos da vtima, ela estava em um bar com o acu-sado, quando por volta das 4h da manh ele a teria violen-tado sexualmente em uma estrada afastada da cidade. Avtima, aps o abuso, encaminhou-se delegacia onderegistrou ocorrncia contra Paulo Srgio. Em diligncias,as equipes policiais conseguiram efetuar a priso do acu-sado em sua residncia localizada no bairro Citel.

    Preso suspeito de assaltarfarmcia no bairro da CohamaPoliciais civis prenderam, no domingo (10), Jos

    Glicrio de Sousa Nunes. Ele suspeito de partici-par da tentativa de arrombamento e assalto na far-mcia Extrafarma, llocalizada no bairro da Cohama.O crime ocorreu no dia 20 de junho deste ano, econtou com a participao de um grupo de aproxi-madamente doze assaltantes.

    O bando tentou cortar o caixa eletrnico com ma-aricos e botijo de gs quando o alarme disparou.Os criminosos desistiram da ideia e resolveram as-saltar a farmcia. Todos os clientes, inclusive os fla-nelinhas que trabalham na rea, foram colocadoscomo refns.

    A quadrilha fugiu em dois veculos, um Polo pra-ta e um txi Fiesta branco, [esse ltimo abandona-do no bairro da Pirmide]. Os assaltantes tambmlevaram toda a renda da farmcia, alm de dinheiroe objetos dos clientes. At o momento, a polcia noconseguiu localizar o paradeiro do bando.

    Jos Glicrio Nunes se encontra detido na Dele-gacia Especial de Investigao Criminal (Deic), ondeprestar depoimento.

    Acidente com carretacarregada de madeira

    deixa dois mortos

    Pedreiro assassinadoa facadas na Vila

    Cascavel, na madrugadaO pedreiro Antnio Carlos

    de Sousa, 38 anos, foi as-sassinado a facadas por vol-ta da meia-noite de domingo(11), na rea do So Raimun-do, entre as vilas Cascavel eCotia. O corpo foi encontra-do por moradores nesta ma-nh, em um terreno baldio.

    Segundo informaes, avtima bebia em um bar naVila Cascavel. Ele retornavade bicicleta para casa quan-

    do foi abordado por uma pes-soa, que aplicou vrios gol-pes de faca.

    At o momento, a polciacaracteriza como latrocniotendo em vista o acusado terlevado a bicicleta do pedrei-ro. Os familiares desconfiamque o crime tenha aconteci-do em funo de um relacio-namento amoroso que a vti-ma tinha com uma mulher naVila Cascavel.

    Duas pessoas morrerame outras duas ficaram feridasaps uma carreta carregadade madeira colidir, na manhdesse domingo (10), comuma picape no Km 30 da BR-316. O acidente aconteceu, porvolta de 6h30, no municpio dePicos, na regio sul do Piau.

    A carreta, de placa IAH0027 (SE), seguia para Baca-bal, no Maranho. De acordocom um passageiro da pica-pe - de placa MYV 1378 (RN) -

    , o veculo invadiu a faixa con-trria e colidiu frontalmente.

    O motorista da picape, in-dentificado apenas como "Chi-quinho", e um outro passagei-ro, identificado como AdcioAndrade Mariano, morreramno local do acidente. O moto-rista da carreta, no identifica-do, e outro passageiro CleitonMamede Bezerra, tiveram feri-mentos leves e foram levadospara o Hospital Regional Jus-tino Luz, de Picos.

    Polcia prende bando quevinha aterrorizando no Tibiri

    quais, Jos Ribamar Pesta-na Filho, 26 anos, o "Paizi-nho", Cludio Manoel dosSantos, 24 anos, "Tio Gato"e ngelo Fagner Maciel dosSantos", 21 anos [todos mo-radores do Tibirizinho).

    Tambm foi preso TomsMaciel dos Santos, o "Cicatriz",irmo do "Tio Gato" e ngeloFagner, alm de Ezielson Lei-

    te Pereira. Em poder deles fo-ram apreendidas seis espingar-das de ar comprimido, 334munies de revlver calibre 32,uma munio para revlver ca-libre 38, uma munio para pis-tola ponto 40 e 26 caixas dechumbinho. O bando est re-colhido na delegacia da Cida-de Operria (Decop).

    De acordo com Toms

    Maciel, os objetos foramroubados da Transportado-ra Sua Majestade, situadano bairro do Tibiri.

    Ele, ainda, confessouque as seis espingardasforam vendidas a um pes-cador pela importncia deR$ 1.200,00. Cada espin-garda custa algo em tornode R$ 1 mil.

    PM prende traficantecom Oxi em Bacabal

    Policiais militares do mu-nicpio de Bacabal prenderamem flagrante delito, no ltimodomingo (10), Francisco Car-los Flix de Sousa, de 35anos, o Pit, suspeito de tr-fico de drogas na cidade.

    De acordo com informa-es policiais, no momentodo flagrante, a Policia Militarestava fazendo ronda quan-do identificou pitu, em umaesquina da Rua do Cajueiro,no bairro Trizidela, em com-panhia de outros dois ele-

    mentos, conhecidos comoPombo e Raimundo.

    Na ocasio, os trs esta-vam comercializando subs-tncias entorpecentes. Osdois ltimos conseguiram seevadir do local.

    Segundo a delegada dePolcia Civil, Clenir MariaReis, titular da Delegacia daMulher de Bacabal, que es-tava de planto na DelegaciaRegional, com o Pit foramencontrados: 750 gramas demaconha e 4 pedras grande

    de Oxi, um entorpecente que caracterizado por sua coralaranjada, alm de um bal-de grande de plstico, papel,linha e tesoura, que serviampara acoplar as drogas emembalagens de venda.

    De acordo com a delega-da, essa foi a primeira apre-enso desse tipo de droga naregio. "J tnhamos informa-es sobre o Oxi em outraslocalidades vizinhas", disse.

    Segundo ela, cada pedrade Oxi equivale a 38 gramas.

    "Os traficantes desse tipo dedroga j esto preferindo asua venda, pois, mais bara-to. Ela fragmentada rende umlucro de aproximadamentedois mil reais", acrescenta.

    Francisco Carlos Flixde Sousa foi autuado pelocrime de trfico de drogas ese encontra detido na Dele-gacia Regional de Bacabal,onde ficar disposio daJustia. A polcia continua nabusca dos outros dois ho-mens envolvidos.