ESTUDO BIBLIOMTRICO SOBRE O TERMO HIDROPONIA ? VI Congresso Brasileiro de Gesto Ambiental Porto

  • Published on
    19-Nov-2018

  • View
    212

  • Download
    0

Transcript

  • VI Congresso Brasileiro de Gesto Ambiental Porto Alegre/RS 23 a 26/11/2015

    IBEAS Instituto Brasileiro de Estudos Ambientais 1

    ESTUDO BIBLIOMTRICO SOBRE O TERMO HIDROPONIA ATRAVS DE BUSCA DE ARTIGOS NO SITE SCIELO

    Aline Pereira de Oliveira Lima Silva (*) , Tain Viana Oliveira, Tssia Camila Gonalves dos Santos, Maria de Lourdes Almeida Gonalves, Soraya Giovanetti El-Deir Universidade Federal Rural de Pernambuco UFRPE, aliineliima@hotmail.com.br

    RESUMO A hidroponia um mtodo de cultivo sem a utilizao do solo, utilizando no lugar deste, uma soluo nutritiva. Esse tipo de cultivo visto como um elemento estratgico na gesto integrada dos recursos hdricos, uma vez que a soluo utilizada para fornecer nutrientes s plantas normalmente gua de reso. Est pode receber ou no o acrscimo de substncias adequadas a cultura escolhida. O objetivo deste escrito foi explorar os diferentes enfoques dados pelos autores dos artigos estudados, buscando agrup-los em temas gerais, e comentar os diferentes aspectos abordados. Este estudo possui carter documental e teve seu material retirado da Biblioteca Online Scielo, utilizando como indicadores os temas gua, reso e hidroponia na rea de pesquisa de artigos, na subrea pesquisa. Foram obtidos dados quantitativos utilizando trs locus: ttulo, resumo e todos os ndices. Foram lidos os artigos que apresentavam a palavra hidroponia no ttulo, dando ateno especial ao texto introdutrio e a partir desta leitura, foram selecionados trechos que continham as tcnicas de cultivo hidropnico e classificados de acordo com o enfoque da pesquisa, para agrupar e classificar as definies semelhantes. Observou-se uma diferena entre as frequncias de ocorrncia nas diferentes categorias. O indicador reso individualmente apresentou o menor nmero de resultados nas trs categorias, j o tema gua apresentou os maiores resultados nas trs categorias ttulo, resumo, ao longo do texto com 1905, 11304, 12127 respectivamente. Com o tema hidroponia isolado obteve-se na categoria ttulo 45, resumo 68 e na ltima categoria, Ao longo do texto, 159. Isoladamente, os artigos tratam dos respectivos assuntos com abordagens diferentes; entretanto, a medida que se analisou expresses com dois ou trs termos, gerando maior especificidade no assunto abordado, a quantidade de artigos diminui. Dos trs duetos formados pelos indicadores, o que apresentou menor resultados foi reuso/hidroponia, o de maior, reuso/gua. O numerrio mais expressivo no tema gua j era esperado, pois este um assunto mais abrangente, enquanto os outros so subtemas. Dos artigos encontrados, uma quantidade considervel apresentou uma definio do conceito de produo hidropnica, estas apresentavam diferenas entre si, variando de acordo com o enfoque da pesquisa realizada. Em geral, a maiorias das definies tinha como foco a otimizao da produo ou reaproveitamento de gua. PALAVRAS-CHAVE: Reso de gua, Otimizao da produo, Soluo nutritiva, Solo.

    INTRODUO

    A palavra hidroponia provm dos radicais gregos hidro (gua) e ponos (trabalho). Tal tcnica teve origem na necessidade de produzir-se alimentos em reas sem terras frteis para cultivo e sem fontes de gua em condies ideais para que fosse realizada para a irrigao do solo. A hidroponia um mtodo de cultivo sem a utilizao do solo, utilizando no lugar deste, uma soluo nutritiva. Esse tipo de cultivo visto como um elemento estratgico na gesto integrada dos recursos hdricos, uma vez que a soluo utilizada para fornecer nutrientes s plantas normalmente gua de reuso, ou seja, guas imprprias para o consumo humano. Esta gua pode receber ou no o acrscimo de substncias adequadas a cultura escolhida, equilibrando a qualidade de micro e macro nutrientes necessrio para o bom desenvolvido dos cultivares. As vantagens existentes nesse tipo de produo so muitas. Por no ser um cultivo em solo, a hidroponia necessita de uma rea bem menor, est menos sujeita patgenos do solo, diminuindo a quantidade de pesticidas que devem ser utilizados na cultura. um tipo de cultivo facilmente controlado, possibilitando a regulao da temperatura, da umidade e da incidncia de luz, podendo reduzir o nmero de microorganismos que se desenvolvem sob condies especficas. A gua utilizada como soluo nutritiva fruto de aes antrpicas, sendo que o aproveitamento desse aporte hdrico para agricultura oferece um destino adequado a esses dejetos, diminuindo a poluio ambiental potencial da eliminao em algum corpo hdrico ou no solo.

  • VI Congresso Brasileiro de Gesto Ambiental Porto Alegre/RS - 23 a 26/11/2015

    IBEAS Instituto Brasileiro de Estudos Ambientais 2

    Tambm gera uma grande economia hdrica, pois, alm da soluo nutritiva ser proveniente de gua de reuso, esta utilizada vrias vezes. Os produtos gerados atravs de cultivos hidropnicos tm alto valor no mercado atualmente, pois no levam agrotxicos, logo so mais saudveis, face ao cuidado com a sade ser uma tendncia muito forte dentro do mercado atual. Tudo isso torna o cultivo hidropnico mais acessvel, pois comparado agricultura em solo, necessita de investimentos iniciais bem menores e possui um custo de manuteno bem mais baixo. O baixo custo da produo hidropnica torna-a uma produo altamente verstil, pois esta pode ser utilizada tanto por moradores do serto, que possuem baixa disponibilidade de recursos financeiros e hdricos, quanto por grandes investidores, que buscam potencializar a produo e o lucro. O presente artigo foi fundamentado em estudos bibliomtricos com a utilizao do site Scielo, explicitando definies gerais do termo hidroponia, origens, vantagens, desvantagens e a diversidade existente dentro desse tipo diferenciado de cultivo. O objetivo deste escrito foi realizar um estudo bibliomtrico a partir dos indicadores gua, reuso e hidroponia e explicitar os diferentes enfoques dentro do conceito de produo e cultivo hidropnico, buscando agrup-los de acordo com as semelhanas apresentadas pelos autores, dando uma viso geral do estado da arte desta tecnologia social.

    METODOLOGIA

    A pesquisa bibliomtrica possui carter documental, tendo sido realizada a partir de materiais que no receberam um tratamento analtico, ou que ainda podem ser reelaborados de acordo com os objetivos da pesquisa (GIL, 2008, p. 51). Neste caso, o material utilizado foi retirado da Biblioteca Online Scielo (http://www.scielo.br/), utilizando como indicadores os temas reuso, gua e hidroponia, na rea de pesquisa de artigos, na subrea pesquisa. O estudo bibliomtrico tem como um dos idealizadores Paul Otlet, partcipe do Movimento Bibliogrfico. Bibliometria pode ser definida como tcnica quantitativa e estatstica de medio dos ndices de produo e disseminao do conhecimento cientfico, consistindo na aplicao de tcnicas estatsticas e matemticas para descrever aspectos da literatura e de outros meios de comunicao (ARAJO, 2006, p. 12). Compreende-se que num estudo bibliomtrico utiliza-se dados de pesquisas para fundamentar e quantificar escritos de um determinado tema. Foram obtidos dados quantitativos que foram resumidos em tabelas de dupla entrada e, por meio das distribuies marginais, foi possvel estudar a associao das variveis (BUSSAB, 2012, p. 80), utilizando trs locus: ttulo, resumo e todos os ndices. Para obter melhores resultados, foi feita a pesquisa com os indicadores isolados (reuso, gua, hidroponia), em pares (reuso/gua, reuso/hidroponia, gua/hidroponia) e os trs em conjunto (reuso/gua/hidroponia). A partir dos resultados, utilizando o mtodo da estatstica descritiva, foram plotados os dados em planilha Excel. As pesquisas deste tipo tm como objetivo primordial a descrio das caractersticas de determinada populao ou fenmeno ou o estabelecimento de relaes entre variveis, com a utilizao de tcnicas padronizadas de coleta de dados. (GIL, 2008, p. 28). Foram lidos os artigos que apresentavam a palavra hidroponia no ttulo, dando ateno especial ao texto introdutrio, visando o confronto de ideias entre os autores, visto buscar um nvel de realidade que no pode ou no deveria ser quantificado (MINAYO, 2010). A partir da leitura das introdues dos 45 artigos resultantes da pesquisa com o indicador hidroponia na categoria ttulo, foram selecionados trechos que continham as tcnicas de cultivo hidropnico e classificados de acordo com o enfoque da pesquisa, para agrupar e classificar as definies semelhantes. A partir da anlise quantitativa dos dados, foi feito um estudo qualitativo, demonstrando, alm do aspecto principal apresentado como indicador- outras preocupaes dos autores.

    RESULTADOS

    Estudos bibliomtricos so usuais nas reas das cincias humanas, em particular para conhecimento a respeito da frequncia de estudos numa dada rea de conhecimento. Para Engel-Cox et al. (2009) a bibliometria foi uma ferramenta para a construo de um modelo lgico e mtricas associadas atravs dos quais pode ser possvel

  • VI Congresso Brasileiro de Gesto Ambiental Porto Alegre/RS 23 a 26/11/2015

    IBEAS Instituto Brasileiro de Estudos Ambientais 3

    avaliar a contribuio de programas de pesquisa em sade ambiental para melhorar a sade humana, o meio ambiente e a economia, auxiliando a compreender o estado da arte numa dada rea. Para os temas ambientais, tal estratgia recente. Sehnem et al. (2012) realizou estudo sobre a evoluo do interesse de publicao da administrao nas questes da gesto ambiental, estratgia ambiental, desempenho ambiental e avaliao estratgica ambiental (em portugus, ingls ou espanhol), atravs da verificao de artigos com estas temticas em peridicos da rea. Alm destes, na literatura em portugus, pouco est sendo desenvolvido para temas ambientais, estando restrito a dissertaes que, por meio da reviso bibliogrfica, desenvolve alguma mtrica a respeito de temticas relativas a questes ambientais. Observou-se uma diferena entre as frequncias de ocorrncia nas diferentes categorias (Tabela 1). O indicador reso individualmente apresentou o menor nmero de resultados nas trs categorias, j o tema gua apresentou os maiores resultados nas trs categorias ttulo, resumo, ao longo do texto com 1.905 citaes, 11.304, 12.127 respectivamente. Tais temas so relevantes para aa gesto dos recursos hdricos, tendo abordagens diversas e abrangncia em diversas regies. Por outro lado, tais estudos podem servir de base para a definio de polticas pblicas focadas nas problemticas advindas da insegurana hdrica e da gesto sustentvel dos recursos naturais, essenciais para a elevao da qualidade de vida. Com o tema hidroponia isolado obteve-se na categoria ttulo 45 citaess, resumo 68 e na ltima categoria, Ao longo do texto, 159. Isoladamente, os artigos tratam dos respectivos assuntos com abordagens diferentes; entretanto, a medida que se analisou expresses com dois ou trs termos, gerando maior especificidade no assunto abordado, a quantidade de artigos diminui. Dos trs duetos formados pelos indicadores, o que apresentou menor resultados foi reuso/hidroponia, o de maior, reuso/gua. O numerrio mais expressivo no tema gua j era esperado, pois este um assunto mais abrangente, enquanto os outros so subtemas.

    Tabela 1. Frequncia de ocorrncia dos indicadores reuso, gua, hidroponia nas categorias ttulo, resumo e todos os indicadores.

    Indicadores

    Categorias

    Ttulo Resumo Todos os indicadores

    gua 1.905 11.304 12.127

    Hidroponia 45 68 159

    Reuso 23 65 135

    Reuso/gua 11 34 99

    gua/Hidroponia 4 10 32

    Reuso/Hidroponia 0 0 3

    Reuso/gua/Hidroponia 0 0 2

    Observa-se que o tema hidroponia em relao ao reuso de guas servidas um temrio recente, face ao baixo nmero de artigos encontrados. Tal temrio merece destaque visto que esta tecnologia foi recentemente reconhecida como uma Tecnologia social pela Fundao Banco do Brasil (2015), tornando-se assim uma poltica pblica factvel de apoio por rgos financiadores oficiais. Por outro lado, o aprofundamento desta tcnica poder ser de proveito para as comunidades carentes do semirido, tendo nesta uma forma de produo de hortalias, visando a elevao da segurana alimentar e nutricional (BIONE et al, 2014) assim como para cultivares de potencial bioenergtico (SANTOS JNIOR et al., 2014). Observou-se que dentro das definies, cada autor conferiu ao artigo um enfoque especfico, que puderam ser classificados em 5 temas: reaproveitamento de gua, produtividade, patognicos, ferramenta de auxlio para estudos e vnculo com a modernizao (Quadro 1). Os temas reaproveitamento de gua e produtividade foram mais frequentes devido a viso mais geral deste tema. Dentro do tema

  • VI Congresso Brasileiro de Gesto Ambiental Porto Alegre/RS - 23 a 26/11/2015

    IBEAS Instituto Brasileiro de Estudos Ambientais 4

    reaproveitamento de guas residuais observou-se a abordagem de dois aspectos; um dos aspectos foi referente a comunidades que necessitam de dessalinizao, utilizando o subproduto dessa tcnica (gua extremamente concentrada em sais) para a produo de alimentos atravs da hidroponia (DIAS et al.,2011). J o segundo aspecto relativo questo da escassez da gua no mundo, principalmente em pases com grandes reas de semirido e o cultivo hidropnico como uma soluo (PAULUS et at., 2012).

    Quadro 1. Quantidade de artigos resultantes da pesquisa com o indicador hidroponia na categoria ttulo, classificados de acordo com o enfoque da pesquisa

    Enfoque da pesquisa Quantidade de

    artigos

    Reaproveitamento de gua 5

    Produtividade 4

    Patognicos 3

    No tema patognicos observou-se a abordagem de dois aspectos; um dos aspectos referiu-se ao cultivo hidropnico como uma produo mais limpa, j que no est em contato com o solo, no se fazendo necessrio o uso de uma quantidade excessiva de agrotxicos (SOUZA et al.,2013). J o segundo mostra que apesar de livre dos patgenos do solo, esse cultivo est sujeito a outras doenas e sugere o controle biolgico como uma soluo para reduo no uso de agrotxicos (PATEKOSKI et al., 2010). No tema produtividade observou-se a abordagem de dois aspectos; um trs o relato das concentraes de nutrientes nas quais h um melhor desenvolvimento da menta (PAULUS et al., 2008). O segundo trata das vantagens do cultivo hidropnico, testando a eficincias de diferentes cultivares em solues nutritivas variadas (SCHIMIDT et al.,2001).

    CONCLUSES/RECOMENDAES

    A hidroponia ainda um tema pouco tratado em artigos cientficos, apesar dos benefcios que pode trazer tanto a otimizao da produo, quanto a conservao do meio ambiente, tema bastante abordado no cenrio mundial. Dos artigos encontrados, uma quantidade considervel apresentou uma definio do conceito de produo hidropnica, estas apresentavam diferenas entre si, variando de acordo com o enfoque da pesquisa realizada. Em geral, a maiorias das definies tinha como foco a otimizao da produo ou reaproveitamento de gua. Recomenda-se que a hidroponia seja mais pesquisada e difundida entre os grandes e pequenos produtores por ser um modo de produo sustentvel e verstil, uma vez que pode-se utilizar guas residuais, independe do solo e pode ser mais facilmente controlada e modificada. AGRADECIMENTOS

    A Fundao de Amparo Cincia e Tecnologia de Pernambuco (Facepe) Ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientfico e Tecnolgico (CNPq) do Ministrio de Cincia, Tecnologia e Inovao (MCTI) do Governo do Brasil.

    REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS

    1. BIONE, Maria A. A. et al. Crescimento e produo de manjerico em sistema hidropnico NFT sob salinidade. Rev. Bras. Eng. Agrc. Ambient., Dez 2014, vol. 18, n. 12, p. 1228-1234.

    2. BUSSAB, W. De O.; MORETTIN, P. A. Estatstica Bsica. 7 ed. So Paulo: Saraiva. 2012. 3. DIAS, N. Da S.; NETO, O. N. De S.; COSME, C. R.; JALES, A. G. De O.; REBOUAS, J. R. L.;

    OLIVEIRA, A. M. De. Resposta de cultivares de alface salinidade da soluo nutritiva com rejeito salino

  • VI Congresso Brasileiro de Gesto Ambiental Porto Alegre/RS 23 a 26/11/2015

    IBEAS Instituto Brasileiro de Estudos Ambientais 5

    em hidroponia. Revista Brasileira de Engenharia Agrcola e Ambiental. Vol. 15, n.10. Campina Grande. Out. 2011.

    4. ENGEL-COX, Jill et al. Conceptual model of comprehensive research metrics for improved human health and environment. Cinc. sade coletiva, Apr 2009, vol. 14, n. 2, p. 519-531.

    5. GIL, A. C. Metodos e tcnicas de pesquisa social. 6 ed. So Paulo: Atlas. 2008. Disponvel em: . Acesso em: 25 jul. 2015.

    6. MINAYO, M. C. De S. Pesquisa social: teoria, mtodo e criatividade. 29 ed. Rio de Janeiro: Vozes. 2010. Disponvel em: Acesso em: 23 jul. 2015.

    7. PAULUS, D.; PAULUS, E.; NAVA, G. A.; MOURA, C. A.. Crescimento, consumo hdrico e composio mineral de alface cultivada em hidroponia com guas salinas. Revista Ceres. Vol. 59, n. 1. Viosa. Jan./Fev. 2012.

    8. SCHMIDT, D.; SANTOS, O. S.; BONNECARRRE, R. A. G.; MARIANI, O. A.; MANFRON, P. A.. Desempenho de solues nutritivas e cultivares de alface em hidroponia. Horticultura Brasileira. v. 19, n. 2. Braslia. Jul. 2001.

    9. PAULUS, D.; MEDEIROS, S. L. P.; SANTOS, O. S.; PAULUS, E.; Soluo nutritiva para produo de menta em hidroponia. Horticultura Brasileira. v. 26, n. 1. Braslia. Jan/ Mar. 2008.

    10. PATEKOSKI, K. Da S.; ZOTTARELLI, C. L. A. P.. Patogenicidade de Pythium aphanidermatum a alface cultivada em hidroponia e seu biocontrole com Trichoderma. Pesquisa Agropecuria Brasileira. v. 45, n.. 8. Braslia. Ago. 2010.

    11. SANTOS JNIOR, J. A. et al. Substratos e tempo de renovao da gua residuria no crescimento do girassol ornamental em sistema semi-hidroponia. Rev. Bras. Eng. Agrc. Ambient., Ago 2014, vol.18, no.8, p.790-797.

    12. SEHNEM, S. et al. Gesto e estratgia ambiental: um estudo bibliomtrico sobre o interesse do tema nos peridicos acadmicos brasileiros. REAd. Rev. eletrn. adm. (Porto Alegre), Ago 2012, vol. 18, n. 2, p. 468-493.

    13. SOUZA, C. De B. S.; FONTES, P. C. R.; MOREIRA, A. M.; CECON, P. R.; PUIATTI, M.. Produo de minitubrculos de batata semente bsica em hidroponia em funo de doses de nitrognio. Revista Cincia Agronmica. v. 44, n. 4. Fortaleza. Out/ Dez. 2013.