Dinamo apresentao de lancamento

  • Published on
    11-Aug-2015

  • View
    552

  • Download
    5

Transcript

1. DINAMIZANDO O ECOSSISTEMA DE STARTUPS DO BRASIL Bem$vindos! 2. O Mundo 3. O futuro da economia e do mercado de trabalho Mundo | O que nos espera 4. Mundo | O que nos espera (1) - The future of employment - Oxford 5. Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford 6. 47% dos empregos nos EUA ameaados por computadores (1) Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford 7. 47% dos empregos nos EUA ameaados por computadores (1) Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford Muito alm de substituir o trabalho manual bsico 8. 47% dos empregos nos EUA ameaados por computadores (1) Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford Muito alm de substituir o trabalho manual bsico Robs na indstria 9. 47% dos empregos nos EUA ameaados por computadores (1) Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford Muito alm de substituir o trabalho manual bsico Robs motoristas Robs na indstria 10. 47% dos empregos nos EUA ameaados por computadores (1) Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford Muito alm de substituir o trabalho manual bsico Robs motoristas Robs pilotos Robs na indstria 11. 47% dos empregos nos EUA ameaados por computadores (1) Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford Muito alm de substituir o trabalho manual bsico Robs jornalistas Robs motoristas Robs pilotos Robs na indstria 12. 47% dos empregos nos EUA ameaados por computadores (1) Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford Muito alm de substituir o trabalho manual bsico Robs jornalistas Robs motoristas Robs pilotos Robs na indstria Robs militares 13. 47% dos empregos nos EUA ameaados por computadores (1) Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford Muito alm de substituir o trabalho manual bsico Robs jornalistas Robs motoristas Robs pilotos Robs em telemarketing Robs na indstria Robs militares 14. 47% dos empregos nos EUA ameaados por computadores (1) Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford Muito alm de substituir o trabalho manual bsico Robs jornalistas Robs motoristas Robs pilotos Robs em telemarketing Robs advogadosRobs na indstria Robs militares 15. 47% dos empregos nos EUA ameaados por computadores (1) Mundo | O que nos espera Nos prximos 20 anos (1) - The future of employment - Oxford Muito alm de substituir o trabalho manual bsico Robs jornalistas Robs motoristas Robs pilotos Robs em telemarketing Robs advogadosRobs na indstria Robs militares 16. Mundo | O que nos espera (1) - World Bank 17. Mundo | O que nos espera Indstria x Servios (1) (1) - World Bank 18. Mundo | O que nos espera Indstria x Servios (1) (1) - World Bank 19. Mundo | O que nos espera Indstria x Servios (1) (1) - World Bank 20. Mundo | O que nos espera Indstria x Servios (1) (1) - World Bank 21. Novos Paradigmas Mundo | O que nos espera 22. Novos Paradigmas Mundo | O que nos espera Uber, maior empresa de transporte pessoal em carros do mundo, no dona de nenhum veculo 23. Novos Paradigmas Mundo | O que nos espera Uber, maior empresa de transporte pessoal em carros do mundo, no dona de nenhum veculo Airbnb, maior provedor de acomodaes do mundo, no dono de um metro quadrado sequer 24. Novos Paradigmas Mundo | O que nos espera Uber, maior empresa de transporte pessoal em carros do mundo, no dona de nenhum veculo Airbnb, maior provedor de acomodaes do mundo, no dono de um metro quadrado sequer Alibaba, mais valiosa loja de venda de produtos do mundo, no tem nenhum item em estoque 25. Novos Paradigmas Mundo | O que nos espera Uber, maior empresa de transporte pessoal em carros do mundo, no dona de nenhum veculo Airbnb, maior provedor de acomodaes do mundo, no dono de um metro quadrado sequer Alibaba, mais valiosa loja de venda de produtos do mundo, no tem nenhum item em estoque Facebook, o dono da mais popular rede de mdia, no cria um contedo. 26. Novos Paradigmas Mundo | O que nos espera Uber, maior empresa de transporte pessoal em carros do mundo, no dona de nenhum veculo Airbnb, maior provedor de acomodaes do mundo, no dono de um metro quadrado sequer Alibaba, mais valiosa loja de venda de produtos do mundo, no tem nenhum item em estoque Facebook, o dono da mais popular rede de mdia, no cria um contedo. 27. Novos Paradigmas Mundo | O que nos espera Uber, maior empresa de transporte pessoal em carros do mundo, no dona de nenhum veculo Airbnb, maior provedor de acomodaes do mundo, no dono de um metro quadrado sequer Alibaba, mais valiosa loja de venda de produtos do mundo, no tem nenhum item em estoque Facebook, o dono da mais popular rede de mdia, no cria um contedo. 28. Inovao e Startups O caminho 29. Mas o que uma startup? Inovao e Startups | O que uma startup? 30. Mas o que uma startup? Inovao e Startups | O que uma startup? "Startup uma empresa no incio de suas atividades, que desenvolve produtos ou servios inovadores, com alto potencial de crescimento." 31. Mas o que uma startup? Inovao e Startups | O que uma startup? "Startup uma empresa no incio de suas atividades, que desenvolve produtos ou servios inovadores, com alto potencial de crescimento." Alto risco: Em mdia apenas 1 em cada 10 sobrevivem 32. Mas o que uma startup? Inovao e Startups | O que uma startup? "Startup uma empresa no incio de suas atividades, que desenvolve produtos ou servios inovadores, com alto potencial de crescimento." Alto risco: Em mdia apenas 1 em cada 10 sobrevivem Alto investimento: A maioria de seu capital investido no desenvolvimento do negcio 33. Mas o que uma startup? Inovao e Startups | O que uma startup? "Startup uma empresa no incio de suas atividades, que desenvolve produtos ou servios inovadores, com alto potencial de crescimento." Alto risco: Em mdia apenas 1 em cada 10 sobrevivem Alto investimento: A maioria de seu capital investido no desenvolvimento do negcio Sem lucro: Normalmente ainda no lucram 34. Mas o que uma startup? Inovao e Startups | O que uma startup? "Startup uma empresa no incio de suas atividades, que desenvolve produtos ou servios inovadores, com alto potencial de crescimento." Alto risco: Em mdia apenas 1 em cada 10 sobrevivem Alto investimento: A maioria de seu capital investido no desenvolvimento do negcio Sem lucro: Normalmente ainda no lucram Geradora de novos empregos: Principal fonte de novos empregos no mercado 35. Mas o que uma startup? Inovao e Startups | O que uma startup? "Startup uma empresa no incio de suas atividades, que desenvolve produtos ou servios inovadores, com alto potencial de crescimento." Alto risco: Em mdia apenas 1 em cada 10 sobrevivem Alto investimento: A maioria de seu capital investido no desenvolvimento do negcio Sem lucro: Normalmente ainda no lucram Geradora de novos empregos: Principal fonte de novos empregos no mercado 36. Principais necessidades de uma startup Inovao e Startups | O que uma startup? 37. Principais necessidades de uma startup Inovao e Startups | O que uma startup? Talentos: Profissionais altamente qualificados 38. Principais necessidades de uma startup Inovao e Startups | O que uma startup? Talentos: Profissionais altamente qualificados Cultura Empreendedora: Uma sociedade que aceite o risco e o fracasso como parte do processo de crescimento. 39. Principais necessidades de uma startup Inovao e Startups | O que uma startup? Talentos: Profissionais altamente qualificados Capital Empreendedor: Acesso a capital de risco Cultura Empreendedora: Uma sociedade que aceite o risco e o fracasso como parte do processo de crescimento. 40. Principais necessidades de uma startup Inovao e Startups | O que uma startup? Talentos: Profissionais altamente qualificados Capital Empreendedor: Acesso a capital de risco Agilidade burocrtica: Ambiente regulatrio gil que suporte o modelo de uma Startup Cultura Empreendedora: Uma sociedade que aceite o risco e o fracasso como parte do processo de crescimento. 41. Principais necessidades de uma startup Inovao e Startups | O que uma startup? Talentos: Profissionais altamente qualificados Capital Empreendedor: Acesso a capital de risco Agilidade burocrtica: Ambiente regulatrio gil que suporte o modelo de uma Startup Mercado: Acesso a mercados para oferecer seus produtos/servios Cultura Empreendedora: Uma sociedade que aceite o risco e o fracasso como parte do processo de crescimento. 42. Principais necessidades de uma startup Inovao e Startups | O que uma startup? Talentos: Profissionais altamente qualificados Capital Empreendedor: Acesso a capital de risco Agilidade burocrtica: Ambiente regulatrio gil que suporte o modelo de uma Startup Mercado: Acesso a mercados para oferecer seus produtos/servios Apoio Pblico: Fomento e incentivos fiscais para startups e investidores Cultura Empreendedora: Uma sociedade que aceite o risco e o fracasso como parte do processo de crescimento. 43. Dnamo Quem? 44. Sobre ns Dnamo | Quem? 45. Sobre ns Dnamo | Quem? O Dnamo um movimento apartidrio e sem fins lucrativos de articulao na rea de polticas pblicas, focado no ecossistema de startups. Nosso objetivo ser a ponte entre a sociedade civil organizada (startups, associaes, investidores, empresas, etc) e o governo em suas diferentes instncias, por meio de articulao poltica, contedo e apoio especializado em discusses, para melhorar o ecossistema. 46. Dnamo | Quem? Conselheiros Guilherme Junqueira, ABStartups Mariana Macario, Google Tony Celestino, TechStars/Up Global Bruno Freitas, Plug Humberto Matsuda, Performa / ABVCAP Maria Rita Spina Bueno, Anjos do Brasil Pedro Ramos, Baptista Luz Advogados Silvia Valadares, Microsoft Alan Leite, Startup Farm Rodrigo Menezes, Derraik & Menezes Advogados Gustavo Gorenstein, Poup.com.br Jorge Pacheco, Plug / Briix Coordenao Executiva Felipe Matos, Startup Farm Rodrigo Kiko" Afonso, Ao da Cidadania 47. Dnamo | Quem? 48. Dnamo Viso e aes 49. Dnamo | Viso e Aes Um ecossistema completo 50. Um exemplo Dnamo | Viso e Aes 51. Um exemplo Dnamo | Viso e Aes 52. Um exemplo Dnamo | Viso e Aes 53. Um exemplo Dnamo | Viso e Aes 54. Nossas lutas Dnamo | Viso e Aes 55. Nossas lutas Cultura Dnamo | Viso e Aes 56. Nossas lutas Cultura Dnamo | Viso e Aes Investimento 57. Nossas lutas Cultura Dnamo | Viso e Aes Investimento Densidade 58. Nossas lutas Cultura Dnamo | Viso e Aes Investimento Densidade Talentos 59. Nossas lutas Cultura Dnamo | Viso e Aes Investimento Ambiente Regulatrio Densidade Talentos 60. Nossas lutas Cultura Dnamo | Viso e Aes Investimento Ambiente Regulatrio SociedadeDensidade Talentos 61. Cultura Dnamo | Viso e Aes 62. Cultura Dnamo | Viso e Aes Ecossistemas de sucesso conseguiram criar uma cultura empreendedora e inovadora entre os diversos atores do meio. Sociedades que compreendem melhor que inovar e empreender envolvem riscos e que falhar nesse mercado parte integrante do aprendizado para o sucesso. Disseminar esta cultura para a universidade, corporaes e governos essencial para que cada dia mais, empreendedores tirem suas idias do papel e criem solues inovadoras e disruptivas. 63. Investimento Dnamo | Viso e Aes 64. Investimento Dnamo | Viso e Aes Essencial para o surgimento de startups, o capital de risco precisa de um ambiente regulatrio que compreenda os risco existentes neste modelo de investimento, incentivando-os nesta tomada de riscos. Aprofundar as discusses sobre taxao de investimentos de risco e riscos legais para estes investidores fundamental para que startups brasileiras e investidores enfrentem menos barreiras no pas por conta da burocracia e dos altos riscos tributrios e legais envolvidos nestas operaes no Brasil. 65. Densidade Dnamo | Viso e Aes 66. Densidade Dnamo | Viso e Aes Aproximar talentos e empreendedores ajuda a gerar novas idias e inovaes. Ao criar hubs ou clusters de inovao, cidades aumentam drasticamente as possibilidades de surgimento de novos negcios. Apoiar polticas pblicas de criao de hubs de inovao para startups focando em aproximar mentes com talento umas das outras parte essencial do processo de crescimento do ecossistema do pas. 67. Talentos Dnamo | Viso e Aes 68. Talentos Dnamo | Viso e Aes Essencial para o crescimento das startups no pas, a formao de talentos preparados para pensar e atuar em inovao parte fundamental de um ecossistema bem preparado. Lutamos por um ambiente que prepare profissionais para um novo mercado de trabalho: inovador, tecnolgico, disruptivo e diverso. 69. Ambiente Regulatrio Dnamo | Viso e Aes 70. Ambiente Regulatrio Dnamo | Viso e Aes Pelo seu alto risco, o ambiente de startups exige um processo mais gil e flexvel nas questes tributria, trabalhista e legal. Apoiamos as discusses sobre a temtica junto ao governo procurando propor medidas e discutir leis que possam tornar o ambiente de negcios mais preparado para as empresas inovadoras no pas. 71. Sociedade Dnamo | Viso e Aes 72. Sociedade Dnamo | Viso e Aes Cerca de 90% das startups mundiais so lideradas por Homens, Brancos de Classe A. Alm de ser um ambiente que exclui a grande maioria da populao. Lutamos por um ambiente mais diverso e inclusivo com polticas que incentivem a entrada de mulheres e pessoas de menor renda neste ecossistema, no apenas como mo de obra, mas tambm como empregadores. 73. Aes Advocacy Produo de Informao: Dados Produo de Informao: Anlises Regulao Eventos Fruns Discusso Articulao Poltica Nmeros Mapeamentos Proposio de polticas pblicas Anlise de Leis e programas Pesquisas de modelos Mercado Sociedade Pas & Mundo Estudos e Artigos Dnamo Informaes sobre o setor Dnamo | Viso e Aes 74. OBRIGADO! Rodrigo Kiko Afonso kiko@dinamo.org.br Felipe Matos felipe.matos@dinamo.org.br