Biomas terrestres e brasileiros

  • Published on
    02-Jul-2015

  • View
    2.169

  • Download
    6

Transcript

Prof. Ralph EXERCCIOS 1. Responder a questo com base no texto abaixo. Com a chegada dos portugueses h 500 anos, iniciou-se o processo de devastao das matas brasileiras. Muitos espaos de vegetao nativa foram, j no primeiro sculo de ocupao, substitudos por canaviais. A denominao correta da vegetao, do clima e da forma de relevo que correspondem paisagem descrita no texto A) Mata Atlntica, Tropical Tpico, Planalto Cristalino. B) Manguezais, Equatorial, Plancie Costeira. C) Mata Atlntica, Tropical mido, Mares de Morros. D) Manguezais, Tropical de Altitude, Encosta do Planalto. E) Mata de Araucrias, Subtropical, Planalto Meridional. 2. Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas do pargrafo abaixo, na ordem, em que aparecem. A inverso trmica da radiao, tambm chamada inverso trmica de superfcie, caracteriza-se pelo significativo ............ noturno da camada de ar junto superfcie do solo, principalmente nas depresses do relevo. Esses locais favorecem a acumulao de ................, que carrega consigo os poluentes atmosfricos. A inverso trmica de superfcie gera uma grande ........... do ar junto ao solo e dificulta a efetiva disperso dos poluentes. A) aquecimento ar quente - estabilidade B) aquecimento ar quente - instabilidade C) resfriamento ar quente - estabilidade D) resfriamento ar frio - estabilidade E) resfriamento ar frio instabilidade 3. Considere as caractersticas geogrficas a seguir. -Clima tropical com estao seca bem definida. -Terreno muito baixo com muitos rios e lagoas formados, provavelmente, aps a separao do antigo continente Gondwana e o soerguimento dos Andes. -Florestas, cerrados e campinas higrfilas com uma grande variedade de espcies animais, principalmente aves e peixes. -Ambiente aqutico em vias de destruio devido ao extrativismo mineral, pecuria e s monoculturas. NoBrasil, tais caractersticas ocorrem, predominantemente, em A) plancies inundveis de grandes altitudes. B) serras e planaltos de mdia latitude. C) chapades cobertos por cerrados. D) regies litorneas de baixas latitudes. E) plancie do Pantanal Mato-Grossense. Responder as questes com base no quadro abaixo, representando localidades sul-americanas que apresentam a mesma altitude. Locais Temperatura Temperatura Precipitao mdia em mdia em total janeiro julho no ano I 15C 2C 450mm II 25C 13C 1230mm III IV 26C 27C 20C 25C 920mm 2620mm B) a localidade II est no interior e a III no litoral. C) a localidade I est ao sul da II. D) a localidade II est ao sul da I. E) todas as quatro localidades esto junto ao litoral. 5. A amplitude trmica vero-inverno da localidade III : A) maior que a da I. B) maior que a da II. C) menor que a da IV. D) maior que a da IV. E) igual da II. 6. Os extensos desertos tropicais e subtropicais, que ocupam cerca de 25% da superfcie dos continentes, devem sua existncia principalmente A) ao predomnio regional das baixas presses atmosfricas. B) ao efeito de barreira penetrao de ar seco produzido por elevadas cadeias montanhosas. C) ao fato de localizarem-se em zonas geogrficas onde a presena de centros de altas presses atmosfricas mais constante. D) influncia das correntes martimas quentes. E) ao fator altitude. 7. O vento sopra constantemente A) das baixas para as altas presses atmosfricas. B) das reas frias para as quentes. C) dos ciclones para os anticiclones. D) das altas para as baixas presses atmosfricas. E) das reas quentes para as frias. 8. O tipo de chuva apresentado no desenho

A) Frontal. B) Ciclnica. C) Orogrfica. D) Subtropical E) Convectiva. 9. Em latitudes mdias e altas, no hemisfrio sul da Terra, as vertentes de montanhas menos expostas a insolao direta e mais midas, devido maior precipitao anual, so aquelas voltadas para o A) sul e barlavento. B) oeste e sotavento. C) norte e barlavento D) leste e sotavento. E) norte e sotavento. 10. Associe os tipos linhas de um mapa descritos (primeira coluna) s suas denominaes (segunda coluna). (1) Isbaras (2) Isbatas (3) Isoietas (4) Isopsas ( ) linhas que unem pontos de mesma altitude ( ) linhas que unem pontos de mesma precipitao lquida A relao numrica, de cima para baixo, da segunda coluna, que estabelece a seqncia de associaes corretas A) 1 - 2 B) 2 3 C) 2 - 1 D) 4 - 1 E) 4 - 3 11. O cartograma assinala as reas de ao das massas de ar que influenciam o clima do territrio brasileiro. Elas esto indicadas pelos nmeros 1, 2, 3 e 4 e referem-se, respectivamente, s massas de ar.

4. Os dados fornecidos pela tabela permitem afirmar que A) a localidade I est no litoral e a II est no interior.

1

Prof. Ralph D) de temperatura e umidade constante. E) com grande amplitude trmica. 17. Os climas mesotrmicos so genericamente chamados de temperados. Todavia, compreendem diferentes subtipos, entre os quais o temperado propriamente dito e o subtropical. O temperado diferencia-se do subtropical por apresentar A) chuvas mal distribudas. B) menor amplitude trmica. C) maior pluviosidade. D) quatro estaes do ano bem definidas. E) temperatura mdia anual mais elevada. A) equatorial atlntica, tropical atlntica, tropical martima, polar atlntica. B) equatorial martima, equatorial atlntica, tropical ocenica, polar continental. C) equatorial continental, tropical atlntica, tropical continental, polar atlntica. D)equatorialamaznica,equatorialatlntica,tropicalcontinent al,tropicalocenica. E) equatorial continental, equatorial atlntica, tropical atlntica, polar atlntica. 12. Na Amaznia ocidental, durante os meses de junho, julho e agosto, podem ocorrer sbitas quedas de temperatura do ar, fenmeno conhecido localmente como friagem. Tal fato deve-se A) aos ventos que sopram dos altiplanos andinos, relativamente prximos. B) intensa evaporao que ocorre aps as chuvas torrenciais tpicas da estao. C) influncia da nebulosidade produzida pela baixa presso equatorial. D) penetrao rpida de massas polares meridionais, j em processo de aquecimento. E) ao efeito moderador dos ventos alsios procedentes do oceano. 13. No Brasil atuam diversas Massas de ar. Aquela que provoca nuvens frontais no litoral do Nordeste durante o inverno, geadas nas lavouras do Sul e friagem no Norte, denomina- se: A) Polar Atlntica. B) Tropical Continental. C) Equatorial Continental. D) Polar Pacfica. E) Tropical Atlntica. 14. A amplitude trmica anual ser maior quando o ponto de observao situar-se, simultaneamente, A) em alta latitude, grande altitude e no interior do extenso continente. B) numa plancie costeira, em mdia latitude. C) sobre um baixo planalto, no equador, a pequena distncia do oceano. D) numa ilha de alta latitude, sobre uma colina. E) a pequena altitude, em mdia latitude e a moderada distncia da costa ocidental. 15. Os principais fatores determinantes do clima so A) relevo e hidrografia. B) vegetao e precipitao C) latitudes e altitudes. D) evaporao e umidade. E) relevo e ventos. 16. O termo CONTINENTALIDADE se aplica aos climas A) com pequena amplitude trmica. B) de pluviometria elevada e constante. C) com uma estao seca e outra chuvosa. 2 18. Situam-se no interior dos continentes nas baixas e mdias latitudes. Apresentam fraco ndice pluviomtrico e as chuvas, quando caem, so quase acidentais. A variao da temperatura muito elevada entre o dia e a noite. O texto refere-se s zonas A) Polares. B) Montanhosas. C) Mediterrneas. D) Desrticas. E) Pantanosas. 19. Considere as seguintes informaes: I - Quatro estaes do ano bem definidas e grandes amplitudes trmicas anuais. II - Amplitudes trmicas anuais baixas e ndices pluviomtricos elevados. I e II so, respectivamente, caractersticas climticas A) tropicais e glaciais. B) temperadas e equatoriais C) tropicais e temperadas. D) glaciais e equatoriais. E) temperadas e glaciais. 20. As principais caractersticas climticas da Amaznia, brasileira so A) amplitude trmica elevada e pouca pluviosidade. B) temperaturas altas e pouca pluviosidade. C) amplitude trmica pequena e elevada pluviosidade. D) temperaturas baixas e pouca pluviosidade. E) temperaturas baixas e elevada pluviosidade. 21. As temperaturas so altas, apresentando maior amplitude trmica nas reas interiorizadas e mdias trmicas mais baixas onde o relevo mais alto. A caracterstica mais marcante deste clima a presena de uma estao de fortes chuvas (vero) e das secas (inverno). Nas pores litorneas, a umidade maior, devido aos ventos provenientes do mar. O interior apresenta-se menos mido. O texto refere-se ao clima A) Equatorial. B) Tropical. C) Subtropical. D) Tropical semi-rido. E) Tropical de altitude. 22. Observe o grfico abaixo.

Prof. Ralph A partir das informaes nele contidas, pode-se afirmar que ele representa o clima de uma cidade brasileira localizada no estado de(o) A) Paran. B) Bahia. C) Gois. D) Mato Grosso do Sul. E) Tocantins. 23. Em relao s condies climticas da Regio Sul do Brasil, pode-se afirmar que uma das caractersticas apresentar: A) as quatro estaes muito bem definidas, com queda regular de neve no inverno. B) as estaes intermedirias no bem definidas, com o domnio ora da massa tropical atlntica, ora da massa polar atlntica. C) a atuao da massa equatorial continental durante todo o ano, com fortes chuvas. D) a estabilidade do estado de tempo, com a atuao permanente da massa tropical continental. E) a instabilidade dos estados de tempo, com a atuao da massa polar pacfica, durante o ano todo. 24. Qual o fator geogrfico que mais influi na diferenciao climtica indicada no mapa do Rio Grande do Sul? 27. Nas reas indicadas no mapa acima com os nmeros 1 e 2, localizam-se, respectivamente, duas paisagens vegetais bem distintas, conhecidas como A) taiga e savana. B) estepe e lhanos. C) floresta de conferas e tundra. D) tundra e taiga. E) floresta equatorial e savana. 28. O clima da rea assinalada com o nmero 3 denominase A) Tropical . B) Temperado. C) Equatorial. D) Polar. E) Mediterrneo. 29. Dentre as vegetaes rasteiras, da floresta equatorial e a da floresta boreal, destacam- se, respectivamente, A) a tundra, a floresta amaznica e a taiga. B)a savana, a floresta canadense e a floresta escandinava. C) a taiga, a floresta do Congo e a tundra. D) a estepe, a taiga e a floresta da Malsia. E) a tundra, a floresta amaznica e a floresta da Malsia. 30. As regies continentais onde predomina a paisagem da tundra A) so mais extensas no hemisfrio norte, estando associadas ao clima polar, servindo de transio entre a taiga e os inlandsis. B) tm a mesma extenso aproximada nos hemisfrios norte e sul, associando-se ao clima ocenico tpico, caracterizando o domnio natural existente entre a floresta de conferas e a floresta decdua. C) ocupam maior rea no hemisfrio sul, onde so correlacionveis ao clima subpolar, s geleiras e banquisas. D) apresentam maior extenso no hemisfrio setentrional, associadas que esto aos climas continentais, definindo a transio entre as florestas decduas e as estepes. E) existem sobre as grandes cadeias de montanhas, acima da linha de neve, associada sempre a climas temperados-frios. 31. As pradarias, estepes, pampas e campos so exemplos de vegetao herbcea, localizados, respectivamente, A) Estados Unidos, Cazaquisto, Argentina e Brasil. B) Rssia, Sovitica, Estados Unidos, Uruguai e Argentina. 3 II- A vegetao de conferas localiza-se nas pores setentrionais do Hemisfrio Norte. III- As florestas de conferas so formaes heterogneas, constitudas de uma imensa variedade de espcies. IV- A vegetao de conferas tem as folhas aciculifoliadas e perenes. A anlise das afirmativas permite concluir que correta a alternativa A) I, II e III B) I, II e IV C) I e II D) I e III E) I, III e IV. Com base no mapa abaixo.

A) Latitude. B) Correntes martimas C) Maritimidade. D) Continentalidade. E) Relevo 25. Analisando o mapa mundi abaixo:

Na projeo de MERCATOR, acima, esto numeradas as mais importantes reas de ocorrncia das florestas tropicais midas, atual foco de interesse mundial pela biodiversidade, representada por seu expressivo banco gentico. Trata-se, respectivamente, das reas: A) Centro-africana, Equatorial e da Indochina. B) Amaznia, do Congo e da Insulndia. C) Subequatorial, Subsaariana e pr-Himalaia. D) Pantanal, Kalaari e Vietnamita. E) Chaco, Angolana e do delta do Ganges. 26. Com base nas afirmativas abaixo sobre a formao vegetal das conferas. I- As florestas de conferas so tambm denominadas taigas.

Prof. Ralph C) Europa, Amrica do Norte, frica e Amrica do Sul. D) Amrica do Norte, Amrica do Sul, Europa e frica. E) Frana, Portugal, Inglaterra e Espanha. 32. A figura abaixo mostra uma tpica formao vegetal africana que possui similar na Amrica do Sul. A) floresta subtropical, floresta xerofitica, mata galeria. B) mata dos cocais, hilia amaznica, mata atlntica. C) mata ciliar, floresta equatorial, mata dos cocais. D) floresta amaznica, mata atlntica, floresta tropical. E) mata dos pinhais, floresta equatorial, mata galeria. 35. No espao geogrfico brasileiro, compreendido na rea intertropical, a ocorrncia dos tipos florestais de vegetao est associada A) ao clima semi-rido, com longa estao seca. B) ao lenol d'gua subterrneo, na superfcie do solo. C) ao perodo seco definido, do clima tropical. D) aos terrenos das plancies costeiras, de solos arenosos. E) s fortes precipitaes e s temperaturas constantemente elevadas. Responder as questes utilizando o mapa abaixo. Neste continente e na frica, formaes semelhantes ilustrada so denominadas respectivamente, A) Pampa e Estepe. B) Caatinga e Savana. C) Cerrado e Savana. D) Garrigue e Lhanos. E) Maquis e Jangal. 33. Ao longo da reta AB do mapa abaixo, temos, sucessivamente, de A para B, as seguintes formaes fitogeogrficas:

36. A seqncia dos climas ao longo da linha 1 do mapa a seguinte: A) tropical, equatorial. B) equatorial, semi-rido. C) tropical, semi-rido. D) equatorial, subtropical. E) equatorial, tropical. 37. A linha nmero 2 indica a seqncia dos seguintes tipos de vegetao A) caatinga, cerrado, mata subtropical. B) mata tropical, campos, araucria C) cerrado, campos, araucria. D) caatinga, mata tropical, cerrado. E) cerrado, mata tropical, araucria. 38. As formaes vegetais alongadas que se desenvolvem ao longo dos rios, aproveitando a umidade do solo, encontradas tanto nas regies de cerrado como de campo ou mesmo de florestas, denominam-se A) matas-galerias. B) mata dos cocais. C) capes. D) mata de transio. E) campos. 39. Os campos, a floresta equatorial e os cerrados so paisagens vegetais encontradas no Brasil, respectivamente, nas regies A) Centro-Oeste, Sudeste e Sul. B) Centro-Oeste, Nordeste e Sul. C) Sul, Sudeste e Centro-Oeste. D) Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste E) Sul, Norte e Centro-Oeste. 40. De porte esbelto, com caule reto, adaptando-se ao longo do perodo seco de seu habitat e protegendo-se com uma camada de cera que reveste suas folhas, desenvolvese na regio _____ ,a palmeira conhecida como rvore da providencia, a______ A) Norte - carnaba. B) Nordeste babau. 4

A) Floresta Latifoliada Equatorial, Campos, Cerrado e Mata de Araucria. B) Floresta Latifoliada Tropical mida, Caatinga, Cerrado e Complexo do Pantanal. C) Vegetao Litornea, Floresta Latifoliada Tropical mida, Caatinga e Campos. D) Campos, Cerrados, Caatinga e Mata de Araucria. E) Floresta Latifoliada Tropical mida, Caatinga e Complexo do Pantanal. 34. Os nmeros 1, 2 e 3, marcados no mapa, representam as seguintes formaes florestais brasileiras:

Prof. Ralph C) Norte - oiticica. E) Norte - piaava. D) Nordeste - carnaba. 46. O cartograma abaixo ilustra a devastao florestas no Rio Grande do Sul

41. Formao de origem muito discutida, ela ocupa reas do nosso pas em que o clima quente se caracteriza por uma estao seca e outra chuvosa bem definidas. Os vegetais que a constituem esto dispostos em dois estratos: um arbreo-arbustivo, com caules retorcidos revestidos por casca espessa e folhas de aspecto coriceo, e outro herbceo, composto por tufos esparsos. Essas caractersticas gerais identificam A) Pampa. B) Caatinga. C) Pantanal. D) Cerrado. E) Floresta Tropical. 42. A vegetao tpica das regies tropicais litorneas, regada pela mar alta, protege os continentes da eroso martima, reduz a poluio das praias e inicia a cadeia alimentar marinha. Atualmente, esse ecossistema, que cobre uma rea aproximada de 25 mil Km alvo de campanhas preservacionistas, por causa da destruio intensa, decorrente da expanso industrial, poluio e, indiretamente, pela urbanizao. Trata-se do ecossistema: A) Floresta atlntica. B) Estepes. C) Pntanos. D) Mangues. E) Banhados. 43. Floristicamente caracterizada pela presena do pinheiro do Paran, principal formador de sua fisionomia e relquia de um clima passado. So comuns, alm do pinheiro, vrias canelas, a erva-mate e o xaxim bugio. O texto refere-se paisagem vegetal brasileira denominada A) Floresta mida Costeira. B) Floresta Latifoliada Tropical. C) Complexo do Pantanal. D) Mata de Araucria. E) Mata Atlntica. 44. O espao geogrfico do Rio Grande do Sul tem sido muito devastado e explorado em suas formaes florestais. Na margem do rio Uruguai e na encosta meridional do planalto arenito-basltico, o revestimento vegetal original a floresta A) Subtropical com araucria. B) Equatorial mida. C) Tropical mida do interior. D) Subtropical latifoliada. E) Tropical mida costeira. 45. No mapa do Rio Grande do Sul, a parte escurecida corresponde, aproximadamente,2

Em relao a este tema NO correto afirmar que A) as matas subtropicais latifoliadas so mais exuberantes no Alto Uruguai, atualmente as vrias espcies desta mata localizam-se nas pequenas pores de mata nativa remanescentes. B) a vegetao original, especialmente a de matas, encontra-se grandemente alterada, devido indiscriminada ocupao humana e escassez de iniciativas para a criao de reservas naturais. C) atualmente cerca de 60 a 70% do territrio do estado do Rio Grande do Sul est coberto por matas nativas. D) a mata subtropical da encosta sul do planalto a formao florestal mais devastada do estado do Rio Grande do Sul. E) a nica reserva protegida da floresta subtropical com araucria localiza-se no Parque Nacional dos Aparados da Serra, no municpio de Cambar do Sul. 47. Selecione a alternativa que completa corretamente a lacuna da afirmao abaixo. Estudos revelam que a freqncia com que ocorrem as inverses trmicas de superfcie em Porto Alegre aumenta no perodo de maio a setembro, fato este que resulta no aumento das concentraes de poluentes atmosfricos e que est diretamente relacionado com a ............... da referida cidade. A) Altitude. B) Latitude. C) Continentalidade. D) Longitude. E) Maritimidade. 48. Com relao s caractersticas do clima urbano correto afirmar que A) um processo de urbanizao intenso provoca diminuio das mdias das temperaturas e dos ndices pluviomtricos. B) as altas temperaturas verificadas em reas urbanizadas so amenizadas pela presena das grandes construes. C) uma cidade industrial apresenta mdias trmicas superiores s das reas rurais vizinhas . D) o processo de urbanizao no provoca alteraes nas condies climticas. E) nas inverses trmicas, ocorre sempre a ascenso do ar frio superficial e a queda do ar quente elevado. 49. Considere as seguintes afirmaes sobre as caractersticas climticas da Regio Nordeste do Brasil. I- Os totais pluviomtricos anuais mais elevados ocorrem na Zona da Mata. II - Os menores ndices pluviomtricos anuais ocorrem no Agreste.

A) rea atualmente coberta pela mata de araucria. B) aos Campos de Cima da Serra. C) extenso da primitiva cobertura florestal. D) ao domnio dos campos sujos. E) parte do territrio coberta pela floresta latifoliada .

5

Prof. Ralph III- Tanto no Serto como no Agreste as condies so de semi-aridez, com totais pluviomtricos anuais inferiores a 300 mm. Quais esto corretas? A) Apenas I. B) Apenas II. C) Apenas III. D) I e II. E) I, II e III. 50. Sobre a circulao atmosfrica global, considere as seguintes afirmaes: I - O encontro dos ventos alsios nas proximidades do Equador forma a faixa de convergncia intertropical. II - Os ventos alsios sopram das zonas de altas presses subtropicais em direo s zonas de baixas presses equatoriais. III A faixa de convergncia dos alsios caracteriza- se pelas altas temperaturas e pelas chuvas esparsas Quais esto corretas? A) Apenas I. B) Apenas II. C) Apenas III. D) I e II. E) I, II e III. 51. Os furaces ou ciclones tropicais correspondem a sistemas especiais de vento. Normalmente, causam grandes estragos e exigem condies especficas para sua formao. Sobre os furaces, NAO se pode afirmar que A) ocorrem em baixas latitudes, no Hemisfrio Norte. B) necessitam de guas martimas quentes, com centros de baixa presso. C) ocorrem principalmente no vero. D) necessitam de grande umidade no ar para a formao de nuvens de chuva. E) ocorrem na presena dos ventos de oeste. 52. Com base nos dados da tabela abaixo. CidadeA CidadeB CidadeC 45N 12E 48N 40E 50N 58E 16C 20,5C 25,4C 19C 19,2C 54. Todas as afirmativas abaixo sobre o clima do Rio Grande do Sul esto corretas, exceto : A) Caracteriza -se pelo domnio da massa de ar Equatorial continental (mEc) no vero. B) Apresenta as maiores amplitudes trmicas entre os climas brasileiros. C) Possui duas estaes definidas: os veres so quentes e os invernos so frios. D) Caracteriza-se pelo avano da massa de ar Polar Atlntica (mPa) no inverno. E) Apresenta ndices pluviomtricos de 1500 mm, sem existir uma estao seca. 55. vegetao de clima continental e se encontra sempre em zonas de transio climtica. adaptada a um clima mais seco, muitas vezes frio, e a solos cidos. A vegetao que corresponde descrio A) Taiga. B) Tundra. C) Chaparral. D) Maquis. E) Estepe. 56. Com base nas afirmativas abaixo. I- A ao de agentes naturais e o desenvolvimento industrial e tecnolgico da humanidade tm provocado grandes alteraes na composio da atmosfera. II -As erupes vulcnicas lanam no ar grande quantidade de cinzas, que ocasionam, entre outros efeitos, a reduo das temperaturas. III - O efeito estufa contribui para a diminuio global da camada de oznio, porque possibilita a intensificao de reaes qumicas com o aumento da temperatura. A anlise das afirmativas permite concluir que a alternativa correta A) I. B) II. C) III. D) I e II. E) I e III. 57. Baseado nas afirmativas sobre a Floresta Taiga. I - A Floresta Boreal encontrada no hemisfrio Norte devido distribuio dos continentes. II - A Floresta Boreal na Pennsula Escandinava e na Rssia fornece matria-prima para as indstrias de construo e de celulose. III- A maior parte das rvores dessa floresta, hoje, resultado de replantio. IV - Os vegetais dessa floresta so as conferas, rvores de troncos retos e copas em forma de cones. A alternativa que caracteriza corretamente a Floresta Boreal A) I. B) I e II. C) I, II e III. D) I, II e IV. E) I, II, III e IV. 58. Considere as seguintes afirmaes: I - As regies litorneas apresentam amplitudes trmicas to elevadas como aquelas de regies situadas no interior dos continentes. II- Lugares situados prximos ao mar apresentam veres mais quentes e invernos mais frios que lugares de grande continentalidade. III- As guas do mar, dos oceanos e dos rios demoram mais para se aquecer e para se resfriar do que as terras continentais. Quais esto corretas? A) Apenas I. B) Apenas II. C) Apenas III. D) I e II. E) II e III.

Amplitude Trmica Mdia 18C ms mais quente Mdia 2C ms mais frio Pluviosidade 800mm

-1,5C

-6,2C

600mm

400mm

A anlise dos dados permite concluir que o fator climtico que explica as diferenas observadas entre as cidades, em relao s chuvas e temperatura, a A) Distribuio dos continentes e oceanos. B) Distancia entre os paralelos. C) Latitude. D) Longitude. E) Altitude. 53. Com base no texto abaixo. Inverno seco e quase sem chuvas com durao de 5 a 8 meses e vero chuvoso, com 4 a 7 meses de precipitaes pluviais, irregulares no tempo e no espao, de forma que os ndices que buscam medir mdias de precipitaes guardam alta dose de irrealidade, servindo como mera referncia genrica para efeito de comparao com outras regies do pas. Aziz Ab'Saber A anlise do texto permite concluir que esse domnio climtico brasileiro pode ser encontrado A) nas estepes gachas. B) no cerrado goiano. C) na caatinga nordestina. D) nas savanas do Pantanal. E) nos manguezais do Norte.

6

Prof. Ralph 59. Com base nos conhecimentos relativos atmosfera, assinale verdadeiro ou falso nas proposies. I- Nas altas latitudes, a distribuio da luz solar percorre uma rea maior que em outras latitudes, enfraquecendo a sua intensidade. II- A existncia de geleiras, nas latitudes intertropicais, advm da influncia do relevo, apesar da intensa quantidade de calor que incide sobre essas latitudes. III- medida que a latitude diminui, a rea iluminada pelos raios solares torna-se cada vez maior e, conseqentemente, a atmosfera tende a ser mais fria. IV As latitudes 30 norte e sul constituem reas de divergncia de ventos, em funo de as presses atmosfricas serem mais altas do que aquelas existenntes nas latitudes equatoriais. V- As latitudes subtropicais so caracterizadas pela existncia de reas anticiclnicas, em funo da incidncia da luz solar sobre aque- las o ano todo. Quais as afirmaes corretas? A) I e II. B) II e III. C) III e IV. D) I, II e IV. E) III, IV e V. 60. Analise o quadro: Climas ocenicos I D) por ocorrncia de encostas de sotavento. E) por correntes marinhas quentes. 63. Considere as caractersticas a seguir. I-Temperaturas mdias superiores a 18"C com diferenas sazonais marcadas pelo regime de chuvas. II- Amplitude trmica anual inferior a 6"C. III- Circulao atmosfrica controlada por massas equatoriais e tropicais. IV- Regimes fluviais dependentes, basicamente, do comportamento da precipitao. V- Paisagens vegetais dominantes: florestas latifoliadas e savanas. Tais feies ocorrem, predominantemente, em regies A) Extratropicais de mdia latitude e elevada altitude. B) Intertropicais de baixa latitude e modesta altitude. C) Temperadas com forte influncia dos oceanos. D) De plancies inundveis de alta latitude. E) Litorneas de qualquer latitude. 64. O aquecimento superficial das guas do Oceano Pacfico provocado pelo fenmeno El Nio foi destaque na imprensa e nos centros de pesquisa desde 1997. Assinale V para as afirmativas que se relacionam ao fenmeno El Nio e F para as que no se relacionam a ele. ( ) A forte seca ocorrida na lndonsia provocou queimadas na Floresta Tropical que ocasionaram srios problemas ambientais, como a poluio atmosfrica. ( ) A circulao atmosfrica modificou-se, causando diminuio da intensidade dos ventos alsios na rea do Pacfico Tropical. ( ) As precipitaes que ocorrem no norte da Austrlia e na Indonsia foram abaixo do normal. ( ) O vulcanismo ocorrido na ilha de Montserrat (Caribe) fez com que sua populao fosse evacuada para as ilhas vizinhas. ( ) As fortes chuvas e enchentes que ocorreram no sul do Brasil, no sudeste do Paraguai e no nordeste da Argentina, foram provocadas pela reteno de frentes frias vindas do sul do continente pelos ventos quentes e midos do noroeste. A seqncia correta de preenchimento dos parnteses, de cima para baixo, A) F-F-V-F-V. B) V-V-F-F-V. C) F-F-F-V-F. D) V-V-V-F-V. E) V-V-F-F-F. 65. A classificao climtica de Arthur Strahler baseia-se no controle do clima pelas massas de ar. Admite trs grupos climticos: I- climas das latitudes baixas. II- climas das latitudes mdias. III- climas das latitudes altas. Podemos citar como tipos climticos integrantes desses grupos, respectivamente, A) o de tundra, o litorneo com ventos alsios e o desrtico. B) equatorial mido, o mediterrneo e o martimo subrtico. C) o desrtico tropical, o continental subrtico e o subtropical. D) o semi-rido frio, o tropical alternadamente mido e seco e o de montanha. E) o continental mido, o tropical quente e o de calota de gelo.

Climas Continentais

Chuvas abundantes Chuvas mais raras e bem distribudas e com tendncia durante o ano. concentrao nos meses de vero. Maiores amplitudes trmicas anuais. Menor nmero dias de chuva e nevoeiro. Invernos brandos e curtos.

II

Menores amplitudes trmicas anuais. III Maior nmero dias de chuva e nevoeiro. IV Invernos rigorosos.

Assinale a alternativa que apresenta uma caracterizao INCORRETA dos climas ocenicos e continentais. A) I. B) II. C) III. D) IV. E) Nenhuma. 61. Para o estudo do clima de uma determinada regio devemos levar em considerao os elementos que o compem (temperatura, chuvas, umidade, massas de ar, ventos, presso atmosfrica), e os fatores que interferem na sua dinmica, como a latitude, o relevo, vegetao, massas lquidas, etc. Relacionando os elementos e os fatores do clima, podemos afirmar que : I- a temperatura aumenta com o aumento da latitude. II- A presso atmosfrica diminui com o aumento da altitude. III- A temperatura diminui com o aumento da altitude. IV- as grandes massas de gua agem como reguladores trmicos. V- a incidncia da radiao solar no interfere na classificao dos climas. Das afirmativas acima, as alternativas corretas so : A) I, III e IV. B) I, III e V. C) III, IV e V. D) I, II e IV. E) II, III e IV. 62. Assinale a alternativa que NO completa de forma correta a afirmao abaixo. A formao dos desertos est associada a fatores climticos zonais, cujos efeitos so acentuados A) pela presena de barreiras orogrficas. B) por anticiclones estacionrios subtropicais. C) por correntes maritimas frias da costa oeste,

7

Prof. Ralph 66. Os textos abaixo referem-se ao Serto do Nordeste brasileiro. Texto I -A seca, a falta de chuva e a natureza hostil so fundamentais para explicarmos a misria, o analfabetismo, a doena e a descapitalizao do agricultor nordestino. Texto II -Na escassez pluviomtrica, que dificulta a reproduo de pragas, e na fertilidade de grandes extenses de solos, est um enorme potencial para a agricultura irrigada de carter empresarial. O clima aqui um recurso inestimvel face constante insolao, propiciando o desenvolvimento de culturas que, manejadas adequadamente, podem dar origem a uma nova Califrnia. Identifique a opo correta quanto aos textos apresentados. A) O texto I identifica a causa principal para os problemas do Serto Nordestino, enquanto o texto II mostra ceticismo quanto s suas potencialidades. B) O texto I apresenta uma viso conservadora e o texto II no se coaduna com as potencialidades econmicas do Serto Nordestino. C) O texto I identifica na natureza a causa principal para os problemas do Serto Nordestino, enquanto o texto II no indica as suas potencialidades econmicas. D) Os textos apresentam vises distintas, oriundas de agentes regionais com os mesmos interesses poltico econmicos. E) Os textos apresentam vises distintas, sendo que o texto I apresenta uma viso determinista e o texto II indica as potencialidades econmicas do Serto Nordestino. 67. Com base nos dados abaixo. 69. Estabelecendo-se correlaes entre a explorao florestal no globo e nas zonas climticas, pode-se inferir que: A) Zona tropical Florestas heterogneas com aproveitamento econmico predatrio.

B) Zona Florestas homogneas com pequeno temperada aproveitamento econmico devido existncia de poucas espcies vegetais. C) Zona tropical D) Zona glacial Florestas abertas com grande potencial para uso em pastagens e agricultura intensiva. Florestas de taiga que apresentam o maior ndice de aproveitamento no globo.

E) Zona Floresta com grande heterogeneidade temperada de espcies vegetaise aproveitamento econmico predatrio. 70. Os rios so perenes e as chuvas bem distribudas durante o ano. Possui tanto solos cidos como manchas de terra roxa bastante exploradas pela agricultura. A floresta aciculifoliada, caracterstica desse domnio, foi profundamente alterada pela ocupao humana. O texto corresponde ao seguinte domnio morfoclimtico A) Araucria: planaltos subtropicais com araucria. B) Cerrado: chapades tropicais interiores com cerrados e florestas-galerias. C) Pradarias: coxilhas subtropicais com pradaria mista. D) Mares de Morros: reas mamelonares tropicaisatlnticas florestadas. E) Amaznico: terras baixas florestadas. 71. A interdependncia de fatores fisico-naturais na constituio de uma paisagem regional chamada, em geografia, de domnios morfoclimticos. Considerando tais conjuntos presentes na rea do estado da Bahia, os trs domnios a encontrados so A) cerrado, caatinga e pradarias. B) faixas de transio, amaznico e cerrado. C) mares de morros, araucrias e agreste. D) faixas de transio, mares de morros e caatinga. E) caatinga, pradarias e plancies equatoriais. 72. Numere a segunda coluna de acordo com a primeira. I - Mata Amaznica. II - Mata de Cocais . III - Mata Atlntica. IV - Mata de Pinhais . V - Cerrado . VI - Caatinga ( ) vegetao rala, plantas xerfilas. ( ) cobertura vegetal densa, mida e heterognea. ( ) vegetao arbustiva com rvores distantes umas das outras. ( ) vegetao rica e variada, original do litoral mido e do interior do Sudeste. ( ) vegetao aberta na qual predominam as conferas, como nas reas mais elevadas do Sul. ( ) vegetao de transio, concentrada no Meio-Norte. A seqncia correta A) V, IV, III, I, II, VI. B) VI, I, V, III, IV, II. C) IV, III, II, VI, I, V D) III, V, I, II ,IV, VI. E) II, IV, VI, I, III, V

Temperatura rea Latitude Mdia (C) Precipitao Ms + Ms + anual (mm) quente frio 1 2 3 4 5 30S 17S 15S 13S 5S 23 28 27 28 28 15 20 25 25 26 1500 1000 2000 500 2500

A anlise dos dados constantes na tabela indica diferenas climticas nas regies brasileiras. A alternativa que NO interpreta corretamente a tabela A) rea 1 clima subtropical Regio Sul B) rea 2 clima tropical Regio Centro-Oeste C) rea 3 clima tropical litorneo Regio Nordeste D) rea 4 clima semi-rido Regio Centro-Oeste E) rea 5 clima equatorial Regio Norte 68. A respeito das florestas pluviais tropicais, assinale a alternativa INCORRETA: A) So ecossistemas caracterizados por intensos fluxos de energia de matria e de gua. B) So ecossistemas de grande riqueza florstica, com formas biolgicas e habitats diversificados. C) So formaes vegetais tropfitas, de solos espessos, evoludos. Ricos em micronutrienntes. D) So formaes vegetais lafiloliadas, sempre verdes, nas quais a sazonalidade deixa de ser um fato marcante.

8

Prof. Ralph 73. Leia o texto abaixo e assinale a alternativa INCORRETA sobre o Nordeste semi-rido brasileiro: Existem na Amrica do Sul trs grandes reas semiridas - a regio Guajira, na Venezuela e Colmbia; a diagonal seca do Cone Sul que envolve muitas nuanas de aridez ao longo da Argentina, Chile, Equador; e por fim, o Nordeste Seco do Brasil (... ) Das velhas e repetitivas noes do ensino mdio - herdadas um pouco por todos ns restaram observaes pontuais e desconexas sobre o universo fsico e ecolgico do Nordeste Seco. Aziz Nacib Ab'Saber A) O semi-rido nordestino caracteriza-se por baixos nveis de umidade, escassez de chuvas anuais e irregularidades no ritmo das precipitaes ao longo dos anos. B) Um dos fatores mercantes da regio a inexistncia de rios perenes e caudalosos. Essa drenagem intermitente inviabiliza projetos de irrigao na rea. C) O Nordeste seco possui um revestimento baixo de vegetao, arbustivo-arbreo e raramente arbreo, de folhas midas e hastes espinhentas, exuberantemente verde nos perodos de chuvas. D) Apesar de predominantemente seco, no semi- rido encontram-se algumas reas de mata mida, alimentadas por chuvas orogrficas. Essas reas so conhecidas, regionalmente, como brejos. E) Ao contrrio do que se imagina, o Nordeste Seco no o Imprio das chapadas. Grande parte do seu territrio predominam depresses interplanlticas, situadas entre macios antigos e chapadas localizadas. 74. Os desertos, paisagens distribudas em todo o globo, ocorrem por razes que diferem conforme o local em que se encontram. O deserto do Saara, situado na frica, e o deserto do Colorado, situado nos Estados Unidos, tm como causa principal, respectivamente, A) Altas latitudes e continentalidade. B) Proximidade do oceano Pacfico e baixas presses. C) Correntes marinhas frias e elevadas altitudes. D) Alta presso atmosfrica e encostas de sotavento. E) Baixas latitudes e correntes marinhas frias. 75. No dia 28 de maro de 2004, parte do litoral catarinense e do gacho foram atingidos por um fenmeno inicialmente classificado pelos especialistas de ciclone extratropical, e denominado Catarina, o qual apresentou ventos que ultrapassaram os 100 Km por hora. Quanto ao movimento desses ventos, em mbito planetrio, correto afirmar que: A) As reas ciclonais apresentam baixas presses, com temperaturas baixas, sendo zonas dispersoras de ventos. B) Os furaces aparecem sempre em reas tropicais, apresentando ventos violentos, divergentes, originados em alta presso. C) Os tornados, furaces e ciclones pertencem aos ventos da circulao geral da atmosfera, sendo regulares e constantes. D) Nas reas anticiclonais, as baixas presses provocam disperso dos ventos, inibindo a formao de furaces. E) As reas ciclonais, que apresentam convergncias de ventos em funo de se localizarem nas baixas presses, podem originar ciclones e furaces, sendo caracterizadas como reas receptoras. 76. Responder questo com base na citao abaixo. Carangueijos, siris, moluscos e muitos outros animais agonizam nas reas antes lodosas, agora drenadas ou soterradas para futuras construes imobilirias. As orlas litorneas perdem nutrientes que alimentam seus peixes e as mars no encontram mais o limite interativo que favorece a vida. A relao correta entre a formao e a respectiva localizao : A) Pantanal plancies alagadas por gua salobras. B) Banhado interior da mata de cocais. C) Manguezal reentrncias litorneas baixas. D) Cerrado ilhas marinhas. E) Mata atlntica litoral gacho. 77. Os episdios vulcnicos esto associados emisso de vrios gases na atmosfera, so importantes para o estudo das mudanas climticas e so fontes trmicas potencialmente favorveis aos ecossistemas do planeta. Em relao a esse tema, so feitas as seguintes afirmaes. I O vapor emanado dos giseres aproveitado economicamente na gerao de eletricidade, sendo transportado por tubulaes at centrais termeltricas para acionar turbinas. II Uma erupo como a do vulco Pinatubo, ocorrida em 1991, nas Filipinas, lana na atmosfera teores extremamente altos de dixido de enxofre, o qual, ao reagir com o vapor dagua, e transformar-se em cido sulfrico para, ento, formar uma camada de aerossis que interceptam a luz solar, diminuindo a temperatura da superfcie terrestre. III A quantidade de dixido de carbono, principal gs do efeito estufa, emitida anualmente por erupes vulcnicas bem maior do que a adicionada atmosfera pelas atividades industriais no mesmo perodo. Quais esto corretas? A) Apenas I. B) Apenas II. C) Apenas III. D) Apenas I e II. E) Apenas II e III. 78. Uma das maiores catstrofes ambientais mundiais relacionadas ao mau uso dos recursos hdricos foi a grande alterao hidrolgica ocorrida na regio da sia Central, onde est situado o Mar de Aral, limite natural entre o Cazaquisto e o Uzbequisto. Assinale a alternativa que no corresponde a uma conseqncia desse imenso desastre ambiental. A) A salinizao do solo. B) O aumento do nmero de casos de doenas renais e respiratrias. C) A contaminao das guas superficiais e subterrneas por agrotxicos. D) O rastejamento e os deslizamentos de terras. E) O desaparecimento de vrias espcies de peixes. 79. Joaquim Francisco de Assis Brasil costumava classificar o clima do Estado do Rio Grande do Sul de anrquico, dadas as variaes que comumente a ocorrem. Essa caracterstica gerou no imaginrio popular a impresso expressa no ditado temos as quatro estaes em um mesmo dia ou a idia de que o clima muda diariamente. Sobre esse tema, considere as afirmaes abaixo. I Clima um conjunto de valores que, em um dado momento, em um certo lugar, caracterizam o estado atmosfrico desse lugar. II O tempo representa a sucesso dos tipos climticos em um determinado lugar da superfcie terrestre. III A amplitude trmica diria um dado que caracteriza o tempo meteorolgico. 9

Prof. Ralph Quais esto corretas? A)\Apenas I. B) Apenas II. C) Apenas III. D) Apenas I e II. E) Apenas II e III. 80. Assinale com V (verdadeiro) ou F (falso) as afirmaes abaixo, referentes s zonas climticas do globo. ( ) A fraca intensidade de irradiao solar nas baixas latitudes produz temperaturas mdias geralmente inferiores a 10 graus nessas zonas. ( ) O clima nas altas montanhas no est necessariamente relacionado com as faixas de latitudes, razo pela qual ele chamado de clima azonal. ( ) A dinmica atmosfrica do clima de mono, que ocupa uma rea importante das baixas latitudes, caracteriza-se por mudanas sazonais significativas. ( ) As regies intertropicais apresentam temperaturas mdias altas e amplitude trmica anual muito elevada, dados meteorolgicos que dependem, basicamente da latitude. A seqncia correta de preenchimento dos parnteses, de cima para baixo, : A) V F F V. B) V V F F. C) F V V F. D) F F V F. E) V V F V. 81. Considere as afirmaes abaixo sobre o fenmeno El Nio oscilao Sul e suas duas fases ( El Nio e La Nia). I Os fenmenos El Nio e La Nia decorrem de variaes das condies normais do oceano e da atmosfera na regio do Pacfico tropical. II Os elementos meteorolgicos mais atingidos pelos efeitos associados aos fenmenos El Nio e La Nia no clima do Brasil so a precipitao pluvial e a temperatura do ar. III Somente os efeitos do fenmeno La Nia podem alterar as variaes do balano hdrico, pois nos anos de La Nia h uma tendncia de reduo dos dficits hdricos em todo o Estado do Rio Grande do Sul. IV Durante o fenmeno do El Nio, costuma haver precipitaes pluviais abundantes nas regies Sul e Sudeste do Brasil, principalmente na primavera e no incio do vero, devido s passagens rpidas de vrias frentes frias nessas regies. Quais esto corretas? A) I e II. B) I e III. C) II e III. D) II e IV. E) III e IV. 82. As florestas tropicais sofreram alteraes peridicas na sua extenso e na sua distribuio geogrfica durante os perodos glaciais do Quaternrio. As flutuaes climticas provocadas pelas glaciaes resultaram em ciclos alternados de expanso e retrao das florestas, dos cerrados, das caatingas e de outros conjuntos vegetais no Brasil. Nos perodos mais secos, as florestas ficaram reduzidas a pequenos ncleos relativamente isolados, permitindo a sobrevivncia da sua vegetao. A teoria utilizada para entender o comportamento das florestas tropicais durante o Quaternrio e a formao atual dos domnios vegetais brasileiros e para explicar o processo apresentado acima denominada: A) Teoria da Deriva dos Continentes. B) Teoria dos Refgios. C) Teoria da Tectnica de Placas. D) Teoria da Biodiversidade. E) Teoria do Big Bang 83. O Cerrado brasileiro, a maior savana neotropical do mundo, um dos biomas brasileiros mais degradados ambientalmente. Em relao a esse bioma, assinale com V (verdadeiro) ou F (falso) as afirmaes relacionadas abaixo. ( ) O Cerrado o terceiro bioma mais extenso do Brasil, ocupando toda a rea do Brasil Central e cerca de 15% da rea total do pas. ( ) O cerrado, um dos tipos de vegetao que compem o bioma, caracteriza-se pela ocorrncia de exemplares de buritis, que se localizam nos fundos de vales, onde os solos so mais frteis e possuem menor teor de alumnio. ( ) na rea desse bioma que se localizam algumas das nascentes dos rios das principais bacias hidrogrficas brasileiras: Amazonas, Paran e So Francisco. ( ) O cultivo que mais contribui para a destruio do Cerrado o da soja, j que 45% da safra nacional desse produto proviniente da regio central do Brasil. ( ) Diferentemente da produo de soja do Centro-Oeste, a sojicultura dos cerrados do hemisfrio norte, Estado de Roraima, baseia-se sobretudo na produo calcada em propriedades de menos de 500 hectares, voltada para o abastecimento do mercado interno. A seqncia correta de preenchimento dos parnteses, de cima para baixo, : A) V V F V F. B) V F - V V F. C) F V F F V. D) F F V F V. E) F F V V F. 84. Com relao ao lixo domstico produzido nas cidades brasileiras, correto afirmar que: A) A quase totalidade depositada em aterros sanitrios apropriados, o que elimina a possibilidade de contaminao do lenol fretico. B) Um elevado percentual das receitas municipais j provm da reutilizao desse lixo, o que demonstra a importncia social dos coletores de papel nas reas urbanas. C) H uma grande quantidade constituda de plsticos, vidros e metais, facilmente decompostos em ambientes anaerbicos. D) A reciclagem poderia ser a soluo para o lixo domstico, composto de plsticos, papis, vidros, metais e borrachas, que so materiais reaproveitveis. E) 100% da populao urbana brasileira tem acesso ao servio de coleta de lixo, o que demonstra a preocupao dos polticos brasileiros com o ambiente. 85. Ao sair de Porto Alegre em sentido norte, passando pela escarpa do Planalto, um passageiro pode perceber alteraes dos fatores climticos no ambiente atravs da sensao de desconforto nos ouvidos e da mudana de temperatura. Essas alteraes se devem: A) diminuio da presso atmosfrica e da temperatura, causada pelo aumento da altitude. B) diminuio da presso atmosfrica e ao aumento da temperatura, provocada pelo aumento da altitude. C) Ao aumento da presso atmosfrica e da temperatura, decorrente do aumento da altitude. D) Ao aumento da presso atmosfrica e diminuio da temperatura, independentemente da altitude. E) diminuio da presso atmosfrica e da temperatura, independentemente da altitude.

10

Prof. Ralph 86. A rea desmatada na Amaznia Legal, composta por nove Estados, aumentou 2% de 2002 para 2003. Sobre o processo de derrubada da Floresta Amaznica nesses ltimos anos, correto afirmar que A) o fluxo crescente de turistas estrangeiros, atrados pela Floresta Amaznica, a principal causa do aumento do desmatamento no Estado do Amazonas. B) o setor ocidental da Amaznia Legal a rea com maior concentrao de rodovias e de ncleos urbanos, sendo, portanto, a menos preservada da regio. C) a explorao predatria de madeiras nobres como o mogno, praticada por madeireiras clandestinas, diminuiu nos ltimos anos em decorrncia da perda do valor comercial dessa madeira no mercado internacional. D) a construo de usinas hidreltricas, como as de Paulo Afonso e Trs Marias, ampliou o desmatamento na Amaznia em centenas de milhares de km, tendo em vista a dimenso dos seus reservatrios. E) o Arco do Desmatamento, extensa faixa contnua que vai de Rondnia ao Maranho, passando pelo Mato Grosso e pelo Par, caracteriza-se pela expanso das lavouras de soja, que atraem agricultores para as reas desmatadas e abandonadas. 87. Assinale a alternativa correta sobre a circulao atmosfrica. A) O movimento ascensional do ar caracteriza uma zona de alta presso atmosfrica nas proximidades da linha equatorial, o que direciona os ventos alsios, que sopram do equador para os trpicos. B) A clula de Hadley o nome que designa o grande circuito de circulao atmosfrica que ocorre nas regies de baixa presso atmosfrica, em latitudes superiores s dos trpicos de Cncer e Capricrnio. C) As reas equatoriais de baixa presso atmosfrica so receptoras de massas de ar provenientes de reas de alta presso, denominadas anticiclonais. D) O ar que ascende no Equador e sopra em altitudes elevadas para o norte e o sul produz a chamada frente intertropical. E) Nas regies prximas linha do Equador, a subida e o esfriamento do ar mido provoca condensaes e aumento da pluviosidade no vero, originando uma estao seca durante o inverno. 88. Responder questo com base na ilustrao abaixo: B) a chuva cida, a qual, em situaes normais, provoca o movimento das nuvens para reas mais distantes. C) inverso trmica, um fenmeno climtico que provoca agravamento da poluio. D) o efeito estufa, em que a camada do gs Oznio no permite a sada de poluentes. E) a alterao do ciclo hidrolgico de uma rea urbanizada, na qual a chuva causa a concentrao da poluio. 89. O Protocolo de Kyoto um acordo internacional criado em 1997, cujo objetivo a reduo das emisses de gases de efeito estufa responsveis pela intensificao do aquecimento global. Em relao a esse protocolo e s mudanas climticas globais, assinale com V (verdadeiro) ou F (falso) as afirmaes abaixo. ( ) O fato decisivo para a entrada em vigor do PK em fevereiro de 2005 foi a adeso do Canad e do Japo, dois dos maiores responsveis pelas emisses de dixido de carbono mundiais. ( ) Para auxiliar na reduo dos gases de efeito estufa nos pases em desenvolvimento e facilitar a obteno de parte dos compromissos de reduo pelos pases desenvolvidos, o PK estabeleceu um instrumento: o Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL). ( ) As emisses de dixido de carbono no Brasil correspondem a aproximadamente 10% dos totais mundiais, dos quais cerca de 75% so provenientes das emisses de gases derivados de veculos e indstrias e 25%, das queimadas. ( ) Entre as principais justificativas e alegaes para a no-ratificao do PK pelo governo dos Estados Unidos est o impacto que as redues das emisses de gases de efeito estufa traria economia estadunidense. A seqncia correta de preenchimento dos parnteses, de cima para baixo, A) VVFF. B) VFVF. C) FVFV. D) VVFV. E) FFF-V. 90. Em relao aos tipos climticos brasileiros, considere as caractersticas citadas abaixo. 1- amplitude trmica anual inferior a 6C. 2- geadas freqentes nos meses de inverno. 3- chuvas escassas e irregulares. 4- estao seca e chuvosa bem definida. 5- temperaturas mdias superiores a 18C Assinale a alternativa que apresenta a correspondncia correta entre o tipo climtico e suas caractersticas. A) Equatorial mido 1 e 3. B) Semi-rido 3 e 5. C) Tropical 2 e 3. D) Equatorial semi-mido 2 e 5. E) Subtropical 1 e 4. 91. Assinale Verdadeiro ou Falso as afirmaes abaixo, referentes aos domnios vegetais do Brasil e sua transformao pelo processo de ocupao. ( ) No ES, a instalao de indstrias automobilsticas destruiu a cobertura vegetal nativa. ( ) Nas ltimas dcadas, a especulao imobiliria tem contribudo para o processo de destruio das matas de igap e dos campos inundveis do litoral brasileiro. ( ) H vrios anos, a vegetao de mangue tem sido destruda pelo processo de urbanizao e, mais recentemente, os mangues nordestinos esto sendo alterados pela atividade de carcinicultura.

A ilustrao anterior representa A) o fenmeno chamado Ilha de calor, no qual, durante a noite, os poluentes no conseguem atingir as camadas superiores da atmosfera.

11

Prof. Ralph ( ) Aps os anos 1960, a expanso da fronteira agropecuria brasileira avanou em direo regio dos cerrados e Floresta Amaznica. A seqncia correta de preenchimento dos parnteses, de cima para baixo, A) V-F-V-F. B) V-V-F-F. C) F-V-F-F. D) V-F-V-V. E) F-F-V-V. 92. Sobre os impactos ambientais no Brasil, so feitas as seguintes afirmaes. I- Na Regio Norte do Brasil, na rea do Projeto Carajs, as atividades associadas ao funcionamento das usinas sederrgicas elevam os ndices de poluio atmosfrica. II- A Mata Equatorial, nas proximidades do plo industrial de Cubato, situado na regio serrana do estado de SP, est parcialmente destruda, devido, em parte, ao fenmeno de chuva cida. III- Em garimpos de ouro, como no vale do rio Tapajs, no PA, a utilizao do mercrio traz srias conseqncias tanto para sade humana quanto para a conservao do ambiente. Quais esto corretas? A) Apenas I. B) Apenas II. C) Apenas III. D) I e III. E) II e III. 93. Com a intensificao do processo de urbanizao no Brasil, muitas bacias hidrogrficas urbanas tiveram a sua cobertura alterada para superfcies impermeveis, onde em muitas ocasies, foram construdos canais e galerias subterrneos destinados ao escoamento das guas pluviais. Com relao s conseqncias do processo de urbanizao sobre o ciclo hidrolgico, considere os itens abaixo. 1- aumento da infiltrao. 2- aumento da vazo dos cursos dgua. 3- diminuio do escoamento superficial. 4diminuio da evapotranspirao. Os dois itens que constituem alteraes ocasionadas pelo processo de urbanizao sobre o ciclo hidrolgico so os nmeros: A) 1 e 2. B) 1 e 3. C) 2 e 3. D) 2 e 4. E) 3 e 4. 94. Com base no climatograma e afirmativas abaixo, responder a questo. menores concentraes pluviomtricas. V- o climatograma tpico de Clima Temperado. Pela anlise do climatograma e das afirmativas, conclui-se que est correta a alternativa A) I, II e III. B) I, III e IV. C) II, IV e V. D) II e V. E) III e V 95. Assinale a afirmao correta em relao as grandes paisagens naturais do globo A) As regies tropicais possuem quatro estaes bem definidas e uma grande amplitude trmica anual. B) Nos solos desrticos, comum o aparecimento de lateritas causadas pela lixiviao dos solos. C) Nas regies ridas e semi-ridas, a quantidade de gua perdida por evaporao ou por escoamento superior quela fornecida pelas precipitaes. D) As cadeias montanhosas dos Alpes, na Europa, e dos Alpes, no continente americano, datam dos perodos Jurssico-Cretceo da Era Cenozica. E) A vegetao natural de cerrados ou savanas e campos, nas regies temperadas, raramente encontrada em sua forma original. 96. A imprensa divulgou, no comeo do segundo semestre de 2006, a constatao do resfriamento das guas do oceano Pacfico junto costa sul-americana. A partir dessa informao, correto fazer a seguinte afirmao. A) Na prxima estao de inverno, o volume de chuvas deve diminuir no Centro-Sul e no Nordeste brasileiros. B) Na prxima estao do vero, o volume de chuvas deve diminuir no CentroSul e aumentar no Nordeste brasileiros. C) Na prxima estao de vero, o volume de chuvas deve aumentar no CentroSul e diminuir no Nordeste brasileiros. D) Na prxima estao de inverno, o volume de chuvas deve aumentar no Centro-Sul e no Nordeste brasileiros. E) Na prxima estao de vero, o volume de chuvas deve aumentar no Centro-Sul e no Nordeste brasileiros. 97. Sobre o crdito de carbono so feitas as seguintes afirmaes: I- Somente pases como EUA e Austrlia, que no ratificaram o Protocolo de Kyoto, podem comprar crditos de carbono pela reduo da emisso ou captao de gases de efeito estufa (GEE) nos pases em desenvolvimento. II- Com a venda de crditos de carbono, pases como o Brasil e a ndia podem financiar e implementar projetos de proteo ambiental em seus territrios e, com isso, contribuir para uma diminuio das emisses de GEE na atmosfera. III- A venda de crditos de carbono um mecanismo que auxilia significativamente o Brasil, nesta fase inicial do Protocolo de Kyoto, a cumprir seus compromissos de reduo de emisses de gases de efeito estufa. Quais esto corretas A) Apenas I. B) Apenas II. C) Apenas III. D) I e II. E) II e III. 98. A massa de ar que abrange grande parte do territrio brasileiro a equatorial continental. Quente, mida e instvel, provoca chuvas abundantes, conhecidas como A) Chuvas de vero ou frontais. B) Chuvas de vero ou orogrficas. C) Chuvas de vero ou convectivas. D) Chuvas de inverno ou frontais. E) Chuvas de inverno ou orogrficas.

I- Trata-se do clima de uma cidade localizada no Hemisfrio Sul. II- Apresenta uma baixa amplitude trmica anual. III- No vero ocorre a maior concentrao de chuvas. IV- Os meses mais quentes so os que apresentam

12

Prof. Ralph 99. Assinale a alternativa que apresenta quatro fenmenos naturais que podem ser associados elevao da temperatura mdia do planeta. A) enchente furaco seca vulcanismo. B) ciclone enchente terremoto vulcanismo. C) ciclone elevao do nvel dos mares furaco seca. D) ciclone enchente seca terremoto. E) ciclone elevao do nvel dos mares furaco vulcanismo. 100. O Protocolo de Kyioto um tratado internacional que estabelece compromissos para a reduo da emisso de gases que provocam o efeito estufa, considerados como a principal causa do aquecimento global. Os pases signatrios tero que colocar em prtica aes para reduzir a emisso desses gases entre 2008 e 2012. Considere as seguintes aes. 1- reformar os setores de energia e transportes. 2- promover o uso de fontes de energia renovveis. 3- eliminar mecanismos financeiros e de mercado inapropriados aos fins do Protocolo. 4- limitar as emisses de metano no gerenciamento de resduos e dos sistemas energticos. 5- proteger florestas e outros sumidouros de carbono. Quais constituem aes propostas pelo Protocolo de Kyoto? A) 1 e 2. B) 1 e 5. C) 4 e 5. D) 2, 4 e 5. E) 1, 2, 3, 4 e 5. 101. No Brasil, o fenmeno El Nio provoca o desvio da massa de ar equatorial continental, mida, que se forma sobre a Amaznia, para o sul do pas. As conseqncias do El Nio no territrio brasileiro so A) enchente no Brasil Meridional e seca no extremo sul do pas. B) secas no Brasil Meridional e enchentes no extremo sul do pas. C) enchentes no Brasil Meridional e secas no serto nordestino e no extremo norte do pas. D) enchentes no sudeste do Brasil, em decorrncia de invernos rigorosos no sul do pas. E) enchentes no sudeste do Brasil e secas no extremo sul do pas. 102. Assinale a alternativa que apresenta duas reas do Rio Grande do Sul localizadas, respectivamente, no bioma Pampa e no bioma Mata Atlntica. A) Itaimbzinho Reserva Biolgica de Ibirapuit B) Barragem do Passo Real Reserva Biolgica da Serra Geral C) Lagoa do Peixe Estao Ecolgica do Taim D) Parque Elico de Osrio Parque Estadual do Espinilho E) Areais de Alegrete Reserva Biolgica da Serra Geral Responder as duas prximas questes referente ao texto abaixo. O hbito mais cultivado pelo porto-alegrense amaldioar o tempo. E com alguma razo: derretemos nos calores midos de maro, congelamos no inverno e somos vergastados pelas chuvas da primavera. S abandonamos as queixas no outono, quando os entardeceres alongam nossas sombras e, ao olharmos para cima, ficamos nostlgicos com a tonalidade dourada do cu de rico Verssimo. De certo modo, quando recuperamos nossa dignidade. 103. A respeito do clima predominante no Rio Grande do Sul, a variao entre as caractersticas das diferentes estaes do ano de que fala o texto tpica de um clima A) temperado semi-mido. B) subtropical semi-mido. C) tropical mido. D) subtropical mido. E) temperado litorneo mido. 104. A gnese das chuvas predominantes de que trata o texto e o tipo de nuvem que provoca chuvas em grande quantidade so, respectivamente, A) frontal e cmulos-nimbos. B) convectiva e cirros. C) orogrfica e nimbos. D) frontal e estratos. E) convectiva e cmulos-nimbos.

GABARITO: 1C, 2D, 3E, 4C, 5D, 6C, 7D, 8C, 9A, 10E, 11E,12D,13A, 14A, 15C, 16E, 17D, 18D, 19B, 20C, 21B, 22A, 23B, 24E, 25B, 26B, 27A, 28C, 29A, 30A, 31A, 32C, 33B, 34B, 35E, 36E, 37A, 38A, 39E, 40D, 41D, 42D, 43D, 44D, 45C, 46C, 47B, 48C, 49A, 50D, 51E, 52A, 53B, 54A, 55E, 56D, 57E, 58C, 59D, 60D, 61E, 62E, 63C, 64D, 65B, 66E, 67D, 68C, 69A, 70A, 71D, 72B, 73B, 74D, 75E, 76C, 77D, 78D, 79C, 80C, 81A, 82B, 83E, 84D, 85A, 86E, 87C, 88C, 89C, 90B, 91E, 92D, 93D, 94E, 95C, 96B, 97B, 98C, 99C, 100E, 101C, 102E, 103D, 104A

13

Recommended

View more >