Aplicaes das Ferramentas da Internet na Educao a Distncia Renato M.E. Sabbatini, PhD.

  • Published on
    07-Apr-2016

  • View
    215

  • Download
    3

Transcript

  • Aplicaes das Ferramentas da Internet na Educao a DistnciaRenato M.E. Sabbatini, PhD

  • Objetivos da AulaIdentificar os principais fatores envolvidos na escolha de recursos tecnolgicos, ferramentas e servios disponveis na Internet para implementar um ambiente a distnciaEscolher adequadamente as tecnologias a serem usadas, conhecendo quais so seus usos, vantagens e limitaes

  • TpicosAs nove funes bsicas da classeClassificaes das tecnologias de EAD e como elas influenciam a escolha de ferramentasTipos de comunicao mediada por computador (CMC)Recursos off-line: papel, CD-ROM, disqueteAplicabilidade das vrias ferramentas da Internet na EAD: email, listas, grupos de notcias, chat, FTP, Web, Telnet, tele e vidoconfernciaRecursos avanados

  • Materiais pr-classe: bibliografia, vdeos, pginas da WWW. Materiais ps-classe: provas e avaliaes, trabalho de casa, projetos e trabalhos de campo. Materiais em classe: demonstraes, anotaes no quadro-negro, apostilas e outros materiais para trabalho individual ou em grupo. Conduo do debate e orientao em classe.Instrutor dirige perguntas aos estudantes. Estudantes dirigem perguntas ao instrutor. Estudantes dirigem perguntas uns aos outros. Avaliao da reao dos estudantes ao assunto, e reviso ou ajuste de uma explicao com base no retorno dado pelos estudantes. Avaliao do grau de compreenso do estudante antes, durante e depois da aula, usando exames, relatrios ou apresentaes.Os Nove Elementos Bsicos

  • Segundo o estilo de comunicaoSincrnicas vs. assincrnicasCentradas no estudante vs. centradas no professorIndividuais vs. coletivasColaborativas vs. no colaborativasClassificao das Tecnologias EAD

  • Tecnologias de EADSegundo o Estilo de ComunicaoUm a um Email, chat individual, telefoneUm para muitos Aula expositiva, transmisso de vdeo ou de udio, documento na Web, impressosMuitos para um Questionrios, pesquisas on-line, avaliaoMuitos para muitos Lista de discusso, grupos de notcias, webfrum, chat coletivo

  • Tecnologias de EADSincrnicas vs. AssincrnicasSincrnica: ocorre quando as interaes entre os participantes so feitas em tempo realChat (IRC), telefone, tele e videoconferncia, execuo remota de programas (TELNET), telepresenaAssincrnica: ocorre quando as interaes entre os participantes no so feitas em tempo realImpressos, email, Web, webcasting, lista de discusso, audio/video, grupos de notcias, FTP

  • Tecnologias de EADCentradas no Estudante vsCentradas no ProfessorCentrado no estudante: ocorre quando o material est disponibilizado pelo professor e a iniciativa e timing de acesso so controlados pelo estudante. Exemplo: ensino baseado na WebCentrado no professor: ocorre quando o material chega at o aluno por iniciativa e timing do professor. Exemplo: tele e videoconferncia

  • Tecnologias de EADIndividuais vs. ColetivasIndividual: ocorre quando distribuio, acesso e interaes ocorrem apenas entre um aluno e seu professor. Exemplo: curso por emailColetivo: ocorre quando tanto a distribuio quanto as interaes envolvem mais de um aluno e/ou professor no mesmo processo, ao mesmo tempo. Exemplo: curso por videoconferncia em classe

  • Tecnologias de EADColaborativas vs. No colaborativasColaborativa: ocorre quando os alunos interagem entre si em trabalhos de classe, avaliao, produo de documentos, etc.No colaborativa: ocorre quando o estudante interage com alunos e professores, mas os trabalhos e avaliaes so produtos individuais

  • Ferramentas Colaborativas(WorkGroup Software)Para alunos-alunos, alunos-professores, professores-professoresNavegar conjuntamente na WebCompartilhar uso de software de produtividade (Word, PowerPoint, Excel, etc.): T-120reas comuns de desenho e imagem: T-126rea de dilogo (chat de texto, vdeo e/ou imagemFerramentas para marcar reunies, fazer buscas de temas e perfis comuns, etc.Cadastro de usuriosSoftwares: NetMeeting, Lotus Notes, Groove, FirstClass, etc.

  • Curso Baseado na InternetO que : Um ambiente criado na Internet no qual estudantes e professores podem realizar tarefas relacionadas ao aprendizadoO que faz: Proporciona recursos e mecanismos para identificao do estudante, distribuio de contedo, comunicao, gerenciamento acadmico, avaliao e acompanhamento do desempenho do aluno

  • Ferramentas Bsicas da Internet para o Ensino DistnciaEMAIL: Correio EletrnicoLISTSERV: Listas de Distribuio NEWS: Grupo de NotciasFTP: Transferncia de ArquivosTELNET: Execuo RemotaIRC: ChatsHTTP: Hipermdia

  • Correio EletrnicoCaractersticasUtiliza os protocolos POP3 (Post Office Protocol 3), SMTP (Simple Mail Transfer Program) e MIME (Multimedia Mail Extensions)Acesso via programas especficos (ex. Eudora, Outlook) ou atravs dos browsers da WWWWebmail permite acesso via interface da Web, de qualquer lugar do mundoNo em tempo real, mas pode ser aproximadoComunicao um-para-umGeralmente texto ou HTML (inclusive imagens)Pode ter anexos binrios (programas, udio, vdeo, imagens) com visualizao off-line

  • Correio EletrnicoAplicaes EducacionaisUsado mais para comunicao entre professor e alunoEnvio de questes, resoluo de dvidasPermite tutoria e orientaoEnvio de trabalhos pelo alunoEnvio de instrues especficasPodem existir cursos inteiramente baseados em emailNovas interfaces permitem uma Web por email ou email interativo (exemplo: eTeam)

  • Listas de DistribuioCaractersticasListas unidirecionais lista de endereos simples no gerenciador de email, no necessria assinatura. Fcil gerenciamento de sublistas.Listas bidirecionais programas de servidor: LISTPROC, LISTSERV, MAJORDOMO. Necessria assinatura (SUBSCRIBE). No em tempo real, leitura off-linePermite discusso entre vrios participantesUtiliza os mesmos programas do correio eletrnico, tambm pode incluir anexos binriosPode ser combinada com arquivos na Web (mailing-list gateway)Comunicao um-para-muitos e muitos-para-muitos

  • Listas de DistribuioAplicaes EducacionaisDistribuio de material pelo professor (textos para leitura, imagens, instrues, etc.)Envio de avisos, circulares, novidades, gerenciamento do cursoDiscusses estendidas sobre um determinado tema (muitos dias, material abundante, participao assncrona e com engajamento altamente varivel)Resoluo coletiva de dvidas e perguntasClasse virtual em que o fator temporaneidade no importante, facilita a vida do aluno e do professor

  • Grupos de NotciasHierarquia pr-determinada de assuntosUtilizam o protocolo NEWS:// e podem ter clientes leitores prprios (NewsAgent) ou embutidos nos browsers da WebPermitem a assinatura e a filtragem de contedoFuncionam como quadro de avisos, tm a mesma aplicabilidade em EADExistem verses para a Web, chamados de webforums, e que tem muito mais liberdade de criao para o professor

  • Transferncia de ArquivosCaractersticasUsa o protocolo FTP (File Transfer Protocol), via programas especficos ou pelos browsers da WWWEstabelecimento de diretrios FTP vinculados ao curso, gerenciados pelo professorTransferncias bidirecionais so possveis (cliente-servidor e servidor-cliente)Novos softwares que no precisam de servidores (transferncia PTP, ou peer-to-peer), como o Napster e o Gnutella.

  • Transferncia de ArquivosAplicaes EducacionaisDistribuio de software, arquivos de texto, imagem, vdeo ou som por descarregamento, para uso off-lineCarregamento de trabalhos pelos alunosContribuies espontneas a diretrios de recursosEspelhos localizados em vrios servidores

  • Execuo RemotaCaractersticasUtiliza os protocolos TELNET ou RLOGIN, via programas especficos ou pelos browsers da WWWPermite o login e execuo remota de programas localizados no servidor, bem como acesso a bases de dados remotasUtilizao em tempo real

  • Execuo RemotaAplicaes EducacionaisExecuo de softwares especficos, protegidos, ou muito grandesAcesso estruturado e interativo a bases de dados e imagens (acervos, bases bibliogrficas, etc.)Exemplos: programas de simulao, processamento grfico e matemtico, etc.Acesso a recursos computacionais especiais (por exemplo: supercomputadoresPermite o teletrabalho, integrando o terminal remoto a uma rede local na universidadePermite a metodologia ASP (maior flexibilidade, menores custos)

  • ClienteServidorHTTPCGI-BINHTTPDHTMLCommon Gateway Interfaceuma maneira de executar programas no servidor (localizados noCGI-BIN) e comunicando-se com o servidor HTTPExecuo Remota: CGI

  • Tarefas CGI Comuns em Uma Plataforma de EAD Resposta automtica a emails e formulrios Gerao automtica de pginas personalizadas Acesso a mecanismos de busca internos Acesso do aluno por identificador e senha Acesso e manuteno de bancos de dados Implementao de contadores de acessosQuestionrios de avaliao on-line

  • IRC (Chat)CaractersticasUtiliza o protocolo de troca de mensagens em tempo real IRC (Internet Relay Chat)Usa uma rea comum de dilogo de texto (refletor) de forma sincrnicaTem comandos de gerenciamento do ambiente virtual (interface complexa)Pode ser implementado atravs de cliente-servidor dedicado (exemplo: mIRC para Windows) ou atravs de softwares do lado do servidor e/ou do lado do browser (applets em Java, CGI, etc)Variantes e softwares aplicativos: MUDs, MOOs, ICQ, Instant Messengers, NetMeeting, etc.

  • IRC (Chat)Aplicaes EducacionaisImplementao de ambientes de classe virtual orientados dinmica de grupo (discusses, resoluo de dvidas, propostas de trabalho, etc.) em tempo real (muitos-para-muitos)Ambiente de consultoria e tutoria um-a-umContato peridico com os estudantes para fins de controle e acompanhamento (exames orais)Ambientes de colaborao em equipes de alunos ou de professoresAmbientes de convivncia virtual, para bate-papo e amizade entre os participantesUtilizao de som (voice chats) e video de baixa velocidade

  • Exemplo de Chat em CGI

  • Exemplo de Chat em JavaPrograma compilado (executvel) que baixado junto com a pgina HTML, como um binrio

  • HipermdiaCaractersticasUtiliza o protocolo HTTP (HyperText Transfer Protocol) via programa cliente (browser)Permite a distribuio integrada de textos, imagens estticas e dinmicas, somPermite navegao por hipertexto e interatividadePermite a integrao de outros protocolos em uma mesma plataforma (FTP, TELNET, etc.)Permite execuo no servidor (CGI)Permite execuo distribuda (JAVA)Paradigma da WWW, universal, muito conhecido, fcil treinamento, intuitivo, interface grfica

  • HipermdiaAplicaes educacionais (1)Home-page do curso, do professor e dos alunosIntegrao das listas de recursos on-line para o cursoDisponibilizao de revistas e livros eletrnicos, artigos, manuais, tutoriais, shows de slides, mdulos multimdia, transcries de email e de listas de discussoMeio de publicao preferencial para os trabalhos dos alunos (disponibilizao centralizada ou distribuda)

  • Show de slides

  • HipermdiaAplicaes educacionais (2)Uso de plug-ins e helpers (programas auxiliares ao browser) que permitem executar mdulos multimdia interativos desenvolvidos em outras linguagens (ex.: ToolBook, MediaDirector, AuthorWare, etc.)Incluso de udio e vdeo sob demandaIncluso de chats de texto/imagens estticasIncluso de tecnologia push (webcasting)Execuo distribuda (JAVA): programas de auxlio clculo e deciso, questionrios interativos, animaes grficas, simulaes, etc.

  • Execuo Distribuda (Java)ClienteServidorHTTPHTTPDHTMLJAVA AppletsPequenos programas escritos em JAVA que se descarregam junto com apgina solicitada e que executam na computador clienteJAVAJAVA

  • Calculadora On-Line (Java)Clculo da rea da superfcie corporal

    Medstudents

  • Recursos Avanados da Internet em Ensino DistnciaMBONE: MulticastingPUSH: Pointcasting, webcastingVRML: Realidade virtualBancos de dadosVideoconferncia interativa via Internet

    Copyright 2001 Renato Marcos Endrizzi Sabbatini, Campinas, Brazil

    Todos os direitos reservados. Proibida a reproduo por quaisquer meios, no todo ou em parte, na forma de textos, imagens ou qualquer outro recurso eletrnico ou impresso.O aluno regularmente inscrito neste curso pode baixar uma nica cpia para visualizao em seu computador local, vetada qualquer forma de redistribuio ou comercializao, conforme as leis internacionais de direitos autorais.

    A partir do conhecimento que o aluno deste mdulo deve ter sobre as principais tecnologias e protocolos disponveis atravs da Internet atualmente, esta aula se prope a elaborar o conhecimento de sua aplicao direta numa plataforma de ensino a distncia baseada na Internet, ou mais especificamente na Web.O trabalho educacional em classe envolve nove elementos bsicos reconhecidos. A implementao on-line deve, pelo menos procurar imitar esses pontos, em todas suas formas (prximos slides).Estes so os cinco eixos bsicos de classificao das tecnologias aplicadas educao a distncia, e que podem ser consideradas de forma sistemtica ao se fazer o planejamento e a implementao do curso. A escolha de ferramentas tecnolgicas vai depender da combinao que se desejar para o mesmo (estilo do curso em seus trs aspectos: instruo, interao, avaliao). Naturalmente, um curso mediado por redes pode ter mais de um estilo ao mesmo tempo.Exemplos: Um para muitos, assincrnico, centrado no professor, individual, no colaborativo => curso baseado em lista de distribuio de email, com o aluno e o professor em casa. Muitos para muitos, sincrnico, centrado no aluno, individual, colaborativo => curso baseado em grupo de notcias, discusses provocadas por material instrucional na Web, com dinmica de formao de grupos Um para muitos, sincrnico, centrado no professor, coletivo, colaborativo => videoconferncia bidirecional simtrica com alunos em classe e o professor remotamente.

    Combinao de estilos: a fase instrucional ser do tipo 3, e a fase de discusso ser do tipo 2.Segundo a teoria da comunicao, cada ponta do elo de comunicao pode ser formado por uma ou por muitas pessoas. Assim, temos quatro estilos combinados: um a um, um para muitos, muitos para um e muitos para muitos. Neste slide vemos os tipos de ferramentas tecnolgicas que correspondem a cada estilo. A escolha vai depender do projeto pedaggico do curso, do tipo de informao ou interao que se quer implementar, das tcnicas de avaliao de desempenho, etc.Este um dos eixos principais de classificao das tecnologias, e tem enorme impacto sobre uma srie de fatores, inclusive sobre a viabilidade tcnica do curso (por exemplo, no adianta usar webcasting com alunos que tem acesso muito lento Internet), e sobre as escolhas pedaggicas. Muitos cursos oferecidos pela Internet no usam tcnicas assincrnicas por opo, uma vez que exige marcao de data e hora. O uso de videoconferncia pela Internet ainda muito restrito devido a problemas de banda, tambm.Este fator tambm muito importante para a seleo das ferramentas a serem usadas. O ensino tradicional centrado no professor, que irradia o conhecimento para uma classe coletiva, que se comporta de maneira mais passiva. Essa situao (que na maioria das vezes no a ideal do ponto de vista didtico, mas pode ser desejvel por vrios motivos para um curso on-line) geralmente exige tele ou videoconferncia. Um show de slides na Internet um outro exemplo (imitao da aula expositiva). Na EAD, geralmente se considera que o melhor aprendizado obtido atraves de ferramentas e de uma pedagogia que centrem a atividade no aluno, ou seja, ser de inicitativa dele acessar o material disponibilizado, decidir quando acessar o professor, etc. Nesse caso, as ferramentas tm que ser do tipo pull, permanentemente disponveis, assim como o contedo, e ferramentas de interao em que todos possam ter iniciativas de apresentao e discusso. Nas tecnologias centradas no estudante tambm se usa muito o aprendizado colaborativo, que pode ser realizado via chat, por exemplo.Embora possa parecer que a EAD SEMPRE individual, na realidade existem muitos modelos em que o ensino baseado em classe. At mesmo navegar na Web pode ser um exerccio de classe (todos os alunos em um nico laboratrio ou sala de aula, por exemplo. A vantagem do ensino individual evidente: possibilita diferentes estilos e velocidades de aprendizado dos alunos coexistirem pacificamente sem atrapalhar o andamento geral do curso.Este outro eixo interessante de classificao de atividades de EAD e que condiciona as ferramentas a serem disponibilizadas. O aprendizado colaborativo tem grande poder de resoluo e motivao, e geralmente exige ferramentas sincrnicas, como chat, workgroups (softwares de trabalho em grupos, como Groove, Lotus, FirstClass, etc.) dotados de recursos de colaborao (veja slide seguinte).As ferramentas de trabalho colaborativo a distncia so muito utilizadas e tm grande aplicabilidade na educao. Podem servir para professores colaborarem na criao de contedo e na gesto de cursos, para alunos colaborarem com professores, e para alunos colaborarem entre si em trabalhos de grupo propostos pelos professores, por exemplo. Os usurios de um workgoupware se cadastram previamente, o que facilita muito o recrutamento para atividades, contatos, etc. A maioria das ferramentas de workgroup so sincrnicas, mas tambm podem ser assincrnicas, com uma interao mais lenta e estendida. Dos softwares disponiveis gratuitamente, o NetMeeting e o Groove so os mais interessantes e com maiores recursos.Vrias das funcionalidades das ferramentas colaborativas so baseados em padres internacionais, denominado T-120 e T-126O termo genrico Internet permite abrangermos um grande nmero de tecnologias isoladas ou combinadas para compor a plataforma de EAD (recursos e mecanismos disponveis) que vamos utilizar no curso. Atualmente, o grande desenvolvimento da Web e dos browsers permite praticamente convergir todas as tecnologias, mesmo as com protocolos que antecedem a Web, em direo a uma interface nica.Estes so os protocolos usados mais comumente na disponibilizao de recursos interativos e no interativos em uma plataforma de EAD. Teoricamente, pode-se usar qualquer combinao de ferramentas, desde que haja pelo menos uma de comunicao interativa, sincrnica ou assincrnica. Na maoria dos cursos utiliza-se pelo menos o email (ou lista de distribuio) associado Web (HTTP) para implementar, respectivamente, a interao e a distribuio de contedo hipermdia.

    LISTSERV = Electronic Mail List ServerNEWS = Newsgroup ServerFTP = File Transfer ProtocolTELNET= Telenetworking ProtocolIRC = Internet Relay ChatHTTP = Hypertext Transfer ProtocolO correio eletrnico existente atualmente atravs das interfaces mais sofisticadas (MS Outlook, por exemplo), permite visualizar arquivos multimdia enviados pelo SMTP/MIME, com as mesmas caractersticas de uma pgina Web. O uso de anexos (attachments) flexibiliza enormemente o email e pode transform-lo em uma das melhores ferramentas assincrnicas de distribuio de contedo E interatividade, em uma nica interface, agradvel e universal.Eis aqui as principais aplicaes para a plataforma de EAD. Muitos professores no gostam de disponibilizar seu endereo de email para os alunos, com medo do excesso de perguntas repetitivas. Entretanto, como veremos, a maneira de resolver isso direcionar perguntas e dvidas relativas materia para os recursos assincrnicos um-para-muitos e muitos-para-muitos, como o webfrum, lista de discusso e newsgroups, e especificar uma regra que o email deve ser usado apenas para contatos exclusivamente de interesse particular do aluno.As listas podem ser unidirecionais ou bidirecionais, conforme o software utilizado permita automaticamente todas as mensagens enviadas serem recirculadas para os membros da lista. Para as listas bidirecionais existem softwares especficos que devem ser instalados no servidor, e a assinatura e cancelamento, assim como vrias outras funes, podem ser realizadas por email. Finalmente, existem softwares que permitem associar no servidor, uma lista de discusso a arquivos na Web (exemplo: eGroups), chamados de gateways. O aluno pode ento escolher s receber via email, receber via email e visualizar na Web, ou s visualizar na Web. A lista de distribuio primitivamente uma comunicao um-para-muitos, mas se a recirculao de mensagens permitida, passa a ser muitos=para-muitos.A lista de distribuio certamente um dos recursos mais importantes e valiosos para a EAD baseada na Internet. Serve para distribuir (broadcasting) material para os alunos, enviar avisos e mensagens de gerenciamento de cursos, assegurando automaticamente que todos recebam o material. Na sua verso bidirecional (lista de discusso) permite a fcil implementao de discusses em grupo sobre um determinado tema, com participao potencial de todos os alunos, bem como a resoluo de dvidas e respostas a perguntas que foram feitas por um aluno, mas que interessam a todos. Isso poupa muito tempo e otimiza a atuao do professor (que teria que responder individualmente a muitos emails com o mesmo contedo). Portanto, a lista de discusso funciona como um frum ou uma classe virtual em que o fator tempo real no importanteHistoricamente os newsgroups (grupos de notcias) foram os primeiros recursos usados para EAD, pois existiram antes da Internet (em uma rede chamada User-to-User Net (UUNET), formada por servidores UNIX. Tambm foram muito comuns em redes privadas discadas, atravs dos BBS (Bulletin Board System). Atualmente se confundem muito em modo de operao com a lista de discusso, embora um newsgroup puro teoricamente no seja distribuido por email. Existem verses de softwares que funcionam em servidores baseados na Web, que so chamados de webforuns. Isso permite que o professor crie um nmero arbitrariamente indefinido de grupos de discusso (um para cada aula ou tema, por exemplo), sem precisar recorrer a administradores de redes, como ocore com o newsgroup tradicional.Embora no parea o FTP um recurso muito usado em EAD, pela sua simplicidade operacional. Funciona assim: o professor carrega no servidor (ou at em sua prpria mquina) os arquivos que deseja disponibilizar para o aluno, usando um programa FTP. Em seguida disponibiliza os links de hipertexto que chamam esses arquivos, em qualquer ponto da home page do curso, ou em mensagens de email, etc. Basta o aluno clicar sobre esse link para baixar em seu disco o arquivo. Em seguida pode usar um software local para visualizar ou executar esse arquivo (alis, o FTP a nica maneira de distribuir software para execuo fora do ambiente do browser).O FTP clssico necessita de um servidor, que o professor e o aluno possam usar. Mas existem softwares mais modernos, como o infame Napster (usado para distribuir arquivos de som sem passar por um servidor central, ou seja de disco de computador de usrio para outro), que podem ter aplicabilidade em educao a distncia.Estas so algumas das aplicaes educacionais do FTP e do PTP. O FTP tambm muito util para espelhar (fazer cpias idnticas) de diretrios disponibilizados para os alunos, em servidores distribuidos, com a finalidade de minimizar o tempo de acesso (importante para arquivos grandes para download, como arquivos de vdeo).Este protocolo permite que um aluno,a travs do seu microcomputador ligado Internet, possa entrar (acessar via login e senha) um computador remoto ligado tambm a Internet (host), e comandar, atravs de uma interface, geralmente em UNIX, um programa residente localmente, que por sua vez pode acessar um banco de dados ou repositrio localmente. A execuo remota muito utilizada, por exemplo, para acesso a bases de dados remotas, programas de simulao, processamento grfico e matemtico, Inteligncia Artificial, etc., que devem ficar protegidos contra cpia, ou rodam em um processador especfico, ou so muito grandes para baixar.Na EAD o professor pode dar trabalhos para fazer ou atribuir tarefas ao aluno, que s podem ser realizados atravs dessa execuo remota, bem como trabalhar na escola sem necessidade de sair de casa.Finalmente, o TELNET, por centralizar recursos computacionais caros, permite maior flexibilidade e menores custos para os usurios (em vez de comprar vrias cpias de softwares caros, apenas uma instalada no servidor suficiente. A isso se d o nome de ASP (Application Service Provider: provedor de servios aplicativos)

    Outra forma de execuo remota, desta vez indireta, usando um protocolo chamado CGI. O software a ser executado fica em um diretrio de binrios chamado CGI-BIN, no servidor, e atravs de uma interface via pgina de Web, o protocolo HTTP pode ter acesso e comandar a execuo desse software. O intercmbio de comandos, dados e resultados com o computador cliente feito atravs da Internet, usando o browser.Por exemplo, a consulta ao banco de dados bibliogrficos da BIREME (MEDLINE) feita desta forma. CGI significa Common Gateway Interface e permite a comunicao bidirecional entre o servidor HTTP e os programas executveis existentes no servidor.A maioria das tarefas de uma plataforma de EAD baseada na Web geralmente implementada atravs de um conjunto de softwares funcionando em CGI. Aqui vemos algumas dessas funes. Existem milhares de programas disponveis para implementao em servidores CGI, disponveis na prpria Internet, por meio dos quais o designer de um curso on-line pode implementar muitas funes necessrias para cursos on-line.O IRC o protocolo da Internet que permite a troca de mensagens instantneas em um ambiente muitos-para-muitos (ou seus subconjuntos, um-a-um, muitos-para-um e muitos-para-muitos). Desta forma a tcnica sincrnica por excelncia. Consiste em ter-se um refletor (servidor que recebe as mensagens dos clientes ligados ao IRC, disponibiliza e armazena em uma rea central, e transmite de volta em tempo real para os clientes).Os softwares clientes para IRC que surgiram no inicio tinha interface exclusivamente de texto, e comandos mnemnicos de difcil uso para o no especialista, e com um nmero enorme de variantes e parmetros. Depois surgiram softwares clientes com interface adequada para Windows, como o mIRC (muito popular), e, finalmente, softwares especializados que tornam transparente e desnecessrio para o usurio conhecer os comandos intrnsecos do IRC. Esses programas, como ICQ, AOL e Yahoo Instant Messenger, MS NetMeeting, clientes de chats em Java, etc., facilitaram muito a adoo da tecnologia de chat pelo educador e a fcil implementao de classes virtuais.O chat uma ferramenta muito flexvel e vantajosa para a EAD, pois permite imitar de forma virtual as vrias situaes de encontros tte a tte, como entrevistas individuais, exames ao vivo, aulas expositivas, salas virtuais de discusso, resoluo de dvidas, dicas, etc. Tambm pode ser usado pelos prprios estudantes para marcar reunies de grupo para trabalho colaborativo, com hora e data, ou para simples convivncia e conhecimento mtuo. Atualmente os chats de voz e de voz/vdeo gradativamente vem invadindo o terreto na videoconferncia e teleconferncia profissionais de alta velocidade, uma tendncia que na educao eventualmente levar a uma convergncia dessesUma rea de chat implementada com a tecnologia CGI (lado do servidor), permite enviar texto, links, imagens, etc.Desenvolvido no Ncleo de Informtica Biomdica da UNICAMP.Este um exemplo de um programa facilmente instalvel em um servidor, e embutido em uma pgina em HTML do curso, que permite disponibilizar uma rea de chat.As aplicaes educacionais mais elementares da Web so listadas aqui. Os cursos baseados na Web comeam sempre com uma home-page, constituida de vrios submdulos que permitem o acesso s vrias informaes, ferramentas, contedo instrucionai, etc., disponiveis para o curso. Alm disso, permitem o fluxo inverso, ou seja, a criao de trabalhos dos alunos, textos, contribuies colaborativas, etc., que so colocadas no site.O show de slides na Internet prototpico da aula expositiva, e pode ser HTML puro, ou combinar varias tecnologias, como narrao em udio, clipes de vdeo, animaes grficas, vnculos de hipertexto, etc. Tem a vantagem de dar o controle da exposio ao aluno, atravs de menu de slides, botes de avana/recua, etc.; portanto adicionando a experincia de acesso no linear ao material, ao contrrio do que acontece com uma palestra ao vivo, que linear e ininterrupta.As aplicaes mais avanadas dos browsers disponiveis atualmente para navegar na Web incluem muitos recursos mais sofisticados e de amplas aplicabilidades educacionais, tais como a possibilidade de visualizar mdulos multimdia interativos desenvolvidos em outros ambientes off-line, como softwares de autoria multimdia (ToolBook, MediaDirector, Authorware, etc.Atualmente tambm os browsers j facilitaram muito a disponibilizao de udio e vdeo sob demanda e em tecnologia streaming, o acesso a chats, e a execuo distribuda, ou seja, o contrrio da execuo remota: o software baixado juntamente com a pagina da Web e executado localmente (Java, JavaScript e outras tecnologias semelhantes). As aplicaes educacionais ento ficam extremamente mais poderosas e diversificadas, como Rdio Internet, TV Internet, programas de clculo e simulao, questionrios interativos, animaes grficas, etc.Ao contrrio da execuo remota, em que o software se encontra no servidor e o cliente o acessa atravs de um programa emulador de terminais, como o TELNET, o aplicativo na linguagem JAVA (chamado applet), transferido para o computador cliente e executado localmente no mesmo. Isso oferece muitas vantagens, incluindo maior velocidade, melhor funcionalidade e interatividade, etc.Exemplo de calculadora on-line (clculo da rea de superfcie corporal) educacional feita em JavaScriptExistem muitos outros recursos on-line que podem ser usados em aplicaes da EAD. Nesta aula nos limitamos a examinar os recursos bsicos. Em aula futura, examinaremos o multicasting, o webcasting e pointcasting, a realidade virtual, os bancos de dados e a videoconferncia interativa.

Recommended

View more >