1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 Sndrome de ...

  • Published on
    08-Dec-2016

  • View
    212

  • Download
    0

Transcript

  • CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    1

    PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    INSTRUO: As questes de 01 a 10 devem ser respondidas com base no

    TEXTO 1.

    TEXTO 1

    1

    2

    3

    4

    5

    6

    7

    8

    9

    10

    11

    12

    13

    14

    15

    16

    17

    18

    19

    20

    Sndrome de Poliana

    Acumulam-se as evidncias de que a ao humana est mudando o clima

    da Terra em velocidade maior do que se pensava, acelerando a transformao

    de todos os ecossistemas.

    Foi o que me disse, h alguns dias, Carlos Nobre, respeitado especialista

    em climatologia, pesquisador do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe)

    e membro do IPCC, o Painel de Mudanas Climticas da ONU. Ele falava do

    encontro de cientistas de todo o mundo em Copenhague, na Dinamarca, numa

    reunio preparatria para a Conferncia do Clima (COP-15), que acontecer l

    mesmo, em dezembro deste ano.

    Segundo Nobre, as previses esto sendo, infelizmente, revistas para

    pior. O mundo ter que tomar medidas enrgicas para conter o aquecimento global,

    cuja face mais visvel o derretimento crescente da cobertura de gelo do

    rtico, no Polo Norte. A tendncia que ela se derreta completamente. Isso ter

    reflexos no clima de todo o planeta e em toda a biologia marinha, segundo ele. A

    previso era de que isso poderia acontecer no ano 2100, mas agora j se pensa

    em algo como 2030 a 2050.

    De que no fim do sculo XXI a Terra ser mais quente no h mais

    dvidas. A questo, alerta Nobre, de quanto ser essa alterao. H uma

    previso de aumento mdio da temperatura entre 1,8oC e 4,5oC. Acima de 2oC j

    poder ser catastrfico, mas muitos, numa atitude que poderamos chamar de

  • CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    2

    21

    22

    23

    24

    25

    26

    27

    28

    29

    30

    31

    32

    33

    34

    35

    36

    37

    38

    sndrome de Poliana, preferem pensar que o aumento ser de apenas 1,8oC e

    tudo terminar bem. No entanto, ningum pode garantir que no chegar a

    4,5oC. A hora de precauo, o que significa reduzir drasticamente as emisses

    de carbono.

    No encontro de Copenhague, chegou-se a falar em corte, at 2050, de

    100% nas emisses dos pases ricos. Na mdia global, essa "descarbonizao",

    como chamam os cientistas, ter que chegar a 80% em meados do sculo. Para

    isso, pases em desenvolvimento tero que reduzir as suas emisses entre 70% e

    75%.

    Percentuais parte, o Brasil no pode se eximir de fazer o seu papel.

    Nesse quesito, Poliana precisa ser avisada de que nem tudo vai bem.

    Hoje o pas faz a sua lio de casa incompleta e sem a necessria persistncia.

    Volta atrs em caminhos penosamente percorridos e abre o flanco a riscos

    enormes de aumentar desmatamentos - nossa maior fonte de emisso de gases

    do efeito estufa -, e o Estado no induz a uma cultura de sustentabilidade.

    Acorde, Poliana! A situao grave, e hoje em dia no basta o

    pensamento positivo. Ele ajuda muito, mas apenas quando somado coerncia

    e ao.

    SILVA, Marina. Folha de S.Paulo. Opinio. 15 jun.2009. (Adaptado) (http://www1.folha.uol.com.br/fsp/opiniao/fz1506200906.htm)

  • CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    3

    QUESTO 01 O texto tem como objetivo principal A) alertar sobre a necessidade da reduo drstica das emisses de

    carbono.

    B) denunciar o descaso das autoridades dos pases ricos com o meio ambiente.

    C) informar sobre as previses cientficas a respeito do aquecimento global.

    D) noticiar o encontro dos cientistas ocorrido em Copenhague, na Dinamarca.

    QUESTO 02 Segundo o texto, NO correto interpretar que A) a mudana do clima est mais veloz do que se imaginava.

    B) a temperatura da Terra ir aumentar antes do final do sculo.

    C) a reduo das emisses de carbono uma ao urgente.

    D) a temperatura da Terra cede com uso de pensamento positivo.

  • CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    4

    QUESTO 03 Em relao ao texto, I. a mudana do clima da Terra est impedindo a variao de todos os

    ecossistemas.

    II. no encontro de Copenhague, props-se o corte imediato das emisses de carbono dos pases ricos.

    III. o encontro de cientistas na Dinamarca ocorreu em reunio prvia Conferncia do Clima.

    Esto corretas as afirmativas A) I e II, apenas.

    B) I e III, apenas.

    C) II e III, apenas.

    D) I, II e III. QUESTO 04 No texto, afirma-se que A) a camada de gelo do rtico vai se derreter completamente.

    B) as previses dos cientistas esto sendo revistas para pior.

    C) o desmatamento no Brasil est aumentando a cada dia.

    D) o fim do sculo XXI no ser mais quente do que se pensava.

  • CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    5

    QUESTO 05 Assinale a alternativa em que o termo destacado NO remete ao sentido expresso nos parnteses. A) [...] numa atitude que poderamos chamar de sndrome de Poliana [...]

    (conjunto de sintomas que se apresentam numa doena e que a caracterizam)

    B) [...] respeitado especialista em climatologia... (cincia que trata dos climas e investiga seus fenmenos)

    C) A hora de precauo, o que significa reduzir drasticamente as emisses de carbono. (medida antecipada que visa prevenir um mal)

    D) Nesse quesito, Poliana precisa ser avisada de que nem tudo vai bem. (pequena questo que se caracteriza por ser controversa)

    QUESTO 06 Leia o seguinte trecho.

    O mundo ter que tomar medidas enrgicas para conter o aquecimento global, cuja face mais visvel o derretimento crescente da cobertura de gelo do rtico, no Polo Norte.

    O pronome relativo cuja remete a A) medidas enrgicas.

    B) o aquecimento global.

    C) o derretimento crescente.

    D) o mundo.

  • CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    6

    QUESTO 07 Em De que no fim do sculo XXI a Terra ser mais quente no h mais dvidas. O sujeito da orao principal A) inexistente.

    B) indeterminado.

    C) mais dvidas.

    D) a Terra. QUESTO 08 Nas alternativas so usados modalizadores, ou seja, formas que servem para introduzir avaliao sobre o que se enuncia, indicar o grau de imperatividade sobre o contedo do enunciado, atenuar o que se afirma no enunciado, etc., EXCETO em: A) [...] as previses esto sendo, infelizmente, revistas para pior.

    B) [...] Poliana precisa ser avisada de que nem tudo vai bem.

    C) Ele falava do encontro de cientistas de todo o mundo em Copenhague [...]

    D) O mundo ter que tomar medidas enrgicas para conter o aquecimento global,[...]

    QUESTO 09 Assinale a alternativa em que o pronome se considerado partcula apassivadora. A) Acumulam-se as evidncias de que a ao humana est mudando o

    clima da Terra.

    B) A tendncia que ela se derreta completamente.

    C) Agora j se pensa em algo como 2030 a 2050.

    D) No encontro de Copenhague, chegou-se a falar em corte [...]

  • CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    7

    QUESTO 10 Assinale a alternativa na qual o que destacado exerce uma funo sinttica na orao a que pertence. A) A tendncia que ela se derreta completamente.

    B) Antes, a previso era de que isso poderia acontecer no ano 2100.

    C) Foi o que me disse h alguns dias Carlos Nobre, respeitado especialista...

    D) No entanto, ningum pode garantir que no chegar a 4,5oC. QUESTO 11 Assinale a alternativa cujo texto apresenta problema gramatical. A) As emisses de carbono por indivduo dos Estados Unidos esto entre

    as mais altas do mundo e a previso feita por um grupo ambientalista a de que aumentem.

    B) H apenas cinco meses para a aprovao de um novo pacto global para combater a mudana climtica, nenhum pas do G8 est fazendo o suficiente para conter o aquecimento da Terra.

    C) Lderes do G8 vo se reunir na Itlia para discutir a crise financeira e a mudana climtica, na esperana de avanar em direo a um novo pacto sobre o aquecimento global.

    D) O governo conservador do Canad no implementou um plano para reduzir as emisses de carbono, que j esto entre as mais altas do mundo e aumentam de forma constante.

  • CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    8

    QUESTO 12 Leia o seguinte trecho.

    O planeta est mudando mais rapidamente do que esperavam at mesmo os indivduos mais pessimistas: as calotas de gelo esto encolhendo e a rea das zonas ridas est aumentando, em um ritmo aterrador.

    A funo dos dois pontos nesse trecho

    A) incluir uma orao.

    B) iniciar uma hesitao.

    C) inserir uma citao.

    D) introduzir motivos. QUESTO 13 Assinale a alternativa que traz exemplo de variedade lingustica que exemplifique variao de registro. A) urgente que os gringos se comprometam a manter o aquecimento

    global abaixo de 2C em relao aos nveis de 1990.

    B) Estudos revelam que Barack Obama fez mais pelo meio ambiente do que os governos americanos anteriores nos ltimos 30 anos.

    C) Japo e Itlia liberam pouca quantidade de gases do efeito estufa, mas carecem de uma poltica climtica para alcanar as metas fixadas pela ONU.

    D) Os Estados Unidos mantm o maior nvel de emisso per capita de poluentes no mundo todo.

  • CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    9

    QUESTO 14 Assinale a alternativa que contm uma informao FALSA em relao ao fenmeno da variao lingustica. A) A variao lingustica consiste num uso diferente da lngua, num outro

    modo de expresso aceitvel em determinados contextos.

    B) A variedade lingustica usada num texto deve estar adequada situao de comunicao vivenciada, ao assunto abordado, aos participantes da interao.

    C) As variedades que se diferenciam da variedade considerada padro devem ser vistas como imperfeitas, incorretas e inadequadas.

    D) As lnguas so heterogneas e variveis e, por isso, os falantes apresentam variaes na sua forma de expresso, provenientes de diferentes fatores.

    QUESTO 15 A alternativa que contm expresso pronominal usada para retomar informaes A) Lavar a loua mo da maneira correta certamente consome menos

    energia do que usar a lava-loua, especialmente se houver poucos pratos sujos.

    B) Muitas dicas domsticas fora de uso economizam tempo, so baratas e utilizam coisas que normalmente se encontram em qualquer casa.

    C) Remover manchas depende de cuidar logo delas; a maioria dos lquidos no mancha se o tecido for logo mergulhado na gua e lavado com sabo normal.

    D) Um banho de banheira gasta em mdia 80 litros de gua, enquanto uma chuveirada rpida de cinco minutos utiliza cerca de 30 litros.

  • CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE LNGUA PORTUGUESA

    10

    QUESTO 16 Leia este trecho.

    possvel usar gua e energia de maneira consciente em casa, no trabalho e na rua, atravs de medidas simples, que no demanda grande investimento de dinheiro, tempo, esforo ou espao e ainda ajudam a diminuir as contas de luz e energia.

    Identifique o problema de redao presente nesse trecho:

    A) Anteposio de adjuntos adverbiais.

    B) Ausncia de concordncia verbal.

    C) Uso de vrgulas em excesso.

    D) Uso de vrgula entre sujeito e predicado.

  • 11 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE INFORMTICA / LEGISLAO

    PROVA INFORMTICA / LEGISLAO QUESTO 17 Considere o trecho e uma planilha eletrnica cujos valores finais esto mostrados abaixo. Os valores de Nota (D4:D7) so inteiros e podem variar de 0 a 100. Os valores de Conceito (F4:F7) so alfabticos e podem variar de A a F. A tabela de correspondncia entre notas e conceitos est no range (H3:I9) e indica valores mnimos. Por exemplo, uma nota 80 corresponde ao conceito B; enquanto que uma nota 79 corresponde a um conceito C.

    Pela anlise da planilha, podemos concluir que o melhor comando para ser escrito na clula F6 A) = PROCV (D6, $H4:$I9,2).

    B) = PROCV (D6, $H4:$I9,2, VERDADEIRO).

    C) = PROCV (D6, $H4:$I9,2, FALSO).

    D) = PROCV (D6, $H4:$I9, 6,2).

  • 12 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE INFORMTICA / LEGISLAO

    QUESTO 18 A rede que combina as vantagens de redes pblicas e privadas, permitindo que uma organizao com mltiplas localizaes tenha a iluso de uma rede prpria, enquanto est usando uma rede pblica para transportar trfego entre seus centros, conhecida como A) rede coorporativa.

    B) Intranet.

    C) cloud network.

    D) rede privada virtual (VPN). QUESTO 19 Em relao s imagens bitmap e vetorial, todas as afirmativas abaixo esto corretas, EXCETO: A) O formato Tagged Image File Format (TIFF) do tipo bitmap usado

    primeiramente para armazenar imagens digitalizadas via scanners.

    B) Ao serem redimensionadas, a imagem vetorial perde a definio, enquanto a imagem bitmap tem a sua resoluo reconstituda, permanecendo com a mesma definio.

    C) A imagem bitmap tem uma matriz de cores de pixels que define a imagem, enquanto a imagem vetorial composta de pontos com posicionamento livre, ligados por linhas (vetores, no sentido matemtico) que formam o desenho e permitem reconstru-lo em outra ocasio.

    D) So exemplos de imagens vetoriais aquelas gravadas em arquivos EPS, PDF e SVG.

    QUESTO 20 Quantos bytes so necessrios para armazenar a palavra Concurso? A) 1 byte.

    B) 6 bytes.

    C) 8 bytes.

    D) 64 bytes.

  • 13 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE INFORMTICA / LEGISLAO

    QUESTO 21 Os sites da web colocam no computador dos usurios, se autorizados, pequenos arquivos, para obter informaes, tais como: navegador utilizado, frequncia das visitas, seus movimentos pelas diversas pginas, aes e preferncias, com o objetivo de coletar dados sobre o usurio, de modo a personalizar e agilizar acessos futuros. A opo abaixo que corresponde a esta definio A) Cookies.

    B) Virus.

    C) Hyperlinks.

    D) Pop Up.

    QUESTO 22 Voc acabou de produzir uma apresentao no Microsoft Powerpoint e deseja imprimir seus slides em um resumo com 3 slides em cada pgina, incluindo linhas para anotaes. O processo CORRETO para se conseguir isso : A) Na caixa de dilogo Imprimir (Print), selecione Folhetos (Handouts) e

    coloque 3 em Slides por pgina (number of slides per page).

    B) Na caixa de dilogo Imprimir (Print), selecione Folhetos (Handouts), coloque 3 em Slides por pgina (number of slides per page) e, ento, selecione a opo Anotaes (comment pages).

    C) Na caixa de dilogo Imprimir (Print), selecione Anotaes (Notes Pages) e coloque 3 em Slides por pgina (number of slides per page).

    D) Na caixa de dilogo Imprimir (Print), selecione miniaturas (Thumbnails) e coloque 3 em Slides por pgina (number of slides per page).

  • 14 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE INFORMTICA / LEGISLAO

    QUESTO 23 Faa a correlao entre os tipos de ambientes de colaborao que existem atualmente na Internet (na coluna 1, na tabela abaixo) e as suas respectivas caractersticas ou funcionalidades bsicas (na coluna 2, na tabela abaixo):

    Coluna 1 Coluna 2

    1- Blog i - Local onde se pode encontrar os amigos e trocar informaes com eles de forma aberta.

    2- Wiki ii - Ambiente de criao de sites de forma colaborativa.

    3- Rede social

    iii - Sequncia linear de postagens ou comentrios na forma de um dirio.

    4- e-Grupo iv - Comunicao direta entre duas pessoas com troca de mensagens de interesse.

    5- Correio eletrnico

    v - Ambiente fechado onde grupos de pessoas podem colaborar para resolver problemas especficos.

    A correspondncia CORRETA entre a coluna 1 e a coluna 2 da tabela acima : A) 1-i, 2-ii, 3-iii, 4-iv e 5-v.

    B) 1-ii, 2-i, 3-v, 4-iv e 5-iii.

    C) 1-iii, 2-ii, 3-i, 4-v e 5-iv.

    D) 1-iv, 2-ii, 3-iii, 4-v e 5-i. QUESTO 24 Digamos que voc queira saber quanto o quadrado de duas vezes 6, dividido por 3. Qual das seguintes consultas voc usaria em uma pesquisa usando o Google: A) calculate:((2*6) /3)^2.

    B) calc:((2*6) /3)^2.

    C) No se pode fazer clculos usando uma pesquisa Google.

    D) ((2*6) /3)^2.

  • 15 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE INFORMTICA / LEGISLAO

    Analise as questes numeradas de 25 a 29, de acordo com Lei n 8.112, de 11/12/1990 e suas alteraes. QUESTO 25 Um servidor pblico federal faltou ao servio sessenta e cinco dias, em um perodo de doze meses, sem apresentar qualquer justificativa, configurando-se a hiptese de inassiduidade habitual. Diante disso, foi instaurado regular processo administrativo disciplinar contra o servidor. A penalidade a que est sujeito o referido servidor pblico, caso a hiptese de inassiduidade habitual seja comprovada, A) advertncia.

    B) aposentadoria compulsria.

    C) suspenso.

    D) demisso.

    QUESTO 26 Em relao remoo, CORRETO afirmar que ela A) o deslocamento do servidor, a pedido ou de ofcio, no mbito do

    mesmo quadro, com ou sem mudana de sede.

    B) o deslocamento do servidor, a pedido ou de ofcio, para outro rgo de mbito diferente ao qual pertence.

    C) dever ser concedida sempre que o servidor solicitar.

    D) o deslocamento do servidor pblico federal para rgo estadual ou municipal.

  • 16 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE INFORMTICA / LEGISLAO

    QUESTO 27 Em relao acumulao de cargos, INCORRETO afirmar que A) estende-se a cargos, a empregos e a funes em autarquias, em

    fundaes pblicas, em empresas pblicas, em sociedades de economia mista da Unio, do Distrito Federal, dos Estados, dos Territrios e dos Municpios.

    B) a proibio de acumular estende-se apenas a cargos e empregos, em empresas pblicas da Unio.

    C) o servidor no poder exercer mais de um cargo em comisso, exceto no caso previsto no pargrafo nico do art. 9, nem ser remunerado pela participao em rgo de deliberao coletiva.

    D) ainda que lcita, fica condicionada comprovao da compatibilidade de horrios.

    QUESTO 28 Todas as afirmativas abaixo esto corretas, EXCETO: A) O processo disciplinar o instrumento destinado a apurar

    responsabilidade de servidor por infrao praticada no exerccio de suas atribuies, ou que tenha relao com as atribuies de cargo em que se encontre investido.

    B) As denncias annimas sobre irregularidades sero sempre objeto de apurao.

    C) O prazo para a concluso da sindicncia no exceder 30 (trinta) dias, podendo ser prorrogado por igual perodo, a critrio da autoridade.

    D) Ao servidor assegurado o direito de acompanhar o processo administrativo pessoalmente ou por intermdio de procurador.

  • 17 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA DE INFORMTICA / LEGISLAO

    QUESTO 29 Em relao redistribuio, CORRETO afirmar que A) o deslocamento de cargo de provimento efetivo.

    B) no se d no interesse da administrao.

    C) se d somente no interesse do servidor.

    D) ocorre sem prvia apreciao do rgo central do SIPEC.

    QUESTO 30 Segundo o Decreto n 1.171, de 22 de junho de 1994 e suas alteraes, todas as afirmativas abaixo esto corretas, EXCETO: A) O servidor pblico no poder jamais desprezar o elemento tico de sua

    conduta.

    B) Toda ausncia injustificada do servidor de seu local de trabalho fator de desmoralizao do servio pblico, o que quase sempre conduz desordem nas relaes humanas.

    C) E vedado ao servidor pblico o uso de artifcios para procrastinar ou dificultar o exerccio regular de direito por qualquer pessoa, causando-lhe dano moral ou material.

    D) O servidor pblico dever ter respeito hierarquia e temor de representar contra qualquer comprometimento indevido da estrutura em que se funda o Poder Estatal.

  • 18 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    PROVA ESPECFICA DE QUMICO

  • 19 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    1 1 1 1 1 18,314 0,0821 1,987

    1,00 101325

    0,00 273,15

    R J K mol atm L K mol cal K mol

    atm Pa

    C K

    = = =

    =

    =

    /

    /

    3

    /

    ln

    E= E ln

    25,7 10298,15 E = E ln

    O

    m atividades e ou fugacidades

    O

    atividades e ou fugacidades

    O

    atividades e ou fugacidades

    G G RT Q

    R TQ

    v F

    T K Qv

    = +

    =

    2

    1

    ,

    .

    2 1

    1 1ln

    oposio

    v m

    rev

    O

    T reao m

    T

    dU d q d w

    d w p dV

    dU nC d T

    d qd S

    T

    K H

    K R T T

    = +

    =

    =

    =

    =

    QUESTO 31 Considere a equao qumica (no balanceada) a seguir:

    K2CrO4 (aq) + Fe(OH)2 (s) + H2O (l) KCrO2 (aq) + Fe(OH)3 (s) + KOH (aq)

    Qual a quantidade de matria de Fe(OH)3 que ser produzida a partir do consumo de 2 mol de gua? A) 2 mol.

    B) 1 mol.

    C) 6 mol.

    D) 3 mol.

  • 20 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 32 Qual a massa de sulfato de chumbo obtida, quando 32,2 g de sulfato de sdio decaidratado so adicionados em uma soluo contendo excesso de nitrato de chumbo, levando-se em conta um rendimento de 60% para o processo? A) 20,9 g.

    B) 1,82 g.

    C) 18,2 g.

    D) 2,09 g. QUESTO 33 Qual a massa de carvo, com 75% de pureza, necessria para se obterem 132 g de dixido de carbono, considerando-se uma combusto completa? A) 36 g.

    B) 12 g.

    C) 45 g.

    D) 48 g. QUESTO 34 Para se obter um rendimento muito prximo de 100%, a reao do hidrxido de clcio com o cido sulfrico geralmente conduzida utilizando-se o cido com 60% de excesso. Com base nessa observao, qual a massa total de cido sulfrico que dever ser utilizada nessa reao, para se obter 13,6 g de sulfato de clcio? A) 9,8 g.

    B) 29,4 g.

    C) 15,7 g.

    D) 4,9 g.

  • 21 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 35 Qual a concentrao em quantidade de matria de 100 mL de uma soluo aquosa, contendo 36,0 g de glicose (C6H12O6)? A) 0,2 mol/L.

    B) 1,80 mol/L.

    C) 2,0 mol/L.

    D) 2,00 mol/L.

    QUESTO 36 Qual volume de uma soluo 0,100 mol/L de permanganato de potssio necessrio para se preparar 500 mL de uma soluo desse mesmo sal, com uma concentrao em quantidade de matria igual a 0,0500 mol/L? A) 0,5 L.

    B) 325 mL.

    C) 1,0 L.

    D) 250 mL.

    QUESTO 37 Qual a concentrao em quantidade de matria de uma soluo de HCl 37% cuja = 1,19 g/mL? A) 1,2 mol/L.

    B) 13 mol/L.

    C) 12 mol/L.

    D) 1,3 mol/L.

  • 22 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 38 Leia as seguintes afirmativas: I. Uma vez que existem ligaes de hidrognio na gua e no sulfeto de

    hidrognio, existem apenas interaes dipolo dipolo, a gua tem um maior ponto de ebulio.

    II. A gua pode agir tanto como cido quanto como base de Brnsted-Lowry.

    III. Uma vez que a grafite conduz corrente eltrica, ela um composto inico.

    Em relao a essas afirmativas, CORRETO afirmar que A) todas as afirmativas esto corretas.

    B) apenas as afirmativas I e II esto corretas.

    C) apenas a afirmativa I est correta.

    D) as afirmativas II e III esto corretas.

    QUESTO 39 O tetraidrofurano (THF) pode ser classificado como A) um ter.

    B) um ster.

    C) uma cetona.

    D) um cido orgnico.

  • 23 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 40 Considere o espectro de infravermelho mostrado a seguir.

    Sabendo que esse espectro corresponde a um composto orgnico anidro constitudo somente de carbono, hidrognio e oxignio, CORRETO afirmar que A) o composto orgnico um aldedo, caracterizado pela deformao axial

    da ligao C=O, por volta de 3350 cm-1.

    B) o composto orgnico um lcool, caracterizado pela deformao axial da ligao O-H, por volta de 3350 cm-1.

    C) o composto orgnico um ter, caracterizado pela deformao axial assimtrica das ligaes C-O-C, por volta de 3350 cm-1.

    D) o composto orgnico uma cetona, caracterizado pela deformao axial da ligao C=O, por volta de 3350 cm-1.

  • 24 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 41 Na noretindrona (estrutura a seguir), podemos identificar os grupos caractersticos das seguintes funes orgnicas: A) alcino, fenol, lcool, e aldedo.

    B) aldedo, cetona, alcino, alceno e lcool.

    C) alcino, alceno, lcool e cetona.

    D) alcino, alceno, lcool e cetona.

  • 25 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 42 Sobre os dois compostos (I e II) a seguir, CORRETO afirmar que A) O composto I um lcool e tem um ponto de ebulio maior que o da

    cetona, representada por II, por ter maior massa molecular.

    B) O composto I um lcool e tem um ponto de ebulio menor que o da cetona, representada por II, porque as foras intermoleculares em I (dipolo - dipolo) so mais fracas que aquelas na cetona (foras de van der Waals).

    C) O composto I um lcool e tem um ponto de ebulio maior que o do aldedo, representado por II, porque as foras intermoleculares em I (ligao de hidrognio) so mais fortes que aquelas na cetona (dipolo dipolo).

    D) O composto I um lcool e tem um ponto de ebulio maior que o da cetona, representada por II, porque as foras intermoleculares em I (ligao de hidrognio) so mais fortes que aquelas na cetona (dipolo dipolo).

    QUESTO 43 Deseja-se medir 20,00 mL de uma soluo amostra de um cido forte. Dos equipamentos de laboratrio listados abaixo, aquele que deve ser utilizado na medio desse volume a(o) A) bureta.

    B) balo volumtrico.

    C) proveta.

    D) pipeta volumtrica.

  • 26 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 44 Um frasco sem rtulo, contendo uma soluo lmpida e incolor, foi encontrado em um depsito de reagentes. No podendo ser descartado sem o devido conhecimento de sua natureza, um tcnico em qumica primeiro constatou que se tratava de uma soluo cida e, ento, realizou os testes:

    I. Na titulao de 1 mL da soluo do frasco com NaOH 0,1 mol/L foram consumidos 10 mL do titulante at o ponto final.

    II. Ao diluir a soluo com gua destilada e adicionar uma gota de soluo de nitrato de prata 0,1 mol/L houve a formao de um precipitado branco.

    III. Uma soluo preparada com 10 mL da soluo desconhecida diluda para 100 mL forneceu a leitura de pH igual a 1.

    IV. Uma soluo preparada com 1 mL da soluo desconhecida diluda para 100 mL forneceu a leitura de pH igual a 2.

    Com base nos testes realizados pelo tcnico, assinale a alternativa que MELHOR representa a soluo contida no frasco sem rtulo. A) Soluo de cido clordrico 1 mol/L.

    B) Soluo de cido sulfrico 0,5 mol/L.

    C) Soluo de cido actico 1 mol/L.

    D) Soluo de cido clordrico 10 mol/L.

    QUESTO 45 Um ction metlico monovalente forma um sulfeto, cujo produto de solubilidade 4,0x10-15, enquanto o seu iodeto tem o produto de solubilidade igual a 1,0x10-10. Assim, considerando que essas solues so ideais, CORRETO afirmar que A) a solubilidade molar do iodeto maior que a solubilidade molar do sulfeto.

    B) a solubilidade molar do sulfeto maior que a solubilidade molar do iodeto.

    C) no possvel comparar as solubilidades molar, pois so compostos diferentes.

    D) a solubilidade molar do iodeto igual solubilidade molar do sulfeto.

  • 27 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 46 Sobre a volumetria de complexao, utilizando EDTA como titulante, INCORRETO afirmar que A) o EDTA um excelente complexante porque um timo aceptor de

    eltrons.

    B) ela muito utilizada para anlise volumtrica de metais em soluo. No entanto, tambm pode ser usada para anlise indireta de ons sulfato em guas, adicionando-se excesso de soluo padro de ons brio e posterior titulao do excesso com EDTA.

    C) a reao de complexao se d atravs dos grupos carboxila e dos nitrognios da molcula de EDTA.

    D) a reao entre o EDTA e os ons metlicos acontece na proporo de 1:1 e influenciada pelo pH da soluo, de modo que, quanto menor for o pH, menor ser a constante condicional (efetiva) de formao do complexo metal-EDTA.

    QUESTO 47 Desejava-se padronizar uma soluo de HCl frente ao padro primrio Na2CO3 anidro (M = 106,0 g/mol). Para isso, foram titulados 0,1060 g do padro primrio com a soluo de HCl at a mudana de cor do indicador alaranjado de metila. A titulao foi repetida com mais duas massas de exatamente o mesmo valor do padro primrio, tendo sido consumidos 20,05 mL, 19,95 mL e 20,00 mL da soluo de HCl. A respeito desse procedimento, CORRETO afirmar que A) o valor mdio da concentrao da soluo de HCl de 0,0500 mol/L.

    B) o valor mdio da concentrao da soluo de HCl afetado por um erro de 0,5%.

    C) o valor mdio da concentrao da soluo de HCl de 0,1000 mol/L.

    D) o padro primrio deveria ter sido trocado por NaOH slido, que uma base forte e reage mais facilmente com o HCl.

  • 28 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 48 A concentrao de ons cloreto em guas pode ser determinada pela

    titulao com ons prata, conforme a reao qumica Cl-(aq) + Ag+ (aq) AgCl(s). Uma alquota de 25,00 mL de uma amostra de gua rica em ons Cl- foi diluda para um volume de 250,0 mL. Em seguida, uma alquota de 10,00 mL dessa nova soluo foi titulada com uma soluo 0,0100 mol/L de AgNO3, utilizando cromato de potssio como indicador do ponto final da titulao. Nessa titulao, foram gastos 15,00 mL do titulante.

    Em relao a esse procedimento, assinale a alternativa INCORRETA. A) Os ons cromato reagem com os ons prata para formar um slido

    avermelhado, indicando o ponto final da titulao.

    B) A concentrao de ons cloreto na amostra titulada 10 vezes menor que na amostra original.

    C) A concentrao de ons cloreto na amostra original 0,0150 mol/L.

    D) Esse procedimento forneceria valores incorretos de concentrao de cloreto em guas naturais contendo ons sulfeto, uma vez que os ons sulfeto reagem com os ons prata para formar Ag2S.

  • 29 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 49 Para a determinao espectrofotomtrica de paracetamol (acetaminofenol; M=151g/mol) presente em formulaes farmacuticas slidas (comprimidos), foi preparada uma curva analtica, representada abaixo, por meio da anlise de cinco solues padro de acetaminofenol em soluo aquosa. A anlise foi feita medindo-se a absorbncia a 244 nm em uma cubeta de quartzo de 1 cm.

    A amostra problema foi adequadamente dissolvida em gua, transferida quantitativamente para um balo volumtrico de 50,00 mL, completando-se o volume com gua destilada. Um mililitro dessa soluo foi diludo para 100,0 mL em um balo volumtrico. Alquotas dessa ltima soluo foram analisadas nas mesmas condies utilizadas para as solues padro, obtendo-se um valor mdio de absorbncia de 0,615.

    Com relao ao procedimento utilizado, CORRETO afirmar que A) a cubeta de quartzo poderia ser substituda por uma de vidro.

    B) o limite de deteco do mtodo 2,000x10-4 mol/L.

    C) considerando-se que a anlise no possui interferentes, a massa de acetaminofenol presente no comprimido analisado 0,453 g.

    D) o limite de quantificao do mtodo 3,000x10-4 mol/L.

    y = 0,100x + 0,0150

    R2 = 1,00

    0,000 0,100 0,200 0,300 0,400 0,500 0,600 0,700 0,800 0,900

    0,000 2,000 4,000 6,000 8,000

    Concentrao / 10-4 mol L-1

    Ab

    sorb

    nci

    a

  • 30 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 50 Uma amostra de gua obtida na sada de uma estao de tratamento de guas (ETA) foi encaminhada para anlise em um laboratrio e contm traos de diversos metais que no puderam ser identificados por uma anlise qualitativa tradicional. Assim mtodos instrumentais de anlise precisam ser utilizados, tanto para uma anlise qualitativa quanto para uma quantitativa. Marque a alternativa que contm a tcnica analtica mais adequada para a anlise quantitativa dos constituintes metlicos dessa amostra de gua. A) Espectrometria de absoro molecular no UV/Visvel.

    B) Espectrometria de absoro molecular no infravermelho.

    C) Espectrometria de absoro atmica.

    D) Espectrometria de massas moleculares.

    QUESTO 51 Sobre os mtodos potenciomtricos de anlise, INCORRETO afirmar que A) eles servem tanto para anlise de substncias inorgnicas quanto de

    substncias orgnicas.

    B) a determinao de pH pode ser feita por potenciometria direta.

    C) a titulao potenciomtrica s pode ser realizada, se a reao entre o titulante e o titulado for uma reao redox.

    D) no necessrio adicionar um eletrlito de suporte para realizar uma titulao potenciomtrica.

  • 31 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 52 A cromatografia a gs somente pode ser utilizada para anlise de compostos volteis e termicamente estveis nas temperaturas de anlise. A cromatografia lquida de alta eficincia (HPLC ou CLAE) utilizada para a anlise de inmeros compostos e particularmente til para anlise de compostos no volteis ou termicamente instveis. Assim, CORRETO afirmar sobre a HPLC que A) ela tambm pode ser utilizada para anlise de compostos volteis,

    desde que eles sejam solveis na fase mvel.

    B) compostos volteis no podem ser analisados, porque evaporariam no momento de serem injetados no cromatgrafo.

    C) compostos volteis se decomporiam no detector do cromatgrafo.

    D) os detectores UV utilizados nos cromatgrafos no detectam compostos volteis.

    QUESTO 53 Em uma anlise de rotina por cromatografia a gs, o tempo de reteno do componente de interesse em uma mistura precisa ser otimizado para que a anlise seja realizada no menor tempo possvel.

    Qual dos parmetros abaixo no afeta o tempo de reteno? A) Razo de diviso do fluxo do injetor.

    B) Temperatura da coluna.

    C) Natureza da fase estacionria.

    D) Fluxo do gs de arraste.

  • 32 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 54 O fato de a 2-hidroxi-4-metoxi benzofenona (substncia comercialmente conhecida como oxibenzona) apresentar um momento de dipolo inferior ao da benzofenona (a difenil cetona, segundo a IUPAC), atribudo formao de ligaes de hidrognio intramoleculares na oxibenzona. Assim sendo, suponha uma mistura contendo benzeno, benzofenona e 2-hidroxi-4-metoxi benzofenona. Caso uma alquota dessa mistura seja submetida a um processo de separao, utilizando uma coluna de fase reversa, um detector UV-visvel e uma fase mvel polar, o cromatograma apresentar trs picos que, em termos do tempo crescente de reteno, correspondero a A) benzeno, 2-hidroxi-4-metoxi benzofenona e benzofenona.

    B) benzofenona, 2-hidroxi-4-metoxi benzofenona e benzeno.

    C) 2-hidroxi-4-metoxi benzofenona, benzeno e benzofenona.

    D) benzofenona, benzeno e 2-hidroxi-4-metoxi benzofenona.

  • 33 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 55 Um cido orgnico (X) e um hidrocarboneto (Y) encontram-se solubilizados em clorofrmio, um solvente que possui uma baixa constante dieltrica e alta densidade. Sabe-se, tambm, que o hidrocarboneto possui ponto de ebulio inferior em 10C ao ponto de ebulio do clorofrmio e que o cido pode formar um anidrido e se decompor com aquecimento. A MELHOR sequncia para a separao de X e Y A) Y - lavagem do sistema em balo de decantao com uma soluo de

    carbonato de sdio; separao das fases; neutralizao da fase superior; extrao com ter e evaporao da fase etrea. X aps a lavagem do sistema em balo de decantao com uma soluo de carbonato de sdio, destilao fracionada da fase inferior.

    B) destilao fracionada do sistema seguida de recristalizao do cido.

    C) destilao fracionada do sistema, seguida de extrao etrea de cada uma das fraes e recristalizao do resduo.

    D) X - lavagem do sistema em balo de decantao com uma soluo de carbonato de sdio; separao das fases; neutralizao da fase superior; extrao com ter e evaporao da fase etrea. Y aps a lavagem do sistema em balo de decantao com uma soluo de carbonato de sdio, destilao fracionada da fase inferior.

  • 34 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 56 Na escala Fahrenheit, o zero corresponde, grosso modo, temperatura de uma mistura gelo e sal (4:1) feita em um recipiente com paredes adiatrmicas, e a fuso da gua, a 1,0 atm, observada na marca 32 dessa escala.

    Na escala Celsius, o zero corresponde fuso da gua a 1,0 atm e a ebulio da gua observada, a 1,0 atm, na marca 100.

    Por sua vez, na escala kelvin, o zero corresponde temperatura da fonte fria que proporcionaria o maior rendimento terico possvel de uma mquina trmica, e a fuso da gua, a 1,0 atm, observada na marca 273,15 desta escala.

    A utilizao de termmetros e a construo de diferentes escalas de temperatura baseiam-se na A) Lei Zero da Termodinmica.

    B) primeira Lei da Termodinmica.

    C) segunda Lei da Termodinmica.

    D) terceira Lei da Termodinmica. QUESTO 57 Um certo gs comporta-se idealmente em uma larga faixa de presses e de temperatura sendo a sua capacidade calorfica molar a volume constante igual a 20,79 J K-1 mol-1.

    2,0000 mol desse gs estavam confinados, inicialmente, em um recipiente de 2,000 L de paredes adiatrmicas a 25,00C. Esse gs sofreu uma expanso contra uma presso externa e constante de 5,000 atm at o seu volume dobrar.

    Ao trmino desse processo, a temperatura e a presso do gs eram, respectivamente, A) 0,6313C e 11,23 atm.

    B) 25,00C e 12,23 atm.

    C) 25,00C e 24,26 atm.

    D) 0,6313C e 5,000 atm.

  • 35 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 58

    Foi determinado que a reao 2A (g) + B C (g) apresenta um 1

    5,34reao mH kJ mol

    entre 500 e 700K. Alm disso, determinou-se que

    a constante de equilbrio igual a 0,657 a 550K. Com base nesses dados, estima-se que a constante de equilbrio desta reao a 650K A) > 0,657.

    B) < 0,657.

    C) = 0,657.

    D) = 0,657x100.

    QUESTO 59 Um gs comprimido isotermicamente, utilizando-se uma presso de oposio constante e igual presso final do sistema. Supondo que esse gs tenha um comportamento ideal nas condies do experimento, pode-se dizer que o calor, q, envolvido no processo de compresso A) q = zero.

    B) q = - w.

    C) q ln f

    i

    VR T

    V= .

    D) q = 8,314 J mol-1.

  • 36 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 60 Certa quantidade de um gs ideal possui entropia X J K-1 a 25,0C ocupando um volume de 20,0 L.

    Esse sistema submetido a uma expanso adiabtica reversvel at ocupar o volume de 40,0 L. A entropia deste gs no estado final A) 2X J K-1.

    B) (X/2) J K-1.

    C) X J K-1.

    D) (X + R ln2) J K -1.

    QUESTO 61

    3 2

    2 2

    :

    ( ) 4 ( ) 3 ( ) 2 ( ) 0,96

    ( ) 4 ( ) 4 2 ( ) 1, 23

    O

    O

    Dado

    NO aq H aq e NO g H O l E V

    O g H aq e H O l E V

    +

    +

    + + + =+

    + + =

    xido de nitrognio (II), NO (g), e oxignio podem, espontaneamente, ser liberados de uma soluo de cido ntrico concentrado mantido a 25,0C, segundo a reao

    3 2 24 ( ) 4 ( ) 3 ( ) 4 ( ) 2 ( )H aq NO aq O g NO g H O l

    + + + + .

    Essa afirmativa A) verdadeira se, mantida a temperatura, o pH do sistema for muito alto.

    B) verdadeira se, mantida a temperatura, o pH do sistema for muito alto e esse estiver em um ambiente inicialmente rico em oxignio ou NO.

    C) verdadeira se, mantida a temperatura, o pH do sistema for muito baixo e/ou esse estiver em um ambiente inicialmente isento de, pelo menos, um dos gases.

    D) falsa em qualquer circunstncia, se a temperatura for mantida.

  • 37 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 62

    Dado 2

    2

    2

    2 4 4

    ( ) 2 2 ( ) 0,79

    ( ) 2 2 ( ) ( ) 0,62

    O

    O

    Hg aq e Hg l E V

    Hg SO s e Hg l SO aq E V

    +

    + =

    + + =

    O logaritmo neperiano do produto de solubilidade do sulfato mercuroso,

    Hg2SO4 (Hg2SO4 (s) Hg22+ (aq) + SO4

    2- (aq)), A) ln 13

    psK =+ .

    B) ln 13ps

    K = .

    C) ln 0,13ps

    K = .

    D) ln 0,13ps

    K =+ .

    QUESTO 63 A eletrlise de uma soluo de cloreto de ferro (III) procede segundo a reao

    3 2( ) 2 ( ) 3 ( )FeCl aq Fe s Cl g +

    Suponha que esse processo ocorra em um cilindro de seo reta constante, mergulhado em um banho a 25,00C, em cuja tampa est se exercendo a presso de, exatamente, uma atmosfera. Suponha, tambm, que tal tampa no sofra atrito durante qualquer processo de deslocamento. O trabalho (w) associado eletrlise de 1,00 mol de FeCl3 presente na soluo pode ser calculado por A) 3101325 (3 24,789 10 )w J=+ .

    B) 3101325 (4 24,789 10 )w J= .

    C) 3101325 (3 24,789 10 )w J= .

    D) 3101325 (4 24,789 10 )w J=+ .

  • 38 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 64 Um bloco de ferro (1,00 kg) aquecido at a temperatura de 150C foi colocado em contato com um bloco de ferro (1,00 kg) aquecido at a temperatura de 50C em um recipiente de paredes adiatrmicas, e o sistema foi deixado em repouso at atingir o equilbrio. Atingido esse equilbrio, espera-se que a ; S e a

    sistema sistema universoU S

    sejam, respectivamente, A) 0; negativa; negativa.

    B) positiva; 0; positiva.

    C) 0; positiva; positiva.

    D) negativa; positiva; 0.

  • 39 CONCURSO PBLICO UFMG/2009 PROVA ESPECFICA DE QUMICO

    QUESTO 65 Sabe-se que: I. grosso modo, e em termos de energia crescente, uma parte do espectro

    eletromagntico pode ser divido nas regies denominadas infravermelho, visvel e ultravioleta.

    II. em termos de energia crescente, o arco-ris apresenta as cores vermelha, laranja, amarelo, verde, azul, azul-anil e violeta.

    III. a cor de um objeto segue o princpio da complementaridade, ou seja, um objeto que o olho humano percebe como violeta (~400-465 nm) absorve radiao na regio do verde-amarelo (~559-571 nm); um objeto que o olho humano percebe como turquesa (~487-493 nm) absorve na regio do vermelho-alaranjado (~597-617 nm); etc.

    IV. o aumento na extenso da conjugao de ligaes pi de um sistema diminui a energia entre os estados eletrnicos fundamental e excitado desse sistema.

    Partindo dos fatos descritos e analisando os tipos de carotenos presentes nas cenouras amarela e vermelha, pode-se concluir que A) os carotenos predominantes nas cenouras vermelhas possuem um

    maior nmero de ligaes pi conjugadas.

    B) os carotenos predominantes nas cenouras amarelas possuem um maior nmero de ligaes pi conjugadas.

    C) os carotenos predominantes nas cenouras amarelas e os carotenos predominantes nas cenouras vermelhas possuem o mesmo nmero de ligaes pi conjugadas.

    D) os carotenos predominantes nas cenouras vermelhas absorvem radiao ultravioleta.

Recommended

View more >