A Sucesso empresarial na Empresa Familiar

  • Published on
    05-Dec-2014

  • View
    111

  • Download
    6

DESCRIPTION

Seminrio da Fundao AEP dedicado sucessso empresarial e onde se destaca a sucesso a 3 niveis: liderana, patrimnio e famlia

Transcript

  • 1. Sucesso empresarial em Portugal - ponto de situao e desafios A Sucesso Empresarial na Empresa Familiar 16 de outubro de 2014 ISVOUGA / Santa Maria da Feira antnio nogueira da costa ajncosta@gmail.com antonio.costa@efconsulting.es www.efconsulting.pt http://www.efconsulting.es/pt/blog
  • 2. Empresa Familiar entidade fundada por ns, pelo pai/me ou av/av, importante fonte de receitas e garantia patrimonial, com a qual os membros da famlia proprietria possuem um enorme vnculo emocional. Perspetiva de continuidade SUCESSO www.efconsulting.pt
  • 3. www.efconsulting.pt
  • 4. A Sucesso na Empresa Familiar www.efconsulting.pt - Liderana - Propriedade - Famlia 3
  • 5. A evoluo da Empresa Familiar www.efconsulting.pt Famlia Empresa Patrimnio Tempo Expectativas: Multiplicidade e Complexidade Nascimento Crescimento Empresa Famlia Empresa Patrimnio Fonte: O protocolo familiar como arma anticonflito, antnio nogueira da costa, revista Exame n 344, 12/2012
  • 6. A Sobrevivnvia das Empresas Nacionais www.efconsulting.pt 12,3% 17,3% 50% 45% 40% 35% 30% 25% 20% 15% 10% 5% Fonte: INE, Estatsticas da Empresas em Portugal - 2011 51% 49,0% 0% Natalidade 2011 Mortalidade 2010 Sobrevivncia a 2 anos (2009-2011)
  • 7. Para as que conseguem sobreviver www.efconsulting.pt
  • 8. A evoluo da Empresa Familiar www.efconsulting.pt Famlia Empresa Patrimnio Crescimento Famlia Tempo Expectativas: Multiplicidade e Complexidade Nascimento Crescimento Empresa Famlia Empresa Patrimnio Patrimnio Empresa Famlia Famlia Imploso Empresa Patrimnio Fonte: O protocolo familiar como arma anticonflito, antnio nogueira da costa, revista Exame n 344, 12/2012
  • 9. Preparar a sucesso a nica coisa que salva uma empresa ter um plano de sucesses bem preparado. Ao contrrio das pessoas, embora haja vrias a tentar ser uma exceo, como o Manoel de Oliveira, uma empresa pode ser de facto eterna. Mas a esperana mdia de vida de uma empresa, apesar de teoricamente poder ser eterna, inferior esperana de vida das pessoas. www.efconsulting.pt Fonte: Jornal Pblico, Revista P2, p. 12-21, 2013/03/10
  • 10. www.efconsulting.pt Passagem Testemunho
  • 11. 1 Transio Seleo Atitude e Valores Liderana Entrada e Negcio Sucessor 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 www.efconsulting.pt Prtica Aprendizagem Sucesso na Liderana Sucedido I 25 30 35 40 45 50 55 60 65 70 Sucedido II 50 55 60 65 70 75 80 85 90 95 AVS Fonte: Preparing Successors for Leadership, Craig E. Aronoff, Juhn L. Ward, 2011, Palgrave Macmillan
  • 12. www.efconsulting.pt 12 Sabe quantos anos eu vou fazer no dia 25 de Junho? 70, salvo erro. 70, exactamente. Portanto, esta casa vai precisar de uma equipa inteligente, vigorosa, enrgica para seguir em frente dentro daquilo que a unio bancria europeia. Quando que vai deixar de ocupar funes executivas no BES? No vou especular sobre isso. Estou no meu mandato. H um plano? No h um plano especfico. H um calendrio? No sei. Vamos ver. Vamos esperar pelo aumento de capital. Fonte: Ricardo Salgado em entrevista ao Jornal de Negcios, 2014/05/22 Preparar a sucesso Ricardo Salgado, Banqueiro (25/06/1944)
  • 13. Sucesso na Hora www.efconsulting.pt Reunimos por dois motivos: Convidar-vos para a minha festa de aniversrio no fim de semana Despedir-vos e apresentar-vos este gestor externo a quem acabo de entregar a direo da empresa Fonte: 50 perguntas essenciais sobre empresas familiares, Antnio N Costa, Francisco e Jesus Negreira del Ro
  • 14. Seleo do Sucessor Pessoa que sucede a outra em um cargo, profisso, funes, etc. com atributos iguais ou semelhantes aos de outra. www.efconsulting.pt
  • 15. Transio www.efconsulting.pt INEVITABILIDADE com dois resultados Bem ou Mal concretizada Muito impactante Sucessor Sucedido
  • 16. Antnio Vieira (1608-1697) (Padre Portugus) www.efconsulting.pt "No descuidar da sucesso, reconhecer a mortalidade." Diz-me como preparaste o teu sucessor, dir-te-ei qual o futuro da tua empresa Fonte: 50 perguntas essenciais sobre empresas familiares, Antnio N Costa, Francisco e Jesus Negreira del Ro
  • 17. Distintas Passagens de Testemunho 1924 - lvaro Portela (Benzo-Diacol) 1962 Antnio Emlio Portela (industrializao) 1979 Lus Portela (investigao: Zebinix - 1 medicamento de patente 100% nacional) 2011 Antnio Portela (crescer e consolidar) www.efconsulting.pt
  • 18. Sucesso Patrimonial 2 Familiar (Socialista igualitria) Empresarial (Revolucionria - a terra a quem a trabalha) www.efconsulting.pt ENVOLVER
  • 19. Guerra de poder divide famlia Queiroz Pereira A transferncia de uma participao entre empresas que controlam a Semapa colocou em confronto Pedro Queiroz Pereira (PQP) e a sua irm Maude e j foi parar aos tribunais. PQP, que lidera a Semapa, acusado de ter passado a controlar este grupo de forma ilegal e diz que a famlia Esprito Santo est a tentar controlar a Semapa, em conjunto com Maude. Em entrevista ao Expresso, Maude Queiroz Pereira diz que "aps a venda dos 10% da Cimigest Sodim, o meu irmo deixou de precisar do meu apoio para controlar o grupo e afastou-me rapidamente da gesto das empresas". www.efconsulting.pt Fonte: http://www.expresso.pt/ 2013/08/31
  • 20. A Tra(mal)dio www.efconsulting.pt Pas GERAO 1 2 3 Portugal Pai Rico Filho Nobre Neto Pobre Espanha Padre Bodeguero Hijo Milionario Nieto Podiocero Alemanha Erwerben (cria) Vererben (herda) Verderben (destri) USA Shirtsleeves to shirtsleeves in 3 generations (de escravo a escravo em 3 geraes) China (de tamancos a tamancos em 3 geraes)
  • 21. www.efconsulting.pt A empresa familiar no o paraso nem o inferno, apenas o purgatrio Adaptado de frase atribuda a Abraham Lincoln Marriage is neither Heaven nor Hell, it is simply Purgatory Abraham Lincoln (1809-1865) (Presidente EUA)
  • 22. Entidades e rgos Bem Distintos Famlia Grupo Empresarial www.efconsulting.pt Assembleia de Famlia Grupo Familiar Acionista Grupo Familiar No Acionista Conselho de Administrao Conselho de Famlia Assembleia de Acionistas Acionistas Famlia Acionistas No Famlia
  • 23. Sucesso na Famlia 3 Organizao da Famlia em torno do Negcio Familiar O Lder e Ponto de Unio da Famlia Empresria www.efconsulting.pt SUCESSOR?
  • 24. Protocolo Familiar: O modelo de Coexistncia Vale a pena? O protocolo garante sossego, paz familiar e confiana no www.efconsulting.pt futuro A sucesso de geraes est assegurada e os bisnetos de Fernando Guedes j esto a assegurar a liderana da empresa todas as sociedades familiares deviam ter um cdigo de conduta e procedimentos que correspondesse aos problemas que so comuns maioria destas empresas e que no futuro aparecem sempre Eng Antnio Guedes Fonte: Revista Exame n 312, Abril 2010, pg. 94 e seguintes
  • 25. www.efconsulting.pt
  • 26. A Sucesso na Empresa Familiar www.efconsulting.pt - Liderana - Propriedade - Famlia 3
  • 27. Porque choram os bebs noite? H uma razo biolgica: monopolizar a ateno da me tornando-a demasiado cansada para uma noite romntica, segundo cientistas da Universidade de Harvard, como via para prevenir a chegada de um novo irmo. www.efconsulting.pt David Haig, professor biologia (25/06/1944) Harvard University Fonte: http://www.dailymail.co.uk/news/article-2601172/Babies-cry-night-stop-parents-trying-Newborns-programmed-monopolise-mothers-attention-making-tired-romantic-night.html; 2014/04/10
  • 28. Obrigado Sucesso empresarial em Portugal - ponto de situao e desafios A Sucesso Empresarial na Empresa Familiar 16 de outubro de 2014 ISVOUGA / Santa Maria da Feira antnio nogueira da costa ajncosta@gmail.com antonio.costa@efconsulting.es www.efconsulting.pt http://www.efconsulting.es/pt/blog

Recommended

View more >