A importância da Reeducação alimentar

Aprender a reconhecer a origem desses comportamentos é o primeiro passo para mudar os hábitos alimentares. A mente e o corpo sempre influenciam os comportamentos uns dos outros. Por isso é tão importante unir o trabalho do nutricionista com o psicólogo durante a reeducação alimentar. Uma boa conversa com esses profissionais ajuda não apenas a conhecer os alimentos corretos para cada pessoa e condição, mas também a reconhecer a importância de adotar uma nova posição em relação à alimentação, para cuidar da saúde acima de tudo.

,

“Muitas pessoas pulam o café da manhã, passam a noite em jejum e acabam prolongando-o por muito tempo. O pico de fome e ansiedade será no final da tarde, quando a pessoa quer comer tudo o que vê pela frente.

,

No entanto, se não forem acompanhados pela reeducação de hábitos, reverterão o resultado ao longo do tempo. É o caso do uso de medicamentos, cirurgias, dietas da moda ou qualquer outro método para perder peso ou controlar a doença. “A reeducação alimentar é um processo de mudança de hábitos alimentares. Consiste em doutrinar a pessoa para que ela aprenda a comer bem, de maneira saudável e sem privar suas preferências ", enfatiza Marcia. A reeducação alimentar é o método mais saudável e eficaz para perder e manter peso.

,

A reeducação alimentar é muito importante, pois ensina a pessoa a comer corretamente. É o oposto das dietas, pois permite que a pessoa faça trocas inteligentes e não se prive de comer, em comparação com algumas dietas restritivas que não têm efeito positivo. No caso de pessoas com sobrepeso ou obesidade, as dietas geralmente não funcionam muito bem, porque seus resultados são de curto prazo, ou seja, levam tempo para aparecer e isso acaba gerando frustração e ansiedade na pessoa. O que não deve ser esquecido é que a reeducação alimentar é a única maneira sensata e segura de alcançar uma boa saúde. Sem dúvida, outras propostas para mudar a dieta para fins específicos podem ter resultados a curto prazo.

,

  • Em outras palavras, a reeducação alimentar é uma maneira de adquirir novos hábitos alimentares.
  • Por isso é tão importante unir o trabalho do nutricionista com o psicólogo durante a reeducação alimentar.
  • Uma boa conversa com esses profissionais ajuda não apenas a conhecer os alimentos corretos para cada pessoa e condição, mas também a reconhecer a importância de adotar uma nova posição em relação à alimentação, para cuidar da saúde acima de tudo.
  • Aprender a reconhecer a origem desses comportamentos é o primeiro passo para mudar os hábitos alimentares.
  • Com o tempo, o paciente que foi reeducado não perde alimentos muito ricos em calorias e gorduras, pois seu corpo se adaptou a uma nova dieta.

,

Com o tempo, o paciente que foi reeducado não perde alimentos muito ricos em calorias e gorduras, pois seu corpo se adaptou a uma nova dieta. Em outras palavras, a reeducação alimentar é uma maneira de adquirir novos hábitos alimentares.

,

Quando o objetivo principal é saúde, prevenção de doenças e melhor uso do corpo, o esforço vale a pena. Uma boa conversa com o nutricionista ajuda não apenas a conhecer os alimentos corretos, mas a reconhecer a importância de adotar uma nova postura, sem a ansiedade de querer fugir das regras.

,

Por isso, é importante conhecer o paciente para reeducação alimentar ", aconselha Maria Valéria. Mais e mais especialistas enfatizaram que uma dieta não é suficiente para perder peso.

, 344332c5844bee3c02af2f4c95085540-8200973 , banner-7192273