Texto A As luas ambiciosas Do seu casamento com o Sol, teve a Lua várias filhas, qual delas a mais bela e a mais dotada para as artes. Mas o que tinham de virtude, também tinham de ambição. Eram belas e brancas como a mãe e luminosas como o pai; sabiam tocar harpa, flauta e cítara e não acreditavam que alguém pudesse ter tantos dotes como elas. Um dia, quando ensaiavam uma peça musical para a festa anual dos astros, passou por elas um cometa, veloz e nervoso como só os cometas costumam ser, e desassossegou-as com estas palavras: – Vocês têm talentos de mais para passarem o resto das vossas vidas à sombra de uma mãe, pálida e triste, que ainda por cima está a envelhecer. Juntem-se e ocupem o vosso lugar no firmamento. Com a ajuda do Sol, podem controlar a vida na Terra e ser adoradas pelos homens, que tudo farão para vos agradar. Nada há de faltar-vos. Cegas pela ambição, puseram de lado os instrumentos de música e escolheram a mais atrevida e ríspida para impor condições à pobre Lua que se afadigava para lhes dar a melhor educação e uma vida sem preocupações. – Mãe, chegou a altura de nos dares o teu lugar no céu. Estás velha e cansada e nós, que somos jovens, podemos encher o céu de música e de fantasia. A Lua ouviu em silêncio aquilo que as filhas tinham para lhes comunicar e, sem deixar transparecer a sua mágoa por ter sido vítima de tamanha ingratidão, respondeu-lhes com a serenidade branca do luar: – Minhas filhas, está ainda muito distante o dia em que deixarei o lugar que ocupo. A noite precisa de mim para se iluminar. O Sol, vosso pai, precisa de mim para velar enquanto ele dorme e a Terra, minha irmã mais velha, precisa de mim, neste ponto avançado do céu, para governar as marés e as colheitas. Portanto, não é ainda tempo de me retirar. E acrescentou, sempre no mesmo tom conciliador: – Não sei de onde vos veio tão estranha ideia, mas acredito que foi fruto do vosso ócio, ou seja, do muito tempo que passam aqui no céu sem ocupação. Acho, pois, que é chegada a altura de vos dar uma ocupação. Vou mandá-las para a Terra, para o meio dos oceanos, para servirem de porto de abrigo aos navegadores que andam meses a fio sem encontrar terra que os abrigue. Quando aprenderem esta lição, poderão voltar, mas levará muito tempo até que isso aconteça, porque as verdadeiras lições levam muito tempo até serem aprendidas para o resto da vida. Deixarão de ser pequenas luas, para serem criaturas adultas ao serviço das outras. Sem terem outro remédio que não fosse o de acatarem a vontade da Lua, partiram para a Terra e ocuparam os seus lugares nos vários oceanos. E foi assim que, no meio dos vários mares que existem no nosso planeta, nasceram as ilhas. José Jorge Letria, Lendas do Mar, Ed. Terramar 5 10 15 20 25 30 35 Lê com muita atenção o texto A e responde ao que te é pedido, seguindo as orientações que te são dadas. 1. Ordena de 1 a 4 os momentos da narrativa, de acordo com a sequência pela qual são narrados: a.  Quando a mãe lua conheceu as intenções das filhas, discordou da ideia e, em alternativa, incumbiu-as de realizarem uma longa missão na Terra para que elas se tornassem adultas antes de ocuparem o seu lugar. b.  Assim nasceram as ilhas. c.  Um dia um cometa aliciou-as para que substituíssem a mãe Lua no firmamento. d.  As filhas da Lua e do Sol eram convencidas e ambiciosas. 2. Localiza a ação: 2.1 No espaço: ______________________________________________________________________________________ 2.2 No tempo: _______________________________________________________________________________________ 3. Identifica as personagens intervenientes. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 4. Transcreve do 1.º parágrafo do texto uma frase que comprove cada uma das seguintes afirmações. 4.1 As filhas do Sol e da Lua eram bonitas. _______________________________________________________________________________________ 4.2 As filhas do Sol e da Lua tinham talento para a música. _______________________________________________________________________________________ 5. O cometa usou vários argumentos para convencer as filhas da Lua a ocuparem o lugar da mãe Lua no firmamento. Refere três. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 6. A mãe Lua era uma boa mãe? Justifica. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 7. Transcreve do 6.º parágrafo um sinónimo de “tristeza” que expresse o sentimento da mãe Lua ao perceber qual era a intenção das filhas. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 8. A mãe usou vários argumentos para não deixar o seu lugar no firmamento. Refere aquele que diz respeito à Terra. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 9. Que ocupação passaram a ter na Terra as filhas da Lua? _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 10. Em que se transformaram essas jovens? _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 11. Transcreve do antepenúltimo parágrafo um sinónimo de “firmamento”. _______________________________________________________________________________________ 12. Podemos dizer que as personagens deste texto se encontram personificadas? Porquê? _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 13. Identifica os recursos expressivos presentes nos excertos seguintes: 13.1 “Eram belas e brancas como a mãe” (l. 3): _____________________________________________ 13.2 “Sabiam tocar harpa, flauta e cítara”(ls. 3-4): ___________________________________________ 13.3 “ …uma mãe, pálida e triste” (l. 9): ___________________________________________________ 14. A expressão “serenidade branca do luar” (l. 20) sugere sensações… a.  visuais. b.  olfativas. c.  auditivas. d.  táteis. 15. Qual terá sido a intenção do autor ao inventar esta história? _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 16. Completa a afirmação: Este conto é uma lenda porque ___________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 17. Altera a frase seguinte, transformando a comparação destacada em metáfora. A Lua era como uma fada da noite. _______________________________________________________________________________________ Texto B Lê a informação transmitida pelo folheto (texto B) e responde. 1. Indica a justificação apresentada para o facto de todos terem o dever de economizar a água. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 2. Transcreve uma recomendação para evitar o desperdício de água… a. Dentro de casa: _______________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ b. Fora de casa: _________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 3. Regista o conselho que darias a um dos teus vizinhos que, habitualmente, lava o carro com a torneira de água continuamente aberta. Apresenta um ou dois argumentos para o convenceres a mudar de comportamento. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ III Consulta, quando necessário, o texto A e responde ao que te é pedido sobre o Conhecimento Explícito da Língua. 1. Assinala com X, em cada coluna, a palavra que pertence à classe gramatical nela indicada. Nome lenda lhe para que     Pronome música ouviu   Adjetivo há de como bela    Quantificad Verbo or Sol  o  quatro minhas as  porque   ali  tocar   Advérbio acolá céu veloz ouviu     Preposição teu com muito festa     sombra  aquilo  Governar  2. De acordo com o tipo de complemento que seleciona, indica a subclasse da forma verbal destacada em cada um dos seguintes excertos. a. “Eram belas e brancas…” Verbo: ____________________________________________ b. “ensaiavam uma peça musical…” Verbo: ____________________________________________ c. “passou por elas um cometa…” Verbo: ____________________________________________ d. “até serem ofendidas…” Verbo: ____________________________________________ 3. Lê os complexos verbais e assinala com X dois que apresentem o verbo conjugado num tempo composto. Compostos verbais a. têm tocado b. são observados c. terão partido d. foi enviada 9. Completa a tabela com palavras pertencentes à família das palavras dadas. Segue o modelo. Nome imaginação a. esquecimento b. brincadeiras c. admiração 1. Forma um adjetivo a partir de cada um dos verbos seguintes e emprega-o numa frase. Exemplo: crer → crente ferir – habitar – invejar – comer – saltar – pensar – viver – teimar – mentir 2. Forma um adjetivo a partir de cada um dos nomes seguintes e emprega-o numa frase. Exemplo: amor → amoroso orgulho – vaidade – ambição – preguiça – trabalho – paciência – vitória – aventura – silêncio Adjetivo imaginativo imaginar Verbo 3. Forma o adjetivo que corresponde a cada um dos nomes de regiões, cidades e países seguintes. Exemplo: Lisboa → lisboeta Minho – Algarve – Beira – Alentejo – Ribatejo – Porto – Coimbra – Santarém – Castelo Branco – Espanha – Suécia – Suíça — Bélgica – Alemanha – Rússia 4. Preenche os espaços com o adjetivo adequado que deverás escolher na lista seguinte. pretos – forte – morena – valente – branca – delicada – azuis – preto – prateado – frágil Era uma vez duas meninas. Uma chamava-se Bruna, era __________________ como o pão de centeio e tinha os olhos __________________ e o cabelo __________________. Corria e pulava ao sol, e era __________________ e __________________ como um rapaz. A outra chamava-se Clara, e era __________________ de açucenas, com olhos __________________ e cabelos de um loiro quase __________________. __________________ e __________________, cansava-se depressa e tinha medo de tudo. Esther de Lemos, A Rainha da Babilónia 1. Copia cada uma das frases, substituindo a palavra assinalada por outras pertencentes à mesma classe. 1. A escola está fechada. nome _______________________________________________________________________________________ 2. Aquele jardim é bonito. determinante _______________________________________________________________________________________ 3. Comi um bolo delicioso. adjetivo _______________________________________________________________________________________ 4. Elas comeram com vontade. preposição _______________________________________________________________________________________ 5. A Rita agasalha-se porque está frio. conjunção _______________________________________________________________________________________ 6. Nós comprámos doze rosas. quantificador _______________________________________________________________________________________ 7. Todos saíram do cinema. pronome _______________________________________________________________________________________ 8. – Ele trabalha ali. advérbio _______________________________________________________________________________________ 9. – Ah! Estragaste a boneca! interjeição _______________________________________________________________________________________ 10. – Tu partiste o copo. verbo _______________________________________________________________________________________ 2. Preenche a grelha com as várias palavras que usaste no exercício anterior. CLASSES DE PALAVRAS Nome Determinante Adjetivo Pronome Quantificador Verbo Advérbio Preposição Conjunção Interjeição 5. Identifica o adjetivo usado em cada uma das frases e indica o respetivo grau. a. Lisboa é a cidade mais populosa de Portugal. b. Charlot foi um ator muito popular. c. O Pedro é tão alto como o João. g. O João fez um desenho muito original. turma. d. A Rita está fortíssima. f. A noite está agradabilíssima. h. A Teresa é a mais estudiosa da e. Este peixe está menos saboroso do que aquele. i. A minha escola é mais pequena do que a dela. j. Hoje o tempo está frio. Adjetivo Grau 7. Substitui os advérbios seguintes por um grupo preposicional. Segue o exemplo. Ex.: carinhosamente – com carinho a. lealmente ________________ c. simpaticamente ________________ e. tranquilamente _______________ g. solenemente ________________ i. apaixonadamente ________________ k. aplicadamente ________________ m. honradamente _______________ o. dignamente _______________ q. corajosamente _______________ b. lentamente ________________ d. furiosamente ________________ f. saudosamente _______________ h. descontraidamente _______________ j. velozmente _______________ l. sentimentalmente ________________ n. violentamente ______________ p. tristemente ________________ r. agressivamente ________________ Escreve uma frase em que a palavra diário ocorra não como um nome mas como um adjetivo. _________________________________________________________________________________________ 3. Escreve um nome da família de cada um dos adjetivos. Diferente mau impressionante triste 4. Escreve um adjetivo da família de cada um dos nomes. idade sociedade tempo esperança força otimismo 5. Escreve uma frase em que a palavra alemão ocorra como nome e uma outra em que a mesma palavra ocorra como adjetivo. Frase 1 _________________________________________________________________________________________ Frase 2 _________________________________________________________________________________________ 1. Indica a subclasse do verbo destacado em cada frase, colocando X na coluna adequada. Principal a. O Simão adora música. b. Os amigos gostam de o ouvir. c. Ele tem tocado em muitas festas. d. Aprendeu música desde pequeno. e. A música é a sua paixão. f. Foi sempre o seu passatempo. g. Os pais foram surpreendidos pela sua arte. h. Estimularam-no a estudar música. i. O Simão, agora, estuda no conservatório. . Provavelmente, mais tarde, ficará famoso. Identificar os grupos constituintes de frase 9. Lê as frases e divide-as com um traço vertical nos dois grupos constituintes mais importantes. Sublinha a(s) palavra(s) núcleo de cada um. Frase 1. O amor e a primavera são celebrados nesta pintura. Frase 2. A pintura retrata Vénus, a antiga deusa romana do amor. Frase 3. Vénus está rodeada por outras personagens da mitologia. 10. Associa cada um dos grupos nominais destacados ao esquema que representa a sua constituição. a. Eu gosto de ler histórias sobre mitos. b. A minha avó materna tem um livro sobre mitos. c. A capa desse livro é muito bonita. 1. GN = Det. + Det. + Nome + GAdj 2. GN = Det. + Nome + GPrep 3. GN = Pronome pessoal j copulativo auxiliar 11. Associa cada um dos grupos verbais destacados ao esquema que representa a sua constituição. a. A deusa da caça é Diana. 1. GV = V + GN b. Os deuses por vezes viveram em 2. GV = V + GPrep conflito. c. Cupido atira a sua seta aos jovens. 3. GV = V + GN + GPrep 12. Escreve frases, de acordo com os esquemas seguintes. a. GN + GV (V + GN) verbo transitivo direto __________________________________________________________ b. GN + GV (V + GPrep) verbo transitivo indireto __________________________________________________________ c. GAdv + GN + GV (V + GAdj) verbo copulativo __________________________________________________________ d. GN + GV (V + GN + GPrep) verbo transitivo direto e indireto __________________________________________________________ e. GAdv + GN + GV (V) verbo intransitivo __________________________________________________________ f. GN + GV (V+ GPrep) verbo transitivo indireto __________________________________________________________ 3. Assinala com X as frases que têm um grupo constituinte com função de modificador do grupo verbal e as que têm um complemento agente da passiva. Sublinha-os. Modificador do Complemento grupo verbal agente da passiva a. Este armário foi montado pelo meu avô. b. Foi arrumado por mim. c. Guardo aqui o material de desporto. d. Hoje tive natação. B. Faz a pronominalização das expressões sublinhadas: A mãe comprou um computador ao Sérgio. A mãe comprou um computador ao Sérgio. A mãe comprou um computador ao Sérgio. 1. Liga os elementos, da coluna da direita, aos correspondentes na coluna da esquerda. a) Sérgio envia os convites. b) Quando chegares, ao consultório médico, mostras a carta. c) Tratam as crianças com carinho. d) Oferecem os seus serviços à comunidade escolar. e) Dei o bolo ao primo António. f) Não se deve mentir. g) Escreve uma composição. h) Pediram um livro aos pais. i) Todos traziam o equipamento de Educação Física. j) Recebi o teu recado. 2. Continua como no exemplo empregando os pronomes pessoais forma complemento direto. Ex.: Viste o João na biblioteca? - Viste-o na biblioteca? 1. Pediram-lhes um livro. 2. Ele envia-os. 3. Oferecem-lhe os seus serviços. 4. Recebi-o. 5. Escreve-a. 6. Traziam-no. 7. Então diz-me a verdade. 8. Mostra-a. 9. Tratam-nas com carinho. 10. Dei-lho. 1. Os jovens compraram o jornal no quiosque. 2. Obtivemos estes livros através de um concurso. 3. Ela traz o dicionário de bolso para a escola. 4. Visitámos o Museu do Brinquedo no ano passado. 5. Protejam os rios, não os poluindo. 6. Os pais dão computadores aos filhos. 7. A Sara põe os sacos das compras na despensa. 8. Fizeram o trabalho bem feito? 9. Pusemos os restos do piquenique num saco do lixo. 10. Ajudem as crianças carenciadas com o vosso trabalho. 3. Substitui as passagens sublinhadas pelos pronomes correspondentes, fazendo as alterações necessárias. 3.1. Ele gostava de ver o Quim Barreiros ao vivo. 3.2. Brevemente, a Sic apresentará novos concursos. 3.3. Gostávamos de alterar o programa. 3.4. A turma fez o trabalho de casa. 3.5. Os alunos compraram cadernos novos. 3.6. Gostava que os U2 lançassem mais discos. 3.7. Os professores nunca cumprem as promessas. 3.8. O rapaz traz os discos na pasta. 3.9. Ele pediu as sapatilhas caríssimas à mãe. 3.10. 3.11. 3.12. 3.13. Ele contou uma anedota ao amigo. Nós ajudámos o João e a Catarina a resolver o teste. O Rui Veloso deu-nos um autógrafo. Eles não veem as telenovelas mexicanas. Preferem os desenhos animados. 3.14. 3.15. 3.16. 3.17. 3.18. O João deu um chocolate à Joana. O Pedro ofereceu uma flor à mãe. A Ana comeu os bolos. Eles fizeram os desenhos. Ela fez a tabuada. 3.19. 3.20. Ele comprou um carro novo. A Cláudia telefonou ontem à Vera. 4. Continua como nos exemplos, empregando as formas verbais do futuro do indicativo e do condicional. Exemplos: a) Eles farão todo o trabalho dentro de uma semana./Eles fá-lo-ão dentro de uma semana. b) Contrarias a verdade ao João se o encontrasses?/Contar-lhe-ias a verdade se o encontrasses? 1. Comprarei os contos de Eça de Queirós para oferecer ao meu irmão. 2. Encontrarás o Miguel no próximo fim-de-semana? 3. Visitarão o Museu da Marinha se passarem por Lisboa? 4. Ela lerá toda a colecção se lha oferecerem? 5. Faremos o trabalho de bom agrado se tivermos o material. 6. Trariam as fotografias se elas estivessem prontas? 7. Ajudaríamos as crianças mais carenciadas com o dinheiro do nosso trabalho. 8. Faria isso com todo o prazer. 9. Trarias os dicionários para a aula se fosse necessário? 10. 11. 12. 13. Arrumaríamos a sala com toda a boa vontade. Dirias ao Pedro o que aconteceu? No Natal, oferecerei aos meus pais o CD que eles mais gostam. Daremos àquela família desalojada pelas inundações todo o nosso apoio. 14. Prestariam auxílio às vítimas das cheias. CONJUGAÇÃO PRONOMINAL REFLEXA A. Passa para o plural as frases abaixo apresentadas. 1. Normalmente, deito-me cedo e levanto-me cedo também. Normalmente, nós 2. Tu molhas-te se não levares guarda-chuva. Vós Divirto-me bastante ao ver a representação das peças de Gil Vicente. Eles Perco-me facilmente sem mapa na mão. Nós Assim podes-te ferir. Assim vós Se me mexo, dói-me o pescoço. Se nos Ele pôs-se em fuga. Eles Ri-me imenso ao ver a representação do Auto da Barca do Inferno. Nós Tu feriste-te nos joelhos? Vós Magoei-me na cabeça. Nós Quando me apercebi do barulho, levantei-me imediatamente da cama. Quando nós Inscreveste-te em que curso? Vós Arrependi-me da opção que fiz. Nós Perdeste-te sem te aperceberes? Vocês Ela queixar-se-á à polícia se não lhe devolverem o dinheiro. Elas B. Reescreve as frases, colocando os pronomes no plural. a) Ele não quer ir comigo à livraria? b) Ninguém lhe falou de mim. c) Eu cumprimentei-o logo que o vi. d) Tu trouxeste-o contigo? e) Ele vem fazer-te companhia. f) Ele vê-o assiduamente na biblioteca. g) Eu hei de visitá-lo brevemente. h) Ele há de explicar-me melhor o que aconteceu. i) Consigo também se passou o mesmo? j) Comigo, não há problema. k) Eu pus a pasta no local apropriado. C. Substitui as palavras sublinhadas pelo pronome correspondente. Ex.: Eles compraram os livros em Lisboa, numa boa livraria. Eles compraram compraram-nos em Lisboa, numa boa livraria. 1. Todos os alunos devem fazer os trabalhos de casa diariamente 2. Nem pensar, nós alterámos o programa em função das necessidades requeridas. 3. Apesar de não ter tido muito tempo, ele fez o trabalho como tinha prometido ao Jorge. 4. Os jovens participantes selecionaram o tema em conjunto, depois de acesa discussão. 5. Nós vamos ver a exposição de pintura no próximo domingo. 6. O Primeiro-Ministro promulgou a lei apesar do descontentamento geral. 7. Eles vão considerar todos os casos conforme prometido. 8. Tu atendeste os clientes que chegaram mais tarde, não foi? 9. 10. Isso é debitado ao teu pai no próximo mês. C. Reescreve o texto que se segue, evitando as repetições através da utilização dos pronomes adequados: Quando vi o Joaquim pela primeira vez, o Joaquim usava um cabelo tão comprido que eu até pensei, quando vi o Joaquim de costas, que o Joaquim era uma rapariga! Agora, quando eu e o Joaquim pensamos na cena e na cara que eu fiz quando o Joaquim se virou, o Joaquim e eu rimos imenso. É claro que eu já disse ao Joaquim como o Joaquim fica melhor, desde que o barbeiro cortou o cabelo ao Joaquim 4.ª PARTE O texto A é um conto que se inclui no modo narrativo.
Please download to view
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
...

Teste

by carlos-cheio

on

Report

Category:

Documents

Download: 0

Comment: 0

604

views

Comments

Description

Download Teste

Transcript

Texto A As luas ambiciosas Do seu casamento com o Sol, teve a Lua várias filhas, qual delas a mais bela e a mais dotada para as artes. Mas o que tinham de virtude, também tinham de ambição. Eram belas e brancas como a mãe e luminosas como o pai; sabiam tocar harpa, flauta e cítara e não acreditavam que alguém pudesse ter tantos dotes como elas. Um dia, quando ensaiavam uma peça musical para a festa anual dos astros, passou por elas um cometa, veloz e nervoso como só os cometas costumam ser, e desassossegou-as com estas palavras: – Vocês têm talentos de mais para passarem o resto das vossas vidas à sombra de uma mãe, pálida e triste, que ainda por cima está a envelhecer. Juntem-se e ocupem o vosso lugar no firmamento. Com a ajuda do Sol, podem controlar a vida na Terra e ser adoradas pelos homens, que tudo farão para vos agradar. Nada há de faltar-vos. Cegas pela ambição, puseram de lado os instrumentos de música e escolheram a mais atrevida e ríspida para impor condições à pobre Lua que se afadigava para lhes dar a melhor educação e uma vida sem preocupações. – Mãe, chegou a altura de nos dares o teu lugar no céu. Estás velha e cansada e nós, que somos jovens, podemos encher o céu de música e de fantasia. A Lua ouviu em silêncio aquilo que as filhas tinham para lhes comunicar e, sem deixar transparecer a sua mágoa por ter sido vítima de tamanha ingratidão, respondeu-lhes com a serenidade branca do luar: – Minhas filhas, está ainda muito distante o dia em que deixarei o lugar que ocupo. A noite precisa de mim para se iluminar. O Sol, vosso pai, precisa de mim para velar enquanto ele dorme e a Terra, minha irmã mais velha, precisa de mim, neste ponto avançado do céu, para governar as marés e as colheitas. Portanto, não é ainda tempo de me retirar. E acrescentou, sempre no mesmo tom conciliador: – Não sei de onde vos veio tão estranha ideia, mas acredito que foi fruto do vosso ócio, ou seja, do muito tempo que passam aqui no céu sem ocupação. Acho, pois, que é chegada a altura de vos dar uma ocupação. Vou mandá-las para a Terra, para o meio dos oceanos, para servirem de porto de abrigo aos navegadores que andam meses a fio sem encontrar terra que os abrigue. Quando aprenderem esta lição, poderão voltar, mas levará muito tempo até que isso aconteça, porque as verdadeiras lições levam muito tempo até serem aprendidas para o resto da vida. Deixarão de ser pequenas luas, para serem criaturas adultas ao serviço das outras. Sem terem outro remédio que não fosse o de acatarem a vontade da Lua, partiram para a Terra e ocuparam os seus lugares nos vários oceanos. E foi assim que, no meio dos vários mares que existem no nosso planeta, nasceram as ilhas. José Jorge Letria, Lendas do Mar, Ed. Terramar 5 10 15 20 25 30 35 Lê com muita atenção o texto A e responde ao que te é pedido, seguindo as orientações que te são dadas. 1. Ordena de 1 a 4 os momentos da narrativa, de acordo com a sequência pela qual são narrados: a.  Quando a mãe lua conheceu as intenções das filhas, discordou da ideia e, em alternativa, incumbiu-as de realizarem uma longa missão na Terra para que elas se tornassem adultas antes de ocuparem o seu lugar. b.  Assim nasceram as ilhas. c.  Um dia um cometa aliciou-as para que substituíssem a mãe Lua no firmamento. d.  As filhas da Lua e do Sol eram convencidas e ambiciosas. 2. Localiza a ação: 2.1 No espaço: ______________________________________________________________________________________ 2.2 No tempo: _______________________________________________________________________________________ 3. Identifica as personagens intervenientes. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 4. Transcreve do 1.º parágrafo do texto uma frase que comprove cada uma das seguintes afirmações. 4.1 As filhas do Sol e da Lua eram bonitas. _______________________________________________________________________________________ 4.2 As filhas do Sol e da Lua tinham talento para a música. _______________________________________________________________________________________ 5. O cometa usou vários argumentos para convencer as filhas da Lua a ocuparem o lugar da mãe Lua no firmamento. Refere três. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 6. A mãe Lua era uma boa mãe? Justifica. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 7. Transcreve do 6.º parágrafo um sinónimo de “tristeza” que expresse o sentimento da mãe Lua ao perceber qual era a intenção das filhas. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 8. A mãe usou vários argumentos para não deixar o seu lugar no firmamento. Refere aquele que diz respeito à Terra. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 9. Que ocupação passaram a ter na Terra as filhas da Lua? _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 10. Em que se transformaram essas jovens? _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 11. Transcreve do antepenúltimo parágrafo um sinónimo de “firmamento”. _______________________________________________________________________________________ 12. Podemos dizer que as personagens deste texto se encontram personificadas? Porquê? _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 13. Identifica os recursos expressivos presentes nos excertos seguintes: 13.1 “Eram belas e brancas como a mãe” (l. 3): _____________________________________________ 13.2 “Sabiam tocar harpa, flauta e cítara”(ls. 3-4): ___________________________________________ 13.3 “ …uma mãe, pálida e triste” (l. 9): ___________________________________________________ 14. A expressão “serenidade branca do luar” (l. 20) sugere sensações… a.  visuais. b.  olfativas. c.  auditivas. d.  táteis. 15. Qual terá sido a intenção do autor ao inventar esta história? _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 16. Completa a afirmação: Este conto é uma lenda porque ___________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 17. Altera a frase seguinte, transformando a comparação destacada em metáfora. A Lua era como uma fada da noite. _______________________________________________________________________________________ Texto B Lê a informação transmitida pelo folheto (texto B) e responde. 1. Indica a justificação apresentada para o facto de todos terem o dever de economizar a água. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 2. Transcreve uma recomendação para evitar o desperdício de água… a. Dentro de casa: _______________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ b. Fora de casa: _________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ 3. Regista o conselho que darias a um dos teus vizinhos que, habitualmente, lava o carro com a torneira de água continuamente aberta. Apresenta um ou dois argumentos para o convenceres a mudar de comportamento. _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________________ III Consulta, quando necessário, o texto A e responde ao que te é pedido sobre o Conhecimento Explícito da Língua. 1. Assinala com X, em cada coluna, a palavra que pertence à classe gramatical nela indicada. Nome lenda lhe para que     Pronome música ouviu   Adjetivo há de como bela    Quantificad Verbo or Sol  o  quatro minhas as  porque   ali  tocar   Advérbio acolá céu veloz ouviu     Preposição teu com muito festa     sombra  aquilo  Governar  2. De acordo com o tipo de complemento que seleciona, indica a subclasse da forma verbal destacada em cada um dos seguintes excertos. a. “Eram belas e brancas…” Verbo: ____________________________________________ b. “ensaiavam uma peça musical…” Verbo: ____________________________________________ c. “passou por elas um cometa…” Verbo: ____________________________________________ d. “até serem ofendidas…” Verbo: ____________________________________________ 3. Lê os complexos verbais e assinala com X dois que apresentem o verbo conjugado num tempo composto. Compostos verbais a. têm tocado b. são observados c. terão partido d. foi enviada 9. Completa a tabela com palavras pertencentes à família das palavras dadas. Segue o modelo. Nome imaginação a. esquecimento b. brincadeiras c. admiração 1. Forma um adjetivo a partir de cada um dos verbos seguintes e emprega-o numa frase. Exemplo: crer → crente ferir – habitar – invejar – comer – saltar – pensar – viver – teimar – mentir 2. Forma um adjetivo a partir de cada um dos nomes seguintes e emprega-o numa frase. Exemplo: amor → amoroso orgulho – vaidade – ambição – preguiça – trabalho – paciência – vitória – aventura – silêncio Adjetivo imaginativo imaginar Verbo 3. Forma o adjetivo que corresponde a cada um dos nomes de regiões, cidades e países seguintes. Exemplo: Lisboa → lisboeta Minho – Algarve – Beira – Alentejo – Ribatejo – Porto – Coimbra – Santarém – Castelo Branco – Espanha – Suécia – Suíça — Bélgica – Alemanha – Rússia 4. Preenche os espaços com o adjetivo adequado que deverás escolher na lista seguinte. pretos – forte – morena – valente – branca – delicada – azuis – preto – prateado – frágil Era uma vez duas meninas. Uma chamava-se Bruna, era __________________ como o pão de centeio e tinha os olhos __________________ e o cabelo __________________. Corria e pulava ao sol, e era __________________ e __________________ como um rapaz. A outra chamava-se Clara, e era __________________ de açucenas, com olhos __________________ e cabelos de um loiro quase __________________. __________________ e __________________, cansava-se depressa e tinha medo de tudo. Esther de Lemos, A Rainha da Babilónia 1. Copia cada uma das frases, substituindo a palavra assinalada por outras pertencentes à mesma classe. 1. A escola está fechada. nome _______________________________________________________________________________________ 2. Aquele jardim é bonito. determinante _______________________________________________________________________________________ 3. Comi um bolo delicioso. adjetivo _______________________________________________________________________________________ 4. Elas comeram com vontade. preposição _______________________________________________________________________________________ 5. A Rita agasalha-se porque está frio. conjunção _______________________________________________________________________________________ 6. Nós comprámos doze rosas. quantificador _______________________________________________________________________________________ 7. Todos saíram do cinema. pronome _______________________________________________________________________________________ 8. – Ele trabalha ali. advérbio _______________________________________________________________________________________ 9. – Ah! Estragaste a boneca! interjeição _______________________________________________________________________________________ 10. – Tu partiste o copo. verbo _______________________________________________________________________________________ 2. Preenche a grelha com as várias palavras que usaste no exercício anterior. CLASSES DE PALAVRAS Nome Determinante Adjetivo Pronome Quantificador Verbo Advérbio Preposição Conjunção Interjeição 5. Identifica o adjetivo usado em cada uma das frases e indica o respetivo grau. a. Lisboa é a cidade mais populosa de Portugal. b. Charlot foi um ator muito popular. c. O Pedro é tão alto como o João. g. O João fez um desenho muito original. turma. d. A Rita está fortíssima. f. A noite está agradabilíssima. h. A Teresa é a mais estudiosa da e. Este peixe está menos saboroso do que aquele. i. A minha escola é mais pequena do que a dela. j. Hoje o tempo está frio. Adjetivo Grau 7. Substitui os advérbios seguintes por um grupo preposicional. Segue o exemplo. Ex.: carinhosamente – com carinho a. lealmente ________________ c. simpaticamente ________________ e. tranquilamente _______________ g. solenemente ________________ i. apaixonadamente ________________ k. aplicadamente ________________ m. honradamente _______________ o. dignamente _______________ q. corajosamente _______________ b. lentamente ________________ d. furiosamente ________________ f. saudosamente _______________ h. descontraidamente _______________ j. velozmente _______________ l. sentimentalmente ________________ n. violentamente ______________ p. tristemente ________________ r. agressivamente ________________ Escreve uma frase em que a palavra diário ocorra não como um nome mas como um adjetivo. _________________________________________________________________________________________ 3. Escreve um nome da família de cada um dos adjetivos. Diferente mau impressionante triste 4. Escreve um adjetivo da família de cada um dos nomes. idade sociedade tempo esperança força otimismo 5. Escreve uma frase em que a palavra alemão ocorra como nome e uma outra em que a mesma palavra ocorra como adjetivo. Frase 1 _________________________________________________________________________________________ Frase 2 _________________________________________________________________________________________ 1. Indica a subclasse do verbo destacado em cada frase, colocando X na coluna adequada. Principal a. O Simão adora música. b. Os amigos gostam de o ouvir. c. Ele tem tocado em muitas festas. d. Aprendeu música desde pequeno. e. A música é a sua paixão. f. Foi sempre o seu passatempo. g. Os pais foram surpreendidos pela sua arte. h. Estimularam-no a estudar música. i. O Simão, agora, estuda no conservatório. . Provavelmente, mais tarde, ficará famoso. Identificar os grupos constituintes de frase 9. Lê as frases e divide-as com um traço vertical nos dois grupos constituintes mais importantes. Sublinha a(s) palavra(s) núcleo de cada um. Frase 1. O amor e a primavera são celebrados nesta pintura. Frase 2. A pintura retrata Vénus, a antiga deusa romana do amor. Frase 3. Vénus está rodeada por outras personagens da mitologia. 10. Associa cada um dos grupos nominais destacados ao esquema que representa a sua constituição. a. Eu gosto de ler histórias sobre mitos. b. A minha avó materna tem um livro sobre mitos. c. A capa desse livro é muito bonita. 1. GN = Det. + Det. + Nome + GAdj 2. GN = Det. + Nome + GPrep 3. GN = Pronome pessoal j copulativo auxiliar 11. Associa cada um dos grupos verbais destacados ao esquema que representa a sua constituição. a. A deusa da caça é Diana. 1. GV = V + GN b. Os deuses por vezes viveram em 2. GV = V + GPrep conflito. c. Cupido atira a sua seta aos jovens. 3. GV = V + GN + GPrep 12. Escreve frases, de acordo com os esquemas seguintes. a. GN + GV (V + GN) verbo transitivo direto __________________________________________________________ b. GN + GV (V + GPrep) verbo transitivo indireto __________________________________________________________ c. GAdv + GN + GV (V + GAdj) verbo copulativo __________________________________________________________ d. GN + GV (V + GN + GPrep) verbo transitivo direto e indireto __________________________________________________________ e. GAdv + GN + GV (V) verbo intransitivo __________________________________________________________ f. GN + GV (V+ GPrep) verbo transitivo indireto __________________________________________________________ 3. Assinala com X as frases que têm um grupo constituinte com função de modificador do grupo verbal e as que têm um complemento agente da passiva. Sublinha-os. Modificador do Complemento grupo verbal agente da passiva a. Este armário foi montado pelo meu avô. b. Foi arrumado por mim. c. Guardo aqui o material de desporto. d. Hoje tive natação. B. Faz a pronominalização das expressões sublinhadas: A mãe comprou um computador ao Sérgio. A mãe comprou um computador ao Sérgio. A mãe comprou um computador ao Sérgio. 1. Liga os elementos, da coluna da direita, aos correspondentes na coluna da esquerda. a) Sérgio envia os convites. b) Quando chegares, ao consultório médico, mostras a carta. c) Tratam as crianças com carinho. d) Oferecem os seus serviços à comunidade escolar. e) Dei o bolo ao primo António. f) Não se deve mentir. g) Escreve uma composição. h) Pediram um livro aos pais. i) Todos traziam o equipamento de Educação Física. j) Recebi o teu recado. 2. Continua como no exemplo empregando os pronomes pessoais forma complemento direto. Ex.: Viste o João na biblioteca? - Viste-o na biblioteca? 1. Pediram-lhes um livro. 2. Ele envia-os. 3. Oferecem-lhe os seus serviços. 4. Recebi-o. 5. Escreve-a. 6. Traziam-no. 7. Então diz-me a verdade. 8. Mostra-a. 9. Tratam-nas com carinho. 10. Dei-lho. 1. Os jovens compraram o jornal no quiosque. 2. Obtivemos estes livros através de um concurso. 3. Ela traz o dicionário de bolso para a escola. 4. Visitámos o Museu do Brinquedo no ano passado. 5. Protejam os rios, não os poluindo. 6. Os pais dão computadores aos filhos. 7. A Sara põe os sacos das compras na despensa. 8. Fizeram o trabalho bem feito? 9. Pusemos os restos do piquenique num saco do lixo. 10. Ajudem as crianças carenciadas com o vosso trabalho. 3. Substitui as passagens sublinhadas pelos pronomes correspondentes, fazendo as alterações necessárias. 3.1. Ele gostava de ver o Quim Barreiros ao vivo. 3.2. Brevemente, a Sic apresentará novos concursos. 3.3. Gostávamos de alterar o programa. 3.4. A turma fez o trabalho de casa. 3.5. Os alunos compraram cadernos novos. 3.6. Gostava que os U2 lançassem mais discos. 3.7. Os professores nunca cumprem as promessas. 3.8. O rapaz traz os discos na pasta. 3.9. Ele pediu as sapatilhas caríssimas à mãe. 3.10. 3.11. 3.12. 3.13. Ele contou uma anedota ao amigo. Nós ajudámos o João e a Catarina a resolver o teste. O Rui Veloso deu-nos um autógrafo. Eles não veem as telenovelas mexicanas. Preferem os desenhos animados. 3.14. 3.15. 3.16. 3.17. 3.18. O João deu um chocolate à Joana. O Pedro ofereceu uma flor à mãe. A Ana comeu os bolos. Eles fizeram os desenhos. Ela fez a tabuada. 3.19. 3.20. Ele comprou um carro novo. A Cláudia telefonou ontem à Vera. 4. Continua como nos exemplos, empregando as formas verbais do futuro do indicativo e do condicional. Exemplos: a) Eles farão todo o trabalho dentro de uma semana./Eles fá-lo-ão dentro de uma semana. b) Contrarias a verdade ao João se o encontrasses?/Contar-lhe-ias a verdade se o encontrasses? 1. Comprarei os contos de Eça de Queirós para oferecer ao meu irmão. 2. Encontrarás o Miguel no próximo fim-de-semana? 3. Visitarão o Museu da Marinha se passarem por Lisboa? 4. Ela lerá toda a colecção se lha oferecerem? 5. Faremos o trabalho de bom agrado se tivermos o material. 6. Trariam as fotografias se elas estivessem prontas? 7. Ajudaríamos as crianças mais carenciadas com o dinheiro do nosso trabalho. 8. Faria isso com todo o prazer. 9. Trarias os dicionários para a aula se fosse necessário? 10. 11. 12. 13. Arrumaríamos a sala com toda a boa vontade. Dirias ao Pedro o que aconteceu? No Natal, oferecerei aos meus pais o CD que eles mais gostam. Daremos àquela família desalojada pelas inundações todo o nosso apoio. 14. Prestariam auxílio às vítimas das cheias. CONJUGAÇÃO PRONOMINAL REFLEXA A. Passa para o plural as frases abaixo apresentadas. 1. Normalmente, deito-me cedo e levanto-me cedo também. Normalmente, nós 2. Tu molhas-te se não levares guarda-chuva. Vós Divirto-me bastante ao ver a representação das peças de Gil Vicente. Eles Perco-me facilmente sem mapa na mão. Nós Assim podes-te ferir. Assim vós Se me mexo, dói-me o pescoço. Se nos Ele pôs-se em fuga. Eles Ri-me imenso ao ver a representação do Auto da Barca do Inferno. Nós Tu feriste-te nos joelhos? Vós Magoei-me na cabeça. Nós Quando me apercebi do barulho, levantei-me imediatamente da cama. Quando nós Inscreveste-te em que curso? Vós Arrependi-me da opção que fiz. Nós Perdeste-te sem te aperceberes? Vocês Ela queixar-se-á à polícia se não lhe devolverem o dinheiro. Elas B. Reescreve as frases, colocando os pronomes no plural. a) Ele não quer ir comigo à livraria? b) Ninguém lhe falou de mim. c) Eu cumprimentei-o logo que o vi. d) Tu trouxeste-o contigo? e) Ele vem fazer-te companhia. f) Ele vê-o assiduamente na biblioteca. g) Eu hei de visitá-lo brevemente. h) Ele há de explicar-me melhor o que aconteceu. i) Consigo também se passou o mesmo? j) Comigo, não há problema. k) Eu pus a pasta no local apropriado. C. Substitui as palavras sublinhadas pelo pronome correspondente. Ex.: Eles compraram os livros em Lisboa, numa boa livraria. Eles compraram compraram-nos em Lisboa, numa boa livraria. 1. Todos os alunos devem fazer os trabalhos de casa diariamente 2. Nem pensar, nós alterámos o programa em função das necessidades requeridas. 3. Apesar de não ter tido muito tempo, ele fez o trabalho como tinha prometido ao Jorge. 4. Os jovens participantes selecionaram o tema em conjunto, depois de acesa discussão. 5. Nós vamos ver a exposição de pintura no próximo domingo. 6. O Primeiro-Ministro promulgou a lei apesar do descontentamento geral. 7. Eles vão considerar todos os casos conforme prometido. 8. Tu atendeste os clientes que chegaram mais tarde, não foi? 9. 10. Isso é debitado ao teu pai no próximo mês. C. Reescreve o texto que se segue, evitando as repetições através da utilização dos pronomes adequados: Quando vi o Joaquim pela primeira vez, o Joaquim usava um cabelo tão comprido que eu até pensei, quando vi o Joaquim de costas, que o Joaquim era uma rapariga! Agora, quando eu e o Joaquim pensamos na cena e na cara que eu fiz quando o Joaquim se virou, o Joaquim e eu rimos imenso. É claro que eu já disse ao Joaquim como o Joaquim fica melhor, desde que o barbeiro cortou o cabelo ao Joaquim 4.ª PARTE O texto A é um conto que se inclui no modo narrativo.
Fly UP