• 1.  
  • 2. O SURGIMENTO DATEOLOGIA DA PROSPERIDADE
    • TER OU NÃO TER
    • SER OU NÃO SER
    • TEOLOGIA DO DOMÍNIO
    • A SERPENTE ESTAVA CERTA!
    • O PODER DO PENSAMENTO POSITIVO
    • CONFISSÃO POSITIVA OU NEGATIVA?
    • FILHOS DO REI – MAS O REINO NÃO É DESTE MUNDO!
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 3. PROPOSTA DA LIÇÃO
    • 1º round: Verdadeira prosperidade x teologia da prosperidade;
    • Gnosticismo: espírito bom - corpo físico mau (inclusive o de Jesus)?
    • Pensamentos tão atuais quanto antigos. Perigo para a igreja;
    • A confissão positiva torna Deus “refém” das leis espirituais;
    • Ovelhasgeram ovelhas e Deus gera deuses?
    • O maligno é co-autor da salvação? Será possível?
    • Acabou o sofrimento, as dores e as doenças? Paraíso terrestre?
    • Ministério profissional. Tem para todos os gostos;
    • Crentes pensando em si mesmo e nos prazeres;
    • Preparação de crentes para o mercado e não para o céu.
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 4. INTRODUÇÃO
    • A prosperidade é bíblica (Gn 39:23; Js 1:8; II Cr 20:20; 26:5; Sl 1:1-3);
    • Teologia da prosperidade: saúde e prosperidade material;
    • Despreza a mensagem do arrependimento e salvação em Jesus;
    • Inventa pretextos e ignora contextos (Mt 18:18-19; Lc 17:6; Jo 14:14);
    • Dos E.U.A. direto para as pseudas e “neoigrejas” pentecostais;
    • Exemplos que utilizam: Abraão, Jacó, José, Davi, Salomão e Daniel;
    • Mas estes homens enfrentaram: dificuldades, problemas, escassez;
    • Enfermidades; incompreensão, pecados, separações, perseguições;
    • Injurias, traições, prisões, tristezas, perdas e outros acontecimentos.
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 5. PROVAS DAPROSPERIDADE MATERIAL DE JESUS
    • O homem é filho do Rei com direito a todas as bênçãos materiais;
    • Mas o reino Dele não é deste mundo (riquezas materiais);
    • Jesus nasceu sem honrarias em uma simples manjedoura;
    • Recebeu até alguns presentes que serviram para o sustento;
    • Seus pais ofereceram animais de raça, premiados, sadios?
    • O sacríficio pela apresentação foi apenas um casal de pombos;
    • Entrou em sua cidade utilizando um camelo importado?
    • Um cavalo alado? Quarto de milha? Uma moderna carruagem?
    • Entrou em um jumento de carga (Zc 9:9);
    • Jesus se fez pobre (II Co 8:9) e nunca conheceu o pecado (Hb 4:15).
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 6. I – RAÍZES DATEOLOGIA DA PROSPERIDADE
    • 1. GNOSTICISMO.
    • Salvação pelo conhecimento (gnosis), exclusividade de alguns;
    • Principal doutrina: matéria má e somente o espírito é bom;
    • Jesus não poderia encanar-se na matéria humana má (I Jo 4:2-3);
    • A morte na cruz foi aparente e a ressurreição foi espiritual;
    • Desprezo pelo mundo material (ascetismo), punição do corpo.
    • 2. CRENÇAS PERIGOSAS.
    • Estes ensinamentos e outros não são exclusividades do passado;
    • O pecado e doenças existem apenas na mente das pessoas;
    • Deus: sem soberania, sem poder e refém das leis espirituais;
    • Homem; supervalorizado e torna-se centro do universo;
    • O homem torna-se um deus ou possui um dentro de si mesmo.
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 7. I – RAÍZES DATEOLOGIA DA PROSPERIDADE
    • 3. CONFISSÃO POSITIVA - teologia da determinação.
    • A palavra do homem tem poder para concretizar seus desejos;
    • O homem é elevado e manda até em Deus;
    • A Bíblia, juntamente com a palavra do homem são autoridades;
    • Marca: preocupação com a prosperidade material e com a saúde;
    • Desprezam a mensagem do arrependimento e salvação em Jesus;
    • Prepara o homem para o comércio deste mundo e não para o céu.
    • a) Características e fatos marcantes da teologia da prosperidade.
    • Origem – importação norte americana (séc. XIX);
    • Cura de doenças por intermédio da mente e hipnose;
    • Negação da matéria, do sofrimento, do pecado, da enfermidade;
    • Ciência Cristã (superioridade do espírito sobre a matéria);
    • Aplicação do pensamento positivo, “oque eu confesso, eu possuo ”.
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 8. II – PRINCIPAIS ENSINAMENTOSDA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE
    • 1. DIVINIZAÇÃO DO HOMEM.
    • Pequenos deuses (Sl 82:6), mas o homem é pó (Gn 2:7; 3:19);
    • “ Eu e o Pai somos um”. Os fariseus se irritaram (Jo 10:30-36);
    • Mas não se irritavam com os magistrados “deuses” (Sl 82:2-5);
    • A “profecia” da serpente se cumpriu "sereis como Deus” (Gn 3:5).
    • 2. DEMONIZAÇÃO DA SALVAÇÃO.
    • Inimigo das nossas almas é colocado como co-autor da salvação;
    • O brado da cruz “está consumado” (Jo 19:30), não foi suficiente;
    • A questão era entre o homem e Deus e não entre Maligno e Deus.
    • 3. NEGAÇÃO DO SOFRIMENTO. Um verdadeiro paraíso?
    • O pecado e as doenças não podem dominar a nova criatura;
    • Jó, Eliseu, os heróis da fé, Paulo e seu companheiros (sofreram?).
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 9. III – CONSEQUÊNCIASDA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE
    • 1. PROFISSIONALISMO MINISTERIAL-ESPIRITUALIDADE MERCANTIL.
    • Substituição: homens vocacionados por executivos bem sucedidos;
    • A fé torna-se bem de consumo e os adoradores seus consumidores;
    • Deixam o tronco para se firmarem nos fracos galhos.
    • 2. NARCISISMO E HEDONISMO.
    • O homem espera reconhecimentos e recompensas pelos seus feitos;
    • Pensam no bem estar de todos ou deles próprios (Fp 2.4)?
    • O hedonismo torna o homem a principal figura do sistema.
    • 3. MODISMOS E PERDA DE IDEAIS.
    • Modismos e inovações sempre atacaram a igreja;
    • Estas práticas afastam os crentes dos ideais do reino de Deus;
    • Ter ou não ter, ser ou não ser (Lc 16:16-21; I Co 15:19).
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 10. CONCLUSÃO – OBJETIVOS DA LIÇÃO
    • Os excessos da teologia da prosperidade fomenta o materialismo;
    • A verdadeira prosperidade depende da correta relação com Deus.
    • Explicar: As raízes da teologia da prosperidade:
    • Gnosticismo, confissão positiva e outras crenças perigosas.
    • 2) Descrever: Os principais ensinamentos da teologia da prosperidade:
    • A divinização do homem, mas ele é pó;
    • Demonização da salvação (o inimigo não tem parte - Jo 14;30);
    • Negação do sofrimento.
    • 3) Analisar: As principais conseqüências da teologia da prosperidade:
    • Ministérios exercidos por profissionais e não vocacionados;
    • Crentes narcisistas, hedonistas e igreja sujeita a modismos.
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 11.  
  • 12.
    • Contato: ailtonsilva2000
    • @yahoo.com.br
    • @hotmail.com
    • .blogspot.com
    • Álvares Machado (SP) 1º trim. 2012
    ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
    Please download to view
  • All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
    ...

    Lição 1 - O surgimento da teologia da prosperidade

    by ailton-da-silva

    on

    Report

    Category:

    Documents

    Download: 0

    Comment: 0

    6,010

    views

    Comments

    Description

    Download Lição 1 - O surgimento da teologia da prosperidade

    Transcript

    • 1.  
  • 2. O SURGIMENTO DATEOLOGIA DA PROSPERIDADE
    • TER OU NÃO TER
    • SER OU NÃO SER
    • TEOLOGIA DO DOMÍNIO
    • A SERPENTE ESTAVA CERTA!
    • O PODER DO PENSAMENTO POSITIVO
    • CONFISSÃO POSITIVA OU NEGATIVA?
    • FILHOS DO REI – MAS O REINO NÃO É DESTE MUNDO!
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 3. PROPOSTA DA LIÇÃO
    • 1º round: Verdadeira prosperidade x teologia da prosperidade;
    • Gnosticismo: espírito bom - corpo físico mau (inclusive o de Jesus)?
    • Pensamentos tão atuais quanto antigos. Perigo para a igreja;
    • A confissão positiva torna Deus “refém” das leis espirituais;
    • Ovelhasgeram ovelhas e Deus gera deuses?
    • O maligno é co-autor da salvação? Será possível?
    • Acabou o sofrimento, as dores e as doenças? Paraíso terrestre?
    • Ministério profissional. Tem para todos os gostos;
    • Crentes pensando em si mesmo e nos prazeres;
    • Preparação de crentes para o mercado e não para o céu.
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 4. INTRODUÇÃO
    • A prosperidade é bíblica (Gn 39:23; Js 1:8; II Cr 20:20; 26:5; Sl 1:1-3);
    • Teologia da prosperidade: saúde e prosperidade material;
    • Despreza a mensagem do arrependimento e salvação em Jesus;
    • Inventa pretextos e ignora contextos (Mt 18:18-19; Lc 17:6; Jo 14:14);
    • Dos E.U.A. direto para as pseudas e “neoigrejas” pentecostais;
    • Exemplos que utilizam: Abraão, Jacó, José, Davi, Salomão e Daniel;
    • Mas estes homens enfrentaram: dificuldades, problemas, escassez;
    • Enfermidades; incompreensão, pecados, separações, perseguições;
    • Injurias, traições, prisões, tristezas, perdas e outros acontecimentos.
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 5. PROVAS DAPROSPERIDADE MATERIAL DE JESUS
    • O homem é filho do Rei com direito a todas as bênçãos materiais;
    • Mas o reino Dele não é deste mundo (riquezas materiais);
    • Jesus nasceu sem honrarias em uma simples manjedoura;
    • Recebeu até alguns presentes que serviram para o sustento;
    • Seus pais ofereceram animais de raça, premiados, sadios?
    • O sacríficio pela apresentação foi apenas um casal de pombos;
    • Entrou em sua cidade utilizando um camelo importado?
    • Um cavalo alado? Quarto de milha? Uma moderna carruagem?
    • Entrou em um jumento de carga (Zc 9:9);
    • Jesus se fez pobre (II Co 8:9) e nunca conheceu o pecado (Hb 4:15).
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 6. I – RAÍZES DATEOLOGIA DA PROSPERIDADE
    • 1. GNOSTICISMO.
    • Salvação pelo conhecimento (gnosis), exclusividade de alguns;
    • Principal doutrina: matéria má e somente o espírito é bom;
    • Jesus não poderia encanar-se na matéria humana má (I Jo 4:2-3);
    • A morte na cruz foi aparente e a ressurreição foi espiritual;
    • Desprezo pelo mundo material (ascetismo), punição do corpo.
    • 2. CRENÇAS PERIGOSAS.
    • Estes ensinamentos e outros não são exclusividades do passado;
    • O pecado e doenças existem apenas na mente das pessoas;
    • Deus: sem soberania, sem poder e refém das leis espirituais;
    • Homem; supervalorizado e torna-se centro do universo;
    • O homem torna-se um deus ou possui um dentro de si mesmo.
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 7. I – RAÍZES DATEOLOGIA DA PROSPERIDADE
    • 3. CONFISSÃO POSITIVA - teologia da determinação.
    • A palavra do homem tem poder para concretizar seus desejos;
    • O homem é elevado e manda até em Deus;
    • A Bíblia, juntamente com a palavra do homem são autoridades;
    • Marca: preocupação com a prosperidade material e com a saúde;
    • Desprezam a mensagem do arrependimento e salvação em Jesus;
    • Prepara o homem para o comércio deste mundo e não para o céu.
    • a) Características e fatos marcantes da teologia da prosperidade.
    • Origem – importação norte americana (séc. XIX);
    • Cura de doenças por intermédio da mente e hipnose;
    • Negação da matéria, do sofrimento, do pecado, da enfermidade;
    • Ciência Cristã (superioridade do espírito sobre a matéria);
    • Aplicação do pensamento positivo, “oque eu confesso, eu possuo ”.
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 8. II – PRINCIPAIS ENSINAMENTOSDA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE
    • 1. DIVINIZAÇÃO DO HOMEM.
    • Pequenos deuses (Sl 82:6), mas o homem é pó (Gn 2:7; 3:19);
    • “ Eu e o Pai somos um”. Os fariseus se irritaram (Jo 10:30-36);
    • Mas não se irritavam com os magistrados “deuses” (Sl 82:2-5);
    • A “profecia” da serpente se cumpriu "sereis como Deus” (Gn 3:5).
    • 2. DEMONIZAÇÃO DA SALVAÇÃO.
    • Inimigo das nossas almas é colocado como co-autor da salvação;
    • O brado da cruz “está consumado” (Jo 19:30), não foi suficiente;
    • A questão era entre o homem e Deus e não entre Maligno e Deus.
    • 3. NEGAÇÃO DO SOFRIMENTO. Um verdadeiro paraíso?
    • O pecado e as doenças não podem dominar a nova criatura;
    • Jó, Eliseu, os heróis da fé, Paulo e seu companheiros (sofreram?).
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 9. III – CONSEQUÊNCIASDA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE
    • 1. PROFISSIONALISMO MINISTERIAL-ESPIRITUALIDADE MERCANTIL.
    • Substituição: homens vocacionados por executivos bem sucedidos;
    • A fé torna-se bem de consumo e os adoradores seus consumidores;
    • Deixam o tronco para se firmarem nos fracos galhos.
    • 2. NARCISISMO E HEDONISMO.
    • O homem espera reconhecimentos e recompensas pelos seus feitos;
    • Pensam no bem estar de todos ou deles próprios (Fp 2.4)?
    • O hedonismo torna o homem a principal figura do sistema.
    • 3. MODISMOS E PERDA DE IDEAIS.
    • Modismos e inovações sempre atacaram a igreja;
    • Estas práticas afastam os crentes dos ideais do reino de Deus;
    • Ter ou não ter, ser ou não ser (Lc 16:16-21; I Co 15:19).
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 10. CONCLUSÃO – OBJETIVOS DA LIÇÃO
    • Os excessos da teologia da prosperidade fomenta o materialismo;
    • A verdadeira prosperidade depende da correta relação com Deus.
    • Explicar: As raízes da teologia da prosperidade:
    • Gnosticismo, confissão positiva e outras crenças perigosas.
    • 2) Descrever: Os principais ensinamentos da teologia da prosperidade:
    • A divinização do homem, mas ele é pó;
    • Demonização da salvação (o inimigo não tem parte - Jo 14;30);
    • Negação do sofrimento.
    • 3) Analisar: As principais conseqüências da teologia da prosperidade:
    • Ministérios exercidos por profissionais e não vocacionados;
    • Crentes narcisistas, hedonistas e igreja sujeita a modismos.
    Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • 11.  
  • 12.
    • Contato: ailtonsilva2000
    • @yahoo.com.br
    • @hotmail.com
    • .blogspot.com
    • Álvares Machado (SP) 1º trim. 2012
    ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL Igreja Evangélica Assembléia de DeusMinistério Belém – Setor 42 – Álvares Machado Campo de Presidente Prudente - SP
  • Fly UP