• 1. CORES
    DaniloAmorim, 2010.
  • 2. O que convencionou-se chamar de Teoria das Cores de Leonardo da Vinci foram formulações históricas, esparsas, contidas em seus escritos e reunidas no livro “Tratado da Pintura e da Paisagem – Sombra e Luz”. Cuja primeira edição, só foi publicada 132 anos após a morte do artista- São anotações recolhidas pelo artista ao longo de anos de observação, e é a teoria mais coerente sobre cores, sendo um dos legados do renascimento para as artes visuais.Para um aprofundamento maior sobre o tema, consulte um dos livros de *Israel Pedrosa – Da cor a cor Inexistente. Nele há um capítulo inteiro sobre a história da cor, baseado na teoria de Leonardo da Vince.
    TEORIA DAS CORES
  • 3. Ao falarmos de cores, temos duas linhas de pensamento distintas: a Cor-Luz e a Cor-Pigmento. Falar de cor sem falar de luz, é impossível, mesmo se tratando da Cor-Pigmento, pois ela, a luz, é imprescindível para a percepção da cor, seja ela Cor-Luz ou Cor-pigmento. No caso da Cor-Luz, ela é a própria cor . No caso da Cor-Pigmento, ela, a luz, é que é refletida pelo material, fazendo com que o olho humano perceba esse estímulo como cor.   
    DINSTIÇÃO DAS CORES
    [...]
  • 4. Os dois extremos da classificação das cores são: o branco, ausência total de cor, ou seja, luz pura; e o preto, ausência total de luz, o que faz com que não se reflita nenhuma cor. Essas duas "cores“, portanto, não são exatamente cores, mas características da luz, que convencionamos chamar de cor.
    [...]
  • 5. “As cores primárias, são aquelas que não podem ser obtidas a partir da mistura de outras cores. São as cores básicas, a partir das quais, todas as demais são obtidas. São elas o vermelho, o azul e o amarelo.”
    CORES PRIMÁRIAS
    MARTINS, prof. Deraldo - Faculdade Sartre COC
    Matéria: Teoria e Sistema da Cor.
  • 6. Cores primárias das cores-pigmento: 
    Cores primárias das cores-luz:  
  • 7. As combinações surgidas de duas cores primárias são chamadas de cores secundárias. São elas: laranja, que é a mistura do amarelo com o vermelho, o verde, que é a mistura do azul com o amarelo e o violeta, que é a mistura do vermelho com o azul.
    CORES SECUNDÁRIAS
  • 8. Ascombinações entre as cores primárias, com as cores secundárias, originam as cores terciárias. No total, são 6, as cores terciárias e no disco cromático, elas ficam entre as cores primárias e as terciárias.
    CORES TERCIÁRIAS
  • 9. O disco cromático não é um instrumento científico de classificação de cores, mas é muito útil no entendimento da teoria das cores. Geralmente usado para estudar as cores-pigmento, o disco cromático pode ser desenvolvido em qualquer material, lembrando-se que cores-luz e cores pigmentos sofrem alterações de acordo com sua própria essência.  
    O DISCO CROMÁTICO
  • 10. O DISCO CROMÁTICO
  • 11. AS CORES PRIMÁRIAS NO DISCO
    P
    P
    P
    *P = Cores Primárias
  • 12. AS CORES SECUNDÁRIAS NO DISCO
    P
    S
    S
    P
    P
    S
    *S = Cores Secundárias
  • 13. AS CORES TERCIÁRIAS NO DISCO
    P
    T
    T
    S
    S
    T
    T
    P
    P
    T
    T
    S
    *T = Cores Terciárias
  • 14. Note no gráfico, que uma cor primária é sempre complementada pôr uma cor secundária. Esta é a cor que está em oposição a posição desta cor primária. Pôr exemplo, a cor complementar do vermelho é o verde.  As cores complementares são usadas para dar força e equilíbrio a um trabalho criando contrastes.
    CORES COMPLEMENTARES
    [...]
  • 15. Raramente se usa apenas cores complementares em um trabalho, o efeito pode ser desastroso, mas em alguns casos é extremamente interessante. Os pintores figurativos em geral usam as cores complementares apenas para acentuar as outras criando assim, equilíbrio no trabalho.   
    [...]
    [...]
  • 16. a cor secundária está em oposição a posição da cor primária
    *A cor verde está em oposição a cor vermelha.
  • 17. Vale lembrar que as cores complementares são as que mais contrastes entre si oferecem, *sendo assim, se queremos destacar um amarelo, devemos colocar junto dele um vileta. Outra característica importante das cores complementares é que elas se neutralizam entre si.
    [...]
    [...]
  • 18. O que isso quer dizer? Que se quisermos tirar a "potência" de um amarelo, basta acrescentar-lhe certa quantidade de violeta até que neutralizando-o em um tom de cinza, até chegar ao preto. (Processo químico de composição de cores.)
    [...]
  • 19. Sãoas que aparecem lado-a-lado no gráfico. São análogas porque há nelas uma mesma cor básica. Pôr exemplo o amarelo-ouro e o laranja-avermelhado tem em comum a cor laranja. As cores análogas, ou da mesma "família" de tons, são usadas para dar a sensação de uniformidade. Uma composição em cores análogas em geral é elegante, porém deve-se tomar o cuidado de não a deixar monótona.  
    CORES ANÁLOGAS
  • 20. *Amarelo-Ouro(primária) + Laranja-Avermelhado(secundário)
    tem em comum a cor laranja(terciária).
  • 21. Oscinzas e os marrons são consideradas as cores neutras, mas podem ser neutras também os tons de amarelos acinzentados, azuis e verdes acinzentados e os violetas amarronzados.A função das cores neutras é servir de complemento da cor aproximada, para dar-lhe profundidade, visto que as cores neutras em geral tem pouca refletividade de luz.
    CORES NEUTRAS
  • 22. Atemperatura das cores, designa a capacidade que as cores têm de parecer quentes ou frias. Quando se divide um disco cromático ao com uma linha vertical cortando o amarelo e o violeta, percebe-se que os vermelhos e laranjas do lado esquerdo, são cores quentes, vibrantes. Pôr outro lado, os azuis e verdes do lados direito são cores frias, que transmitem sensações de tranqüilidade.
    TEMPERATURA DAS CORES
  • 23. Umacor aparece quase sempre perto de outras e essa proximidade, de acordo com a característica de cada uma das cores, provoca alterações na luminosidade dessa cor em questão.  
    EFEITOS LUMINOSOS
    [...]
  • 24.
    • Por Exemplo:
    01
    02
  • 25.           
    Nos dois exemplos anteriores, observe os pequenos retângulos cinza. O da esquerda, está envolto em uma cor violácea, o que faz com que tenha a tendência de "puxar" a cor complementar do violeta que seria o amarelo. Já o da direita, envolvido pôr uma cor alaranjada, tende a "puxar" um tom complementar do laranja, o azul.   
    [...]
  • 26. Se uma cor é tornada mais clara adicionando branco, o resultado chama-se matiz
    ¹MATIZES
  • 27. Se é adicionado preto, a versão mais escura é chamada sombra
    ²SOMBRAS
  • 28. Ese o cinzento é adicionado, o resultado chama-se tom
    ³TOM
  • 29. Dizrespeito ao brilho da cor. Um matiz de intensidade alta ou forte é vívido e saturado, enquanto o de intensidade baixa ou fraca caracteriza cores fracas ou "pastel". O disco de cores mostra que o amarelo tem intensidade alta enquanto a do violeta é baixa.
    INTENSIDADE
    [...]
  • 30. Conhecera teoria das cores não é suficiente para elaborar trabalhos interessantes, porém ajuda e muito a atingir objetivos quando estes envolverem o sentido da visão. Afinal é o olho o órgão que capta as cores, passando a mensagem ao cérebro que a identifica e associa com estes conceitos apresentados. 
    [...]
  • 31. Corescontrastantes, São cores que, quando usadas próximas umas das outras, produzem uma sensação de choque. As cores contrastantes são diretamente opostas no disco das cores. Assim, a cor que mais contrasta com o vermelho é o ciano; o mesmo acontece com o azul e o amarelo; e com o magenta e verde.
    CONTRASTE
    [...]
  • 32. Sea cor é primária, contrasta sempre o a secundária e vice-versa. O resultado estético dessas combinações nem sempre é satisfatório, a não ser que haja interesse em explorar o choque visual produzido por elas. Quando mais forte forem elas, maior será esse impacto.
    [...]
  • 33. Acor central é uma mistura das duas cores laterais. Observe que a faixa central é clareada por cada uma das duas outras cores, mas do lado oposto. No limite com a faixa vermelha, o violeta é clareado pelo azul e, no limite com a faixa azul, o violeta é clareado pelo azul, o violeta é clareadopelo vermelho.
    CONTRASTE DE LIMITE
  • 34. Éum esquema que usa três cores secundárias eqüidistantes. Por exemplo: verde, violeta, laranja ou então violeta azulado, laranja avermelhado, verde amarelado. A tríade é considerada como um dos esquemas mais harmoniosos na roda de cores. Forma um triângulo isósceles na Roda de Cores. Para usar o esquema triplo com sucesso e de forma harmoniosa, as cores devem ser balanceadas cuidadosamente - use uma cor dominante e duas de apoio.
    ESQUEMA DE COR TRÍADE
  • 35.
  • 36. Oesquema de cor split complementar usa as duas cores adjacentes à cor complementar. Este esquema tem um impacto visual semelhante ao esquema complementar, mas uma tensão menor. E é muito útil para principiantes uma vez que é difícil estragar e de alterar
    ESQUEMA DE COR SPLIT COMPLEMENTAR
  • 37.
  • 38. Oesquema de cor em retângulo usa quatro cores cada uma delas complementares aos pares. Este esquema é rico em possibilidades e variações.Este esquema funciona melhor se uma das cores for dominante. Deve-se prestar especial atenção ao balanceamento entre as cores frias e as cores quentes.
    ESQUEMA DE COR RETÂNGULO
  • 39.
  • 40. Esteesquema é semelhante ao esquema de cor em retângulo, mas as quatro cores estão defasadas ao longo do circulo de cores. O esquema funciona melhor se uma das cores for dominante. Especial atenção ao balanço entre as cores quentes e as cores frias.
    ESQUEMA DE COR QUADRADO
  • 41.
  • 42. Nesteesquema, combinam-se as cores e tonalidades consideradas quentes: amarelo, laranja, vermelho e marrom.
    ESQUEMA DE CORES QUENTES
  • 43.
  • 44. Nesteesquema, combinam-se as cores e tonalidades consideradas frias: azul, verde e violeta.
    ESQUEMA DE CORES FRIAS
  • 45.
  • 46. Combinarduas cores diretamente opostas na roda, uma intensifica a outra. É uma forma de dar início a um esquema, por exemplo: Laranja é diretamente complementar ao azul, então, comece com azul e laranja e complemente com as tonalidades (claro, médio e escuro), podendo balancear com cores neutras e os bons vizinhos.
    ESQUEMA DE CORES DIRETAMENTE
    COMPLEMENTARES
  • 47.
  • 48. Usam-se muitas cores da roda de cores. É uma combinação charmosa e alegre. Lembre-se de que ao formar um esquema, necessariamente você não usará apenas as cores dispostas na extremidade da roda de cores, o balanço e a harmonia vêm com o uso das tonalidades (valores): claro-médio-escuro. Cor é responsabilidade emocional.
    ESQUEMA POLICROMÁTICO
  • 49. Sãoas cores chamadas neutras: o branco, o preto, os cinzas e os marfins.
    ESQUEMA DE CORES NEUTRAS OU ACROMÁTICAS
  • 50. AS CORES
    E SUAS INFLUÊNCIAS
    DaniloAmorim, 2010.
  • 51. Acor, é um elemento fundamental em qualquer processo de comunicação e merece uma atenção especial. É um componente com grande influência no dia a dia de uma pessoa, interferindo nos sentidos, emoções e intelecto; pode portanto, ser usada deliberadamente para se atingir objetivos específicos.
    PSICODINÂMICA DAS CORES
  • 52. Devido às suas qualidades intrínsecas, a cor tem capacidade de captar rapidamente, e sob um domínio emotivo, a atenção do comprador.A cor exerce ação tríplice: a de impressionar, a de expressar e a de construir. A cor é vista: impressiona a retina. É sentida: provoca emoção.
    É construtiva: pois tendo um significado próprio, possui valor de símbolo, podendo assim, construir uma linguagem que comunique uma idéia.
    PSICODINÂMICA DAS CORES
  • 53. Aumenta a atenção, é estimulante, motivador. Indicado para uso em anúncios de artigos que indicam calor e energia, artigos técnicos
    e de ginástica.
    vermelho
    Indicado para as mesmas aplicações do vermelho, com resultados um pouco mais moderados.
    laranja
    Visível a distância, estimulante. Cor imprecisa, pode produzir vacilação no indivíduo e dispersar parte de sua atenção. Não é uma cor motivadora por excelência. Combinada com o preto pode resultar eficaz e interessante. Geralmente indicada para aplicação em anúncios que indiquem luz, é desaconselhável seu uso em superfícies muito extensas.
    amarelo
  • 54. verde
    Estimulante, mas com pouca força sugestiva; oferece uma sensação de repouso. Indicado para anúncios que caracterizam o frio, azeites, verduras e semelhantes.
    Possui grande poder de atração; é neutro nas inquietações do ser humano; acalma o indivíduo e seu sistema circulatório. Indicado em anúncios que caracterizem o frio.
    azul
    Acalma o sistema nervoso. a ser utilizado em anúncios de artigos religiosos, em viaturas, acessórios funerários etc. Para dar a essa cor maior sensação de calor, deve-se acrescentar vermelho; de luminosidade, o amarelo; de calor, o laranja; de frio o azul; de arejado o verde.
    roxo
  • 55. ouro
    Cor representativas do valor e dignidade. Devem ser aplicadas em anúncios de artigos de alta categoria e luxo.
    Correpresentativas do valor e dignidade. Devem ser aplicadas em anúncios de artigos de alta categoria e luxo.
    púrpura
    Esconde muito a qualidade e o valor e, portanto, pouco recomendável em publicidade.
    marrom
  • 56. Entristece o ser humano, não sendo, portanto, muito bem visto na criação publicitária.
    violeta
    Indica discrição. Para atitudes neutras e diplomáticas é muito utilizado em publicidade.
    cinza
    Deve ser evitado o excesso em publicações a cores, pois tende a gerar frustração.
    preto
  • 57. azul
    branco
    Estimulante, predispõe à simpatia; oferece uma sensação de paz para produtos e serviços que precisam demonstrar sua segurança e estabilidade.
    Verme.
    azul
    Estimulante da espiritualidade; combinação delicada e de maior eficácia na publicidade.
    preto
    azul
    Sensação de antipatia; deixa o indivíduo preocupado; desvaloriza completamente a mensagem publicitária e é contraproducente.
  • 58. verde
    verme.
    Estimulante, mas de pouca eficácia publicitária. Geralmente se usa essa combinação para publicidade rural.
    Verme.
    amarelo
    Estimulante e eficaz em publicidade. Por outro lado as pesquisas indicam que pode causar opressão em certas pessoas e insatisfação em outras.
    amarelo
    verde
    Produz atitude passiva em muitas pessoas, sendo ineficaz em publicidade. Poderá resultar eficaz se houver mais detalhes coloridos na peça
  • 59. CORES
    NAS EMBALAGENS
    DaniloAmorim, 2010.
  • 60. Apesar da relatividade própria desse tipo de indicativos, estes dados são comprovados estatisticamente e são resultado de diversas pequenas pesquisas realizados por indústrias, órgãos de classe e acadêmicos. Um outro dado que não se pode relevar no projeto de uma embalagem é o ambiente de exposição, ou seja a situação e exposição da embalagem nos expositores e, principalmente, ao lado da concorrência.
    AS CORES NAS EMBALAGENS
  • 61.
    • CAFÉ: marrom-escuro com toques de laranja ou vermelho
  • 62. CHOCOLATE: marrom-claro ou vermelho-alaranjado
  • 63. LEITE: azul em vários tons, às vezes com um toque de vermelho
  • 64. GORDURAS VEGETAIS: verde-claro e amarelo não muito forte
  • 65. CARNES ENLATADAS: cor do produto em fundo vermelho, às vezes com um toque de verde
  • 66. LEITE EM PÓ: azul e vermelho, amarelo e verde com um toque de vermelhoAS CORES NAS EMBALAGENS
  • 67.
    • FRUTAS E COMPOTAS EM GERAL: cor do produto em fundo vermelho, com um toque de amarelo.
  • 68. DOCES EM GERAL: vermelho-alaranjado
  • 69. AÇÚCAR: branco e azul, com toques de vermelho, letras vermelhas e pretas
  • 70. MASSAS ALIMENTÍCIAS: transparência,vermelho, amarelo-ouro e às vezes com toques de azul
  • 71. CHÁ E MATE: vermelho, branco e marrom
  • 72. QUEIJOS: azul-claro, vermelho e branco, amarelo-claroAS CORES NAS EMBALAGENS
  • 73.
    • SORVETE: laranja, azul-claro, amarelo-ouro
  • 74. ÓLEOS E AZEITES: verde, vermelho e toques de azul
  • 75. IOGURTES: branco e azul
  • 76. CERVEJA: amarelo-ouro, vermelho e branco
  • 77. DETERGENTES: rosa, azul-turquesa, azul, cinza-esverdeado e branco-azulado
  • 78. CERAS: tons de marrom e branco
  • 79. INSETICIDAS: amarelo e preto, verde-escuro pretoAS CORES NAS EMBALAGENS
  • 80.
    • DESINFETANTES: vermelho e branco, azul-marinho
  • 81. DESODORANTES: verde, branco, azul com toques de vermelho ou roxo
  • 82. SAIS DE BANHO: verde-claro, branco
  • 83. BRONZEADORES: laranja, vermelho-magenta
  • 84. DENTIFRÍCIOS: azul e branco, verde com branco e toques de vermelho
  • 85. COSMÉTICOS: azul-pastel, rosa e amarelo-ouroAS CORES NAS EMBALAGENS
  • 86.
    • PERFUMES: roxo, amarelo-ouro e prateado
  • 87. PRODUTOS PARA BEBÊS: azul e rosa em tons suaves
  • 88. REMÉDIOS EM GERAL: azul-claro, marrom, branco e vermelho, dependendo do tipo de material, medicinal, estimulante ou repousante
  • 89. LÂMINAS DE BARBEAR: azul-claro ou forte, vermelhoAS CORES NAS EMBALAGENS
  • 90. CORES
    NA WEB
    DaniloAmorim, 2010.
  • 91. Cuidar das cores de um site não é somente uma questão de estética ou usabilidade. As cores exercem influência psicológica sobre nós, por isso devemos prestar muita atenção a esse elemento do design.
    Aplicadas corretamente, as cores têm o poder de “guiar” o usuário através do site, segundo o grau de importância que o designer determina para cada elemento. Misturar muitas cores fará o usuário se sentir perdido, sem saber para onde deve prestar atenção primeiro.
    Também quando determinamos uma identidade visual, as cores nos ajudam a agrupar elementos que têm alguma relação entre si.
    [...]
  • 92. Claro que cada pessoa tem sua interpretação pessoal sobre essa ou aquela cor, proveniente de experiências e lembranças anteriores. Além disso, valores culturais também influenciam o efeito que cada cor tem sobre nós, sem contar as tendências de moda (atualmente, por exemplo, o cinza é o “novo preto”). Mas de maneira geral, a maioria delas carrega os mesmos significados. Por exemplo, você já deve ter ouvido dizer que as cores amarela e vermelha do logotipo do Mc Donaldsugerem, respectivamente, ansiedade e fome, fazendo com que a pessoa coma mais e mais rápido.
    [...]
  • 93. sugere pureza, simplicidade, luz, paz, higiene.Quanto combinado com o azul, dá a sensação de frescor e limpeza.Remete a casamentos e hospitais.
    branco
    remete ao pessimismo, morte, tristeza, dor, mistério, seriedade.Porém, quando brilhante dá a sensação de nobreza, elegância.Já quando combinado com outras cores, pode ficar alegre.
    preto
    cinza
    tédio, tristeza, velhice, passado, chuva, pó.Sugere a indecisão e a ausência de energia.
  • 94. sugere sol, fogo, guerra, atenção, perigo, conquista, coragem, agitação, emoção, paixão, agressividade.É uma cor quente, que impõe-se sem discrição. Quando tende ao laranja, sugere competição, dominação, excitabilidade. É indicada para anúncios que indicam calor e energia.
    verm.
    remete à expansão, irradiação, outono, aurora, senso de humor, prazer, euforia.É uma cor acolhedora, íntima. Na publicidade, tem os mesmos resultados do vermelho, porém de forma moderada.
    laranja
    amare.
    é a cor da luminosidade. É radiante, feliz, vibrante, viva, que sugere flores, verão, calor do sol, conforto, esperança. Também pode remeter a angústia, egoísmo, ciúmes, inveja.
  • 95. remete à natureza, verduras, liberdade, à esperança. Também sugere frescor, umidade, adolescência e pode desencadear paixões. Por ser uma cor repousante, é muito utilizada em hospitais atualmente, para gerar bem-estar e repouso.
    verde
    provoca uma sensação de calma, frescor e higiene. Também remete ao frio, ao céu, mar, tranqüilidade, paz, infinito, confiança, afeto, amizade, verdade. É a cor da maturidade, da intelectualidade e da confiança, por isso é preferida por muitos adultos. Com o preto, causa sensação de antipatia, por isso deve ser evitado na publicidade.
    azul
    rosa
    é de pouca vitalidade, e sugere feminilidade e afeição na nossa cultura. É uma cor íntima, doce, romântica.
  • 96. sugere a espiritualidade, por isso nos remete à igreja, misticismo, delicadeza. Também sugere calma, justiça, noite, mistério, fantasia, egoísmo.Assim como o preto, também remete à nobreza e ao poder. Quando tente ao violeta, tem efeito calmante, sonífero. Quando tende ao púrpura, cria a sensação de dignidade, estima. Por ser uma cor que entristece, não é indicada na publicidade.
    roxo
    marron
    dá a sensação de cordialidade, segurança, solidez, outono, terra, chocolate, densidade, madeira, lama, doença, pesar, desconforto. Não é uma cor recomendável em publicidade.
  • 97. É importante lembrar que a fidelidade de cores não é garantida na web. Isso porque a maneira como o site, e conseqüentemente a cor, será mostrado na tela do usuário depende de vários fatores, como contraste, resolução, tipo de monitor, etc. As cores que têm mais chance de se ter o mesmo resultado em todos os dispositivos são as cores
    web safe.
    Tabela de Cores Seguras para Web, disponíveis neste site:
    http://erikasarti.net/html/tabela-cores-seguras-web-safe/
  • 98. http://makingdesign.wordpress.com/
    danilo amorim, 2010.
    Please download to view
  • All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
    ...

    CORES

    by danilo-amorim

    on

    Report

    Category:

    Design

    Download: 0

    Comment: 0

    24,187

    views

    Comments

    Description

    A cor, é um elemento fundamental em qualquer processo de comunicação e merece uma atenção especial. É um componente com grande influência no dia a dia de uma pessoa, interferindo nos sentidos, emoções e intelecto; pode portanto, ser usada deliberadamente para se atingir objetivos específicos.
    Download CORES

    Transcript

    • 1. CORES
      DaniloAmorim, 2010.
  • 2. O que convencionou-se chamar de Teoria das Cores de Leonardo da Vinci foram formulações históricas, esparsas, contidas em seus escritos e reunidas no livro “Tratado da Pintura e da Paisagem – Sombra e Luz”. Cuja primeira edição, só foi publicada 132 anos após a morte do artista- São anotações recolhidas pelo artista ao longo de anos de observação, e é a teoria mais coerente sobre cores, sendo um dos legados do renascimento para as artes visuais.Para um aprofundamento maior sobre o tema, consulte um dos livros de *Israel Pedrosa – Da cor a cor Inexistente. Nele há um capítulo inteiro sobre a história da cor, baseado na teoria de Leonardo da Vince.
    TEORIA DAS CORES
  • 3. Ao falarmos de cores, temos duas linhas de pensamento distintas: a Cor-Luz e a Cor-Pigmento. Falar de cor sem falar de luz, é impossível, mesmo se tratando da Cor-Pigmento, pois ela, a luz, é imprescindível para a percepção da cor, seja ela Cor-Luz ou Cor-pigmento. No caso da Cor-Luz, ela é a própria cor . No caso da Cor-Pigmento, ela, a luz, é que é refletida pelo material, fazendo com que o olho humano perceba esse estímulo como cor.   
    DINSTIÇÃO DAS CORES
    [...]
  • 4. Os dois extremos da classificação das cores são: o branco, ausência total de cor, ou seja, luz pura; e o preto, ausência total de luz, o que faz com que não se reflita nenhuma cor. Essas duas "cores“, portanto, não são exatamente cores, mas características da luz, que convencionamos chamar de cor.
    [...]
  • 5. “As cores primárias, são aquelas que não podem ser obtidas a partir da mistura de outras cores. São as cores básicas, a partir das quais, todas as demais são obtidas. São elas o vermelho, o azul e o amarelo.”
    CORES PRIMÁRIAS
    MARTINS, prof. Deraldo - Faculdade Sartre COC
    Matéria: Teoria e Sistema da Cor.
  • 6. Cores primárias das cores-pigmento: 
    Cores primárias das cores-luz:  
  • 7. As combinações surgidas de duas cores primárias são chamadas de cores secundárias. São elas: laranja, que é a mistura do amarelo com o vermelho, o verde, que é a mistura do azul com o amarelo e o violeta, que é a mistura do vermelho com o azul.
    CORES SECUNDÁRIAS
  • 8. Ascombinações entre as cores primárias, com as cores secundárias, originam as cores terciárias. No total, são 6, as cores terciárias e no disco cromático, elas ficam entre as cores primárias e as terciárias.
    CORES TERCIÁRIAS
  • 9. O disco cromático não é um instrumento científico de classificação de cores, mas é muito útil no entendimento da teoria das cores. Geralmente usado para estudar as cores-pigmento, o disco cromático pode ser desenvolvido em qualquer material, lembrando-se que cores-luz e cores pigmentos sofrem alterações de acordo com sua própria essência.  
    O DISCO CROMÁTICO
  • 10. O DISCO CROMÁTICO
  • 11. AS CORES PRIMÁRIAS NO DISCO
    P
    P
    P
    *P = Cores Primárias
  • 12. AS CORES SECUNDÁRIAS NO DISCO
    P
    S
    S
    P
    P
    S
    *S = Cores Secundárias
  • 13. AS CORES TERCIÁRIAS NO DISCO
    P
    T
    T
    S
    S
    T
    T
    P
    P
    T
    T
    S
    *T = Cores Terciárias
  • 14. Note no gráfico, que uma cor primária é sempre complementada pôr uma cor secundária. Esta é a cor que está em oposição a posição desta cor primária. Pôr exemplo, a cor complementar do vermelho é o verde.  As cores complementares são usadas para dar força e equilíbrio a um trabalho criando contrastes.
    CORES COMPLEMENTARES
    [...]
  • 15. Raramente se usa apenas cores complementares em um trabalho, o efeito pode ser desastroso, mas em alguns casos é extremamente interessante. Os pintores figurativos em geral usam as cores complementares apenas para acentuar as outras criando assim, equilíbrio no trabalho.   
    [...]
    [...]
  • 16. a cor secundária está em oposição a posição da cor primária
    *A cor verde está em oposição a cor vermelha.
  • 17. Vale lembrar que as cores complementares são as que mais contrastes entre si oferecem, *sendo assim, se queremos destacar um amarelo, devemos colocar junto dele um vileta. Outra característica importante das cores complementares é que elas se neutralizam entre si.
    [...]
    [...]
  • 18. O que isso quer dizer? Que se quisermos tirar a "potência" de um amarelo, basta acrescentar-lhe certa quantidade de violeta até que neutralizando-o em um tom de cinza, até chegar ao preto. (Processo químico de composição de cores.)
    [...]
  • 19. Sãoas que aparecem lado-a-lado no gráfico. São análogas porque há nelas uma mesma cor básica. Pôr exemplo o amarelo-ouro e o laranja-avermelhado tem em comum a cor laranja. As cores análogas, ou da mesma "família" de tons, são usadas para dar a sensação de uniformidade. Uma composição em cores análogas em geral é elegante, porém deve-se tomar o cuidado de não a deixar monótona.  
    CORES ANÁLOGAS
  • 20. *Amarelo-Ouro(primária) + Laranja-Avermelhado(secundário)
    tem em comum a cor laranja(terciária).
  • 21. Oscinzas e os marrons são consideradas as cores neutras, mas podem ser neutras também os tons de amarelos acinzentados, azuis e verdes acinzentados e os violetas amarronzados.A função das cores neutras é servir de complemento da cor aproximada, para dar-lhe profundidade, visto que as cores neutras em geral tem pouca refletividade de luz.
    CORES NEUTRAS
  • 22. Atemperatura das cores, designa a capacidade que as cores têm de parecer quentes ou frias. Quando se divide um disco cromático ao com uma linha vertical cortando o amarelo e o violeta, percebe-se que os vermelhos e laranjas do lado esquerdo, são cores quentes, vibrantes. Pôr outro lado, os azuis e verdes do lados direito são cores frias, que transmitem sensações de tranqüilidade.
    TEMPERATURA DAS CORES
  • 23. Umacor aparece quase sempre perto de outras e essa proximidade, de acordo com a característica de cada uma das cores, provoca alterações na luminosidade dessa cor em questão.  
    EFEITOS LUMINOSOS
    [...]
  • 24.
    • Por Exemplo:
    01
    02
  • 25.           
    Nos dois exemplos anteriores, observe os pequenos retângulos cinza. O da esquerda, está envolto em uma cor violácea, o que faz com que tenha a tendência de "puxar" a cor complementar do violeta que seria o amarelo. Já o da direita, envolvido pôr uma cor alaranjada, tende a "puxar" um tom complementar do laranja, o azul.   
    [...]
  • 26. Se uma cor é tornada mais clara adicionando branco, o resultado chama-se matiz
    ¹MATIZES
  • 27. Se é adicionado preto, a versão mais escura é chamada sombra
    ²SOMBRAS
  • 28. Ese o cinzento é adicionado, o resultado chama-se tom
    ³TOM
  • 29. Dizrespeito ao brilho da cor. Um matiz de intensidade alta ou forte é vívido e saturado, enquanto o de intensidade baixa ou fraca caracteriza cores fracas ou "pastel". O disco de cores mostra que o amarelo tem intensidade alta enquanto a do violeta é baixa.
    INTENSIDADE
    [...]
  • 30. Conhecera teoria das cores não é suficiente para elaborar trabalhos interessantes, porém ajuda e muito a atingir objetivos quando estes envolverem o sentido da visão. Afinal é o olho o órgão que capta as cores, passando a mensagem ao cérebro que a identifica e associa com estes conceitos apresentados. 
    [...]
  • 31. Corescontrastantes, São cores que, quando usadas próximas umas das outras, produzem uma sensação de choque. As cores contrastantes são diretamente opostas no disco das cores. Assim, a cor que mais contrasta com o vermelho é o ciano; o mesmo acontece com o azul e o amarelo; e com o magenta e verde.
    CONTRASTE
    [...]
  • 32. Sea cor é primária, contrasta sempre o a secundária e vice-versa. O resultado estético dessas combinações nem sempre é satisfatório, a não ser que haja interesse em explorar o choque visual produzido por elas. Quando mais forte forem elas, maior será esse impacto.
    [...]
  • 33. Acor central é uma mistura das duas cores laterais. Observe que a faixa central é clareada por cada uma das duas outras cores, mas do lado oposto. No limite com a faixa vermelha, o violeta é clareado pelo azul e, no limite com a faixa azul, o violeta é clareado pelo azul, o violeta é clareadopelo vermelho.
    CONTRASTE DE LIMITE
  • 34. Éum esquema que usa três cores secundárias eqüidistantes. Por exemplo: verde, violeta, laranja ou então violeta azulado, laranja avermelhado, verde amarelado. A tríade é considerada como um dos esquemas mais harmoniosos na roda de cores. Forma um triângulo isósceles na Roda de Cores. Para usar o esquema triplo com sucesso e de forma harmoniosa, as cores devem ser balanceadas cuidadosamente - use uma cor dominante e duas de apoio.
    ESQUEMA DE COR TRÍADE
  • 35.
  • 36. Oesquema de cor split complementar usa as duas cores adjacentes à cor complementar. Este esquema tem um impacto visual semelhante ao esquema complementar, mas uma tensão menor. E é muito útil para principiantes uma vez que é difícil estragar e de alterar
    ESQUEMA DE COR SPLIT COMPLEMENTAR
  • 37.
  • 38. Oesquema de cor em retângulo usa quatro cores cada uma delas complementares aos pares. Este esquema é rico em possibilidades e variações.Este esquema funciona melhor se uma das cores for dominante. Deve-se prestar especial atenção ao balanceamento entre as cores frias e as cores quentes.
    ESQUEMA DE COR RETÂNGULO
  • 39.
  • 40. Esteesquema é semelhante ao esquema de cor em retângulo, mas as quatro cores estão defasadas ao longo do circulo de cores. O esquema funciona melhor se uma das cores for dominante. Especial atenção ao balanço entre as cores quentes e as cores frias.
    ESQUEMA DE COR QUADRADO
  • 41.
  • 42. Nesteesquema, combinam-se as cores e tonalidades consideradas quentes: amarelo, laranja, vermelho e marrom.
    ESQUEMA DE CORES QUENTES
  • 43.
  • 44. Nesteesquema, combinam-se as cores e tonalidades consideradas frias: azul, verde e violeta.
    ESQUEMA DE CORES FRIAS
  • 45.
  • 46. Combinarduas cores diretamente opostas na roda, uma intensifica a outra. É uma forma de dar início a um esquema, por exemplo: Laranja é diretamente complementar ao azul, então, comece com azul e laranja e complemente com as tonalidades (claro, médio e escuro), podendo balancear com cores neutras e os bons vizinhos.
    ESQUEMA DE CORES DIRETAMENTE
    COMPLEMENTARES
  • 47.
  • 48. Usam-se muitas cores da roda de cores. É uma combinação charmosa e alegre. Lembre-se de que ao formar um esquema, necessariamente você não usará apenas as cores dispostas na extremidade da roda de cores, o balanço e a harmonia vêm com o uso das tonalidades (valores): claro-médio-escuro. Cor é responsabilidade emocional.
    ESQUEMA POLICROMÁTICO
  • 49. Sãoas cores chamadas neutras: o branco, o preto, os cinzas e os marfins.
    ESQUEMA DE CORES NEUTRAS OU ACROMÁTICAS
  • 50. AS CORES
    E SUAS INFLUÊNCIAS
    DaniloAmorim, 2010.
  • 51. Acor, é um elemento fundamental em qualquer processo de comunicação e merece uma atenção especial. É um componente com grande influência no dia a dia de uma pessoa, interferindo nos sentidos, emoções e intelecto; pode portanto, ser usada deliberadamente para se atingir objetivos específicos.
    PSICODINÂMICA DAS CORES
  • 52. Devido às suas qualidades intrínsecas, a cor tem capacidade de captar rapidamente, e sob um domínio emotivo, a atenção do comprador.A cor exerce ação tríplice: a de impressionar, a de expressar e a de construir. A cor é vista: impressiona a retina. É sentida: provoca emoção.
    É construtiva: pois tendo um significado próprio, possui valor de símbolo, podendo assim, construir uma linguagem que comunique uma idéia.
    PSICODINÂMICA DAS CORES
  • 53. Aumenta a atenção, é estimulante, motivador. Indicado para uso em anúncios de artigos que indicam calor e energia, artigos técnicos
    e de ginástica.
    vermelho
    Indicado para as mesmas aplicações do vermelho, com resultados um pouco mais moderados.
    laranja
    Visível a distância, estimulante. Cor imprecisa, pode produzir vacilação no indivíduo e dispersar parte de sua atenção. Não é uma cor motivadora por excelência. Combinada com o preto pode resultar eficaz e interessante. Geralmente indicada para aplicação em anúncios que indiquem luz, é desaconselhável seu uso em superfícies muito extensas.
    amarelo
  • 54. verde
    Estimulante, mas com pouca força sugestiva; oferece uma sensação de repouso. Indicado para anúncios que caracterizam o frio, azeites, verduras e semelhantes.
    Possui grande poder de atração; é neutro nas inquietações do ser humano; acalma o indivíduo e seu sistema circulatório. Indicado em anúncios que caracterizem o frio.
    azul
    Acalma o sistema nervoso. a ser utilizado em anúncios de artigos religiosos, em viaturas, acessórios funerários etc. Para dar a essa cor maior sensação de calor, deve-se acrescentar vermelho; de luminosidade, o amarelo; de calor, o laranja; de frio o azul; de arejado o verde.
    roxo
  • 55. ouro
    Cor representativas do valor e dignidade. Devem ser aplicadas em anúncios de artigos de alta categoria e luxo.
    Correpresentativas do valor e dignidade. Devem ser aplicadas em anúncios de artigos de alta categoria e luxo.
    púrpura
    Esconde muito a qualidade e o valor e, portanto, pouco recomendável em publicidade.
    marrom
  • 56. Entristece o ser humano, não sendo, portanto, muito bem visto na criação publicitária.
    violeta
    Indica discrição. Para atitudes neutras e diplomáticas é muito utilizado em publicidade.
    cinza
    Deve ser evitado o excesso em publicações a cores, pois tende a gerar frustração.
    preto
  • 57. azul
    branco
    Estimulante, predispõe à simpatia; oferece uma sensação de paz para produtos e serviços que precisam demonstrar sua segurança e estabilidade.
    Verme.
    azul
    Estimulante da espiritualidade; combinação delicada e de maior eficácia na publicidade.
    preto
    azul
    Sensação de antipatia; deixa o indivíduo preocupado; desvaloriza completamente a mensagem publicitária e é contraproducente.
  • 58. verde
    verme.
    Estimulante, mas de pouca eficácia publicitária. Geralmente se usa essa combinação para publicidade rural.
    Verme.
    amarelo
    Estimulante e eficaz em publicidade. Por outro lado as pesquisas indicam que pode causar opressão em certas pessoas e insatisfação em outras.
    amarelo
    verde
    Produz atitude passiva em muitas pessoas, sendo ineficaz em publicidade. Poderá resultar eficaz se houver mais detalhes coloridos na peça
  • 59. CORES
    NAS EMBALAGENS
    DaniloAmorim, 2010.
  • 60. Apesar da relatividade própria desse tipo de indicativos, estes dados são comprovados estatisticamente e são resultado de diversas pequenas pesquisas realizados por indústrias, órgãos de classe e acadêmicos. Um outro dado que não se pode relevar no projeto de uma embalagem é o ambiente de exposição, ou seja a situação e exposição da embalagem nos expositores e, principalmente, ao lado da concorrência.
    AS CORES NAS EMBALAGENS
  • 61.
    • CAFÉ: marrom-escuro com toques de laranja ou vermelho
  • 62. CHOCOLATE: marrom-claro ou vermelho-alaranjado
  • 63. LEITE: azul em vários tons, às vezes com um toque de vermelho
  • 64. GORDURAS VEGETAIS: verde-claro e amarelo não muito forte
  • 65. CARNES ENLATADAS: cor do produto em fundo vermelho, às vezes com um toque de verde
  • 66. LEITE EM PÓ: azul e vermelho, amarelo e verde com um toque de vermelhoAS CORES NAS EMBALAGENS
  • 67.
    • FRUTAS E COMPOTAS EM GERAL: cor do produto em fundo vermelho, com um toque de amarelo.
  • 68. DOCES EM GERAL: vermelho-alaranjado
  • 69. AÇÚCAR: branco e azul, com toques de vermelho, letras vermelhas e pretas
  • 70. MASSAS ALIMENTÍCIAS: transparência,vermelho, amarelo-ouro e às vezes com toques de azul
  • 71. CHÁ E MATE: vermelho, branco e marrom
  • 72. QUEIJOS: azul-claro, vermelho e branco, amarelo-claroAS CORES NAS EMBALAGENS
  • 73.
    • SORVETE: laranja, azul-claro, amarelo-ouro
  • 74. ÓLEOS E AZEITES: verde, vermelho e toques de azul
  • 75. IOGURTES: branco e azul
  • 76. CERVEJA: amarelo-ouro, vermelho e branco
  • 77. DETERGENTES: rosa, azul-turquesa, azul, cinza-esverdeado e branco-azulado
  • 78. CERAS: tons de marrom e branco
  • 79. INSETICIDAS: amarelo e preto, verde-escuro pretoAS CORES NAS EMBALAGENS
  • 80.
    • DESINFETANTES: vermelho e branco, azul-marinho
  • 81. DESODORANTES: verde, branco, azul com toques de vermelho ou roxo
  • 82. SAIS DE BANHO: verde-claro, branco
  • 83. BRONZEADORES: laranja, vermelho-magenta
  • 84. DENTIFRÍCIOS: azul e branco, verde com branco e toques de vermelho
  • 85. COSMÉTICOS: azul-pastel, rosa e amarelo-ouroAS CORES NAS EMBALAGENS
  • 86.
    • PERFUMES: roxo, amarelo-ouro e prateado
  • 87. PRODUTOS PARA BEBÊS: azul e rosa em tons suaves
  • 88. REMÉDIOS EM GERAL: azul-claro, marrom, branco e vermelho, dependendo do tipo de material, medicinal, estimulante ou repousante
  • 89. LÂMINAS DE BARBEAR: azul-claro ou forte, vermelhoAS CORES NAS EMBALAGENS
  • 90. CORES
    NA WEB
    DaniloAmorim, 2010.
  • 91. Cuidar das cores de um site não é somente uma questão de estética ou usabilidade. As cores exercem influência psicológica sobre nós, por isso devemos prestar muita atenção a esse elemento do design.
    Aplicadas corretamente, as cores têm o poder de “guiar” o usuário através do site, segundo o grau de importância que o designer determina para cada elemento. Misturar muitas cores fará o usuário se sentir perdido, sem saber para onde deve prestar atenção primeiro.
    Também quando determinamos uma identidade visual, as cores nos ajudam a agrupar elementos que têm alguma relação entre si.
    [...]
  • 92. Claro que cada pessoa tem sua interpretação pessoal sobre essa ou aquela cor, proveniente de experiências e lembranças anteriores. Além disso, valores culturais também influenciam o efeito que cada cor tem sobre nós, sem contar as tendências de moda (atualmente, por exemplo, o cinza é o “novo preto”). Mas de maneira geral, a maioria delas carrega os mesmos significados. Por exemplo, você já deve ter ouvido dizer que as cores amarela e vermelha do logotipo do Mc Donaldsugerem, respectivamente, ansiedade e fome, fazendo com que a pessoa coma mais e mais rápido.
    [...]
  • 93. sugere pureza, simplicidade, luz, paz, higiene.Quanto combinado com o azul, dá a sensação de frescor e limpeza.Remete a casamentos e hospitais.
    branco
    remete ao pessimismo, morte, tristeza, dor, mistério, seriedade.Porém, quando brilhante dá a sensação de nobreza, elegância.Já quando combinado com outras cores, pode ficar alegre.
    preto
    cinza
    tédio, tristeza, velhice, passado, chuva, pó.Sugere a indecisão e a ausência de energia.
  • 94. sugere sol, fogo, guerra, atenção, perigo, conquista, coragem, agitação, emoção, paixão, agressividade.É uma cor quente, que impõe-se sem discrição. Quando tende ao laranja, sugere competição, dominação, excitabilidade. É indicada para anúncios que indicam calor e energia.
    verm.
    remete à expansão, irradiação, outono, aurora, senso de humor, prazer, euforia.É uma cor acolhedora, íntima. Na publicidade, tem os mesmos resultados do vermelho, porém de forma moderada.
    laranja
    amare.
    é a cor da luminosidade. É radiante, feliz, vibrante, viva, que sugere flores, verão, calor do sol, conforto, esperança. Também pode remeter a angústia, egoísmo, ciúmes, inveja.
  • 95. remete à natureza, verduras, liberdade, à esperança. Também sugere frescor, umidade, adolescência e pode desencadear paixões. Por ser uma cor repousante, é muito utilizada em hospitais atualmente, para gerar bem-estar e repouso.
    verde
    provoca uma sensação de calma, frescor e higiene. Também remete ao frio, ao céu, mar, tranqüilidade, paz, infinito, confiança, afeto, amizade, verdade. É a cor da maturidade, da intelectualidade e da confiança, por isso é preferida por muitos adultos. Com o preto, causa sensação de antipatia, por isso deve ser evitado na publicidade.
    azul
    rosa
    é de pouca vitalidade, e sugere feminilidade e afeição na nossa cultura. É uma cor íntima, doce, romântica.
  • 96. sugere a espiritualidade, por isso nos remete à igreja, misticismo, delicadeza. Também sugere calma, justiça, noite, mistério, fantasia, egoísmo.Assim como o preto, também remete à nobreza e ao poder. Quando tente ao violeta, tem efeito calmante, sonífero. Quando tende ao púrpura, cria a sensação de dignidade, estima. Por ser uma cor que entristece, não é indicada na publicidade.
    roxo
    marron
    dá a sensação de cordialidade, segurança, solidez, outono, terra, chocolate, densidade, madeira, lama, doença, pesar, desconforto. Não é uma cor recomendável em publicidade.
  • 97. É importante lembrar que a fidelidade de cores não é garantida na web. Isso porque a maneira como o site, e conseqüentemente a cor, será mostrado na tela do usuário depende de vários fatores, como contraste, resolução, tipo de monitor, etc. As cores que têm mais chance de se ter o mesmo resultado em todos os dispositivos são as cores
    web safe.
    Tabela de Cores Seguras para Web, disponíveis neste site:
    http://erikasarti.net/html/tabela-cores-seguras-web-safe/
  • 98. http://makingdesign.wordpress.com/
    danilo amorim, 2010.
  • Fly UP